terça-feira, fevereiro 27, 2007

Indiscutível

Foi uma vitória indiscutível aquela que o Benfica conseguiu esta noite frente ao Paços, apenas ameaçada por cinco minutos de excessivo relaxamento que permitiram ao Paços marcar um golo e chegar ao intervalo com uma desvantagem mínima, quando o mais natural face ao que se passou nos primeiros quarenta e cinco minutos de jogo seria que por essa altura descessem aos balneários vergados ao peso de uma goleada. Essa desvantagem mínima permitiu aos homens do Paços de Ferreira enganarem-se a si próprios, e imaginarem que era possível reentrar na discussão da partida. Felizmente não passou de isso mesmo: de um engano.

Em relação ao jogo da passada quinta-feira, Nuno Gomes de regresso no lugar do Derlei, e o Benfica a entrar no jogo a todo o gás. Desde o primeiro instante que nos instalámos no meio-campo adversário, exercendo uma pressão quase sufocante sobre os jogadores do Paços, que mal conseguiam sequer passar da linha de meio-campo. Muita mobilidade na frente de ataque, Simão e Karagounis a aparecerem em todo o lado, e os dois laterais muito ofensivos a participarem activamente nas nossas acções ofensivas. Não foi preciso esperar muito para que o Simão nos mostrasse que ainda sabe marcar livres: ainda antes dos dez minutos já o marcador tinha funcionado para o nosso lado, quando o capitão transformou de forma exemplar um livre sobre o lado esquerdo, a punir falta sobre o Karagounis. E desta vez não houve abrandamento após o golo: a avalanche ofensiva continuou, com o Benfica à procura do segundo golo e a construir oportunidades atrás de oportunidades. O Paços não veio à Luz para jogar à defesa, e nunca se viu nenhum autocarro à frente da sua baliza, mas nesta fase era o Benfica quem empurrava toda a equipa do Paços para trás. Não estou a exagerar se disser que à meia-hora de jogo a estatística indicaria zero remates para os forasteiros. Até então eles limitavam-se a tentar travar a avalanche ofensiva do Benfica, de qualquer forma possível, nem que para isso tivessem que recorrer às faltas.

O segundo golo do Benfica surgiu naturalmente, pouco passava da meia-hora, dada esta superioridade demonstrada. Depois de um bom trabalho do Karagounis na esquerda, este centrou para o interior da área onde o Nuno Gomes, de cabeça, se antecipou ao defesa forasteiro para marcar um bom golo. Este sim, pode dizer-se que foi um golo 'à ponta-de-lança'. Nos últimos cinco minutos da primeira parte, então houve o tal relaxamento do Benfica, o que permitiu que o Paços se aproximasse da nossa baliza, e finalmente conseguisse rematar. Depois de um grande remate do Geraldo (fez um óptimo jogo hoje, diga-se) a que correspondeu o Quim com uma boa defesa, na sequência do canto houve um lance bastante confuso dentro da nossa área, onde a nossa defesa não conseguiu afastar a bola convenientemente, e sofremos um golo. Um golo que para mim colocava o resultado nuns números bastante enganadores face ao que se havia passado na primeira parte, mas que também foi um castigo para o abrandamento excessivo do Benfica naqueles últimos cinco minutos. Ao menos assim o Benfica teria que voltar ao jogo no segundo tempo com bastante atenção.

O segundo tempo iniciou-se praticamente com uma grande oportunidade do Paços de chegar ao empate, tendo a bola passado a centímetros do poste. Para mim nesta jogada houve uma falta nítida sobre o Luisão, que não foi assinalada pelo Paraty, o que deu o mote para uma actuação perfeitamente disparatada do árbitro neste período complementar (o Luisão depois foi reclamar, viu o amarelo, e agora está de fora do próximo jogo - ao menos não é dos piores jogos para ele limpar os amarelos). Mas o Benfica voltou a pegar no jogo e a ir à procura do golo da tranquilidade. O Paços tentava responder, e nisto resultou um jogo bastante agradável de seguir. O único que ia destoando disto era o árbitro, com disparate atrás de disparate. O tal golo da tranquilidade apareceu após um lance de cabeça ganho pelo Nuno Gomes na área adversária, dando a bola ao Miccoli, que depois a controlou e acabou por levantar para o segundo poste, onde o Simão finalizou de cabeça - e já está no topo da lista dos melhores marcadores. Este golo fez o Benfica voltar a abrandar, mas felizmente não tanto como na primeira parte. Até ao final foram-se assistindo a algumas oportunidades de parte a parte, mas o resultado ficou inalterado (também por mérito do Quim, a negar com uma boa defesa o segundo golo dos visitantes mesmo a fechar o encontro).

Embora os jogadores no geral tenham estado todos bem, para mim os destaques vão para o Simão, Petit e Karagounis. Ninguém fala de 'magia' nem o chama de feiticeiro de cada vez que faz uma jogada qualquer, mas já não há muitas palavras para descrever o momento actual do Simão. Julgo que ele estará neste momento a fazer a sua melhor época de sempre no Benfica. E tendo em conta tudo o que ele já fez no nosso clube nas épocas anteriores, não faço esta afirmação de ânimo leve. Ele parece ter baterias inesgotáveis, aparece por toda a parte da frente de ataque, mantém o mesmo ritmo elevado e constante durante os noventa minutos que, consecutivamente, vai fazendo semana após semana, cria perigo de cada vez que corre em direcção à área com a bola controlada, dá golos aos companheiros (hoje, por exemplo, 'inventou' um passe genial que merecia que o Miccoli tivesse transformado em golo quando ficou cara-a-cara com o guarda-redes) ajuda a defender e recupera bolas. Simplesmente fantástico. O Petit hoje esteve enorme, ainda para mais contra uma equipa forte e dura como o Paços, que disputa todas as bolas até ao limite. O Petit recuperou bolas de todas as maneiras e feitios: pelo chão e pelo ar, em antecipação, em força, desarmou adversários e lançou inúmeros ataques. O Petit é daqueles jogadores muito constantes, que raramente joga mal, mas que muitas vezes vê o muito trabalho que faz durante o jogo passar despercebido. Hoje brilhou. E o Karagounis esteve intratável. Ele deve ser um jogador exasperante para os adversários, porque é quase impossível desarmá-lo sem falta. Além disso trabalha muito defensivamente, e é bastante inteligente no passe. Hoje foi sobre ele que foi cometida a falta que deu o primeiro golo, e fez a assistência para o segundo. Menciono também o Nuno Gomes porque esteve muito melhor do que nos últimos jogos. Marcou, o que teve um efeito visível sobre ele, já que fez uma segunda parte de muito bom nível. Pareceu muito mais solto, mais confiante com a bola nos pés, e acabou por ter uma participação activa no nosso terceiro golo. Parece que o banco em Bucareste lhe fez bem.

