terça-feira, agosto 01, 2006

Mais uma

E vão três seguidas. Mais um jogo, mais uma exibição paupérrima, mais uma derrota. Não sei quanto tempo demorará até que o Benfica consiga assimilar este novo esquema táctico de Fernando Santos, mas as perspectivas são assustadoras. A verdade é que à medida que o tempo passa, a equipa joga cada vez pior. Ou seja, no início do estágio, quando ainda tinham algo que vinha da época passada, ainda conseguiram jogar mais ou menos. Parece agora que à medida que vão assimilando os princípios de jogo do novo técnico, os resultados são visíveis. Pergunto-me qual será o estado anímico da equipa após sofrer três derrotas consecutivas, quando parte para o primeiro jogo oficial da época, que é também um dos mais importantes da mesma, e se saberá reagir convenientemente.

Do jogo de hoje não há muito a dizer. Foi mais daquilo que temos visto nos últimos tempos: a táctica do funil ferrugento (ferrugento porque é velho - é que, como diz um amigo meu, isto parece a maneira como Portugal jogava nos anos 80, altura em que a frase mais comum para descrever o nosso futebol era que 'faltam os últimos trinta metros') que faz com que se jogue quase sempre pelo meio, e que quando a nossa equipa tem a posse de bola se limite a fazer cinquenta passes no meio-campo, quase sem progressão, até que finalmente é desarmada. Jogadores estáticos enquanto um colega conduz a bola (salvo raríssimas excepções - Manu), e uma fragilidade defensiva assustadora, o que nem sequer se compreende dado que não houve quaisquer mudanças em relação à defesa do ano passado. As coisas estavam tão más que à meia-hora de jogo o nosso treinador rendeu-se às evidências e alterou o esquema para um 4-3-3 (ou, se preferirem, regressou ao nosso habitual 4-2-3-1), o que pelo menos serviu para acalmar um pouco o jogo, e até marcarmos um golo naquela que foi provavelmente a única jogada de jeito durante todo o jogo: o Manu ganha a linha final e centra para a cabeça do Paulo Jorge. Curiosamente, quando o Benfica jogou apenas durante cinco minutos também com extremos contra o Bordéus, foi suficiente para que um deles fizesse um centro e marcássemos um golo. Quando apresentamos o funil, ou melhor, o losango do meio-campo são raríssimas as ocasiões em que um jogador nosso ganha a linha e centra - quando chegam perto da área flectem para o centro à procura de tabelas com colegas, ou lateralizam a bola.

O meu espírito de adepto diz-me para tentar manter-me optimista, que isto ainda é só a pré-temporada, e dar algum tempo para que as coisas assentem. Mas a verdade é que tempo é coisa que não temos propriamente para gastar, e eu já sou uma pessoa pessimista por natureza. E o meu pessimismo acentuou-se logo no dia em que Fernando Santos foi anunciado como treinador. É que para mim ele terá sempre, sempre a auréola de perdedor nato. Só espero estar redondamente enganado, e poder no fim da época estar aqui a reconhecer isso.

83 Comments:

At 8/01/2006 10:35 da tarde, Blogger Filipe Nuno said...

Não criamos uma única ocasião de perigo e por muitas voltas q se dê a este meio campo, para mim a verdade é esta: não há qualidade suficiente a meio campo para jogar nesta táctica..não há! O Rui Costa já não consegue estar em todo o lado, mas isso seria disfarçável se tivesse jogadores capazes de defender e criar desiquilibrios no ataque, mas não tem. Nenhum daqueles jogadores de meio campo é capaz de rasgar uma defesa ou rematar bem de longe por exemplo, e manter ao mesmo tempo uma certa eficácia defensiva!
Mais, no ataque Micolli está lesionado e Fonseca e Nuno Gomes não têm ritmo!
Mais ainda, mesmo que se mude para o 4-2-3-1, sem Simão perdemos mta qualidade e não estaremos mt mais fortes que na época passada..

Nota:Gostei do Alcides! É o nosso defesa mais ágil e rápido(bons rins), gostava de vê-lo outra vez como titular...

 
At 8/01/2006 10:46 da tarde, Blogger Bakero said...

Eu neste momento quero acreditar que o Benfica vai ser um bocado como a Alemanha: uma preparação horrorosa e depois quando começarem os jogos a doer vai ser forte e competitivo.
Mas sendo sincero, há muito que não via o Benfica a jogar tão mal. E a perspectiva é negra, escura e até digo mais: é preta! :-)

 
At 8/01/2006 10:53 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'Arcy,

O tom do teu post deixa-me preocupado...
Não terás, já, sido contaminado pelo estilo "born looser" do (ainda...) nosso treinador?
Como benfiquista, fico preocupado. Os sócios e adeptos do SLB não podem contentar-se com pouco, justamente porque têm um passado e uma história a respeitar! É por isso que um treinador tem que estar à altura do clube. E este, claramente, não está...

Este jogo foi horrendo, inenarrável, execrável...
Este é (mesmo!!!)o pior Benfica de que me lembro! Nem com Artur Jorge e Manuel José foi assim...
Dizes que nos faltaram os últimos trinta metros, retomando uma expressão antiga. Eu digo-te que nos faltaram os últimas trinta metros... e também os primeiros setenta!
A equipa não jogou népia, não sabe como construir jogo, não sabe como defender, não mostra motivação, não corre nem disputa os lances, enfim... uma completa nulidade. Desta maneira, muito sinceramente, não tenho dúvidas que muito dificilmente se ganhará um jogo, mesmo a jogar com equipas de valor inferior.
(Repara que o AEK também não é nada de especial...).

A Champions League está, quase de certeza, comprometida. E o campeonato, a jogar desta maneira, não deverá deixar de ser o pior da história do clube...

O anúncio de FS como treinador do SLB foi, para mim, o anúncio de um "enterro" inevitável. Contudo, como bom benfiquista, ainda nutri a vaga esperança de que pudesse vir a enganar-me. Porém, cada vez me convenço mais de que isso é uma ilusão.
É, por isso, urgente emendar os erros, antes que a catástrofe se confirme. FS não trouxe, nem pode trazer (pelo que se lhe conhece...) qualquer mais valia para a equipa e, como tal, deve haver a coragem de o dispensar, JÁ!!!
E nós, sócios e adeptos, temos o dever de expressar esse sentimento, por todos os meios ao nosso alcance.

Uma pequena provocação, entre Benfiquistas, se me permites, claro...
Quim não deu qualquer frango, pois não? Mas não fez nenhuma defesa, excepção a um lance em que, por estar menos bem posicionado foi obrigado a um bom golpe de rins, e a uma recolha de uma bola perdida entre os nossos centrais e os avançados do AEK. E, já agora, não achas que poderia ter feito mais nos lances dos golos?
Quanto a mim, o Moretto hoje teria dado jeito...

 
At 8/01/2006 11:11 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Eu até sou dos defensores do Moretto, mas acho que se tem que deixar os guarda-redes em paz. Estão todos intranquilos e enquanto estivermos todos a dizer que o teu é mais frangueiro que o meu não se vai a lado nenhum. O treinador tem que escolher um e os adeptos têm que aceitá-lo.

Resta-nos esperar e ver. Não vamos piorar as coisas com contestação antes do jogo da pré-eliminatória. O presidente não vai ceder. Agora se falhar o treinador vai ficar numa posição delicada. Com algo tão importante em jogo não se devia ter posto com invenções. Até pode ser um modelo de jogo que venha a dar resultados, mas não ir à CL seria uma grande decepção.

 
At 8/01/2006 11:13 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Bem, reina um mau karma do caraças entre as hostes lampiãs!

