quinta-feira, janeiro 19, 2006

Conspirações

Tenho-me entretido com a imaginação fértil dos teóricos de conspirações, que conseguem encadear as ideias mais mirabolantes de forma a construirem os cenários mais inacreditáveis que, na mentalidade distorcida deles, demonstram uma infindade de tácticas subterrâneas utilizadas pelo Benfica de forma a alterar a verdade desportiva deste campeonato. Isto até começou a época passada, aquando do Estoril x Benfica, sobre o qual foram ditos dos maiores dislates de que tenho memória terem sido ditos sobre a alteração do local de realização de uma partida de futebol. Mas a estupidez não tem limites, e este ano os teóricos têm-se superado, e apresentado cenários ainda mais estapafúrdios.

Comecemos pelo caso do Vitória de Setúbal. Como toda a gente sabia, o problema com o atraso no pagamento de salários neste clube arrastava-se praticamente desde o início da época. Perto do jogo do Benfica, e depois de, se bem me lembro, dois ou três pré-avisos, os jogadores fartaram-se e começaram a rescindir os seus contratos. Houve três ou quatro que optaram por esta via, tendo ido jogar para outros clubes. Um dos que pediram a rescisão foi o José Fonte, que depois acabou por ir jogar para o Benfica (tendo o Benfica ainda assim optado por indemnizar o Vitória). Pronto, o caldo estava entornado. Porque obviamente o Benfica é que estava por detrás disto tudo. Tentando interpretar o raciocínio dos nossos acusadores, calculo que tenha sido o Benfica quem proibiu a direcção sadina de regularizar os ordenados, de forma a que os jogadores rescindissem precisamente naquela altura (devemos ter subornado o Chumbita para fazê-lo). Os jogadores não rescindiram por estarem fartos da situação, nem sequer pelo facto de se estar a aproximar a reabertura de mercado, altura ideal para encontrar um novo clube, ainda para mais com a vantagem de poderem ser adquidos a custo zero. Rescindiram porque o Benfica não deixou o Setúbal pagar-lhes os ordenados, e ainda por cima foi falar com os próprios jogadores, coagindo-os a rescindirem precisamente antes do jogo com o Benfica. E também fizeram o mesmo com o treinador Norton de Matos. Isto parece estúpido, é verdade, mas até o Miguel Sousa Tavares expôs este estratagema benfiquista na sua coluna semanal n'A Bola, para que todos pudessem ser brindados com as conclusões que a sua brilhante mente analítica tinha deslindado. Mas não nos ficámos por aqui: o próprio Moretto já jogou sabendo que vinha para o Benfica, tendo por isso facilitado. Toda a gente se recorda da exibição patética que ele fez contra nós (tentou inclusivamente oferecer um golo ao Miccoli, ao fintá-lo dentro da área, mas o italiano não devia estar avisado da tramóia). E depois deu aquele frango monumental que nos permitiu ganhar o jogo (mesmo no finzinho de forma a não dar muito nas vistas e a não permitir que os seus colegas - que não vinham para o Benfica - tivessem tempo de reagir ao golo).

A mafiosice continuou no jogo em que recebemos o Paços de Ferreira. Sim, porque depois de os termos derrotado por 2-0, num gambito brilhante do José Veiga pegámos no mesmo José Fonte que tínhamos roubado estrategicamente ao V.Setúbal e colocámo-lo a jogar na Capital do Móvel. Obviamente que há escutas telefónicas que provam o acordo feito entre o Veiga e o presidente pacense, em que o primeiro promete oferecer o Fonte ao Paços se em troca estes prometerem facilitar-nos a vida no jogo a realizar em breve. O que se verificou ter acontecido.

Isto por si só já seria motivo para despromover o Benfica à terceira divisão e atribuir o título a um dos arautos da verdade desportiva, mas como as autoridades desportivas em Portugal estão todas feitas com o Benfica, e são coniventes com estas práticas, pudemos continuar a nossa campanha triunfal de adulteração da verdade desportiva. A próxima vítima chamava-se Académica. Mais uma vez colocou-se em prática um estratagema semelhante ao de Setúbal: convencemos o melhor jogador da Briosa a deixar de aparecer aos treinos, e a recusar a representar o clube até que lhe fosse permitido transferir-se, prometendo-lhe uma transferência para o Benfica quando isto acontecesse. Como a dupla Vieira e Veiga é manhosa, fez tudo muito bem feito, convencendo o Marcel a tomar esta atitude mais de um mês antes do jogo contra o Benfica. Assim ele falharia ainda um jogo antes do nosso, e as coisas seriam muito mais discretas. Mas felizmente as pessoas não são estúpidas e toparam logo o estratagema. A Académica só perdeu com o Benfica porque o Benfica tratou de impedir que o seu melhor jogador e marcador o defrontasse. Mais um atentado à verdade desportiva.

