quarta-feira, fevereiro 23, 2005

Precedentes

A Liga decidiu instaurar um processo sumaríssimo (acho que este nome é perfeitamente inane, mas deve ser apenas uma mania minha) ao Simão, na sequência do lance entre ele e o Alex durante o jogo da passada segunda-feira. Quer isto dizer que o mau precedente aberto com o processo ao Seitaridis é para manter. Nesta febre sumaríssima que tomou conta da Liga, um lance casual de disputa de uma bola como o do Simão (ou do Seitaridis) é metido no mesmo saco de uma agressão intencional e reincidente a murro (McCarthy), ou à cotovelada (Fabiano e Pedro Emanuel).

Das duas uma: ou quem decide a instauração destes processos é idiota, ou mal intencionado. Talvez na sequência do constante choradinho dos dirigentes do FC Porto, indignados com a súbita supressão da liberdade para os seus jogadores esmurrarem e andarem à cotovelada aos adversários, a Liga tenha decidido equilibrar a balança na primeira oportunidade de que dispôs. Assim seja. Toda a gente sabe que o Simão é um jogador extremamente incorrecto, useiro e vezeiro neste tipo de comportamento, e portanto já andava a pedi-las há algum tempo. São jogadores destes que devemos afastar dos relvados, de forma a protegermos o espectáculo. Só é pena não o terem conseguido apanhar a tempo de o impedirem de jogar contra o clube do arguido que é também o maior paladino da luta pela verdade desportiva no nosso futebol.

Não que fizesse grande diferença a presença ou não do Simão no referido jogo. Com a nomeação do António Costa (aquele que, por exemplo, uma vez nas Antas conseguiu descortinar uma mão do Kandaurov nascida no meio do peito dele, convenientemente após ele ter metido a bola na baliza do FCP num disparo a 30 metros, ou que noutra ocasião expulsou o Ricardo Rocha com um vermelho directo por agarrar o Derlei sobre a linha do meio-campo - daí eu achar anedótico quando no jogo da taça contra o clube do Lumiar disseram que a nomeação do António Costa fora feita para beneficiar o SLB), já estou à espera de uma arbitragem à moda do Porto. É que 12 derrotas consecutivas no mesmo sítio já excede um bocado as probabilidades estatísticas, e eu já lá estive diversas vezes para saber como é que estas arbitragens são cozinhadas. Só falta mesmo um ingrediente final, la pièce de résistance que vai dar ao prato de tripas à moda do Porto todo o seu sabor: a despenalização do 'inocente' McCarthy.

19 Comments:

At 2/23/2005 7:37 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Quandi li esta manhã que o Sr. António Costa foi nomeado para o próximo F.C.Porto-Benfica, pensei de imediato que nem o Sr. Pinto da Costa faria melhor.
Será abusivo dizer que este foi um dos árbitros que a sua carreira contra o BENFICA?
Melhores saudações benfiquistas,
Socio do S.L.B. nº. 7495

 
At 2/23/2005 7:55 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Quando li esta manhã que o Sr. António Costa foi nomeado para o próximo F.C.Porto-BENFICA, pensei de imediato que nem o Sr. Pinto da Costa faria melhor.
Será abusivo dizer que este foi um dos árbitros que fez a sua carreira contra o BENFICA?
Melhores saudações benfiquistas,
Sócio do S.L.B. nº. 7495

 
At 2/23/2005 9:59 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Já se sabe, árbitro que saiba agradar as pessoas certas sobe muito mais rápido. E o senhor Costa mostra uma estranha tendência para agradar quase sempre os mesmos...

 
At 2/23/2005 10:31 da tarde, Blogger Ahab said...

D´Arcy

A tua posta começa bem e acaba mal.

Começas e muito bem por dizer que os "sumarissimos juizes" não sabem distinguir uma agressão duma entrada dura.

Acabas com as tretas paranoicas dos costume dos arbitros que não viram um fora a meio do meio campo do benfica num jogo Benfica-moreirense da epoca de 1983-84... E do Kandaurov (coitadinho!) a quem roubaram um golo, ou dos desgraçado do Ricardo Rocha que foi para a rua em mil novecentos e troca o passo...

Eu acho que as pessoas erram. Eu por exemplo não vi nenhuma punição contra o João Pereira por ele ter aldrabado o arbitro aquando da "violenta agressão" que sofreu do Hugo Viana... Se calhar conduta anti-desportiva como aquela tambem deveria ser punida, não achas?