Por norma não costumo falar de arbitragens, mas tenho que mencionar o autêntico disparate que foi a actuação do árbitro Paulo Paraty na segunda parte. Deixou faltas evidentes por marcar, marcou outras que ninguém viu, e sobretudo teve um critério disciplinar que se pautou pela total inexistência de qualquer critério. Parecia que valia tudo menos arrancar olhos em campo. Mas protestar é que não, e por isso dois dos nossos jogadores foram amarelados. O Paulo Sousa então distribuiu pancadaria por tudo o que lhe passou ao alcance, e nem um amarelito viu. Enfim, o que interessa são os três pontos que conquistámos, mantendo assim a distãncia de quatro pontos para o líder, e afastando-nos dos nossos perseguidores.

39 Comments:

At 2/27/2007 9:20 da manhã, Anonymous born again Indio said...

Benfica - Et Pluribus Unus
Simão - Primus Inter Pares
N.Gomes - Sic Transit Gloria Mundi

O Recaro fez bem ao N.Gomes, aquela cabeçada já não mostrou medo de falhar, hum...queres ver que é para continuar?Hum...a seguir nos proximos jogos.

Uma referencia ao P.Ferreira que demonstrou ser uma equipa interessante face às suas limitaçãoes, com um futebol agressivo e bem conseguido.

 
At 2/27/2007 9:34 da manhã, Blogger Pedro said...

Mais um bom jogo do Benfica numa vitória justissima. Há q reconhecer o mérito, a táctica funciona (pessoalmente é uma táctica q me agrada) a equipa joga bem, cria inumeras oportunidades de golo, está coesa a defender e a fazer pressão. Santos continua a falhar e muito na gestão do plantel ao não fazer substituições mais cedo, quer para fazer descansar os mais utilizados e para dar minutos competitivos aos outros . Erros q nos podem custar caro.

O golo do NG é um lance que ele raramente faz e por isso, raramente, marca golos destes. Ele espera pelo erro do defesa invês de se antecipar a ele. Ontem atecipou-se e marcou. É isto q se espera de um avançado do SLB, q lute, q tenha garra e q marque qd tem oportunidades para isso.

Uma palvra para a genialidade de Miccoli, a simplicidade de processos dele é fantástica, um toque de bola e um estoiro à baliza. Sempre com perigo. Se a condição fisica o permitir ainda vamos dar muitas graças a este pequeno grande jogador.

 
At 2/27/2007 9:55 da manhã, Anonymous Yupie said...

O Benfica fez de facto uma grande 1ª parte, podiamos e deviamos ter "acabado" o jogo nessa altura.

Parece-me que a boa forma do Simão não é alheia ao novo posicionamento que ele tem em campo, agora ele tem muito mais liberdade o que lhe permite mostrar-se mais.

O árbitro chegou a ser anedotico, então o cartão amarelo ao Kat foi no minimo ridiculo, o Paulo Sousa dá uma valente tesourada no Simão, o Kat reclama e ele é que leva o cartão, já o jogador do Paços continua como se nada fosse.

Po outro lado o Kat levou o 4º amarelo e espero que ele fique "limpo" de cartões antes do jogo com o porto.

Enfim, o Benfica a jogar assim é campeão!! Desde que, e atenção a este ponto, o porto não seja "carregado". Eu não vi o jogo do porto esta semana, mas pelo que leio aqui na net parece que foi mais uma "daquelas" vergonhas à anos 90.

Cumprimentos, e viva o Benfica. :)

 
At 2/27/2007 10:14 da manhã, Blogger antitripa said...

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=125&id_news=264582

Não resisto: LOLLLLLLLLL. A primeira peça do dominá foi tombada....

 
At 2/27/2007 11:18 da manhã, Blogger Mr. Shankly said...

Jogo de muito bom nível, destaco os mesmos que tu e acrescento que, apesar de o Miccoli não ter feito uma grande exibição começa a mostrar grandes melhorias físicas. Já se mostra a defender, já tem aqueles piques que me habituei a ver em Itália, executa depressa...se continuar assim ainda vai dar cartas até ao fim da época. Pena o Simão, nota-se perfeitamente o que disseram quando se gorou a transferência para o Valência, anda-se a arrastar em campo sem a mínima motivação :)
Mais um grande jogo do Petit, finalmente parece recuperado do desgaste do Mundial. Aliás, tal como o Simão, embora um pouco mais tarde.

 
At 2/27/2007 11:24 da manhã, Blogger ratogoleador said...

Ah e tal o Nandinho-alarga-a-gola, blá, blá, blá,...
Ah e tal o Nuno Gomes, blá, blá, blá...

Com isto tudo, assobios e outras coisas mais o Benfica não perde em casa para o campeonato há mais de um ano!
E isso só mostram as equipas campeãs.
Mas continuem a cascar no Nandinho, com o Trapatonni deu sorte!

