quarta-feira, agosto 23, 2006

Olá Europa!

Aqui estamos nós outra vez. Apesar dos receios, não houve surpresas, e confirmou-se a superioridade incontestável do Benfica sobre esta equipa austríaca, de tal forma que até pareceu excessivamente fácil a forma como vencemos o jogo e a eliminatória.

Não houve qualquer surpresa no nosso onze, tendo alinhado exactamente os mesmos jogadores do jogo de Viena, no esperado 4-2-3-1. Já do lado austríaco, e apesar da obrigatoriedade de marcarem para poderem passar, parecia que estavam mais preocupados em perder por poucos, e alinharam num 4-1-4-1 deixando o esforçado mas inofensivo Wallner abandonado na frente. O Benfica começou bem o jogo, à procura de um golo cedo, que foi sendo sucessivamente negado pelo guarda-redes Safar. A equipa ia desenvolvendo bastante jogo pelas alas, sobretudo no lado direito, onde o Nélson voltou a ser aquele jogador que desejamos, fazendo todo o corredor durante o jogo inteiro e participando activamente no ataque. Pelo centro o jogo ganhava sempre velocidade quando a bola chegava aos pés do Rui Costa, que vinha diversas vezes buscar a bola cá atrás para depois a levar para o ataque. E foi mesmo o Rui Costa que acabou por abrir o marcador, perto dos 20 minutos de jogo, num bonito golo que resultou de uma insistência do Manú na direita, que centrou para o Nuno Gomes amortecer para o remate de primeira do Rui. Foi bonito vê-lo marcar no seu primeiro jogo oficial na nova Luz, e ainda mais bonito ver a exuberância com que ele festejou. É como digo, para mim é como ver 'um de nós' dentro do campo, com a mesma paixão que qualquer adepto benfiquista na bancada sente. Até à meia-hora de jogo o Benfica continuou a insistir, e poderia ter voltado a marcar, mas após isso baixou o ritmo e adormeceu um bocado. Foi apenas no último lance da primeira parte que o marcador voltou a funcionar, num golo que 'já não se usa'. Um pontapé de baliza para os austríacos, uma devolução de cabeça do Katsouranis, e o Nuno Gomes isolado a não perdoar. Se alguma dúvida persistia, a eliminatória pareceu ficar definitivamente resolvida ali. Por incrível que pareça, o intervalo chegou com o austríacos a não terem conseguido efectuar um único remate durante os primeiros 45 minutos.

Na segunda parte, confirmando a ideia que estavam ali sobretudo para perder por poucos, os austríacos não abandonaram a atitude cautelosa. Foi altura de assistir a um autêntico recital sobre como tratar a bola e inventar passes por parte do Rui Costa. O futebol é lindo quando é jogado por jogadores inteligentes, e de cada vez que a bola chegava aos pés do Rui ficava na expectativa sobre o que é que ele iria inventar a seguir. Fico com água na boca ao pensar como poderá ser quando o Simão ou o Miccoli possam ser os receptores de passes como aqueles. O terceiro golo acabou por surgir, claro, quando mais um passe do Rui Costa deixou o Manú e o Petit isolados, e o primeiro ofereceu o golo ao segundo. E o quarto golo só não surgiu logo a seguir porque o Nuno Gomes demorou um bocadinho mais a executar, depois de ficar na cara do guarda-redes. Pouco depois o Rui Costa foi substituído, e eu senti-me como uma criança a quem tiraram o brinquedo preferido... Claro que quando chegarmos ao campeonato as coisas não serão exactamente assim. Os austríacos foram demasiado leais (ou poderia dizer ingénuos) e deram demasiada liberdade ao Rui Costa. No campeonato de certeza que quase todas as equipas designarão um jogador especialmente para andar o jogo todo a morder-lhe os calcanhares e travá-lo seja de que maneira for.

O jogo perdeu ritmo e emoção após a saída do Rui. Só voltou a animar um pouco perto do fim, após a entrada do Mantorras, que trouxe a habitual motivação para dentro do campo e para as bancadas, mas o resultado já não se alterou. Ficou carimbada a presença na Champions League deste ano, e quinta-feira ficaremos a saber quais os nossos adversários.

O Benfica hoje não foi brilhante, mas esteve muito acima daquilo que de mau tinha mostrado durante muitos dos jogos da pré-época. Para além do Rui Costa houve outros jogadores que também estiveram bem, mas fiquei particularmente satisfeito por ver o 'velho' Nélson de volta. Já há algum tempo que não lhe via uma exibição assim. Como o Ricardo Rocha não se aventurava tanto no ataque, isto até permitiu maior liberdade na frente ao Nélson, já que ficavam três centrais cá atrás para o que desse e viesse (que era pouco, já que havia apenas um desamparado avançado adversário para marcar).