Vamos lá ver uma coisa, o FS não é o único culpado. O homem é apagado mas ganhou um titulo no Porto e no sporting...bem... não fez nada de jeito (mas no sporting raramente alguém faz alguma coisa de jeito).

O facto é que voces têm um plantel muito limitado... o Karagounis é grego. O Katsouranis é grego. O Rui Costa está velho, o Manu é inexperiente, o Petit é um tosco, o nuno gomes é uma menina... A vossa defesa é boa mas não pode fazer tudo.

E as coisas só ficam piores quando se começa a falar dos cromos que o Benfica tem no banco. Não se pode fazer muito com isto.

O Velho Trapp é que sabia: não se pode jogar ao ataque com um plantel limitado (aliás, com o Velho Trapp não se joga ao ataque com qualquer plantel)...

A ver se a vossa equipa fica melhor. Cheguem pelo menos ao Natal, caraças! Assim não tem graça nenhuma!

PS. já agora, alguém me consegue explicar o negócio estroboscopico do Benfica, do Valencia, do Simão e do Kluivert? O Kluivert, afinal, é do Benfica ou não é do Benfica? Mais um negócio à Benfica em perspectiva...

 
At 8/01/2006 11:22 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O JFilipe falou bem. O Benfica tem de começar a estabilizar. E um bom sitio para começar é a delicada posição do guarda-redes.

Quando o próprio GR entra em campo a andar sobre brasas não se pode esperar muito da tranquilidade do resto da equipa.

Gaita, pá, voces estão a jogar tão mal que até eu fico chateado por vos ver perder!

Lixem lá os austriacos para ver se há uma final sporting-Benfica na CL!

 
At 8/01/2006 11:29 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Este FS é uma nulidade. Lembram-se quando esteve no Sportem e levou 3-0 dos turcos do Gençelibirti em Alvalade? Este ano é a nossa vez. Podem encomendar a coroa de flores para o nosso enterro. Acho que em Outubro vai haver mudança e o LFV+JV vão ao ar.

 
At 8/01/2006 11:44 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Ó D'Arcy, não te preocupes com fazer o mea culpa no fim da época, porque nessa altura já teremos certamente outro treinador...

 
At 8/02/2006 12:02 da manhã, Blogger D'Arcy said...

A direcção de um clube não pode estar ligada apenas ao valor de um treinador, nem cair consoante os resultados. Essa pelo menos é a minha opinião. Desde o início que fui contra a vinda do FS, mas agora que ele é o nosso treinador, como benfiquista resta-me desejar o melhor possível. Se não der, manda-se o homem embora. A escolha está feita, e a nossa obrigação agora é apoiar a equipa nestes dois jogos importantíssimos. Espero que se as coisas corram mal não assistamos a um divórcio dos adeptos com a equipa.

Isso é o que me preocupa. O entusiasmo que se foi ganhando com o Camacho, e que mesmo nos períodos mais negros do Trap não desapareceu (quantos pontos essa época não foram ganhos muito à custa do apoio do público), parece-me a mim que tem vindo a decrescer. E a isso não é alheia a personalidade do treinador da equipa. Para mim uma equipa normalmente reflecte muito da personalidade do seu líder. Como o FS passa cá para fora uma imagem de perdedor conformado, não me admira que a equipa também me pareça conformada à sua má sina.

 
At 8/02/2006 12:49 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Camisa 10


Infeliz e provavelmente, a Direcção do Benfica só tomará consciência do erro em contratar F. Santos, quando a passagem à fase de grupos da C.L., for uma miragem e um pesadelo, perante um Áustria de Viena acessível.

Mesmo que o Benfica passe a pré-eliminatória ( e oxalá que sim ), nada de bom se antevê em nenhuma competição internacional e nacional, enquanto este praticante de adjunto de Treinador, ocupar um lugar que já foi de Camacho, Trapatonni e Koeman, para referir apenas os mais recentes.

Campeão nacional pelo FCP ?
Depois de 4 campeonatos seguidos e com o embalo que levavam, seria dificil não o ser. Até o Quinito o faria nesse ano....

Tenham vergonha, e com o dinheiro arrecadado a época passada, contratem um Treinador à altura do Clube,e deixem os "Fernandos Santos" para as equipas que vão lutar pela manuntenção na Liga, a menos que seja isso que ele veio fazer para o Benfica...

 
At 8/02/2006 1:55 da manhã, Blogger Pedro F. Ferreira said...

é demasiado mau. obviamente demita-se!!

 
At 8/02/2006 2:14 da manhã, Blogger Pulha Garcia said...

Não, D'arcy. Não estás errado.

Infelizmente para todos o FS é mesmo uma desgraça e vai acabar na rua. O problema é que até o despedirmos vai ser um terror e provavelmente uma época hipotecada.

Saudações de Glória

 
At 8/02/2006 8:15 da manhã, Anonymous Anónimo said...

"A direcção de um clube não pode estar ligada apenas ao valor de um treinador, nem cair consoante os resultados. Essa pelo menos é a minha opinião."
D'Arcy, eu sou BENFIQUISTA, não sou Vieirista ou Veiguista. Então o treinador foi escolhido como? Por concurso publico?
E os jogadores? Foram leiloados em hasta publica?
Reconheço ao Vieira o mérito da sua gestão financeira e como Benfiquista estou-lhe grato, pois não foi pouco e é de admirar.Agora quanto á gestão do futebol tem sido uma autentica nulidade, a saida de Camacho, a saida de Trapp, a saida de Koeman são o reconhecimento dessa nulidade.
Porque será que não aguentamos um treinador mais de um ano? Porque é que vários jogadores saem incompatibilizados com o Benfica, nomeadamente os mais importantes e com maior qualidade?
Agora vir acusar o treinador de loser ou quejandos não é sequer o ponto, a questão reside na mediocridade da gestão do futebol que foi atenuada com a vitória no campeonato devido ao TRAPP (não tentes minimizar o papel dele dizendo que foi o publico que conseguiu as vitorias)após isso são
só erros atras de erros.
A culpa não é do treinador, a culpa primeira é de quem o escolhe e de quem tem gerido o futebol.
Já chega de discursos obscurantistas
e de apontar culpas ás habituais vitimas - os treinadores, jogadores, etc....
Se o benfica está assim é porque os jogadores já estão fartos desta palhaçada todas as épocas, basta ver o balneário para verificar isso. A maior parte deles nem sequer gosta dos métodos do Veiga, e quando têm uma oportunidade de sairem é um vê se te avias.Os treinadores então nem se fala.
Já somos todos crescidinhos e com as quotas em dia.
Por uma questão de maturidade recuso-me a entrar na questão do treinador sem antes discutir quem o escolheu e porque é que o escolheu.

 
At 8/02/2006 9:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

5 estrelas, Indio

 
At 8/02/2006 9:41 da manhã, Blogger Porco said...

Bom, em relação ao jogo já tudo foi dito, por isso resumo apenas com uma palavra: Horrivel.

Quanto a Fernando Santos, também já muito foi dito. Acho que não conheço um unico benfiquista que tenha ficado satisfeito com o seu ingresso no SLB. E desde esse dia até ao dia de hoje as coisas só pioraram. E tenho receio que já na pré-eliminatória da CL se comecem a ouvir os primeiros assobios. Eu não fã dele, mas partilho da opinião do D'Arcy, e tal como com os jogadores acho que também no caso do treinador, este não deve ser assobiar. Está lá e certamente faz o melhor que sabe, agora se sabe pouco...