Yupie, em relação ao teu comentário:

"Eu não vi o jogo do porto esta semana, mas pelo que leio aqui na net parece que foi mais uma "daquelas" vergonhas à anos 90."

Posso afirmar que se o Benfica ganhasse assim com dois golos irregulares e um pénalti ridículo daqueles tínhamos conversa para 5 anos no mínimo, o normal portanto.
Mas desde que não seja o Benfica, eles até gostam...


Força Benfica

 
At 2/27/2007 12:03 da tarde, Anonymous Anónimo said...

o simão é o simão tá tudo dito mas o karagounis pra mim dá vontade de rir ele com aquelas pernas tortas ninguém lhe tira a bola e naquele lance do 2 golo incrível a "cambalhota" que ele deu ao jogador pacense.....é só rir continua assim karagounis e o benfica a jogar assim faz-me lembrar o benfica da penúltima vez que foi campeão em 1994 se continuarem assim não só é possivel como muito provável......e repito pra variar karagounis melhor em campo meio a sério meio a brincar mas mais a sério

 
At 2/27/2007 1:47 da tarde, Blogger SL&MARINHA said...

E o terceiro golo deles, rato, tem origem num lance igualmente irregular, pois o adriabo está em nítido fora de jogo na jogada que dá o canto... para além da frangalhada, mais uma, do gr adversário!!!

Ah, e grande jogo do Benfica... ainda não vi nenhuma equipa a jogar assim na superliga este ano...

 
At 2/27/2007 2:15 da tarde, Anonymous vosé jeiga said...

Bom jogo

finalmente nuno gomes a antecipar-se ao defesa e a marcar um excelente golo! o banco fez-lhe bem!

Miccoli é um grande jogador!

zé mota é um cromo...e o paços acaba com 11 jogadores sabe-se lá como...

quanto ao fernando santos, contas no fim. para já, fomos despachados vergonhosamente pelo varzim da taça e não conseguimos o apuramento para os oitavos da LC num grupo acessível...isto infelizmente são factos...

resta a liga e uefa.

 
At 2/27/2007 2:55 da tarde, Blogger Urra Apre said...

Menciono também o Nuno Gomes porque esteve muito melhor do que nos últimos jogos. (...)Pareceu muito mais solto, mais confiante com a bola nos pés (...). Parece que o banco em Bucareste lhe fez bem.

Acho é que desta vez estiveste mais atento ao Nuno Gomes ;)), principalmente porque voltou aos golos. O Nuno das assistências, solto nas alas, a apoiar na defesa, a vir buscar jogo atrás já não é novidade. Há é jogos diferentes e disposições diferentes. Depois há que contar que do outro lado há outra equipa e as marcações são por vezes cerradíssimas.
Acho que o que o Nuno precisa mesmo de ser espicaçado para de quando em vez (ontem foi o caso) dar um "estalo" de luva branca aos seus detractores.

A relação entre as palavras do zé mota e a actuação real do paraty, é o costume destas equipazecas que jogam contra o Benfica. Admirei o jogo corajoso do Paços, mas após ouvir os dislates daquele palhaço perdi-lhes logo o respeito a estes perdedores natos que não saem da cepa torta porque simplesmente não têm categoria para almejar muito mais.

O paraty irritou-me não especialmente por certas faltas que não marcou (a que falas do Luisão e que daria o empate se o pacense não falhou foi de gritos), mas porque mostrou tê-los no sítio ao amarelar por protestos, mas um autêntico cobarde ao não expulsar 2 do paços por acumulação de amarelos na sequência de faltas ditas verdadeiras.

PS - na Choupana o 2º golo foi assistência do petit, tinhas razão D'arcy, devia ser o meu subconsciente a lutar para que tivesse sido o Nuno a estar nos 2 golos ;))

 
At 2/27/2007 2:59 da tarde, Anonymous Telmo said...

Benfica a jogar com estofo de Campeão e a mostrar que tem tudo para o ser!

Note-se que estamos com grandes possibilidades de ganhar o campeonato mesmo com os inúmeros erros de Fernando Santos ao longo da época o que diz bem da qualidade do plantel, embora reconheça que o treinador conseguiu meter a equipa motivada e a jogar bem, e por isso tiro-lhe o chapéu, só é pena aquela gestão do banco.....e agora é essencial fazer uma boa gestão dos cartões antes do jogo com os corruptos.

Infelizmente os corruptos ainda andam à solta e não me parece que vão deixar o Benfica ganhar assim tão facilmente, e dentro das 4 linhas já se viu que não conseguirão...

 
At 2/27/2007 3:18 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Para mim, em relação ao Nuno Gomes, a grande diferença neste jogo foi que ele mesmo quando veio atrás ou às alas buscar jogo conseguiu manter a posse da bola, e passá-la a um colega, em vez de ser facilmente desarmado.

O Mota lá acabou por admitir que o resultado era justo, mas não resistiu à tentação de criticar o árbitro quando não tinha motivos nenhuns para tal. Eu acho que isto acontece porque os treinadores que jogam contra o Benfica conseguem ver a glória efémera ali tão perto, mesmo ao alcance das mãos deles. Basta uma vitória para que andem nas luzes da ribalta durante a semana seguinte, e depois quando esta vitória não acontece sentem-se frustrados, e procuram arranjar bodes expiatórios. O árbitro é sempre o alvo mais fácil.

 
At 2/27/2007 4:18 da tarde, Blogger Filipe said...