Eu agora poderia vir para aqui escrever que o Benfica é favorecido pelos "sumarissimos" por
causa dum episódio como esse, não podia? E se calhar até podia arranjar mais exemplos!

A minha opinião é simples: os arbitros e os responsaveis disciplinares são uns idiotas que estão sujeitos a pressões. Alguns cedem a essas pressões. Outros limitam-se a ser burros. Outors ainda erram.

Aliás, algo me diz que os benfiquistas têm nostalgia do tempo (antes do advento do Pinto da Costa) em que o SLB é que controlava os arbitros. Agora, ninguém tem respeito pelo Benfica!

É uma vergonha!!!!

Mais uma vez é o benfiquismo choramingas em acção.

 
At 2/24/2005 12:13 da manhã, Blogger D'Arcy said...

E porque é que o João Pereira deveria ser punido? Por ter levado um soco na perna dado pelo Viana? Ainda não digeriste a bilis toda da eliminação na taça?

Os dois exemplos que citei passaram-se em jogos entre o Benfica e o FCP, arbitrados pelo mesmo árbitro que foi nomeado para o próximo jogo entre eles. Por isso para mim são relevantes. Este mesmo árbitro apitou quatro jogos entre o SLB e o FCP nas Antas. Queres que te diga o resultado desses jogos? Quatro derrotas para o Benfica. E podia citar-te mais um sem número de situações de que o Benfica se pode queixar das muito más decisões deste árbitro.

Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele. Se não querem levantar suspeitas, não nomeiem para este jogo um árbitro do qual os benfiquistas têm sobejas razões de queixa. Fazer isto é uma provocação, independentemente de o árbitro vir ou não a ter influência no resultado. Como benfiquista, e dado o passado que este árbitro tem com o meu clube, tenho o direito de me sentir indignado e desconfiado com a sua nomeação.

E tu lembras-te do tempo antes do PC, para estares a dizer que o SLB controlava os árbitros nessa altura? Não, eu sei que não, por isso deixa-te de demagogias baratas e de papaguear o PC.

 
At 2/24/2005 10:51 da manhã, Blogger koelhone said...

É óbvio que podias encontrar mais casos em que o Benfica foi prejudicado.

Aliás, também podias fazer um levantamento dos jogos entro o Benfica e o Marítimo e encontrar um sem-número de casos em que o Benfica foi prejudicado. Ou contra o Farense...

E, naturalmente, nos jogos contra as mesmas equipas, encontrarias dezenas de situações em que o Benfica foi objectivamente beneficiado.


A explicação é simples: os árbitros erram.


Agora, esta conversa de coitadinho para cima do Simão, não cola nem com a personagem em causa, nem com os comentários que estou habituado a ler neste blogue.

Se há equipa que tem motivos de queixa destes processos sumaríssimos mais que despropositados, é essa mesma que tu estás a pensar.

Posto isto, espero que os jogadores que entrem em campo se lembrem de dar um bom espectáculo e que o árbitro não assuma grande protagonismo - o que às vezes é mera questão de sorte com as situações de jogo.

E já agora, boa sorte para hoje à noite!

 
At 2/24/2005 11:19 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Eu sei que és adepto do FCP, e por isso terás uma visão completamente diferente da minha sobre o assunto.

Em relação ao Simão, escrevi o que penso. Não o considero um jogador incorrecto ou maldoso para os adversários. Acho o sumaríssimo que lhe foi instaurado uma anedota. Eu não teria problema algum se um jogador do Benfica que fizesse, por exemplo, o que o Rafael fez no fim do jogo, apanhasse 10 jogos de suspensão. Detesto atitudes violentas sejam de um jogador da minha equipa ou não. Mas dar dois jogos de suspensão a um jogador que não fez nada só deixa a ideia de isto ser um processo compensatório.

A minha opinião é que o FCP nesta questão tem apenas razão de queixa no processo do Seitaridis (e por isso mencionei-o). Quanto aos processos aos outros jogadores, todos eles pareceram mais que justificados. Aliás, a coisa que mais me indigna neste processo é o facto de um jogador que já conta com três agressões violentas esta época (McCarthy) ir apanhar apenas dois jogos de suspensão. Que é o mesmo que o Simão vai apanhar por (não) ter feito aquilo de que é acusado. Tens que concordar que isto não tem lógica nenhuma, pois não?