E a escandaleira continua. O nosso próximo adversário é o Gil Vicente, e neste esquema alternado de estratagemas lá voltámos a repetir o que foi feito contra o Paços. Ou seja, já está anunciado que o João Pereira e o João Vilela vão ser emprestados ao nosso adversário de amanhã. Isto é uma óbvia compensação pelo facto do resultado já estar comprado, após mais um entendimento tácito entre o Veiga e o presidente do clube adversário. O facto de desta vez serem dois os jogadores a seguirem o caminho do adversário e não um, como se passou com o Paços, é apenas porque o presidente do Gil é melhor negociador, e muito mais difícil de comprar. Desta vez, e ao contrário do que se passou com o Paços, os jogadores foram cedidos antes da partida e não depois. Isto é só para baralhar. Mas de acordo com os teóricos o Benfica não pode negociar jogadores com adversários antes dos jogos contra eles. Nem depois. Ou seja, o Benfica não pode negociar jogadores. Ponto.

O próximo caso já se avizinha. A U.Leiria (clube com evidentes e tradicionais afinidades com o Benfica) está em conflito com a Leirisport devido a uma dívida da última, e ameaça realizar o jogo em que recepciona o Benfica na Marinha Grande caso essa dívida não seja regularizada. Mas alguém duvida que o Benfica está por detrás disto? Nós seríamos os grandes beneficiados com esta situação, portanto desconfio que devemos andar a pagar aos gajos da Leirisport para eles não regularizarem a dívida antes do nosso jogo, de forma a que possamos defrontar a União fora do seu estádio. É uma escandaleira!

E quer-me cá parecer que aquela vitória do Benfica nos Barreiros por 1-0 não deve ser muito alheia à transferência do Manduca, que concerteza já estava acertada na altura. É que o Manduca não jogou nada nesse jogo, e não nos marcou nenhum golo.

(Este texto é baseado nos variados comentários que tenho lido por parte de adeptos adversários em blogs desportivos, jornais online, ou até mesmo em opiniões expressas por alguns jornalistas e/ou comentadores - p.ex. JAL e MST)

30 Comments:

At 1/19/2006 1:58 da tarde, Blogger Superman Torras said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 1/19/2006 1:59 da tarde, Blogger Superman Torras said...

Eu não o diria melhor d'arcy. Tudo isto se deve tão somente à aproximação do Benfica ao 1º lugar, imagina o que sucederá se (quando) ocuparmos esse lugar.

Será parecido com o que se disse e escreveu na época passada mas multiplicado por 2 porque agora as rennies (cujo stock chegou a esgotar em Maio de 2005) já não fazem tanto efeito além de que aproveitam para tratar das coisas como se fosse tudo decorrente do efeito bola-de-neve: Ricardo Rocha mal inscrito na Liga, vitória na taça (2004); jogo com o estoril no algarve (2005), vitória no campeonato; empréstimos/aquisições efectuados em Janeiro envolvendo outros clubes do nosso campeonato aproveitando para tal a reabertura do mercado, bi-campeonato do colo (2006).

Isto está cheio de incoerências mas é mais ou menos este o pensamento que os norteia (no norte e no sul).

A nós o que nos deve tranquilizar é o seguinte pensamento: actualmente o Benfica é o clube melhor gerido do futebol português. E o fosso começa-se a alargar...

 
At 1/19/2006 2:28 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'Arcy, acho que exageras e dás demasiada importância a isto. Trata-se apenas de vender papel. Existe da parte dos adeptos do SLB a ideia de que há algo sinistro por trás disto. Na verdade isto tem apenas a ver com o número de adeptos do clube. Repara que uma notícia que envolva apenas o SCP ou o FCP ou mesmo ambos tem um mercado potencial pequeno. Uma notícia que envolva apenas o SLB tem imediatamente mercado, principalmente se envolver SCP ou FCP. Isto faz com que tudo o que aconteça no futebol em Portugal tenha que de uma forma ou outra meter o Benfica à baila. É por isso que nos jogos do Benfica tendem a meter comentadores imbecis que querem arranjar polémica em tudo o que vêm. Repara que o Benfica Académica deu mais polémica que o FCP-SCP, apesar de os erros no FCP-SCP terem sido muitos e claríssimos. Irrita mas não há nada a fazer.