O Nuno fez uma exibição perfeitamente banal...a diferença foi q desta vez marcou. Agora já é o maior? Aprendeu agora a jogar? Já sei o q ele estava a pensar no banco de suplentes, no jogo contra o dínamo:"Ahh e tal e se eu fizesse uns remates de primeira no próximo jogo? Já sei, vou procurar antecipar-me aos defesas centrais nos cruzamentos!" Bla bla bla Pa semana faz uma exibição idêntica, mas n marca e chamam-lhe menina...whatever...tou cansado deste tema...

 
At 2/27/2007 4:24 da tarde, Blogger ratogoleador said...

D'Arcy,

Para mim, em relação ao Nuno Gomes a grande diferença neste jogo foi que ele marcou golo.

Aliás, é um erro muito comum cá no burgo, um jogador pode estar fazer um jogo medíocre mas passa logo a melhor jogador se fizer um golo, nem que seja às 3 tabelas. E o contrário também acontece, para mim o Nuno tem jogado bem mas desta vez a diferença foi o golo, senão estariam para aqui a relembram o falhanço antes do golo.

Felizmente ontem desapareceram os assobios ao Nuno, agora só falta acabar os mesmos ao Nandinho!


;)

 
At 2/27/2007 5:09 da tarde, Blogger T-Rex said...

Ao teu título só acrescentaria "mas escasso".

Espero que se mantenha esta performance mesmo com as gaffes do Santolas. Se assim for temos campeão! ;)

PS:This comment moderation is killing me!!!!

Vedeta ou Marreta ?
Pernas de Pau
Comentários da Bola

 
At 2/27/2007 5:36 da tarde, Blogger Filipe said...

ratogoleador: Nem mais...

Qt ao nandinho, gostava ainda de perceber qual é o problema...A equipa tem um futebol agradável de se ver, o onze q joga, penso q é pacífico para a maioria, q é o melhor onze q pode jogar, qual é o problema? As substituições? Bem, ele podia tirar o Petit, para pôr o...n, tirava o katsuranis e punha o...Ahh, já sei, temos o Derlei para pôr...e temos o....já disse o Derlei n já? Hm...Falando a sério, à excepção do Derlei, s eu fosse o F. Santos, e com o banco q temos à disposição, fazia as substituições mais tarde ainda...

 
At 2/27/2007 6:24 da tarde, Blogger Filipe said...

Estava numa aula, qd o meu pai me telefonou, a informar da contratação do F. Santos, uns dias antes de ela ser oficializada (sim, ainda há fugas de informação no clube). Fiquei fdd, disse cobras e lagartos, hj engulo uma a uma as palavras q disse na altura. Continuo a achar q é um treinador mole, q n retira td o q um jogador tem para dar, mas n posso concordar com as constantes ofensas ao nosso treinador, sem justificação aparente...mais parece q estamos arredados de todas as competições q nos propusemos ganhar... Ele pegou num plantel(q na minha opinião foi mal construído, mas n é isso q interessa agora), mudou o sistema táctico, teve muitas dificuldades iniciais derivado das lesões, mas a pouco e pouco a equipa foi assimilando e melhorando o nível exibicional. Hj, pode-se dizer q jogamos bem à bola, n temos casos aparentes de indisciplina no plantel, estamos na corrida pelo título no campeonato e na taça uefa. N me digam que o F.S n tem mérito nisto.
N digo para sermos como carneiros atrás do pastor, mas já paravam com as bocas...

 
At 2/27/2007 7:32 da tarde, Blogger Pedro said...

NOTA: O lance q valeu o amarelo a Luisão por protestos não é falta. Luisão refila mas sem qqr razão!

 
At 2/27/2007 10:11 da tarde, Blogger Urra Apre said...

PS:This comment moderation is killing me!!!!

Make it 2!! :((

D'arcy pára lá com o lápis azul ;)

 
At 2/28/2007 12:17 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Acho que sabem bem porque é que tive que recorrer à moderação de comentários... eu também não gosto nada de o fazer, mas às vezes não tenho outro remédio. Mas pronto, a pedido de várias famílias regresso à forma original :)

Em relação ao Nuno Gomes (e depois não digo mais nada sobre isto, que já começa a enervar-me qe os benfiquistas passem tanto tempo a discutir a mesma coisa). Eu não tenho nada contra o Nuno Gomes. Nem contra qualquer jogador do Benfica. Quando um jogador do Benfica joga mal, eu digo 'Ele jogou mal'. Seja o Nuno Gomes, seja o Simão, seja o Rui Costa. E não vale a pena tapar o sol com uma peneira: o Nuno Gomes andou a jogar mal e porcamente uma série de jogos seguidos, para grande pena minha porque é um jogador que eu admiro, e que sei que em forma é imprescindível ao Benfica. Mas que ele andou a jogar mal, andou, e eu não tenho quaisquer problemas em dizer isso. Agora desculpem lá, mas não me venham tentar convencer que eu não tenho olhos na cara, e que ou não sei ver futebol, ou não percebo nada disto, e que o Nuno Gomes ontem jogou tal e qual como tinha andado a jogar nos últimos jogos, sendo a única diferença que ontem marcou um golo. Isto não é verdade. Eu sei reconhecer o trabalho de um avançado mesmo quando marca, e o problema é que o Nuno não só não marcava como regra geral era o finalizador de quase todas as jogadas de ataque do Benfica que lhe passavam pelos pés. E por 'finalizador' quero dizer que as jogadas acabavam sempre nele, seja de que maneira fosse. Ou num fora-de-jogo, ou numa perda de bola infantil, ou num remate torto ou interceptado (mais raro). Ontem isto não aconteceu: ele deu seguimento às jogadas em que participou, e até ganhou a bola de cabeça dentro da área ao central adversário no lance do terceiro golo. Há quanto tempo não víamos o Nuno fazer um lance desses?

 
At 2/28/2007 1:00 da manhã, Blogger Filipe said...