Quanto ao árbitro, tens razão. Os árbitros erram. Só que normalmente erram para os dois lados, e as coisas acabam por ficar equilibradas. Mas o António Costa é demais. Não é por acaso que falei nele, eu que raramente falo de arbitragens aqui. Este senhor está-me atravessado na garganta há alguns anos, e se me perguntassem qual era o árbitro que desejaria ver no FCPxSLB, a minha resposta provavelmente seria 'Qualquer um menos o António Costa'.

Em relação a este jogo específico, eu não estou obviamente a dizer que o árbitro está comprado. O que eu acho é que ele é um árbitro com uma personalidade muito fraca, e que se deixa influenciar muito facilmente. Tendo em conta o que eu conheço do ambiente que os adeptos e equipa do FCP são capazes de criar quando jogam em casa, o que eu temo não são erros intencionais que prejudiquem o SLB, temo sim os erros condicionados pelo ambiente que vai rodear o jogo.

E obrigado pelo desejo de boa sorte para logo. Infelizmente sei que vamos precisar de muito mais do que boa sorte. Acho que seria necessário uma assembleia de bruxos para contrariar o efeito do italiano na equipa ;)

 
At 2/24/2005 12:49 da tarde, Blogger Quetzal Guzman said...

Espero que alguém aconselhe o sr. Trapatonni a não convocar o ricardo Rocha, independentemente de se encontrar em condições ou não. Caso contrário, é bem provável que pelo 3º ano consecutivo o ricardo seja expulso sem que nada faça para o merecer.

 
At 2/24/2005 2:23 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O Ricardo, sendo um dos jogadores que parece sentir mais a camisola, é sempre um dos mais sujeitos à expulsão. O problema é que nós precisamos dele, porque ele em forma é o nosso melhor defesa.

 
At 2/24/2005 2:26 da tarde, Blogger koelhone said...

O FCPorto tem motivos de queixa no sumaríssimo do Seitaridis, mas não só.

É certo que os outros sumaríssimos foram merecidos, mas houve muitos outros sumaríssimos a jogadores de outras equipas que também seriam merecidos e nunca aconteceram.

Fica a impressão que os sumaríssimos foram inventados com o objectivo de punir, não os casos de violência que o árbitro não vê, mas sim o FCporto.


Quanto ao McCarthy, se há processo anedótico, é esse.

Primeiro, o castigo aplicado foi absurdamente ligeiro. Sendo reincidente, não há que ter contemplações.

Segundo, agravar o castigo única e simplesmente porque houve um recurso é uma prepotência de bradar aos céus.

Terceiro, corrigir um erro (o segundo) sem olhar ao processo na globalidade parece-me uma falta de coragem muito grande (mas aí até podem existir condicionantes jurídicas que me passem ao lado).


Como princípio, não tenho nada contra os sumaríssimos. O que me incomoda é a falta de critério e as injustiças, precisamente num instrumento que deveria ser utilizado com o intuito de as corrigir.

 
At 2/24/2005 3:19 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Nisso estamos completamente de acordo. Os sumaríssimos devem existir, mas não nestes moldes. Assim é tudo demasiado aleatório, e uma pessoa nunca sabe quando é que os responsáveis por eles vão sacar um da cartola.

O FCP provavelmente acabou por sentir mais na pele estes sumaríssimos porque passou por uma fase má em que todos os fins-de-semana jogadores seus faziam agressões sem sentido que não eram sancionadas. Se calhar foi essa reincidência que levou alguém a tomar a decisão de fazer alguma coisa para pôr um travão no exagero de ocorrências de cotoveladas e agressões.

 
At 2/24/2005 5:02 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Há algo que me faz muita confusão. Porque é que lagartos e tripeiros visitam blogs de benfiquistas? O Benfica é assim tão importante para voçês? Não têm os vossos clubitos para se divertirem? Esta atitude só revela a importância do Glorioso, quer ganhe ou perca, quer seja roubado ou não. Incrível!

 
At 2/24/2005 5:29 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Peço desculpa pelo erro. É "vocês" e não "voçês"!