No entanto, o que me preocupa ainda mais é realmente o sistema de jogo. E isto porque não me parece que existam grandes alternativas a este sistema do losango.
A aposta no losango pareceu-me no inicio dos trabalhos ser uma aposta natural com os jogadores que estão disoniveis. É uma mudança drástica com os ultimos anos e que precisa de bastante tempo de prática. No entanto, parece-me que nesta altura a equipa devia já apresentar alguns mecanismos, o que não sucede. E com o aproximar da pré-eliminatória a preocupação começa a crescer.
As noticias de hoje apontam para a mudança da tática. Estou curioso para ver qual será então adoptado.
Toda a gente fala em jogar com extremos, mas temos que ser realistas, quais extremos? Manu, Manduca, M. Ferreira e Paulo Jorge, não são jogadores para ser titulares no Benfica. Geovanni saiu, e Simão para aí caminha. Sendo assim, que sistema irá ser implementado? Porque exctamente por os nossos melhores jogadores jogarem no centro do terreno é que o losango foi escolhido. Vamos ver o que vai sair.

índio:
"Então o treinador foi escolhido como?"
O Fernando Santos foi escolhido pela mesma direcção que o Camacho, Trap e Koeman. Se principalmente com os 2 primeiros tivémos sucesso não me parece que devemos por em causa o trabalho de vários anos por causa de 3 derrotas na pré-época.

"Agora quanto á gestão do futebol tem sido uma autentica nulidade, a saida de Camacho, a saida de Trapp, a saida de Koeman são o reconhecimento dessa nulidade. Porque será que não aguentamos um treinador mais de um ano?"
Camacho saiu porque quis ir para o real madrid, Trap saiu porque queria ir para itália (ou pelo menos para perto de lá) e Koeman saiu porque quis ir para o psv (e sinceramente não estava cá a fazer nada...). Se calhar também foi a direcção que os pôs de lá para fora.

"Agora quanto á gestão do futebol tem sido uma autentica nulidade [...] Porque é que vários jogadores saem incompatibilizados com o Benfica, nomeadamente os mais importantes e com maior qualidade?"
Mas que jogadores sairam incompatibilizados? Miguel, porque armou a palhaçada que armou para sair à força do SLB. Tiago, porque se incompatibilizou com Veiga. Manuel Fernandes porque também quer sair e provavelmente está farto de andar lesionado. Posso estar enganado, mas não me lembro de mais...
Mas agora eu pergunto, com que direcção é que estes jogadores ganharam notariedade? Estes, e outros como Quim, Luisão, R. Rocha, Andersson, Leo, Petit, Simão, Geovanni, N. Gomes, e outros.
Que direcção foi buscar para o SLB 90% destes jogadores, ainda para mais com a situação financeira que se conhece?
Que direcção quebrou com o tradicional interposto de jogadores em todas as pré-épocas, estabelecendo a "regra" de deixar sair apenas um jogador fundamental por ano, e mantendo a estrutura base?
Na minha opinião esta gestão futebolistica não é uma nulidade.
Não é perfeita, já se cometeram erros, e não gosto de ver o Veiga lá metido, mas na minha opinião está a ser feito um grande trabalho.

 
At 8/02/2006 9:41 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Indio,

Admiro-me como é que um gajo como tu deu em benfiquista!

O teu comentário é demasiado realista para se enquadrar em todo o mindset fantasista que caracteriza o benfiquista tipico. Além de que escreves muitas coisas que eu já escrevi e à custa das quais foi insultado.

E concordo especialemnte quando dizes que o publico não ganha jogos. Os jogadores e a equipa técnica é que ganham jogos. Se forem de qualidade, as coisas acontecem se não forem de qualidade as coisas não acontecem.

Mais uma vez isso é uma forma muito "não-benfiquista" de falar... ainda acabas na fogueira, Indio! :)))

PS. E ninguem me explica a cena do Valencia e do Kluivert e do Simão. Ontem à noite no telejornal ouvi qualquer coisa mas não percebi nada daquilo.

 
At 8/02/2006 10:46 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Muito interessante no D`Arcy é a sua relutancia em dar mérito ao Velho Trapp pela campeontato do Benfica...

Ele é o mérito é da dinamica do Camacho, ele o mériot é do Veiga (???), ele o mérito é do LFV, ele o mérito é do publico...


Esquisito. Acho que isso se deve ao futebol "não-benfiquista" (leia-se realista e orientado aos resultados) praticado pela equipa nessa época.

PS. Esta do publico ter ganho jogos para o Benfica é para rir, especialmente em Portugal em que são as equipas que têm de puxar pelos adeptos e não o contrário.

PPS. Então e o Simão vai para o Valencia? ou não vai E o Kluivert? para onde vai? é do Benfica ou não é do Benficas?

 
At 8/02/2006 11:09 da manhã, Blogger Pedro Soares Lourenço said...

Assim não!
Santos tem de sair e os blogues benfiquistas deveriam fazer pressão nesse sentido.

 
At 8/02/2006 11:09 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Eu acho que as direcções não devem cair conforme os resultados, mas nesta altura acho que há uma reflexão que deve ser feita, qual o motivo da aposta em Fernando Santos?
O homem nunca conseguiu ter o apoio no Porto, numa altura em que os campeonatos no natal já estavam decididos, conseguiu não ser campeão com o jardel a marcar 36 golos.
No Panatinaikos, não se aguentou mais que uns meses, indo depois para o AEK, uma especie de Boavista grego, vem para o Sporting, onde é eliminado pelos turcos de nome esquesito e nos ultimos meses do campeonato consegue perder jogo atraz de jogo e perder o segundo lugar com uma equipa que no ano seguinte (treinada pelo peseiro) chega á final da uefa.
Eu agora pergunto, qual o motivo da aposta em Fernando Santos?
O que é que a direcção pensa que a equipa vai ganhar com este treinador?
Será que é só por ser Benfiquista?
Ou será que temos o Veiga a dar uma de Pinto da Costa e a achar que qualquer treinador no Benfica pode ser campeão?
Eu apoio esta direcção e não gosto de cuspir no prato em que como, mas sinceramente esta aposta em Fernando Santos foi um rude golpe na confiança que tinha em LFV.

 
At 8/02/2006 11:19 da manhã, Blogger dezazucr said...

é triste, mas dei por mim a desejar mais 2 golos do AEK para ver se tomava proporções de escândalo e mandavam o fernando santos embora. Assim, vai continuar o sofrimento por mais algum tempo e temos a época praticamente perdida ainda sem começar :(

 
At 8/02/2006 12:04 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"PS. já agora, alguém me consegue explicar o negócio estroboscopico do Benfica, do Valencia, do Simão e do Kluivert? O Kluivert, afinal, é do Benfica ou não é do Benfica? Mais um negócio à Benfica em perspectiva..."

"PS. E ninguem me explica a cena do Valencia e do Kluivert e do Simão. Ontem à noite no telejornal ouvi qualquer coisa mas não percebi nada daquilo."

"PPS. Então e o Simão vai para o Valencia? ou não vai E o Kluivert? para onde vai? é do Benfica ou não é do Benficas? "

Alguns links úteis:

www.abola.pt
www.record.pt
www.ojogo.pt
www.maisfutebol.iol.pt
www.marca.es
www.as.es

Tudo o que nós sabemos sobre o caso podes encontrar lá! Ou achas que por sermos benfiquistas sabemos mais sobre o negócio?

O que tu queres sei eu...

 
At 8/02/2006 12:04 da tarde, Blogger Harry Lime said...

bogalho,

Não concordo contigo. Eu já fico satisfeito se o Benfica perder por 1-0. Por duas razões:

a) o Benfica perde

b) o Benfica perde por poucos ergo não hé razão para despedir o treinador.

Benfiquistas, não sejam assim. Aguentem o Fernando Santos pelo menos até ao Natal. :)))))

 
At 8/02/2006 12:13 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O que eu não percebo neste negócio é se o Kluivert vai jogar no Benfica ou não.

Então voces contratam o Kluivert pelo equivalente a 5 milhoes de euros (é muito dinheiro) e depois deixam-no a pastar no banco de suplentes do Valencia?