D'Arcy, qt queres apostar comigo q a mesma exibição de segunda-feira, mas sem o golo, iria dar azo para as pessoas q falavam mal dele continuarem a falar? Que ele andava em baixo de forma, já todos mais ou menos concordámos, agora n fez nenhum jogão contra o Paços, n se reinventou, jogou dentro daquilo que pode e sabe fazer...

O Benfica faz hoje anos!

É lapis azul é q é! :D Para mim é igual, o moderador é q sabe...

 
At 2/28/2007 10:36 da manhã, Blogger Pedro said...

Filipe uma nota importante:
Contra o Paços o Nuno teve uma oportunidade e marcou. E teve a oportunidade pq lutou por ela.

Se ele não marca golo acredita q eu valorizava a exibição dele pq ele lutou, ganhou lances, fez jogar, movimentou-se bem para as alas, etc.

Eu critico o NG qd ele tem carradas de oportunidades de golo (provavelmente o avançado da LBwin com mais oportunidades) e não as marca!!!!!

 
At 2/28/2007 10:46 da manhã, Blogger ratogoleador said...

D'Arcy,

Não pretendi enervar ninguém e se há algo que me faz voltar ao teu blog é porque concordo com a tua maneira de ver e viver o clube.

Mas embora com opiniões diferentes não quis colocar em causa a tua capacidade de análise ao jogo:

"Agora desculpem lá, mas não me venham tentar convencer que eu não tenho olhos na cara, e que ou não sei ver futebol, ou não percebo nada disto"

Mesmo porque um golo motiva qualquer avançado para uma melhor exibição e após o golo tudo parece ser mais fácil como foi.

Ás vezes mesmo concordando com as vossas criticas adopto uma postura de defesa das nossas cores devido aos ataques, tudo no Benfica tem uma dimensão maior e maior parte das vezes exagerada.

Hoje saiu um artigo no jogo que explica em parte a minha visão é o nosso problema da grandeza:

"Crises

RICARDO LEMOS

A discussão em torno da seca de golos de Nuno Gomes foi tão grande que até conseguiu enviar o fastio de Hélder Postiga para segundas núpcias: enquanto o registo do ponta-de-lança encarnado merecia parangonas, os remates frustrados do avançado do dragão surgiam sempre, timidamente, nos rodapés das páginas de jornal. O golo apontado ao Paços de Ferreira teve, no entanto, o condão de tirar Nuno Gomes dos holofotes da desgraça, servindo, ao mesmo tempo, para recuperar a confiança de um público que não conseguiu ser imune ao que foi lendo e ouvindo nas últimas semanas - os aplausos que o ponta-de-lança recebeu antes do início do encontro e a ovação com que foi brindado nos descontos da partida, quando saiu do relvado, são, porém, um indicador claro de que a empatia está, de novo, bem viva. No meio da relação conturbada que o camisola 21 viveu, nas últimas semanas, com os adeptos, destaque para o papel de Fernando Santos, que geriu na perfeição a decisão de colocar o avançado no banco de suplentes na partida com o Dínamo - "Será titular com o Paços", disse então o técnico. Com um golpe certeiro de cabeça, Nuno Gomes conseguiu colocar o Benfica numa posição privilegiada na partida com a equipa de José Mota, deu uma resposta cabal a quem dele duvidava e deixou para... Hélder Postiga o ónus de ter de viver sozinho com a crítica.

P. S. Miccoli tem de ter cuidado... Há dois jogos seguidos que não marca. O melhor mesmo é começar já a falar-se de crise. "


Desde já as minhas desculpas mais uma vez não pretendi enervar ninguém, para isso basta voltar o nosso "amigo" de estimação.

 
At 2/28/2007 11:07 da manhã, Blogger tma said...

A justiça da vitória neste jogo é incontestável, como tem vindo a ser hábito nos jogos em casa (só com o Boavista, por manifesto azar/aselhice, é que não ganhámos).
Como sempre há sempre alguns que, com naturalidade, se destacam, mas o importante é que a equipa funcionou bem como um todo, excepto no final da primeira parte/início da segunda, onde me pareceu que a equipa estava a tentar economizar esforços. O "susto" do golo e do remate a razar o poste do João Paulo serviram para reanimar a equipa e resolver o jogo para não ter de acabar o mesmo em sobressalto...
Queria ainda dizer que o golo que mais efusivamente festejei foi o do Nuno Gomes... Não que prefira os golos do NG aos do Simão ou restantes jogadores (nesse aspecto, para mim a preferência é bem clara: é que sejam, "simplesmente", do Benfica), mas pela forma como o marcou, pois foi como que uma resposta às críticas de que tem sido alvo (até parece que ele esteve a ler este blog ;-) ). E digo isto não só pelo Nuno Gomes, mas acima de tudo porque ele é jogador do Benfica, e nessa condição, é fundamental poder (voltar a) contar com os golos dele e espero, portanto, que este golo seja um bom indício.

 
At 2/28/2007 11:07 da manhã, Blogger tma said...

Falando agora do nosso "Santolas": tal como os demais, também critiquei a sua contratação, assim como o critico pelo mau arranque da temporada e pela inexplicável apatia da equipa em jogos determinados jogos (fora), depois de algumas boas exibições que faziam querer que a equipa já estava a "carburar" bem...
Isto para não falar da gestão das substituições e do plantel, de um modo geral (e valha-nos que ele tenha "deixado" ficar o Karagounis, que com o Assis suspenso e o Rui Costa lesionado, tão importante está a ser para a equipa).
No entanto, há um mérito que lhe temos de reconhecer e que espero que não se perca no futuro: a capacidade do Benfica, nos jogos em casa, dominar por completo o jogo e apresentar um futebol de ataque que por vezes consegue mesmo ser espectacular. Já há uns bons anos que não se via isso de forma tão consistente, ao longo do campeonato.
O problema é que nos jogos fora é que a coisa tem sido mais complicada... Não se compreende o que se passou contra o Varzim (sobretudo, a apatia dos jogadores), mas contra o NAcional e contra o Dínamo de Bucareste (depois de sofrer o 1-0), por exemplo, já se viu o Benfica a assumir o controlo do jogo sem quaisquer complexos por jogar fora (e mesmo sendo a claque do Nacional a mais irritante do mundo), como aliás é exigível ao Benfica, pois mesmo jogando fora, tem a obrigação de assumir (e tentar traduzir) a sua superioridade teórica.
Já agora, diga-se que o jogo contra o Aves é uma boa oportunidade para o Benfica demonstrar que a derrota com o Varzim foi 'apenas' um mau dia, pois por muito esforçado que possa ser o Aves e por muitas dificuldades que possa criar (não nos esqueçamos que arrancou um empate no WC...), não espero não espero outra atitude do Benfica que não a de assumir o jogo nem outro resultado que não a nossa vitória.