O MST escreve na Bola porque já se sabe que ele não consegue evitar falar mal do SLB. Assim para além de ser desculpa para os adeptos do FCP comprarem a Bola leva alguns curiosos do Benfica a lerem a coluna para poderem insultá-lo. Se a bola o mantém lá é porque deve representar um acréscimo das vendas no dia em que sai a coluna (conheço alguns adeptos do FCP que nesse dia compram a Bola em vez do Jogo).
Acho que a Bola lhe deve ter dito que quanto mais delirante e mentiroso fosse o artigo melhor.

É o mesmo tipo de coisa que explica que quando o FCP ganha ao Inter a primeira página dos jornais desportivos é à mesma sobre o Benfica. De certa forma nem tudo é negativo, a publicidade é tanta que qualquer iniciativa do Benfica chega junto a um grande público e os adeptos fartos destes comentários apoiam mais a equipa.

A maluquice da imprensa é o preço a pagar por ter mais adeptos que FCP e SCP juntos.
Mas nos jornais não me incomoda desde que seja em artigos de opinião simplesmente passo à frente. Mesmo o programa do Rui Sebantos ou Dia Seguinte, tudo bem, trata-se de lixo, mas pronto, não se espera isenção deles. Se os benfiquistas deixassem de ver esses programas nauseabundos eles acabavam.

O que me incomoda na imprensa é a dualidade de critérios e a injustiça em relação aos jogadores. Não necessariamente apenas aos do Benfica mas esses são os caso que fixo melhor. Por exemplo, o ano passado com o SCP para a Taça o JPereira foi agredido (de leve mas foi uma agressão à mesma) e fez teatro. No dia seguinte foi crucificado pelos jornais e televisões, que ainda hoje o recriminam por isso. O Deco que chegou ao ponto de mandar o Jorge Andrade para a rua por um toque na brincadeira foi apelidado de jogador inteligente por essas e outras do mesmo estilo. Idem para o Nereu, uma jogada em que podia ter feito melhor dá azo a uma primeira página com um "Nereu está cru", no caso do Baía foi por causa duma poça de água (MST dixit).

 
At 1/19/2006 3:08 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Eu não estou a dar demasiada importância a isto. E o exagero, neste caso, é uma figura de estilo que utilizei para brincar com a situação. Eu não acho que exista nada de sinistro por detrás destas teorias malucas. O que me diverte é mesmo pensar que na verdade há adeptos dos outros clubes que acreditam nestas conspirações dignas dos X-Files, e que conseguem imaginá-las :)

 
At 1/19/2006 4:19 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'Arcy, a mim também me diverte. O pior é quando isso nos sai do bolso. A RTPN é uma espécie de canal do FCP pago com dinheiro público (tal como o tal campo de treinos a 500 euros por mês). Como aí não há a preocupação de vender papel ou anúncios podem criar teorias à vontade (eu nunca vejo a coisa mas imagino o que por lá se passa).

O delírio absoluto seria um programa com o MST, Dias Ferreira e o Rui Sebantos, moderado por essa lêndia viva do jornalismo português o Gabriel Alves, e patrocinado pelos jornais Record e o Jogo.

 
At 1/19/2006 5:05 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Record acaba de confirmar que o Rui Jorge vai para o belenenses.

Porque é que ele não jogou contra o sporting? É o sistema! É o sistema!

Isto fazia parte de uma combinação estratégica entre o rui jorge e a sad lagarta! Aquela conversa de ele ter saído magoado é tudo treta!

 
At 1/19/2006 5:12 da tarde, Blogger D'Arcy said...

jfilipe: Essa da 'lêndia viva do jornalismo português' fez-me rir :)) Mas olha que para os não-benfiquistas o Gabriel Alves é um lampião fanático!

