quarta-feira, setembro 27, 2006

Medo

Para mim, foi a principal razão para não termos conseguido vencer o Man Utd esta noite, e acabarmos mesmo por perder o jogo para um adversário que entrou na Luz para não perder, saindo-lhe a sorte grande no final. Falta audácia ao Benfica, mas sobretudo parece-me que falta confiança em si próprio. Os ingleses tremeram quando o Benfica pressionou, mas não fomos capazes de os apertar mais, e ao invés revelámos um excessivo receio de mandar no encontro.

Ao nosso 4-2-3-1 responderam os ingleses com um 4-3-3, no qual era o Rooney quem jogava sobre o lado esquerdo. Os ingleses pareceram iniciar bem o jogo, mas a verdade é que apenas alguns minutos passados deu para perceber que o interesse principal deles era não perderem. O Benfica ia mandando no jogo, mas quase que parecia que o fazia a contragosto. Sempre que pressionávamos um pouco mais perto da baliza deles, o que se via era que o Man Utd perdia facilmente a bola, recorria a faltas para travar os nossos jogadores, fazia passes errados, etc. O problema é que o Benfica parecia não querer fazer isto de uma forma mais constante. Além disso, quando o que se exigia era que tentássemos jogar o mais rápido possível, o que eu vi quase sempre foi nas saídas para o ataque ficarmos praticamente à espera que os ingleses recuassem todos para o seu meio-campo e organizassem a defesa, enquanto a bola ia circulando ainda no nosso meio-campo entre os defesas e os médios defensivos, e só então nos dignávamos a atacar. Aliás, a forma mais comum de um ataque nosso se iniciar, durante todo o jogo, era a bola sair do Quim para o Alcides, este ficar parado com ela e simular umas três vezes que ia despachá-la para a frente, e depois dos ingleses já terem recuado todos, o Alcides finalmente tocava a bola para o lado para o Luisão.

Ainda em relação ao Alcides (tenho que focar este meu ódio de estimação) é notável que algum treinador tenha algum dia descortinado nele qualquer tipo de aptidão para as funções de defesa lateral. Imagino a cena como algo semelhante ao início do '2001: Odisseia no Espaço' do Stanley Kubrik. Ao som do Also Sprach Zarathustra de Richard Strauss, imagino o treinador a olhar para o Alcides como um daqueles símios a olhar para o monólito negro (em termos de graciosidade, agilidade e jeito para jogar à bola as diferenças entre ambos não são muitas, embora o monólito leve uma ligeira vantagem), e a chegar à brilhante conclusão 'Acho que há aqui um defesa-direito!'. Claro que o facto de estar perante uma espécie de tronco rude, com dois alcatruzes no lugar dos pés, e um cérebro futebolístico que eu juro que consigo ouvir chocalhar dentro da cavidade craniana desde o terceiro anel não foi suficiente para deitar por terra esta brilhante conclusão. Por isso agora sou presenteado todas as semanas com um cepo que não sabe atacar, não sabe defender como um lateral, não sabe fazer um passe, tem dificuldade em distinguir as diferenças entre colegas e adversários, e basicamente leva-me ao desespero em quase todos os jogos. Ele ainda copiou o penteado do Nélson, o que lhe deu alguma vantagem dado que passou a ser a característica que mais o assemelha a um defesa-direito, mas eu já o topei. E sim, eu sei que o Alcides apesar de ter jogado mal (nada de novo, portanto) nem sequer foi dos maiores responsáveis pela derrota desta noite, mas eu já ando a encher há meses e hoje estou chateado e apetece-me desabafar, pronto.

Alcides revela-se como lateral-direito

Voltando ao jogo. A primeira parte do Benfica acabou por nem ser má de todo, apesar da incapacidade ofensiva, e do excessivo respeito mostrado por uma equipa que, também ela, mostrava algum receio. As estatísticas, que de pouco valem, no final dos primeiros 45 minutos mostravam superioridade do Benfica em todos os aspectos (remates, posse de bola, etc). Mas os efeitos práticos disso eram quase nulos: apesar disto tudo, nunca na primeira parte fiquei com a sensação de que o Benfica estava ali para ganhar, e que estava perto de o conseguir. Pelo contrário, fiquei com aquela sensação de que faltava um bocadinho 'assim' para lá chegarmos, sendo que esse bocadinho poderia ser confiança ou atitude ganhadora. No fundo sempre me pareceu que se o resultado ficasse como estava, pouca gente na equipa ficaria muito incomodada com isso.