 
At 2/28/2007 11:09 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Quando eu disse 'enervar' não quis dizer que ficasse chateado contigo ou com quem quer que seja. Apenas acho por vezes aborrecido que em quase todos os posts se acabe a discutir a performance do Nuno Gomes, é tudo :)

Se há pessoa que liga pouco ao que a imprensa diz sobre o Benfica e os seus jogadores sou eu. Por isso tanto se me faz que os jornais digam que o Nuno está em crise ou não. O que me interessa é o que eu vejo em campo, e a verdade é que nos últimos jogos andava a ver um Nuno Gomes irreconhecível. E quando eu vejo isso, eu digo que ele está a jogar mal. Não fico com um peso na consciência por dizê-lo, porque para mim não há vacas sagradas np Benfica. Conforme disse, nem se fosse o Simão ou o Rui Costa: se eles jogarem mal, eu vou dizer que eles jogaram mal. E é por isto que me aborrece um pouco quando eu reparo que às vezes parece que é proibido falar mal deste ou daquele jogador, mesmo quando é evidente que eles estão em má forma.

 
At 2/28/2007 11:48 da manhã, Blogger ratogoleador said...

Ok, D'Arcy,

Também concordo contigo em relação às vacas sagradas mas não temos alternativas ao Nuno, pelo menos com o mesmo sistema. (O Derlei não faz o mesmo)

E a verdade é que é uma decisão complicada para um treinador, encostar o avançado que não marca, pode fazer bem ou pode fazer "bueno".

Eheheheheh...é sempre complicado.

Abraços e viva o Benfica

 
At 2/28/2007 11:53 da manhã, Blogger tma said...

Ainda em relação ao FS, também acho que só será justo avaliá-lo no fim da época, e que dependerá muito do desempenho do Benfica nos jogos fora.
Obviamente o que se lhe exige é que o Benfica lute pelo título até ao fim e que faça um bom percurso na UEFA (e que sobretudo, que ganhe as eliminatórias que são da "obrigação" do Benfica ganhar, como acho que é esta contra o PSG).

 
At 2/28/2007 12:13 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Note-se que nunca ninguém me viu aqui defender a titularidade do Derlei. Ele ainda terá que fazer muito para me convencer, porque até agora não me impressionou nada.

Quanto ao Nandinho, eu barafustei quando ele foi nomeado, e no início da época. Depois disso já não valia a pena, porque eu detesto 'chicotadas'. A partir daí foi esperar pelo melhor, e no final da época logo se verá se os resultados justificam a sua continuidade ou não.

Uma coisa é certa: esta época já vimos o Benfica jogar com uma qualidade como há muito os benfiquistas não viam.

 
At 2/28/2007 12:23 da tarde, Blogger ratogoleador said...

Exacto D'Arcy,

Em relação ao Nandinho só tenho receio que seja outro Peseiro... e estava tudo ali tão perto...!

Entretanto na arbitragem nada de novo mais um jogo difícil para o Porto mais um arbitro amigo... nada muda, enfim (para quem não saiba foi nomeado o Olegário).

Para não falar da expulsão do Wender... tem sido sintomático os melhores jogadores nunca jogam contra o Porto, porque será?

 
At 2/28/2007 5:23 da tarde, Anonymous born again Indio said...

EFEMÉRIDE

"O Benfica nasceu em 28 de Fevereiro de 1904, ainda sob a designação de Sport Lisboa ou, se se preferir, Grupo Sport Lisboa e resultou de um somatório de vontades de uns quantos jovens oriundos do polpular Bairro de Belém, na sua grande maioria alunos da Real Casa Pia de Lisboa...."
Fundadores: António Zeferino, Cosme Damião, Francisco Calisto, Francisco Reis Gonçalves, Henrique Teixeira, João Inácio Gomes, João Goulão, Joaquim Almeida, Joaquim Ribeiro, Jorge Augusto de Sousa, jorge da Costa Afra, José Linhares, Manuel França, Raúl Empis e Vergilio Cunha (assinantes da acta da Fundação). Presidente-josé Rosa Ropdeigues, secº daniel brito e o grande tesoureiro Manuel Goularde (o que entrava com a massa) porque os 1ºs tempos foram dificeis.
Em 13 de Setembro de 1908, absorveu o Sport Club de Benfica , cuja principal actividade era o ciclismo, daí a roda no emblema do Glorioso e tambem porque o Benfica não pode deixar de ter esta modalidade.

De lembrar que apesar de ser um clube interclassista, a sua origem foi humilde, de "gansos", e isso ainda hoje se nota, é um clube popular e nas cadeiras do seu estádio não existem "diferenças", só existem adeptos, são todos iguais, são todos benfiquistas.Et Pluribus Unum.
Que contes muitos GLORIOSO!
Para sempre no meu coração!

 
At 2/28/2007 6:22 da tarde, Anonymous José da Silva Maurício said...

