segunda-feira, março 07, 2011

Orgulho

Acabei de chegar de Braga, e devo dizer que estou contente. Porquê? Primeiro porque consegui ir àquele estádio e ainda tenho a minha carteira, e depois porque sou orgulhosamente do Benfica, e não adepto de uma prostituta reles mascarada de clube de futebol, como aquela contra quem tentámos jogar hoje.

Querem uma crónica do jogo? É fácil: minuto quarenta, e o Benfica vence por 1-0 na cidade de Braga, contra o clube local, golo do Saviola em recarga a um livre do Carlos Martins. E vai conseguindo, apesar da poupança de dois jogadores nucleares, segurar o jogo e o adversário sem grandes problemas. O Javi García faz um alívio junto à linha lateral, em frente ao banco da equipa local. Um indivíduo com pinta de dançarina exótica num qualquer bar de alterne do Reinaldo atira-se para cima dele e, acto contínuo, mergulha para o chão enquanto esperneia, agarrado ao pescoço. Como numa peça de teatro muito bem ensaiada, o banco inteiro da equipa local levanta-se aos guinchos e pulos simiescos, o árbitro assistente (que apenas 'por acaso' é o mesmo que nos roubou um golo e um penálti no jogo em Guimarães) agita a bandeira, e o Xistra, que nada viu (porque nada se passou) dá vermelho directo ao nosso jogador. Para piorar, do livre que se segue - que deveria ter sido ao contrário, porque a falta é da dançarina exótica, que carregou o Javi quando ele aliviou a bola - sai um chouriço do jogador local que, de forma completamente não intencional, leva a bola a entrar na baliza. E assim, no espaço de um minuto, o Benfica deixa escapar da mão um jogo que estava perfeitamente controlado. Na segunda parte, a jogar em inferioridade numérica, lutámos enquanto foi possível e acabámos por sofrer o segundo golo num remate de longe, sem grandes hipóteses, da autoria de um dos dois cretinos que o ano passado agrediu impunemente o Cardozo ao intervalo.

Compreendo a necessidade de se poupar algumas unidades nucleares, até por sabermos que o destino deste campeonato começou a ser traçado fora das quatro linhas desde as primeiras jornadas. Mas disse logo no início que contra estes energúmenos é que não gostava mesmo nada de poupanças. Estes tipos nem um clube são. São uma tentativa de imitação de algo. E uma imitação reles. Tentam imitar merda, mas nem merda conseguem ser. São merda de pechisbeque. São as provocaçoezinhas reles de clubeco pequenino. Não dizerem 'Benfica' uma única vez, referindo-se a nós como o 'clube visitante'. Os insultos constantes, partindo do próprio speaker do estádio, que chegou mesmo ao ponto de, com o jogo a decorrer, berrar insultos ao Benfica pelo sistema sonoro do estádio, incitando as pessoas nas bancadas que fossem suficientemente imbecis para o fazerem a imitarem-no. As bolas de golfe, isqueiros e moedas com que os nossos jogadores foram bombardeados - o Cardozo levou com uma bola de golfe no joelho, o Martins foi atingido quando se preparava para marcar um livre, o Fábio e o Maxi foram alvos constantes durante todo o jogo. As repetidas atitudes fiteiras e provocatórias dos próprios jogadores locais durante os noventa minutos. E no final, ganho o jogo, parecia que tinham sido campeões do mundo, de joelhos a agradecer ao céu, e cortejos de imbecis a buzinar pela cidade fora. Compreende-se: as putas reles ficam sempre contentes quando pensam que conseguem agradar ao seu chulo - que depois as espanca enquanto lhes jura que são as preferidas dele.

Acaba por ser emblemático que este campeonato leve aquela que deverá ser a estocada final desta forma. Da mesma forma que começou a ser cozinhado em Agosto e Setembro. Quanto aos nosso jogadores, só tenho a dizer que me sinto imensamente orgulhoso. Orgulhoso por ser do Benfica, e orgulhoso por tê-los no meu clube. Perante o ambiente doentio e intimidatório que vi hoje, portaram-se sempre de forma digna, nunca perderam a cabeça e souberam resistir a todas as provocações. Pergunto-me quantos seriam capazes do mesmo. Pergunto-me se alguma equipa, alguma vez, visitando a Luz, teve que passar por aquilo que os nossos jogadores têm que passar todos os anos quando visitam o Ladrão, e agora quando visitam este sucedâneo de clube. Nem sequer a lagartagem, que é o nosso grande rival histórico, eu alguma vez vi descer a este nível.

A nossa equipa deu-nos dezoito vitórias consecutivas, e ao décimo-nono jogo viu a vitória ser-lhe surripiada. Se alguém pensa que isto nos faz esmorecer, engana-se, porque só nos faz mais fortes. Estou com esta equipa incondicionalmente e até ao fim. E na próxima quinta-feira, lá estarei a gritar por eles, para que dêem início a uma nova série de vitórias. De forma digna, dentro do campo e fora dele.

8 Comments:

At 3/07/2011 9:34 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Como é sabido por todos, o ano passado o Glorioso ganhou de forma justíssima e distinta o campeonato nacional de futebol.
Para tirar mérito, denegrir ou pura e simplesmente por pura idiotice, alguns energumenos azuis que escrevem em foruns e blogues ou participam em debates na TV ou rádio juntaram-se e a uma só voz passaram "ad nauseam" a ideia de que aquele campeonato estaria inquinado e seria o "campeonato dos tuneis".
Meus amigos, está na altura de lhes devolvermos a gentileza.
Porque este é notoriamente um campeonato com dados viciados e onde imperou uma violência nunca antes vista de que o Benfica foi alvo nas deslocações ao norte, proponho que lhe coloquemos o nome de "campeonato das bolas de golfe".
Este será mesmo o CAMPEONATO DAS BOLAS DE GOLFE e não a Liga Zon Sagres.