Dada a fragilidade demonstrada pelos austríacos (pareceram-me ter apenas três jogadores de alguma qualidade: o guarda-redes Safar, o defesa Tokic, e o médio veterano Blanchard), a verdade é que ainda não podemos tirar grandes conclusões sobre a eventual melhoria exibicional da nossa equipa. Mas parece ser evidente que o esquema de 4-2-3-1 ainda continua a ser o mais apropriado neste momento, e capaz de nos proporcionar melhores resultados que o famigerado losango.

P.S.- Hoje reparei que tinha saudades disto. Tinha saudades de estar entre os da minha cor, na nossa casa, a ver a nossa equipa jogar. Tinha saudades de me emocionar quando a equipa entra em campo e se ouve o 'Ser Benfiquista', de ver o vôo da águia Vitória, e de partilhar com aquele mar de gente uma paixão comum. O defeso é demasiado longo. Eu adoro futebol, e ainda mais o meu clube :)

23 Comments:

At 8/23/2006 11:26 da manhã, Anonymous Anónimo said...

LINDO...TB JÁ TINHA SAUDADES DE JOGOS A SÉRIO E DE ESTAR ENTRE IRMÃO VERMELHOS.
MAS CONFESSO QUE AINDA ESTOU EXTASIADO COM A ENORME E MAGNIFICIENTE EXIBIÇÃO DO RUI.SIMPLESMENTE FENOMENAL A CONDIÇÃO FISICA E DISPONIBILIDADE PORQUE A CLASSE ESTÁ LÁ E NÃO TEM IDADE.
PS: JÁ SÓ PENSO EM ATENAS..!!

 
At 8/23/2006 11:39 da manhã, Blogger Pedro said...

Estou é para ver quando um dos pombos se atravessa à frente da ´Vitória durante o seu voo..
:)

Estamos lá, ganhámos, cumprimos os requesitos e domingo há mais!!!

 
At 8/23/2006 12:15 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Perguntem lá ao Gay Fakes se gostou da exibição dos gregos ontem.

 
At 8/23/2006 2:28 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Grande Rui. Se o Simão ficar temos equipa.

Mas a questão é se isto foi fácil por mérito do Benfica ou demérito do adversário. No fim de semana é que é a sério. Já agora nos regulamentos como se processam as coisas, de certeza que é o Belenenses que ocupa a vaga do Gil Vicente?

 
At 8/23/2006 2:58 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Acho que a decisão é final, e é mesmo o Belenenses. Confesso que a decisão me desagrada. A verdade é que desportivamente o Belenenses foi despromovido. Dentro de campo, o Gil Vicente foi melhor, mas os regulamentos acabam por lhes dar razão. Mas é no mínimo ridículo que a justiça desportiva se sobreponha à justiça civil. Os lacaios do fêquêpê em Lisboa vão poder continuar a estender a passadeira ao chefe do norte.

 
At 8/23/2006 3:42 da tarde, Blogger S.L.B. said...

A única vantagem, D'Arcy, é que assim podemos ir ao Restelo outra vez ver o Benfica ganhar... :-) Abraço.

 
At 8/23/2006 3:50 da tarde, Blogger último! said...

Ontem foi um jogo muito bom para a moral (que para muitos andava em baixo) de qualquer maneira acho que estes jogos são daqueles em que temos mais a perder, se fazemos um bom resultado como o foi, é porque os outros são fracos mas se nos vemos a rasca é porque não jogamos nada, aqui concordo com o Rui (eles realmente eram fraquinhos) mas foi o Benfica que não os deixou jogar!

Quanto aos jogadores do Benfica gostei muito do Rui Costa, do Nelson, do Manu, do Petit, de toda a defesa mas principalmente o Luisão.
Não gostei dos (ainda poucos) assobios ao "meu protegido" Paulo Jorge que embora lutador (imagem de marca) falhou no ultimo remate ou na ultima opção mas como digo sempre se não assobiarem eles chegam lá!
Os dois extremos trocam bem de posição o que nos dá boas alternativas.

 
At 8/23/2006 3:53 da tarde, Blogger LF said...

Belo jogo para começar.
Bela vitória.

Também eu tinha saudades disto, e logo começar com o estádio cheio...

Agora é só preciso um pouquinho de sorte amanhã(por exemplo Valencia, Ajax e Slovan Liberec)..