.
EXTRA: Olá. Sou do Sporting mas quero dar os PARABÉNS ao Benfica porque este ano está a jogar em EQUIPA, tal como o F.C.Porto, e o Sporting não. FIM DO EXTRA.
.
.
Olá Blogger. Vamos melhorar Portugal?!
.
.
Divulguém o seguinte tema nas vossas JUNTAS de Freguesia e/ou nas vossas PARÓQUIAS. Depois façam TERTÚLIAS sobre o tema.
.
.
.
TEMA: " Má Temática ". Porque é que os Portugueses não gostam dela ?
.
.
.
RESPOSTA 1: Porque não são Burros. Iam lá eles perder tempo com Más Temáticas!!
.
.
RESPOSTA 2: Por causa da ........ Língua ......... Portuguesa!!!
.
.
SOLUÇÃO: Acabem com a Língua Portuguesa e metam todos a estudar INGLÊS. Em especial os Pais.
.
.
EFEITOS NEFASTOS DA LÍNGUA PORTUGUESA:
.
Somos o País mais DOENTE e mais INFELIZ da Europa:
.
i - "Desperta Dôr", "Trabalha Dôr", "Ih Nova Dôr", "Eleva Dôr", Filho "Adora Dôr", .................centenas.
.
ii - "Dó na" Sara, "Dó na" Maria, "Dó na" Manuela, "Dó na" MaDaLena, ................ centenas.
.
iii - Dê Cú (Deco - Defesa do Consumidor), Quer Cús (Quercus - Defesa do Ambiente), Cú Cá Cú Lá (Coca Cola - Bebida), Cú É Tara (Cuetara - Bolachas), Quantos Anús tens? ............
.
.
.
ARTIGOS:
.
Artigo 1 - Parabéns ao Canadá:
.
Os alunos Portugueses, no Canadá, foram ROTULADOS
.
i – “como portadoras de deficiências de aprendizagem
e
ii - com menor grau de aptidões que a população em geral” .
.
em http://jn.sapo.pt/2006/03/05/ultima/filhos_portugueses_discriminados_esc.html
.
.
.
Artigo 2 - Parabéns à Suiça:
.
"Escola impede estudantes de frequentar aulas de português".
.
http://jn.sapo.pt/2007/02/25/sociedade_e_vida/escola_impede_estudantes_frequentar_.html
.
.
.
Artigo 3 - Pais regressam à escola
.
"ensinar os pais dos alunos de 51 escolas primárias e de jardins-de-infância
do concelho a falar em inglês".
.
http://jn.sapo.pt/2007/01/31/porto/pais_regressam_a_escola.html
.
.
Artigo 4 - Ex-professor ensina inglês ao microfone de uma rádio
.
http://jn.sapo.pt/2007/02/04/norte/exprofessor_ensina_inglesao_microfon.html
.
.
SÓ PARA QUEM GOSTE DE LER:
.
"As PALAVRAS ÚTEIS Portuguesas estão, PRACTICA-MENTE, todas XUNGADAS!", em http://eunaodesisto.blogs.sapo.pt/arquivo/2005_12.html#870309
.
.
Braga (mas Lisboeta), 23.2.2007.
.
mauricio_102@sapo.pt

 
At 3/01/2007 9:49 da manhã, Blogger Ahab said...

Pessoal,

O vosso presidente disse (e passo a citar):

Queremos posicionar o Benfica de forma estruturante no mercado asiático

Eu não tenho nada contra o facto de voces quererem ganhar a vida a vender camisolas aos chineses.

Eu só me pergunto porque éé que o vosso presidente não o diz claramente em portugues corrente...

 
At 3/01/2007 10:21 da manhã, Blogger Nuno said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 3/01/2007 10:23 da manhã, Blogger Superman Torras said...

Só foi pena “apenas” estarem presentes 35 mil espectadores. Embora com jogos à 2ª feira à noite não se possa esperar casa cheia. Ao menos se isto servisse para os responsáveis da Liga estipularem regras que não permitissem jogos sem ser ao sábado e ao domingo (ou à quarta-feira em jornadas excepcionais)…

Esta semana então foi um fartote, 3 jogos quase em simultâneo numa 2ª feira à noite. Qualquer dia não há jogos ao domingo à tarde (esta jornada só houve um) e passa a ser tudo jogado à 2ª ou à 6ª feira.

Quanto ao que se passou no relvado, o Simão está a fazer uma excelente época. E isto apesar de estar a jogar numa posição que a meu ver não lhe permite tirar o máximo do seu potencial. Mas com o Paços até isso foi ultrapassado e quem sabe se com o passar dos jogos ele não ganha automatismos para fazer essa posição e está encontrado o nosso médio/avançado desiquilibrador.

O Karagounis também esteve bem, o que também é muito importante para o Benfica pois sem o Assis e sem o Rui Costa as opções escasseiam para o meio campo. A alternativa pode ser demasiadamente ofensiva, e passará pela entrada do Derlei que nesse caso actuará descaído para uma das alas, com preocupações defensivas quando a equipa não tem a posse da bola.

Nuno Gomes também esteve em bom plano, o golo dele então é uma coisa que ele já não fazia há imenso tempo, não estou a falar do facto de ter marcado um golo (embora o último também já tivesse sido há demasiado tempo) mas sim do movimento que ele fez para o marcar. De certa maneira, embora sem ter a mesma espectacularidade, fez-me lembrar o golo do Drogba no fim de semana passado.

Agora segue-se o Aves onde não poderemos contar com o Luisão, que “limpou” os cartões amarelos. Estou curioso para ver o que é que o F.Santos vai fazer. Se era para lançar o David Luiz penso que a partir do momento em que nos vimos a ganhar 3:1 e o Luisão apanhou o amarelo ele deveria ter metido o jovem brasileiro em campo. Como não o fez, não me admirava que fosse o Katsouranis a fazer o lugar, e entrasse o Beto para o meio campo (sigh).