É verdade que quando o Kluivert for vendido o dinheiro vem para voces mas... como é que voces vão ter esses 5 milhões se o homem vai continuar sem jogar?

The plot thickens...

 
At 8/02/2006 12:14 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

Tal como te disse, tenho a mesma informação disponível que tu tens.

 
At 8/02/2006 12:20 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Pá, eu estava à espera que voces, com o vosso 6º sentido lampião (a famosa "mistica"), conseguissem entender o sentido da coisa...

 
At 8/02/2006 12:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Guy, no dia em que concordares comigo em materia de futebol é sinal que o Sportem já vendeu todo o patrimonio e o comprador se chamou ....Sport Lisboa e Benfica.....como no outro sketch dos fedorentos......"comprava aquilo.....depois fechava logo a seguir....voltava a abrir para dar esperança e voltava a fechar"

 
At 8/02/2006 1:17 da tarde, Blogger D'Arcy said...

"Esta do publico ter ganho jogos para o Benfica é para rir, especialmente em Portugal em que são as equipas que têm de puxar pelos adeptos e não o contrário."

No dia em que souberes o que é estar num estádio da Luz cheio, com o público a puxar pela equipa, perceberás o quão estúpido pareces quando fazes afirmações dessas. Mas como para ti futebol é só garganta, vais ter que continuar na tua ignorância.

Quanto à minha 'relutância' em dar mério ao Trap, basta leres os meus posts de quando fomos campeões para perceberes o mérito que eu lhe dei, dou, e continuarei a dar. Eu sei, convém-te ignorar isso e pegar no que quer que seja para tentares armar peixeirada. Refastelando-te na maledicência é que tu te sentes bem.

 
At 8/02/2006 1:41 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Os adeptos em Portugal são todos iguais. A malta só apoia os clubes quando eles têm hipoteses de ganhar. Há 2 epocas voces enchiam os estádios porque podiam ganhar o campeonatao e tudo o que tu digas a mais é treta.

No tempo em que os adeptos do SLB puxavam pela equipa deve ter sido há uns 20 anos... quando o SLB ganhava muita coisa.

Hoje em dia, o Estadio da Luz ou está vazio ou está cheio de gajos ressabiados a exigir a cabeça do FS (a do Veiga é que ninguem exige...).

E em relação ao Trapp, eu sei o que escreveste... mas também sei o tamnho do sapo que tiveste de engolir para o escreve.

E tiveste de o engolir porque o Trapp não jogava "à Benfica" apesar de jogar da forma mais adequada à qualidade (praticamente inexistente) do vosso plantel.

 
At 8/02/2006 1:49 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Já agora espero que também não consideres estúpidas as afirmações que eu tenho escrito acerca do Veiga... é que há muitos benfiquistas que também já abriram os olhos. Se me chamas estupido a mim, corres o risco de estares a chamar estupido a muitos colegas teus de clube.

Se calhar, eu abri os olhos primeiro porque não sou capacho de nenhum Messias nem devo vassalagem a nenhum simbolo clubistico.

Se calhar está na hora de também tu os abrires... É que um dia ainda alguém te faz perceber o quão estúpido pareces quando apoias o Veiga e o LFV independentemente das parvoices que eles fazem com o teu clube.

E nessa altura nem sequer te podes queixar que não te avisaram.

 
At 8/02/2006 2:21 da tarde, Blogger antitripa said...

Calma gente. Estamos em pré-temporada. Digam o que disserem do santos...pelo menos não atirem petardos lá no centro de estágio.

Não resisti em linkar os adversários no meu blog...agora, não sei porquê, passo a vida a entrar nos sites deles..

 
At 8/02/2006 2:54 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Guy, a coisa mais impressionante em ti é que mesmo quando estás errado, mesmo quando se trata de algo sobre o qual tens completo desconhecimento, continuas a não dar o braço a torcer, a insistir na tua, e atentar dar palestras com as tuas doutas opiniões sobre assuntos que desconheces. Tu deves ter entrado num estádio de futebol duas ou três vezes nos últimos vinte anos, e estás a querer dizer-me a mim como é que se comporta o público, e qual é o ambiente no estádio da Luz? A "Onda Vermelha" de há dois anos foi bem real, e deu bastantes pontos à equipa. E o ano passado voltou a fazê-lo. Só quem esteve na Luz no jogo com o Manchester, por exemplo, saberá do que estou a falar. Mas tu não, tu não sabes, nunca saberás, e volto a dizer que é completamente estúpido cada vez que insistes em falar deste assunto que para ti é completamente desconhecido.

O que tens escrito sobre o Veiga é o mais básico antibenfiquismo. Nem sequer é uma análise crítica, é simplesmente despejares lugares-comuns, invariavelmente baseados no mesmo facto de o homem ser um ex-empresário de jogadores. O que os benfiquistas criticam no Veiga neste momento são as más decisões desportivas por ele tomadas. Tu, mesmo antes dele tomar essas decisões, já o criticavas. Porque a tua crítica é cega, balofa, e desprovida de qualquer sentido, a não ser a tua tendência patológica de falar mal de tudo o que diga respeito ao Benfica. Porque se amanhã não estiver lá o Veiga, e vier outro qualquer, no primeiro dia de trabalho dele já tu estarás a falar mal.

Vê se percebes: podes saber muito de muita coisa, mas em relação a futebol, as tuas opiniões para mim valem muito pouco. Porque eu sei que tu pouco sabes daquilo que falas. Limitas-te a repetir lugares comuns que ouves a outros, e a dar largas ao teu antibenfiquismo primário. Tu não abriste os olhos primeiro que ninguém, apesar de na tua cabeça te julgares um visionário: tu ainda tens os olhos fechados, e tê-los-ás sempre toldados por esse véu de antibenfiquismo que te povoa os pensamentos. Repito: o que tu dizes sobre o Benfica, a vida do Benfica, ou o futebol do Benfica para mim vale sempre o mesmo: zero.

 
At 8/02/2006 3:29 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"Hoje em dia, o Estadio da Luz ou está vazio ou está cheio de gajos ressabiados a exigir a cabeça do FS"
Claro, por isso é que o ano passado (em que ficámos em 3º, comprovando a tua máxima de que os adeptos só apoiam quando o clube ganha) fomo so clube com maior assistência média. Aliás, o Estádio de Alvalade deve ter andado às moscas durante 18 anos.

 
At 8/02/2006 3:39 da tarde, Blogger tma said...

Para mim, o sr. que ostenta o título de engenheiro e que aparentemente ocupa o cargo de treinador do Benfica passará doravante a ser designado por Fernando Santola. Santola, porque tal como o referido crustáceo, o Benfica, sob o comando do referido engº, só se movimenta de ladecos...
Do mesmo modo, a táctica preconizada pelo Eng. Santola deveria ser mesmo designada por "losângulo", pois "losângulo" não existe, tal como o Benfica, quando joga neste sistema de jogo.

Há muito tempo que as minhas espectativas para uma época não eram tão baixas. Acho que ainda mais baixas do que no período negro coincidente com a presidência do JVA.

Vamos aguardar pelo dia 8. Ainda estou a tentar convencer-me que tudo isto não passa de uma estratégia para iludir os adversários, para julgarem que o Benfica é inofensivo e depois serem surpreendidos.

Seja como for, apoiarei sempre o meu Benfica e nem o pretexto de querer que um treinador seja demitido me fará querer que o Benfica perca, em circunstância alguma, nem que o treinador seja o indivíduo mais execrável deste mundo, ou pior ainda, o Luís Campos...

 
At 8/02/2006 4:21 da tarde, Blogger Porco said...