Apesar de ter iniciado a segunda parte aparentando uma atitude mais agressiva, depressa se verificou que o Benfica estava na mesma. Aliás, pior, porque parecia ainda mais satisfeito com o rumo dos acontecimentos, e agora já nem pressionava tanto os ingleses no seu próprio meio-campo na procura da bola. Para mim o jogo estava mesmo com cara de 0-0, a não ser que houvesse algum lance genial ou caricato a resolvê-lo. Infelizmente o lance decisivo aconteceu mesmo, mas para o lado errado. Na sequência de um ataque do Benfica, a equipa está toda avançada, e demora uma eternidade para recuperar as posições defensivas. O Man Utd sai para o contra-ataque quando o Benfica tem apenas os dois centrais cá atrás (o Petit parece que só a meio do lance é que descobre que tem mesmo que começar a correr a sério) e consegue uma situação de dois para dois, em que o Luisão fica com o Ronaldo e o Anderson fica com o portador da bola (Saha). Aqui entra em acção a inteligência deste homem, que este ano realmente está em todas. Tendo em conta que a única opção de passe do Saha está bloqueada pelo Luisão, era óbvio que a alternativa possível para este era tentar o lance individual. Em vez de cair imediatamente em cima dele, e pressioná-lo para junto da linha lateral ou para o canto, o Anderson opta por dar-lhe quase dois metros de espaço, e ir recuando enquanto ele se vai aproximando da área, ao mesmo tempo que estupidamente lhe 'oferece' o lado de dentro para a finta, quando deveria ter feito exactamente o oposto. Claro que o resultado foi o previsível: junto da área finta para dentro e remate de pé esquerdo, que o Anderson ainda conseguiu tocar de forma a tornar a defesa do Quim impossível. Realmente não consigo compreender o que é que se passa com este tipo este ano (mais tarde voltou a ter uma paragem cerebral quando após um centro do Carrick da direita decidiu não meter o pé à bola, seguindo esta para o Saha que no risco da pequena área conseguiu não acertar com a baliza).

Claro que uma vez em desvantagem, fiquei sem grandes esperanças de que conseguíssemos algo de positivo no jogo. Até porque ai chegou a altura do terceiro membro da trindade, o Santo de todos os Santos, saltar para as luzes da ribalta. Ele reagiu como qualquer treinador de Football Manager reagiria (mentira: eu sou treinador de FM e não faço nada disso): desatou a mandar avançados para dentro do campo. Mas o que eu acho brilhante mesmo é a forma como se consegue fazer substituições para que tacticamente não se altere nada. No fundo troca-se um jogador por outro, mandando o último fazer exactamente o que o primeiro estava a fazer. Vejamos: o problema pode até ser meu, porque obviamente não tenho nenhum curso de treinador. Mas não percebo, palavra que não percebo, porque é que se substitui o extremo-direito Paulo Jorge (um extremo de raíz - que até nem estava a jogar mal, já que era dos poucos que tentava jogar para a frente quando recebia a bola) e depois se mete o Nuno Assis (que não é extremo) em campo para ir jogar a extremo-direito. Deve ser alguma variante táctica que me é inatingível.

O Miccoli entrou, mas não foi jogar para ponta-de-lança. Foi desempenhar as funções ofensivas do Karagounis (as defensivas foram atiradas ao ar, ficando para quem as apanhasse). Finalmente entrou o Mantorras, que foi assumir as funções de Mantorras. Ou seja, correr alegre e desmioladamente atrás da bola, ao melhor estilo daquilo que eu e os meus colegas da escola primária fazíamos quando jogávamos à bola no recreio. A única vantagem desta última alteração foi que saiu o Anderson, tendo a falta dele paradoxalmente dado maior segurança à defesa. Claro que o Benfica nunca esteve perto de marcar, sendo até o Manchester quem, perante a balbúrdia táctica que resultou das brilhantes movimentações estratégicas congeminadas nas mentes que se sentam no nosso banco, esteve mais perto de chegar ao segundo golo. Não chegou porque o Saha falhou o já referido lance da paragem cerebral do Anderson, e porque o Quim fez três defesas seguidas incríveis num lance em que, na sequência de um livre directo, teve dois adversários à boca da baliza a recargarem à queima roupa.

É uma derrota que me irrita de sobremaneira porque mais uma vez fiquei com a impressão que este Man Utd estava ao nosso alcance, mas que é um castigo adequado para os erros cometidos esta noite. No final do jogo viram-se os primeiros lenços brancos da época (e não, eu não acenei nenhum). O discurso do treinador não se altera: está sempre satisfeito com a equipa, e estamos cada vez melhor. O que eu sei é que surpreendentemente não conseguimos encher o estádio num jogo da Champions contra o Manchester (ao contrário do ano passado, em que o Koeman até nem era dos personagens mais queridos dos adeptos). A continuar neste ciclo, qualquer dia voltamos a ter 20.000 espectadores nos jogos em casa. E só não vê quem é o responsável por isto, e o péssimo efeito que está a ter na mobilização da massa associativa benfiquista a que temos assistido nos últimos anos, quem não quer. Eu quero, sinceramente que quero estar rotundamente enganado em relação ao Fernando Santos. Nada me daria mais prazer do que vir aqui engolir as minhas próprias palavras em relação a ele. Mas infelizmente, até agora ele continua a dar razão a todos os benfiquistas que, tal como eu, desesperaram assim que ele foi anunciado como treinador para esta época.