Aliás é a grande pecha do F.Santos, a forma como gere o plantel que tem à sua disposição. Aquelas substituições a 30 segundos do fim qualquer dia começam a fazer escola. Não temos um plantel óptimo com imensas alternativas para cada uma das posições, mas também não teremos um plantel tão fraco que não permita ao treinador colocar algumas das reservas em campo quando o resultado lá dentro está mais ou menos definido. Ao não o fazer arrisca-se a ter que utilizar um destes jogadores em caso de necessidade e não se poder esperar um rendimento por aí além, pois além da falta de qualidade que em 1º lugar faz com que o jogador não seja opção regular, também teremos que contar com a falta de minutos em campo e consequentemente de confiança no seu valor. Temos, quê, 13/14 jogadores no plantel que contem mesmo para as contas?

Parece-me pouco, sobretudo se, como espero, venhamos a fazer uma longa carreira na UEFA e continuemos na luta pelo titulo no campeonato nacional até ao fim.

 
At 3/01/2007 10:42 da manhã, Anonymous born again Indio said...

Declaração de interesses
Sou benfiquista e quero que todos os treinadores e jogadores do meu clube sejam campeões todos os anos e se possivel que ganhem todos os jogos.
Dito isto seria de uma grande hipocrisia dizer que gosto de todos os treinadores e jogadores do Benfica, no passado no presente e quem sabe no futuro.
Não gostei da contratação do FS mas nos primeiros meses sempre disse aqui que era preciso dar tempo para que se formasse e consolidasse um estilo de jogo (totalmente diferente do anterior)e que a culpa de ter chegado tarde e a más horas, mais as indefinições do plantel (novela Simão,etc...) até finais de Agosto, não foram culpa do treinador.Quando se passaram os meses suficientes p/que as mudanças
tivessem efeito, critiquei-o e critico porque houve uma serie de jogos (como o Tma, acima explica e bem)em que não esteve bem, não rodava a equipa, etc...
O "meu trajecto" foi este, e continuarei a criticá-lo quer o Benfica esteja no 1º , 2º ou qualquer outro lugar.
As minhas criticas não dependem do lugar na tabela mas no que eu considero justo que lhe seja atribuivel em termos de responsabilidade.

 
At 3/01/2007 2:40 da tarde, Anonymous Americano said...

Regresso de férias e venho mandar umas "postas":
- NG: Desculpa D'Arcy voltar a este tema, mas tenho estado fora e por isso muito me alegrou o golo e boa exibição do nosso ponta de lança e tinha que realçar o facto.
- Simão: das poucas coisas de jeito que os animais da TVI disseram foi que um passe falhado do Simão já dava uma notícia! Impressiona a qualidade de jogo, faz tudo bem, mas na minha opinião isso deve-se e muito à liberdade dada pelo treinador. Uma opção muito criticada, mas eu sempre achei que um jogador com a inteligência e qualidade do Simão não pode estar preso a um flanco. Lembrem-se que em épocas anteriores ele já jogou bem a ponta de lança (aliás vai com 2 golos de cabeça recentemente), e a posição 10 é perfeita para ele.
- Karagounis: passa um pouco despercebido, mas é um grande jogador. Trabalha bastante (como todos os gregos daquela selecção que nos roubou o caneco!) e cola a bola aos pés como poucos! está em grande.
-FS: eu também disse 500 palavrões quando o homem foi contratado, mas dou a mão à palmatória, está a sair melhor que a encomenda. "Trouxe" o Katso, tira proveito do Simão e do Karagounis como nunca ninguém conseguiu, somos uma máquina em casa, e continuamos com possibilidades em 2 competições importantes. Tendo em conta o planeamente feito para a época que não se concretizou (situação do Simão com consequências no esquema de jogo), os problemas médicos, o caso Nuno Assis, etc, não me parece um mau trabalho. Ou alguém tem dúvidas que com o Miccoli, o Maestro e o Nuno Assis a tempo inteiro estaríamos à frente (e possivelmente na Liga dos Campeões)?
E sem o colinho do clube-bordel, claro. Como alguém já disse, pelo menos 3 dos 5 golos em Aveiro foram "dourados" e se o Glorioso tivesse uma arbitragem dessas ainda hoje os telejornais estavam a abrir com essas imagens!
Vamos apoiar até ao fim, e aí faremos o julgamente final, esperando que nessa altura todos digam que o NG é o maior ponta de lança de Portugal e que devemos renovar com o FS por muitos anos!! :)

 
At 3/01/2007 4:19 da tarde, Blogger Urra Apre said...

off topic

R.I.P

MANUEL GALRINHO BENTO

De um Benfiquista para outro Benfiquista, um muitíssimo obrigado pelos anos de dedicação, por todos os momentos de glória, pelo espectáculo das defesas que fizeste.

Ficarás para sempre no cofre de memórias de todos nós.

 
At 3/01/2007 7:45 da tarde, Anonymous Johnny Rook said...

Esperei até agora que este post tivesse bastantes comentários para ver até que ponto muitos de vcs referiam a coisa que mais me impressionou neste jogo e que demonstra quanto nós somos diferentes por sermos do SLB ou até que ponto são perdoáveis aqueles que às vezes assobiam.

Infelizmente muitos poucos de voz, aqui, referiram este aspecto. Só 2 ou 3.

Estou a referir-me ao momento arrepiante que se seguiu ao golo do NG. Nós os 35000 não gritamos mais um golo do SLB. Nós demos o maior apoio que é possível dar a um jogador nosso. Repararam no tempo que demoraram as palmas (não os gritos de golo) e que o estádio se pôs todo de pé?

É isto que nos engrandece.

 

Enviar um comentário

<< Home