Curiosamente não vi ninguém com as mesmas preocupações quando o clube do Lumiar mandou o Wender para Braga e foi buscar o Abel mesmo antes de jogar contra eles. Claro que depois lixaram-se e ficaram a desejar nunca o ter feito, mas isso é outra história.

 
At 1/19/2006 5:18 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Rui Jorge acaba de assinar pelo belenenses.

E claro, não passou tudo de uma combinação estratégica para o jogador não defrontar o sporting na última jornada. Isto já estava planeado há muito tempo...LOL

Conspirações...por acaso é um bom livro!

 
At 1/19/2006 5:22 da tarde, Anonymous Anónimo said...

ups...mandei dois comentários iguais, desculpa lá.

 
At 1/19/2006 5:33 da tarde, Blogger D'Arcy said...

No problem :)

 
At 1/19/2006 5:58 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Anonymous, aconselho-te a ligares-te como other e a escolher um nome ou alcunha, qualquer coisa. Só para ser possível seguir as tuas contribuições.

 
At 1/19/2006 10:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Parabéns !!!
É dos melhores post que li até hoje.

 
At 1/20/2006 9:35 da manhã, Blogger JPC said...

Simplesmente espectacular é o que me apraz dizer!!

 
At 1/20/2006 10:03 da manhã, Anonymous Anónimo said...

D'Arcy:
Excelente. Acabei de ler o post a pensar que estava num blog tripeiro ou spórtenguista.

jfilipe:
Uma coisa é o peso que o SLB tem nas vendas dos jornais.
Outra coisa é consultares blogs do fcp ou do spórtem, leres lá estas teorias da conspiração, e perceberes que os adeptos desses clubes falam a sério!!!
Eles acreditam mesmo nisto, percebes?

Eles não são capazes de reconhecer que o SLB foi campeão com mérito. Porque foi o melhor. Ou no caso do ano passado, o menos mau, mas isso é outra história...
Assim como não reconhecem que nesta altura o SLB tem uma estrutura muito melhor que à 4 ou 5 anos, e por isso luta pela vitória, e isso fruto do trabalho do Vieira e do Veiga.
Mas não, para eles tudo tem sempre outra explicação mais rebuscada, e claro, ilegal.

 
At 1/20/2006 11:25 da manhã, Blogger tma said...

D'Arcy, antes de mais, parabéns pelo post! Está simplesmente espectacular! Tal como disse o Porco, conseguiste apanhar na perfeição a maneira de pensar de muitos lagartos e tripeiros (talvez seja uma minoria, mas é uma minoria "ruidosa").
Curiosamente, no Natal os meus filhos ofereceram-me o Almanaque do Benfica (claro que fui eu que comprei...). Para além de todos os resultados das competições oficiais em que o Benfica participou, existe, para cada época, um breve resumo. O "engraçado" é que, desde os primórdios (antes de 1910), a hostilidade do Cepórtêim relativamente ao Benfica é uma realidade. Desde "roubar" jogadores (que deixou o Benfica à beira do colapso) até recusarem-se jogar com o Benfica no seu campo, por considerarem os jogadores do Benfica "indignos" de o pisarem, entre outras "birras".
Mais tarde, já nos anos 30, foi o Fócúlporto a protestar um jogo em que levou 6 "na pá"...

Por isso, este post tem o mérito de nos fazer rir com essas teorias da conspiração, que é a única atitude possível que podemos ter perante as mesmas, dada a sua "ancestralidade"...

 
At 1/20/2006 11:38 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Todas essas teorias da conspiração são a prova que a Águia vai lá no alto a voar e que os nossos inimigos temem cada vez mais a sua sombra.

 
At 1/20/2006 12:38 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Agora que o sistema é vermelho já dizem "ah e tal, temos que dar tranquilidade à arbitragem...". Já os erros ou juízos arbitrários e sempre em vosso benefício são delírios de torcedores ou opinadores ressaibiados.

O problema neste Futebolzinho de merda que temos é que tudo depende de conjunturas de poder. Os andrades foram descaradamente beneficiados durante grande parte dos anos 80 e 90. Agora é a vez do Benfica. Depois hão de ser os lagartões... Enfim uma tristeza.

 
At 1/20/2006 12:56 da tarde, Blogger tma said...

Caro black:
"Já os erros ou juízos arbitrários e sempre em vosso benefício são delírios de torcedores ou opinadores ressaibiados."