Pegando novamente na questão da tática e conhecendo o trabalho (?) de Fernando Santos nos seus anteriores clubes, diria que vem aí o 433.
Que até seria a tática que eu escolheria, já que como expliquei no comentário algures lá para cima, não temos no plantel extremos que ofereçam garantias.
Sendo assim, apostava no seguinte onze:

Moreira; Nelson, Luisão, Andersson, Leo; Petit, Katsouranis, Rui Costa; Micolli, Fonseca, Nuno Gomes.

A grande questão é: Será que Micolli e Fonseca se desenrascam nas alas?

 
At 8/02/2006 4:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Guy, é impressão ou minha ou nos ultimos tempos tens mais palavras escritas aqui do que no teu próprio blog? ......

 
At 8/02/2006 4:38 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

O que eu escrevo sobre o Veiga, não é anti-benfiquismo, é olhar para as coisas como elas são.

Pá, a minha primeira objecção ao homem é o facto o homem ser um agente. Isto na prática significa que o LFV abriu a a porta do galinheiro à raposa...

E depois o gajo é um ex-portista que está no SLB porque se zangou com o Pinto da Costa. Calculo que a zanga tenha tido a ver com o negócio comum de alternadeiras em Freixo-Espada-À-Cinta.

Ora, se ele se zangou com o PC e o decidiu "trair" o que é que vos garante que amanhã ou depois ele não se vai zangar com o LFV e não vos vai fazer o mesmo?


Mas pronto, vamos admitir a hipotese remota do homem estar no SLB de boa fé por puro amor ao clube (esta é para rir)...

Vamos analisar os resultados dele. E aí eu concordo com o Indio: treinadores não duram mais do que uma época, jogadores maus a entrar, jogadores bons a ir embora.

Dizem voces, benfiquistas, que é uma questão de estilo. Concordo inteiramente. Mas isto é como tudo: há estilos bons e estilos maus. Há estilos que funcionam e estilos que não funcionam.

Quando os únicos treinadores que se dão bem com o Veiga são bananas sem caracter como o FS e quando os únicos jogadores que atinam com o "estilo" dele são mediocres e incompetentes então é porque há algo de errado com o Veiga, não achas?

É verdade que entretanto ganharam um campeonato mas a minha teoria é que o venceram porque o Porto estava em crise e porque tinham um treinador muito experiente (a quem por acaso, foram acenados lenços brancos durante metade da época)


Eu por mim estou-me nas tintas... enquanto voces tiverem lá o cromo só podemos esperar contratações do calibre do Beto e do Marcel e treinadores da envergadura do FS. E para mim isso é óptimo.

A única coisa que me chateia é que eu não gosto nada de ver amigos meus fazerem figura de urso.

E isto é tudo o que tenho acerca do idiota do Veiga!

 
At 8/02/2006 4:43 da tarde, Blogger Harry Lime said...

bogalho,

Sim, tens razão. Tenho escrito mais aqui do que no meu blog. E depois?

 
At 8/02/2006 4:47 da tarde, Anonymous Anónimo said...

TMA! há muito tempo que não aparecias por aqui.

Este não é o momento para tornar uma situação difícil pior. O treinador e a equipa estão todos muito nervosos. Precisam que os aplaudam mesmo quando erram. Eu também não gosto do FDS mas o que está em jogo é demasiado importante para entrarmos em contestação. Neste momento, mesmo que nos custe, temos que apoiá-lo e assegurar que a equipa faça o melhor possível e entre na liga dos campeões. Depois disso questionem o que quiserem.

 
At 8/02/2006 5:05 da tarde, Blogger D'Arcy said...

E se em vez de pensares no Marcel e no Beto pensares nos outros jogadores que esta direcção também trouxe? É que é muito fácil olhar só para o que convém. Os jogadores bons a ir embora têm sido um por época, como aliás sempre foi admitido pelo presidente. Os treinadores que só duram uma época (foram dois, o Trap e o Koeman) não é exactamente por o Veiga os despedir. Nem foi por não se darem bem com o Veiga. Caraças pá, será que consegues escrever alguma coisa com algum fundamento verdadeiro?

 
At 8/02/2006 5:05 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"vamos admitir a hipotese remota do homem estar no SLB de boa fé por puro amor ao clube "
Isso de desconversar é uma arte! Alguma vez ouviste alguém dizer isso? Ele está lá porque lhe pagam para isso. Ou porque é que achas que o Carlos Freitas ou o Paulo Bento estão no Sporting? Porque lhes "abriram a porta do galinheiro"?

 
At 8/02/2006 5:05 da tarde, Blogger D'Arcy said...

E junto-me ao JFilipe na saudação ao regresso do TMA :)

 
At 8/02/2006 5:38 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Os treinadores que só duram uma época (foram dois, o Trap e o Koeman) não é exactamente por o Veiga os despedir. Nem foi por não se darem bem com o Veiga.

Então foi porquê? Porque é que o Camacho preferiu ir para o Español de Barcelona a vir para o Benfica? Tu próprio já aqui escreveste várias vezes que o Camacho não se dava bem com o estilo do Veiga.

Caraças pá, será que consegues escrever alguma coisa com algum fundamento verdadeiro?

Não. E tu, consegues?

Ou porque é que achas que o Carlos Freitas ou o Paulo Bento estão no Sporting? Porque lhes "abriram a porta do galinheiro"?

Sim.

 
At 8/02/2006 5:41 da tarde, Blogger Harry Lime said...

"vamos admitir a hipotese remota do homem estar no SLB de boa fé por puro amor ao clube "
(...) Alguma vez ouviste alguém dizer isso?


Sim.

 
At 8/02/2006 6:03 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Guy,

Não é por nada, tanto quanto sei vivemos num pais livre e o a internet e a blogosfera são espaços onde essa liberdade se encontra potênciada ao maximo...
Agora como leitor, e eu acho que tambem tenho direito à minha opinião, o teu blog é bem melhor que os teus comentários aqui, e eu não gosto de ver bons blogs votados ao abandono, nem pessoas que conseguem abordar varios temas de interesse se focarem apenas num só, por sinal aquele em que revelam menos categoria....fica a sugestão.

P.S. Anda muito e bom filme por ai....

 
At 8/02/2006 6:07 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Tenho que deixar de te responder enquanto não mostrares estar minimamente informado acerca dos assuntos que teimas em discutir.

O Camacho saiu para ir treinar o REAL MADRID, tendo ele dito que era o único clube ao qual, por motivos óbvios, não podia dizer que não. Não saiu incompatibilizado com o Veiga coisíssima nenhuma, até porque nunca chegou a trabalhar com ele. Embora conhecendo o estilo de ambos, não seja difícil acreditar que não seria uma coexistência pacífica.

O que eu escrevo tem como base o meu conhecimento acerca do Benfica. Que pode não ser profundo, mas é muito superior ao teu. Tu falares sobre o Benfica é como um vendedor de castanhas dar uma palestra sobre Física Nuclear. Com a agravante que o vendedor de castanhas de certeza que não estaria convencido que sabia mais do que os físicos nucleares que estivessem a ouvir a palestra, enquanto que tu falas sempre como se soubesses mais acerca do Benfica do que os benfiquistas. Depois prova-se sempre que andas a mandar atoardas sem qualquer fundamento.

E seria impossível algum benfiquista alguma vez dizer que o Veiga estava no clube por amor ao clube, porque todos nós conhecemos bem o Veiga. O que é mais uma prova do teu total desconhecimento acerca do Benfica, benfiquistas, e assuntos do clube. Claro que há sempre a hipótese de teres ouvido alguém que não é benfiquista dizer isso. Ou então, claro, que isto se tenha passado naquele mundo virtual que existe dentro da tua cabeça, em que tu és a maior luminária em Portugal sobre futebol e o Benfica em particular.

P.S.- Ouve o bogalho. Fazia-te bem se o fizesses.