Visitem :

www.vedetadabola.blogspot.com

Já com toda a análise à jogatana de ontem

 
At 8/23/2006 4:21 da tarde, Blogger Filipe Nuno said...

Já q está toda a gente animada, e já toda a gente falou das grandes exibições do Rui e do Nuno e do Nelson, eu aproveito para pôr água na fervura e deixar aqui as minhas inquietações...
Inquietação numero 1:os extremos continuam a n me convencer...O Paulo é esforçado, luta muito, aprece muito no jogo, mas parece que lhe falta sempre qq coisa..ou o remate, ou o último passe..o Manu, tb luta e é mt rápido e até fez duas assistências para golo, mas os centros saem-lhe quase sempre mal e raramente consegue ganhar a linha de fundo...

Inquietação nº 2: Katsuranis mais fixo e Petit mais solto...poderíamos discutir se deveria ser o petit a ficar mais fixo ou n, mas o q me inquieta é mesmo a ausência de um médio box to box (um Tiago, um Manuel Fernandes, um João Moutinho) q pudesse criar perigo no ataque e conseguisse revelar alguma capacidade defensiva. Acho q mais q um defesa esquerdo, é urgente este tipo de médio.

Tirando estes dois aspectos, acho q estamos prontos para atacar a liga e ganha-lha. Estamos mais fortes q na época passada, perdemos o manel(q nem esteve tão bem o ano passado), mas temos o rui e temos o kikin e mais experiência e o Nuno este ano vai marcar 25 golos :D .mai nada!

 
At 8/23/2006 5:34 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O Benfica venceu com justiça, como é óbvio. Os gajos forma muito piores e sofreram as consequencias.

O Rui costa foi muito bom mas é bom lembrar que os austriacos não pressionavam ninguem no meio-campo do SLB. Conclusão: as bolas chegavam sem problemas ao Rui Costa que depois se encarregava de fazer das suas.

É que o Benfica precisa dum bom recuperador de bolas (os que tem são medianos na melhor das hipoteses) porque o Rui Costa, apesar da sua boa vontade, não está talhado para o serviço. Precisa sempre de alguem que a recupera e que lha passe em condições.

De resto, nos jogos de preparação viu-se isso. Contra equipas com meio-campos agressivos e pressionantes o Benfica ia abaixo e o Rui Costa desaparecia do jogo. E como o Benfica é o rui Costa mais 10...

De qualquer forma agora é a hora para os benfiquistas festejarem. Cumpriram a missão e mostraram aos austriacos que ream bem melhores do que eles.

 
At 8/23/2006 5:44 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Os jogos de preparação não podem servir de grande termo de comparação porque a táctica era diferente. E chamar o Petit e o Katsouranis de medianos é, no mínimo, má fé.

 
At 8/23/2006 6:05 da tarde, Blogger último! said...

Sim guy,

E o Benfica é o pior e tal e tal...

O facto é que conseguimos resultados positivos nos jogos a sério, depois todos (adversários) tentam minimizar a vitória de ontem, é verdade que o adversário não atravessava um bom momento e era fraquito, certo, mas todos os benfiquistas sabem que além de estarmos no inicio da época com um novo treinador, novos jogadores e um novo sistema de jogo também ontem vocês esquecem que faltava ao Benfica o Micolli, Leo e o Simão três jogadores que em principio terão lugar no 11 titular ou no mínimo serão mais valias.

Acredita uma coisa Guy, nem o SCP está tão bem nem o Benfica está tão mau!
E o futebol mostra-nos isso todos os dias e quem anda inchado são vocês pela pré época que fizeram e sabemos bem o que isso vale no final...

Para acabar nós ainda necessitamos de melhorar muito, claro mas é normal devido as mudanças e aos vários jogadores que chegaram tarde ao contrário de vocês que mantiveram o mesmo treinador, sistema e praticamente os mesmos jogadores.

Uma coisa tem os benfiquistas a certeza este ano estamos mais fortes (ao contrário do que pensas) agora basta o Fernandinho não fazer asneiras!

 
At 8/23/2006 6:10 da tarde, Blogger último! said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 8/23/2006 6:28 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Belenenses vai fazer como sempre, são seis pontos que já cantam para o fequepe. Contra o Benfica vai ser porrada à farta, antijogo e saltos para a piscina para depois se queixarem de uma centena de penaltis por marcar.

O giro é que no regulamento, no artigo referente a descidas administrativas, só diz que a equipa desce, não vem nada sobre quem sobe. Se o Leixões tem tentado alguma coisa tinha sido bonito.

 
At 8/23/2006 6:47 da tarde, Blogger último! said...