SLB12FCP2 (nick no forum d' A Bola)

 
At 3/07/2011 10:33 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Mais uma vez o Jesus perde em Braga.

Mais uma vez o Benfica perde onde apenas ganhou uma vez nos ultimos 7 anos.

Mais uma vez o Roberto dá um frango numa altura crucial do jogo.
Este GR com 1,90m começou a época a dar avanço ao FCPorto e ontem deu de vez o campeonato.

Mais uma vez tivémos um jogador expulso. Penso que já é a 6ª vez esta época que não acabamos com 11.

O Campeonato já estava inquinado à muito tempo. Esperemos que a abordagem às outras competições seja feita com o máximo rigor.

 
At 3/07/2011 5:15 da tarde, Anonymous slb4ever said...

O Portugal dos pequeninos no seu melhor.

Poupanças dos jogadores, opções táticas, o erro do Roberto, a derrota. Tudo isto passa para segundo plano depois do que se viu ontem na pedreira, lugar q realmente faz juz ao nome pois estava repleto de calhaus.
Critico sim a atitude passiva e complacente dos dirigentes e equipa técnica perante o q se passou. Quando o segundo jogador foi atingido recolhiam aos balneários, ser atingido por bolas de golf ñ é brincadeira e o jogo era de futebol penso eu.
Claro q para o Xistrema e sua equipa a violencia gratuita premeditada e provocada ñ por um grupo de adeptos e sim criminosos é normal e bonita de ser vista em direto para todo o mundo.
Os media depois do espetáculo desmesurado q fizeram em Alvalade acham isto normal?
O campeonato estava entregue ao PORKO desde o início, eles q fiquem com essa taça corrupta, pode ser q se engasguem.

Campeões somos e com esta atitude sempre seremos, et plurubus unum

 
At 3/07/2011 6:27 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Não percebo que o Jesus tenha desistido do campeonato logo neste jogo. Com a equipa principal cilindrávamos aquele bando de aprendizes de mafioso.

O Quim mostrou uma vez mais o que já sabíamos desde os tempos do Moretto, é um nojo como ser humano. Se o visse na rua cuspia-lhe em cima.

 
At 3/08/2011 12:43 da manhã, Anonymous slb4ever said...

JFilipe acreditavas mesmo até este jogo q o campeonato ainda era possível?!
Compara os critérios e decisões das equipas de ladroagem nos jogos do porko e os nossos desde o início do campeonato. Esta época tem sido por demais não existe qq tipo de vergonha ou descrição, os mérdias estão sempre prontos a passar uma esponja fétida pelos casos desviando atenções para outros assuntos e mentindo descaradamente.
A direção ñ pode tolerar agressões repetidas aos jogadores e adeptos, corte total de relações com o brega e o PORKO já, os seus animais na luz ñ são permitidos bilhetes 0.
A liga + o xor bitor pereira tá na hora de levarem uma grande corrida acompanhados pelo merdail e + uns quantos pintos.
Já agora q se passou com o calhau do quim?

 
At 3/08/2011 11:27 da tarde, Blogger S.L.B. said...

http://discussoesbenfiquistas.blogspot.com/

 
At 3/09/2011 10:49 da manhã, Anonymous Anónimo said...

A equipa não soube reagir à pressão.
A equipa não soube gerir a vantagem de 0-1 que detinha.
O nosso GR dá patos atrás de patos colocando em causa objectivos de toda uma estrutura.

Naturalmente que a frustação é enorme e a procura de desculpas torna-se banal.

Agora o jogo que o Braga fez, como não tinha ainda feito esta época, só confirma a grande motivação (€€) que existia em compadrio com os corruptos

 
At 3/09/2011 5:18 da tarde, Blogger joão said...

Anonymous 3/07/2011 9:34 AM tentar não custa mas não vai ter muito sucesso porque a campanha anterior só teve o sucesso que teve porque a lagartagem fez de trompeta e ecoou esse comentários agora estão muito caladinho e aplaudem, para eles basta nós não ficarmos em primeiro e é como se fossem campeões, mas o pior é que se algum dia eles se aproximarem do primeiro lugar ainda lhes fazem pior.

Anonymous 3/07/2011 10:33 AM e dessas sete três delas perdemos por frangalhadas dos guarda-redes duas do Quim e agora a do Roberto.

slb4ever as poupanças e o erro do Roberto não são o segundo plano são o primeiro porque a roubalheira é o normal vem desde a primeira jornada e vinha a intensificar-se nos últimos cinco ou seis jogos com golos anulados, penalties não assinalados, expulsões sem sentido. O erro dos dirigentes foi enquanto estávamos a ganhar não fazer nova denuncia como em Setembro agora a situação é branqueada com o tradicional só se queixam quando perdem. Aliás este erro tem sido cometido por todas as direcções desde que me lembro ou seja desde o Fernando Martins sempre com o argumento que enquanto estamos a ganhar é melhor não atiçar a ladroagem porque podem vir com mais forças mas nunca aprendemos e eles mesmo que não se diga nada vem sempre com mais força.
Os media não dizem nada porque é normal e estão com a razão os clubes não são castigados, quando o diabo de gaia invadiu o campo a ver se não fizeram logo um cagarim, isto só pode mudar se bloquearmos e não cooperarmos com os medias que branqueiam estas situações.

JFilipe ele desistiu agora porque não podia aguentar mais já no último jogo para o campeonato ele devia de ter feitos estas alterações e se as tivesse feito provavelmente não tínhamos ganho o jogo, o Salvio e Gaitan se lhe tapassem a boca rebentavam.

 

Enviar um comentário

<< Home