 
At 8/02/2006 6:28 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Pá, eu sei que o meu blog é bom.

Quando a minha minha mulher vai ao supermercado só compra merda mas eu gosto de bom blog por isso quando vou ao supermercado só compro do melhor blog que lá encontro.

:))))

 
At 8/02/2006 6:36 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Para onde é que o Camacho foi depois de sair do Real Madrid?

E onde é que ele estava quando, há um mês e pouco, foi contactado pelo LFV para voltar a treinar o Benfica?

Pelo menos isto é o que foi noticiado n`A Bola... Agora se "A Bola" mentiu, o problema não é meu :))))

Pá, tenham lá calma com as lições de moral. Até porque, mesmo sem conhecimento de causa, as minhas profecias têm uma certa tendência a estarem certas.

Imaginem o que seria se eu percebesse alguma coisa do que ando para aqui a dizer!

:))))

 
At 8/02/2006 6:44 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Não estavas à espera que assim que o Camacho bateu com a porta no Real (um mês depois de começar a época), o Benfica mandasse o Trap embora para o fazer regressar, pois não?

O Camacho no início desta época esteve envolvido nas eleições do Real Madrid, já que era um possível candidato ao cargo de director desportivo.

Atenção: eu já disse que não acredito que houvesse uma coexistência pacífica entre o Camacho e o Veiga. Acho que o próprio Veiga estará ciente disso, e como tal será difícil alguma vez ver o Camacho regressar enquanto ele lá estiver. Mas isto não passam de suposições.

 
At 8/03/2006 9:32 da manhã, Blogger Harry Lime said...

D`arcy,

Eu não disse que o Benfica deveria ter ido buscar o Camacho quando ele abandonou o RM. Eu digo que o Benfica contactou o Camacho há 1 ou 2 meses (antes da decisão de trazer o FS) e que o não se chegou a acordo (ou pelo menos foi o que saiu escrito na Bola). O Camacho já estava portanto no Espanol há muito tempo...

Por outro lado, o facto do melhor treinador que passou pelo Benfica nos últimos não atinar com o "estilo" do Veiga deveria dizer-vos muito acerca do Veiga.

É que os bons treinadores têm esse problema: são pessoas independentes e integras que não gostam que "ex-empresários" manhosos lhes digam que jogador hão-de ou não hão-de escolher... É um problema de "estilo" digamos assim.

 
At 8/03/2006 9:59 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Entretanto, Dona Lupita Fonseca (mãe do Kikin Fonseca) já veio dizer que o filho ficou muito triste com a derrota contra o AEK... a reportagem está aqui

E depois os benfiquistas ficam todos chateados quando os "gentios" dizem que o Benfica parece uma telenovela mexicana.

 
At 8/03/2006 10:11 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Acho que vai aí uma grande confusão nessa cabeça. O Benfica não tentou contratar o Camacho esta época, os jornais apenas especularam a possibilidade dele regressar. E conforme disse, o Camacho estava nessa altura envolvido no processo eleitoral do Real Madrid, já não estava no Español há algum tempo.

O estilo a que me refiro não tem nada a ver com as tuas obsessões acerca do Veiga acerca dele ter sido empresário. Tem apenas a ver com o facto do Veiga ser um dirigente que gosta de controlar tudo, e o Camacho ser um treinador que não admite sequer a presença de dirigentes no balneário.

 
At 8/03/2006 10:25 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Eu volto à carga: o que é que tu preferes um dirigente "abelhudo" ou um treinador independente?

é que tudo isso é muito bonito mas a situação actual leva-te a um paradoxo.

Por um lado, o Veiga como "control freak" que é, sabe tudo e assegura-se de que nada é feito sem o seu conhecimento ou contra a sua vontade. Mas por outro lado, quando as coisas correm mal a cabeça do treinador é que salta.

Por outras palavras, o Veiga é que faz porcaria (o estilo dele não é controlar tudo, logo é ele o responsavel, não é?). Mas a cabeça no cepo é sempre a do treinador.
Assim também eu!

O Camacho, como treinador, tem uma atitude mais saudavel e mais honesta. Só aceita que a sua cabeça esteja permanentemente no cepo se forele a tomar todas as decisões importantes em relação à equipa de futebol. E na minha opinião, ele tem razão, não achas?

O que eu acho esquisito em ti e nos benfiquistas é que tu falas nos "estilos" das pessoas como se eles fossem todos igualmente bons.

Há estilos bons (o do Camacho, por exemplo) e estilos maus (o do Veiga, por exemplo). E voces benfiquistas, especialmente tu, têm de fazer uma escolha.

 
At 8/03/2006 11:14 da manhã, Anonymous Anónimo said...

"Preparei-me toda a vida para ser Presidente do Benfica".

Jorge de Brito, in A Bola, 30/03/1992.

 
At 8/03/2006 11:25 da manhã, Blogger Harry Lime said...

O jorge de Brito foi muito boa pessoa mas foi ele que começou a enterrar o SLB...

 
At 8/03/2006 11:41 da manhã, Blogger D'Arcy said...

E esses comentários vêm de um tipo que sempre que pode canta loas ao PC, que é o dirigente mais 'abelhudo' que existe...

 
At 8/03/2006 12:14 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"Assim também eu! "
Consta que o Veiga ganha bem. Guy, faz-te à estrada e torna-te director desportivo do Benfica!

"O jorge de Brito foi muito boa pessoa mas foi ele que começou a enterrar o SLB... "
Não, não foi. Ele ajudou e muito, mas quem começou foi o João Santos.

 
At 8/03/2006 12:37 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Pá, se eu fosse benfiquista diria agora que estás a tentar mudar de assunto...

Pá, o Pinto da Costa pode ser o mais abelhudo do Mundo mas tem algo que o Veiga não tem: titulos nacionais às pazadas e 3 taças europeias.

O Veiga que arranje resultados do mesmo calibre e nessa altura eu também lhe darei loas.

No entanto, o que se tem observado é o contrário. à medida que o Veiga vai ganhando mais influencia no futebol do Benfica, os resultados vão ficanado piores. No tempo do Camacho (antes do Veiga) voces praticavam bom futebol e só não foram campeões porque o Mourinho comia tudo.

Depois tiveram o Velho Trapp que com a boa dinamica que herdou, a sua manha e a partida do Mourinho vos deu um campeonato.

Depois disso, ficou tudo entregue aos bichos (leia-se Veiga)... e os resultados estão à vista.

 
At 8/03/2006 12:43 da tarde, Blogger Harry Lime said...

João,

Já pensei numa mudança de carreira nesse sentido. Até eu era capaz de fazer melhor do que o Veiga :))))

As explicações para a decadencia do Benfica, na minha opinião, não têm a ver com nenhum dirigente em particular.

A minha ideia (que vale o que vale) é que teve a ver com a Lei Bosman. É que voces ao contrário de muita gente não se conseguiram adaptar ao mercado livre.

Hei, não estou a gozar, penso mesmo assim. Aliás, seria um tema giro para uma discussão civilizada em vez de passarmos o tempo a mandar bocas foleiras uns aos outros (mea culpa, mea maxima culpa :))) )

 
At 8/03/2006 12:48 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Há adeptos que não merecem o clube. O João Santos levou-nos duas vezes à final da LC e permitiu ao Benfica bater-se com o FCP durante um dos períodos mais negros do futebol português. Deixei de ser sócio quando a escumulha que apoiava o Vale o humilhou ao não lhe atribuir o galardão que merecia.

O Benfica teve um problema de liquidez com o Brito que poderia ter sido recuperado face aos activos do clube (João Pinto, Rui Costa, Paulo Sousa) não fosse o aproveitamento dos verde-ranho, o tal clube diferente. Mas apesar de tudo isso ele deixou ao presidente seguinte uma equipa que foi campeã.