Sinceramente, achar que todos os juizos arbitrários são em nosso benefício, também tem o seu quê de delirante... Obviamente que por vezes somos beneficiados nesses "juizos arbitrários", mas daí a concluir que todos os "juizos arbitrários" são em nosso benefício vai uma grande distância, sobretudo porque isso não corresponde de forma alguma à realidade.

 
At 1/20/2006 1:38 da tarde, Blogger D'Arcy said...

E será que o black me consegue apontar em que parte do meu post eu me refiro à arbitragem? Aliás, qualquer pessoa que visite este blog regularmente sabe bem que eu não tenho por hábito referir-me a questões de arbitragem nos meus posts.

 
At 1/20/2006 3:11 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O fcp emitiu outro comunicado.

Desta vez sobre um suposto jantar entre Veiga e um ex-árbitro.

Enfim, mais uma acha para a fogueira...

Nada a q não estejamos habituados, vindo de quem vem...

 
At 1/20/2006 4:35 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Porco, é claro que os adeptos acreditam nessas coisas, senão os jornais não vendiam. O facto de as teorias da conspiração que saem nos jornais focarem sempre o Benfica é que tem a ver com o número de adeptos. Agora a blogosfera é um meio em que vale tudo, e não se pode acreditar em nada.

Onde se vê o descalabro sportinguista é que ninguém se preocupa em construir teorias de conspiração envolvendo o sporting. As únicas equipas que aparecem como maus de fita são o SLB e o FCP. O sporting tornou-se numa equipa simpática tipo Boavista ou Braga que só nos incomoda na altura dos jogos com eles, fora isso não conta para muito. Como disse o Koeman só o Porto me preocupa.

Para alguém com a minha idade o apagar do SCP é no entanto um pouco estranho. Como disse o tma, a relação do sporting com o Benfica sempre foi especial, desde o início da história deles que sempre tentaram acabar com o Benfica. O Dias Ferreira nisso exemplifica o lagarto típico. O júbilo que foi para aquelas bandas a história do Miguel, que lhes fez lembrar os tempos do Paulo Sousa e Pacheco, diz tudo.

 
At 1/20/2006 5:35 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Por mim pode passar o tempo que passar, mas o clube do Lumiar será sempre o meu ódio de estimação. Só eles é que conseguem dar-me a volta ao estômago com a sua simples existência. Não gosto do FCP, mas não me incomodam nem metade do que a lagartagem o faz. Para mim o clube do Lumiar é o meu rival. O FCP é apenas um concorrente.

 
At 1/20/2006 8:12 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Pá, não sei qual é o vosso problema. Isso é tudo verdadeiro.

:))

 
At 1/20/2006 8:32 da tarde, Blogger Harry Lime said...

JFilipe,

O Sporting é um clube tão pequeno como o Benfica.

O ano passado disputámos o campeonato até à penultima jornada (e poderiamos ter sido campeões se não tivesse sido uma frangada monumental do Ricardo). Depois a foi a famosa semana negra. Paciencia, se a sorte tivesse estado do nosso lado outro galo poderia cantar agora.

Não digo isto para desculpar as falhas do meu clube nem para tirar mérito às vitórias do Benfica. Digo-o para refutar a afirmação de que o "Sporting passou a ser um clube simpático estilo Sp. de Braga ou Boavista". Por falar nisso, o Sporting de Braga tambem disputou o titulo até às últimas jornadas do campeonato... e o Boavista foi campeão há 4 anos.

Se é esta vossa definição de "simpatia" podemos dizer que nos últimos 10 anos o Sporting ganhou 2 titulos e o Boavista ganhou um... exactamante o mesmo numero de titulos ganhos pelo Glorioso!

Mesmo esta época, o Grande Benfica neste momento tem mais um ponto do que o Braga, mais dois do que o Nacional e mais quatro do que o Sporting. Pá, não vejo nenhuma superioridade óbvia da vossa parte em relação aos chamados "clubes simpáticos". Essa superioridade aparentemente só existe na cabeça alucinada dos benfiquistas.

Neste momento há um clube que tem todos os meios (leia-se $$$$) para se distinguir de todos os outros: o F.C. Porto. Só não o faz porque o Pinto da Costa está completamante senil. Esta é a verdade.

Dentre os outros clubes, em face da falta de dinheiro generalizada, há uma tendencia para a uniformidade. E ainda bem, digo eu!