 
At 2/24/2005 6:14 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Desde que as pessoas saibam respeitar as opiniões umas das outras, não vejo grande problema nisso. Eu acho interessante conhecer os pontos de vista dos adeptos de outros clubes sobre um mesmo assunto.

 
At 2/24/2005 7:09 da tarde, Blogger koelhone said...

Anonymous, pelo mesmo motivo que muitos benfiquistas visitam sites de outros clubes: para fugir do confinamento mental que tu pareces sugerir.

Eu não me imagino a discutir apenas com quem pensa como eu, e não é só em termos de futebol.

Acho até estranha essa tua confusão. De certeza que não foi só uma desculpa para proclamar mais uma vez a grandeza do "glorioso"? :)

Eu até acho bem que os benfiquistas façam essas proclamações. É que, de outra forma, a malta teria tendência para se esquecer do passado glorioso deste grande clube!
:))

 
At 2/24/2005 8:57 da tarde, Blogger Ahab said...

D`Arcy

Só com muito boa vontade é que se pode chamar aquilo que o Hugo Viana deu na perna do João Pereira como um murro.

Ou acahs que o teatro que ele fez foi proporcional à dimensão da porrada? E proque achas que ele fez aquela fita? Porque tem uma veia artistica? Ou será que foi para enganar o arbitro? E como tal não deveria ter sido punido?

O problema convosco, benfiquistas, é que se armam em superiores e em coitadinhos mas no fundo só pensam nas coisas quando acham que foram prejudicados. Nunca se lemnram das coisas quando, por acaso, o sistema funciona a vosso favor.

Eu não tenho nenhuma bilis popr causa da final da Taça, pá. Tu devias saber, conheces-me melhor do que isso.

PS. Eu não tenho ilusõesnem hipocrisias: hoje à noite estou pelo CSKA. Como ontem estive pelo Inter de Milão. É que uma equipa onde joga o Vagner Love diz-me mais do que uma em que joga o João Pereira ou o Nuno Gomes

PPS. Acabou de ser anulado um golo limpo ao Vagner Love... pois é, se eu quisesse começava aqui e agora a urdir uma teoria da conspiraçãoelaboradissima. Afinal de contas é assim que a lampionagem funciona.

 
At 2/24/2005 11:30 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Epá, vai reler o que eu escrevi sobre o assunto J.Pereira vs.Viana, que eu já disse o que tinha a dizer sobre isso. Não me apetece estar a bater sobre a mesma tecla.

Quanto a estares pelo CSKA, óptimo. Isso só quer dizer que a nossa simples existência incomoda-te o suficiente para teres que gastar as tuas energias a torcer pelos nossos adversários. A minha atitude em relação ao clube do Lumiar que tu apoias é diferente. Desprezo-os tanto que não quero saber dos jogos deles. Neste momento são onze e meia da noite, e não faço a menor ideia de como os rapazes do Lumiar se portaram contra o Feyenoord. E nem estou grandemente preocupado em saber.

Quanto ao jogo do FCP ontem, também não quis saber. E se fosse como tu, até teria mais motivos para torcer pelo Inter, que como sabes é desde há muitos anos a minha equipa estrangeira preferida. Em anos anteriores até era capaz de desejar uma vitória do FCP, mas a atitude dos Super Dragões o ano passado na eliminatória do Benfica contra a Lazio fez com que o FCP me passasse a ser indiferente.

 
At 2/24/2005 11:44 da tarde, Blogger Ahab said...

O Sporting venceu o Feyenord em Roterdão por 2-1. O Benfica empatou em casa com o CSKA por 1-1 (depois de ter perdido por 2-0 fora).

Eu não gosto de fazer comparações. E de resto não sei se o CSKA é melhor ou pior que o Feyenord.

O que eu sei é que esta noite, o clube que tu tanto desprezas passou à eliminatória seguinte da Taça UEFA. O Benfica não. A partir daqui podes dizer o que quiseres.

PS. Ah! E o Vagner Love teve um golo mal anulado. O que é que pensas disso?

 
At 2/25/2005 1:10 da manhã, Blogger D'Arcy said...

A sério, vê lá se consegues compreender: Não... quero... saber!

O teu comentário sobre o resultado do clube do avôzinho do Lumiar apenas serviu para me ocupar um buffer de memória com informação inútil, quando poderia utilizá-lo para fins bem mais produtivos.

 

Enviar um comentário

<< Home