É de muito mau gosto atribuir ao Jorge de Brito o desbarato do Damásio que sangrou o clube para comprar jogadores de segunda.

 
At 8/03/2006 1:10 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

Guy, a decadência financeira do clube começou muito antes da lei Bosman.
JFilipe, não sei se essa era para mim. Espero que não, pois não recebo lições de bnfiquismo de ninguém. Fiquei orgulhoso com as vitórias internas e externas, mas quem herdou o Benfica sabe bem em que estado aquilo andava. Aliás, o Luís Tadeu andava há anos a pregar aos peixes, mas as vitórias tapavam as contas.

 
At 8/03/2006 2:02 da tarde, Blogger Harry Lime said...

A vossa decadencia desportiva começou com a Lei Bosman quando os grandes clubes europeus passaram a ter lugares para incluir mais estrangeiros (poque dinheiro já eles tinham).

A partir desse momento voces deixaram de ter possibilidades para comprar os estrangeiros de alta qualidade (Mozer, Ricardo, Valdo, Thern... só para falar em alguns) a que estavam habituados.

Acredito que neste periodo voces já vivessem acima das vossas possibilidades (como qualquer outro clube portugues).

O vosso problema é que continuaram a gastar o mesmo dinheiro em jogadores muito piores (há excepções, claro!). Correu mal, como não podia deixar de ser...

 
At 8/03/2006 2:11 da tarde, Blogger Harry Lime said...

JFilipe,

Nós não obrigamos ninguém a ir-se embora. Tanto que o JVP continuou no SLB.

Atribuir a vossa ruina financeira ao Sporting é um bocadinho... como dizê-lo sem ofender susceptibilidades... "Simples" será a palavra correcta?

 
At 8/03/2006 2:20 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

Errado, Guy. O Valdo, Ricardo, Aldair e Mozer continuaram a contar como estrangeiros para os outros clubes europeus, pelo que não foi por aí.

 
At 8/03/2006 2:42 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Sim tens razão. Os brasileiros continuaram a contar como estrangeiros. Mas os europeus deixaram de contar como estrangeiros.

Por outras palavras, uma equipa europeia de topo pode encher a equipa de europeus de topo e depois ainda comprar 2 ou 3 brasileiros de qualidade.

Antes da Lei Bosman, um brasileiro e um holandes eram considerados igualmente estrangeiros (com a excpção de Portugal...).

Os grandes clubes italianos e espanhois de topo só compravam a creme de la creme do futebol Mundial (os holandeses do Milan, os alemães do Inter por exemplo) que corresponderia a não mais de 60 jogadores em cada uma dessas ligas (3 estrangeiros por clube para ligas de 20 clubes).

Ora, isto fazia com que existisse uma grande quantidade de estrangeiros de qualidade que ficavam de fora desses clubes de topo a preços relativamente acessiveis.

Era a esse mercado que o Benfica ia buscar os bons brasileiros e suecos que povoaram os vossos sonhos nos anos 80 (e que acabavam mais cedo ou mais tarde por serem pesacados por clubes europeus de maior projecção).

No momento em que a Lei Bosman abriu as comportas aos clubes europeus, os mercados dos campeonatos de topo (Inglaterra, Espanha, Alamanha, Itália) tiveram finalmente meios de contratar os melhores jogadores praticamente sem restrições.

Tal acabou com o mercado de bons jogadores a preços acessiveis a que o Benfica recorria.

Como o preço dos jogadores aumentou e Benfica passou a pescar em mercados de menor qualidade, os resultados desportivos vieram por aí abaixo.

 
At 8/03/2006 3:14 da tarde, Anonymous Anónimo said...

João não te ofendas, é só que eu não percebo como se pode dizer mal do dirigente do Benfica com os melhores resultados desportivos dos últimos 30 anos, em pleno regime de fruta e rebuçados. O João Santos foi um grande presidente e não merecia aquilo que os sócios lhe fizeram. O Benfica podia viver no limite mas isso é o que faz o Real Madrid por exemplo. Face à impunidade com que o PC controlava o futebol da altura só assim podiamos ter ganho algo.

O problema foi aquela mania de em vez de assegurar liquidez baseada em mais valias potenciais usar os bolsos do Brito. Bastou uma brecha para os adversários nos provocarem um rombo financeiro muito maior (perda do Paulo Sousa, ordenado milionário vitalício do JP). Mas foi uma lição importante que o caso Miguel mostrou outra vez. Os verde-ranho são criaturas de fraca índole das quais se deve esperar toda a espécie de baixarias.

Também não percebo a tentativa de branquear o único gajo que merecia ter sido expulso do Benfica. O Damásio herdou alguns problemas graves de liquidez e uma equipa que foi campeã, e deixou-nos crivados de dívidas com uma equipa onde se trocavam 5 jogadores por um do Belenenses. Compara a gestão do Damásio com a do Vilarinho e do Vieira, que partiram duma situação mais difícil, e que apesar de tudo equilibraram financeiramente o clube e conseguiram títulos.

 
At 8/03/2006 3:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Caros,

Penso que vocês se estão a esquecer de um pequeno pormenor. O Benfica apenas permitiu a entrada de estrangeiros em 1980, pelo que, para mim, a crise desportiva do Benfica tem outra explicação (também ela relacionada com a Lei Bosman).

Então cá vai a minha "posta de pescada":
Desde os anos 40 até aos finais dos anos 80 o Benfica tinha equipas constituídas por muitos jogadores com 5,6,7 e mais anos de "casa". Isto significava que cada novo jogador que entrava no plantel (2 ou 3 por ano) recebia, muito rapidamente, lições de benfiquismo, lições de... mística! (esta é uma palavra tão cara ao nosso amigo Guy). :)

Por exemplo, quando o Humberto Coelho chega ao Benfica em 1968 existiam no plantel pessoas como Mário Coluna, José Torres, José Augusto, Simões ou Eusébio (tudo homens com mais de 8 títulos conquistados pelo Benfica e todos campeões europeus).
O mesmo aconteceu quando miúdos como o Carlos Manuel ou o Chalana entraram no Benfica. Aí foram os Humbertos e os Tonis que lhes ensinaram o que significa vestir a camisola da águia e o quanto é preciso suá-la.

A partir de certa altura (início dos anos 90/ Lei Bosman) começou a existir um entreposto de jogadores no Estádio da Luz e perderam-se as grandes referências do balneário (a última referência de benfiquismo foi o Veloso!).
Essa foi para mim a grande virtude do Benfica e que lhe permitiu ser uma das grandes forças da Europa do futebol durante tanto tempo.

O ponto final nessa política de estabilidade e manutenção de referências foi a chegada de Artur Jorge. Dispensar jogadores como Paneira (nessa época a maior referência dentro do balneário) e contratar pérolas como Nelo e Tavares acabou com a mística do Benfica.

Como é possível lembrar-me perfeitamente das equipas-tipo do Benfica de 1984 ou 1985 (por exemplo) e não fazer a mínima ideia de quem jogava em 1995 (lembro-me que era o João Pinto e mais 10)?

Não sei se a explicação é clara mas, para mim, este foi o grande erro do Benfica. Perdeu referências, perdeu mística e perdeu a identificação dos adeptos com a equipa.

No dia em que voltarmos a ter uma equipa constituída por pessoas que sabem o que é o benfiquismo (incrivelmente, Luisão é o único que actualmente parece saber) voltaremos a ser dominadores em Portugal e muito fortes na Europa. Claro que a qualidade dos jogadores é muito importante, mas a mística é tão ou mais importante.

E pronto, já deitei a "posta de pescada".