Miguelito confirmado no Benfica!

Entretanto espero que a demora na resposta tenha sido para salvaguardar os interesses do jogador ou do próprio empresário porque para os adeptos benfiquistas cheirava a FC Porto que tresandava agora vamos ver como vai ser recebido!?

O facto de ter demorado tanto tempo a responder pode ser um mau presságio para o futuro (pouco tempo na luz) e mal apareça um clube a oferecer dinheiro lá vai ele não teremos aqui outro caso Miguel?

Espero que não pois parece ser um bom jogador mas...

 
At 8/23/2006 7:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Miguelito parece-me mais um caso de um jogador com ofertas melhores mas que esperou para ver se o Benfica se apurava para a CL. É óbvio que se trata de alguém que encara o Benfica como um porto de passagem, mas qual é o jogador jovem e com algum talento que não pensa isso de qualquer clube português hoje em dia?

 
At 8/23/2006 8:05 da tarde, Blogger Superman Torras said...

Há poucas coisas melhores nesta vida do que ir ver um jogo ao Estádio da Luz, e uma das poucas, é ir ver um jogo ao Estádio da Luz, repleto de publico.

Pena não teres aparecido no Ponto de Encontro, D'arcy, teria dado para ficares a saber que o "Kikin dos Peluches" (salvé antitripa) não augura nada de extraordinário, mas já o Fonseca esse só pode vir a dar certo.

De resto, nada de muito especial a dizer acerca do jogo, esta época teremos poucos jogos tão fáceis, mas o que é certo é que por vezes as equipas complicam o que parece fácil, e depois surgem as surpresas. E o Benfica até costuma ser useiro e vezeiro nesse tipo de situações.

Ainda bem que foi do Rui Costa o 1º golo oficial desta época, aliás os 3 golos foram muito bem distribuídos: um para o filho pródigo, o outro para o capitão que precisa de marcar golos rapidamente para mostrar ao Scolari (se é que tal seria preciso) o equivoco que cometeu no Mundial ao relegá-lo para 3ª opção, e por ultimo para o nosso pitbul, o jogador que, a par de Luisão, melhor encarna a chamada raça benfiquista, vulgo MISTICA.

Uma ultima nota para a dupla de "trincos": estou a gostar do entendimento, não sei se repararam (concerteza que sim) no pressing que vão fazendo, à vez, chegando a morder os calcanhares ao portador da bola quando este ainda se encontra no seu meio campo defensivo.

Parecem-se complementar bem e a esperança é que com os treinos a coisa ainda melhore mais. Devo dizer que acho o Katsouranis um jogador muito inteligente e a não ser que lhe dê um daqueles "amókes" tão usuais nos jogadores gregos que tentam a aventura no estrangeiro, pode se vir a tornar uma das principais referências da equipa.

 
At 8/23/2006 8:46 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O quê? O Petit é o Makelele? O Katsouranis é o Patrick Vieira? Esses são trincos excelentes.

O Manuel Fernandes, quando está em forma, é um trinco bom. O Katsouranis e o Petit, que estão abaixo do MF, não passam da mediania. Isto é uma evidencia, desculpem lá, lampiões. (E atenção! O Sporting está cheio de jogadores medianos como esse!)

É óbvio que para o nível de jogo que o Austria de Viena apresentou ontem à noite, os trincos do SLB chegaram e sobraram.

Mas não pensem que todas as equipas que vão enfrentar vão dar tais facilidades!

ratogoleador,

Eu não embandeirei em arco com a boa pre-epoca do sporting. Eles deram boas indicações e as coisas podem correr bem. Da mesma forma, que quando a lampionagem começou a mandar atoardas ao FS eu disse (está documentado neste blog) para o pessoal ter calma.

Isto não me impede de achar que o sporting tem uma equipa mais uniforme do que o Benfica. Tem 2 ou mais jogadores para a mesma posição, apostou em jogadores novos e está a jogar bem. Por isso tem maiores probabilidades de manter um nivel regular no seu jogo.

Mas volto à minha: eu desafio quem quer que seja a encontrar afirmações minhas em que eu diga que o sporting já é campeão e que já está tudo ganho.

Eu escrevo muitas baboseiras mas acho que esta nunca me passou pela cabeça nem pela caneta :)))

 
At 8/23/2006 9:33 da tarde, Blogger T-Rex said...

Os trincos do Benfica são infinitamente melhores que os da agremiação, Guy.

E isto também é uma "evidência".

Pelo menos para quem percebe um nadinha de futebol...