 
At 1/20/2006 9:00 da tarde, Blogger dezazucr said...

o grande problema desta gente toda é que o benfica está a crescer. E, o que mais os rala é que mesmo com o presidente q eles tanto insultam e enxovalham, é neste momento o melhor em termos de gestão desportiva dos 3 grandes. Tem sabido fazer bons negócios com pouco dinheiro e tem cumprido amiúde as suas promessas - leia-se, em anos seguidos ganhamos uma taça, fomos campeões, estamos a lutar com dignidade na champions e o nome do Benfica está a ressurgir.

 
At 1/20/2006 9:19 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Harry Lime, não se trata de vitórias, trata-se do facto de por exemplo nenhum adepto do FCP se preocupar com as maquinações do SCP. Enquanto o Vieira e o Pinto da Costa são encarados como encarnações do mal sobre a Terra para os adeptos do outro clube, acho que a maioria dos Benfiquistas ou Portistas nem sabe quem é o actual presidente do SCP.

O FCP substituiu o SCP no imaginário da maioria dos Benfiquistas, em particular os mais jovens. Só alguns com uma certa idade e mau feitio como eu e o D'Arcy continuamos a guardar rancor ao vosso clube.

Quanto ao $$$ do FCP, não é assim tanto, o FCP não poderia contratar um jogador como o Ronaldinho por exemplo. Aliás o Valência tem um orçamento muito superior ao FCP e mesmo assim não é nenhuma equipa fora de série.

 
At 1/21/2006 12:31 da manhã, Blogger Harry Lime said...

O $$$$$ do FC Porto é consideravelmente mais do que nos outros grandes. Diria mesmo que é o único clube portugues em situação desafogada. É óbvio que nada disto se deve ao PC. Tudo se deve ao toque de Midas do Mourinho.

Com uma gestão minimamante racional (ou seja o PC doutros tempos), o FC porto garantiria a supremacia no futebol portugues pelos próximos 5 anos sem quaisquer problemas. O problema é que o Pinto da Costa está senil e tem desbaratado a herança do Mourinho (organizativa e financeira) de forma absolutmante estupida.

E em relação a maquinações eu estou-me perfeitamante nas tintas para o que os adeptos do FCP pensam. A mim interessa-me apenas uma coisa: o numero de pontos no final da época e o número de tiulos conquistados. O resto é conversa.

A partir dai estou-me nas tintas se um bando de analfabetos funcionais pensa (ou não) que o meu clube está metido em esquemas ou se sabe ou não o nome do meu presidente.

Eu não quero que o Presidente do Sporting seja o Senhor das Trevas. Eu já fico contente se ele conduzir o clube à conquista de mais titulos. O que não é pouco!

 
At 1/21/2006 1:35 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Eu também me estou nas tintas para os adeptos do outros clubes. O que interessa é que o Benfica ganhou. E com um frango do gaurda-redes adversário e tudo.

 
At 1/23/2006 1:39 da manhã, Blogger S.L.B. said...

Brilhante, D'Arcy, brilhante! Só li o post post e só agora te posso congratular. O que é pena é que essa teoria da conspiração seja repetida até à exaustão que passe por verdade absoluta na cabeça de algumas mentes distorcidas. Enfim, os cães ladram...

O meu ódio, não de estimação, mas mesmo de repugnância é mesmo o clube regional. Com os lagartos sinto uma rivalidade mais condescendente. Acho piada que a grande conquista para eles seja ganhar ao Benfica ou que o Benfica não ganhe. Já dei várias vezes o exemplo, inclusive aqui nos teus comentários, de eles estarem sempre a referir os 7-1 num ano em que fizemos a dobradinha! Em relação ao clube regional, existe mesmo abjecção por uma série de factores: não olhar a meios para atingir os fins, passar por cima de tudo e de todos, não respeitar nada nem ninguém (o caso do Moretto, do Adriano, só para citar dois exemplos mais recentes). E isso é algo que eu não consigo menosprezar nem passar por cima. Saber estar no desporto é antónimo do clube regional e é por isso que eles nunca irão ter o prestígio que nós temos mesmo apesar das conquistas que têm tido.

 
At 1/23/2006 9:24 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Espera lá que daqui a pouco eu já te mostro porque é que para mim não há comparação possível entre o FC Porto e a lagartagem...

 

Enviar um comentário

<< Home