Cumprimentos

 
At 8/03/2006 3:56 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

J Filipe, eu não disse que o Damásio tinha sido bom. Apenas que com o João Santos gastámos acima das nossas possibilidades. Nem nunca me viste dizer que não gosto dele ou que foi um mau presidente: apenas digo que o descalabro financeiro começou com ele. Também gostava muito do Jorge de Brito (deu muito ao Benfica), mas a verdade é que não foi um bom presidente. O Damásio foi horrível (embora tenha tido o azar de ir buscar um treinador insuspeito que de repente se transformou num palerma), e o Vale nem tenho palavras.
Como vês, destes que refiro acima o João Santos ainda foi o melhor, mas isso não lhe retira o ónus de ter gasto mais do que podia (superiormente coadjuvado pelo Gaspar Ramos - um bom director desportivo, mas também gastador).
Digo-te mais: o João Santos era um senhor. Mas isso não torna a verdade menos verdadeira...

 
At 8/03/2006 4:47 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Já agora, a minha opinião: o Damásio foi o PIOR presidente da história do Benfica, pior mesmo que o 'vilão' Vale. Foi na gestão do Damásio (que era um daqueles que queria mandar no clube usando o dinheiro dos outros - como o Jorge de Brito) que o clube entrou na pior fase de sempre, fase essa de que apenas se começou a recuperar com este direcção. Não falo apenas da pior política desportiva jamais vista, com a dipensa já citada de jogadores como Paneira, Isaías, etc, e a contratação de treinadores como o Artur Jorge ou o Manuel José. Em termos puramente empresariais, a gestão das direcções do Damásio foi completamente ruinosa. Foi nessa altura que o Benfica ficou rodeado de sanguessugas que se aproveitavam do clube ao máximo, snedo que algumas dessas sanguessugas eram o próprio Damásio e a sua insuportável mulher. Um dos méritos do Vale foi pôr essa gente toda a andar - depois exagerou (eu não sou defensor do Vale, atenção). Tal como o JFilipe, eu também me indigno sempre que vejo alguma tentativa de branqueamento do Damásio.

 
At 8/03/2006 5:07 da tarde, Anonymous Anónimo said...

João mas o que é "gastar demais?". Desde que a política desportiva seja boa, e com esses dois presidentes era, é algo que não faz muito sentido. O valor da equipa era muito maior que as dívidas. A estratégia do Damásio de comprar paletes de jogadores fracos é que foi um desastre completo. Continuou a gastar "demais" mas os gastos não geraram nenhumas mais valias para o clube. Neste momento se vendermos a equipa toda não pagamos sequer 20% das dívidas.

Quanto à lei Bosman eu vejo as coisas de outra forma. Não é tanto pelos jogadores que deixamos de ir buscar à Europa. É mais por qualquer jogador que dê nas vistas se vai logo embora. Antes da lei Bosman, Quaresma, Cristiano Ronaldo, ou Manuel Fernandes fariam pelo menos 3 ou 4 épocas como séniores nos clubes em Portugal, ou então nem sequer chegariam a sair.

E temos ainda Hugos Vianas, Caneiras, Hélderes Postigas, e outros que tais. Um jogador nem precisa de ser muito bom, levam-no logo embora.

 
At 8/03/2006 5:14 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"João mas o que é "gastar demais?"
É gastar mais do que se pode, colocando em causa coisas básicas como os salários dos funcionários. É por exemplo não ter liquidez para pagar os salários dos jogadores. Basicamente é isso.
Não vale a pena comparares com o Damásio, que como já disse não é termo de comparação para ninguém, alías já disse que foi o piorzinho de que me lembro (embora aqui discorde do D'Arcy, acho que o JVA foi pior simplesmente porque o Benfica deixou de ter crédito com ele).

 
At 8/03/2006 7:14 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Podíamos continuar a discutir isto indefinidamente. Aí o erro não foi dos gastos, foi da política de mecenato, que levou o clube a não se preocupar em ter liquidez suficiente caso o mecenas tivesse algum problema. Com uma gestão assente num recurso equilibrado ao crédito o Benfica podia ter mantido esse tipo de política desportiva. Um pouco à imagem do Real Madrid se bem que numa escala mais modesta.

 
At 8/04/2006 12:24 da manhã, Blogger Pedro said...

Boas a todos. Apenas dois apontamentos:

1-O publico ganha jogos. Quem diz o contrário não sabe o q diz. Ou então é a prova provada q os os benfiquistas são os maiores. No ano do Titulo de trap peguem no SLB-Maritimo e vejam lá quem ganhou aquele jogo (relembro um golo limpinho anulado ao Nuno Gomes)

2-Camacho incompatibilizou-se, claramente, com Veiga. basta recordar o caso Yannick e o q foi dito antes da final da Taça com o fcp. Camacho não ficou no SLB por o clube não fez nada para q ele ficasse. A história do Real Madrid é lenga lenga para enganar benfiquistas. Se o SLB não apresenta propostas de renovação é natural q o Camacho se vire para outras bandas.

 
At 8/04/2006 1:47 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Tendo em conta que ele acabou mesmo por ir treinar o Real, parece-me pouco provável que fosse apenas uma lengalenga paa nos enganar.

 
At 8/04/2006 9:20 da manhã, Blogger Harry Lime said...

oops... D`Arcy mantem-se fiel às suas convicções de sempre...

Talvez as acusações do Pedro sejam mais um sintoma de anti-benfiquismo.

PS. Tu agora dizes mal do Damásio (com toda a razão) mas não sei se te lembras do que dizias dele no tempo em que ele era presidente. Eu lembro-me. Por isso estou confiante que daqui a uns 4 ou 5 anos vais reconhecer os erros da dupla VV.

 
At 8/04/2006 12:31 da tarde, Blogger D'Arcy said...

E tu a dares-lhe. Já estou farto de te dizer que não te admito que me atribuas declarações, opiniões, e preferências que só existem na tua cabeça, percebes? Do que tu te lembras so podem ser delírios da tua mente.

 
At 8/04/2006 1:12 da tarde, Blogger Pedro said...

D'Arcy se tu queres mesmo um treinador fazes uma proposta para isso, não ficas à espera se aparecem propostas de outros clubes.
O SLB nunca fez uma proposta ao Camacho (palavras do próprio) e refugiou-se no interesse do Camacho em treinar o RM. Mas Cmacho sempre disse q se o SLB quisesse ele ficava...

 
At 8/04/2006 4:31 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Se tu o dizes que eu estou a delirar então eu acredito...

 
At 8/06/2006 12:12 da manhã, Anonymous Anónimo said...

"2-Camacho incompatibilizou-se, claramente, com Veiga. basta recordar o caso Yannick e o q foi dito antes da final da Taça com o fcp."

Pessoalmente não me lembro. O que é que se passou? Lembro-me foi no final ele ameaçar acabar com a conferência de imprensa, se os jornalistas não parassem de o chatear sempre com a mesma pergunta.

 
At 8/06/2006 12:21 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Ele disse que se era verdade que o Benfica já tinha contratado o Yannick, então a pessoa responsável por isso deveria ser despedida.

 
At 8/07/2006 2:41 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Guy Fawkes, gabo-te a paciência. Como consegues?

Um abraço Verde e Branco

 
At 8/08/2006 4:21 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Anónimo,

O D`Arcy é meu amigo há muitos anos. Infelizmente, é um benfiquista alucinado. Felizmente a opção clubistica conta em menos de 2% na avaliação que eu faço de uma pessoa.

Em tudo o resto o D`Arcy é um tipo muito porreiro. É por isso que eu "aguento". :)

 
At 8/08/2006 11:54 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Eu louvo e a paciencia ao D'Arcy, isso sim.... :)

 
At 8/09/2006 11:06 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Bem, para falar verdade eu também a louvo. :)))

 

Enviar um comentário

<< Home