Vedeta ou Marreta?
Comentários da Bola

 
At 8/23/2006 10:44 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Era mais ou menos o que eu ia dizer, T-Rex. Desafio o Guy a encontrar melhor dupla de trincos em Portugal. É óbvio que eles não são o Makélelé e o Vieira, mas pelo manos é agradável verificar que esse é o calibre dos jogadores que o Guy usa como termo de comparação com os do Benfica, o que quer dizer que ele deve achar que são jogadores desses que o Benfica merece e deveria ter na equipa ;)

 
At 8/23/2006 10:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

No essencial, estou de acordo com o comentário do D'Arcy.
Acho que o Benfica fez uma exibição agradável - diria, mesmo, que fez a melhor exibição desta época... - mas continuo preocupado e apreensivo qanto ao futuro.

Essencialmente, por duas razões:

1º - A equipa continua muito abaixo daquilo que eu espero de um autêntico candidato a vencer as provas em que está inserida, revelando-se inconstante na quantidade e na qualidade de jogo que produz.
Na realidade, foi notório no jogo de ontem que a equipa continua a jogar aos soluços, alternando algumas jogadas com sentido e com qualidade, com outras despropositadas, inconsequentes e, até, contraproducentes, das quais resultam situações de potencial vantagem para os adversários.

2º - A orientação técnica da equipa continua a não se revelar à altura do que seria exigível numa equipa que se quer de top.
Na realidade, não discuto sequer sistemas tácticos nem os seus intérpetres. Mas tenho o direito (e, enquanto sócio, o dever...) de avaliar os resultados que produzem as suas orientações e opções.
Como exemplo ilustrativo, faço notar que, quando Rui Costa foi substituído, o jogo simplesmente acabou!
Quem ficou a pautar o jogo do Benfica? Ninguém! Como se percebeu, aliás...
E, então, operou-se alguma alteração táctica? Não! Como muito bem se viu, aliás...
Mas, então, o Benfica não tem treinador? Não! Como se pode verificar, aliás...

O adversário de ontem foi excessivamente simpático e, em boa verdade, não nos causou grandes embaraços, nem em futebol jogado, nem em termos de postura competitiva.
No próximo fim-de-semana começa a época mais a sério. Estou expectante, mas algo incrédulo.
É que, Rui Costa vai começar a ter marcação implacável, os adversários vão ser mais incisivos e pressionantes, os àrbitros vão começar a falhar mais do que deveriam, etc, etc, etc...

Para finalizar, quero dizer-vos que não defendo esquemas em que as individualidades se sobrepõem ao colectivo. Mas não poderei deixar de me preocupar com o facto de, para além de Rui Costa, não termos mais ninguém para fazer de playmaker...

Apesar de não acreditar muito, gostaria muito de poder vir a dizer que a equipa técnica tinha feito a diferença, e tinha construído uma equipa competitiva... com os jogadores que escolheu, e sem aqueles com que não quis contar!

 
At 8/24/2006 10:23 da manhã, Blogger T-Rex said...

Até ao momento só concordo com uma ideia fixa do "Engenheiro":

- Contratar Katsouranis era PRIORITÁRIO.

Espero que tenha terminado a malapata com jogadores gregos no Benfica com a vinda deste (completíssimo) jogador.

O homem está em todas!

Recupera, distribui, faz uma óptima gestão dos tempos e normalmente não recorre a entradas arriscadas.

Arrisco o prognóstico de que irá "formar" com Lucho a melhor dupla de médios da Superliga que agora se inicia.

Falhou um passe aos 87', mas de resto... IRREPREENSÍVEL!

Pena que não se tenha encaixado uns cobres com a venda de Petit. Seria bom (mais do ponto de vista financeiro que desportivo) para o Benfica e para o atleta. Petit também já merece ir ganhar uns cobres valentes...

Vedeta ou Marreta?
Comentários da Bola

 
At 8/28/2006 3:29 da tarde, Blogger tma said...

Por muito limitado que fosse o adversário, o facto é que o Benfica cumpriu a sua obrigação de forma meritória, ao entrar no jogo de forma determinada, demonstrando em campo a sua superioridade e tendo até em alguns momentos apresentado um futebol agradável. E isso - bem como o consequente apuramento - é que interessa, mais que tudo.
Apesar de ser ainda cedo para tirar grandes conclusões, e de haver ainda bastante margem para melhorar, fico para já satisfeito com a melhoria revelada, para além do regresso do Rui Costa em jogos oficiais e do gradual "regresso" do Nélson ao seu melhor, ao nível do que revelou no início da época passada.

 

Enviar um comentário

<< Home