169 Comments:

At 9/27/2006 2:18 da manhã, Anonymous Anónimo said...

A diferença deste Manchester em relação ao do ano passado é que o do ano passado veio à Luz jogar para ganhar e mandar no jogo, este jogou claramente à defesa. O ano passado também perdemos em casa com o Vilarreal que veio cá defender. O nosso meio campo tem esta mania de se esquecer que há uma coisa chamada contra-ataque.

Quanto aos jogadores concordo com a avaliação do Anderson. O Alcides tem que passar a central, o Anderson não tem lugar na equipa. Léo foi um desastre, muitos passes falhados e nunca recuperava a posição a tempo. Se não tem pernas para correr tanto não devia atacar. Petit, Miccoli e Nuno Assis foram nulidades absolutas. Começo a ficar preocupado com a equipa. Os nossos jogadores ou estão lesionados ou numa forma miserável.

Grande parte da nossa carreira europeia do ano passado deveu-se ao Moretto, do Quim não espero milagres. Mais uma vez mostrou as limitações do costume. Se a bola não passar mesmo junto a ele é golo. O toque no Anderson não serve de desculpa, aquela bola era defensável. Mesmo na tal jogada das três defesas "extraordinárias" não devia ter sacudido a bola para a frente.

 
At 9/27/2006 9:19 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Bem, hoje vou fazer de advogado do diabo porque não estou de acordo com a crónica, nem com o comentário, apesar de estar naturalmente trsite pela derrota, mas na minha opinião o Queiroz é que tem razão, o Benfica deu tudo na 1ª parte e foi abaixo na 2ª. Faltou dinâmica ofensiva (o Maestro pode ajudar neste campo) e condição física para aguentar 90 minutos (só com o tempo se resolve esta), mas a 1ª parte, em termos de pressão defensiva, foi o melhor que vi nos últimos anos no Benfica, e para mim o Benfica tem que fazer sempre isto, porque se jogadores do MU se atrapalham, imaginem do Aves, ou do Estrela, etc...
Mais umas "defesas": eu também prefiro o Nélson ao Alcides, fique bem claro, mas não achei que o Alcides tenha estado assim tão mal, e lembro que pelo menos 3 treinadores já apostaram nele para lateral direito. Quanto ao Andersson, até me custa defendê-lo porque está a ser o meu ódio de estimação, mas se no tal lance que deixou passar a bola não tem desculpa, no golo, depois de ver na TV, atribuo muito mais mérito ao Saha do que demérito ao Andersson. É óbvio que a frio é fácil dizer que devia dar a linha e não o meio, que não devia permitir espaço, mas é um lance muito rápido e em que não há apoio nenhum. Qualquer defesa do mundo em 1x1 contra o Saha pode ser batido facilmente. Nesse lance é verdade que a equipa não recuperou, mas penso que foi consequência do tal "pressing louco" da 1ª parte, e de outro factor importante: o lance começa num remate do Petit que é travado pelo Nuno Gomes e apanha a equipa toda em contrapé.
Concluindo, e sendo o FS um "ódio de estimação", achei muito injusto os lenços brancos, porque defensivamente a equipa está a ficar sólida (tirando as paragens cerebrais do Andersson; volta Rocha!!!), fez pressão alta, algo que só Mourinho e Paulo Bento (a espaços) conseguiram implementar no futebol português, mas tem que criar mais oportunidades de golo, e espero que o regresso do Rui ajude.
Uma última nota: por mais que simpatize com o Mantorras, também tenho que concordar que já é ridículo apostar nele como milagreiro, e deixar de fora o Kikin que provavelmente é o nosso único avançado capaz de ganhar uma bola de cabeça aos adversários...

 
At 9/27/2006 9:31 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Eu não vi o jogo (até agora só vi o golo do Man Utd.) por isso foi interessante ler esta crónica e os seus comentérios.

 
At 9/27/2006 9:37 da manhã, Anonymous Anónimo said...

A grande diferença entre o Benfica e o Manchester, é a diferença que vai entre o Saha e o N.Gomes.
O 1º teve uma oportunidade e concretizou-a, o segundo teve a oportunidade mais flagarante de todo o encontro e com a sua "inteligência, fineza" (e outrso atributos que lhe são reconhecidos) tratou de se desenvencilhar da bola o mais credivelmente possivel, talvez neste gesto esteja afinal o título deste post, MEDO!

E é curioso que este post não o refira nem uma vez, uma autêntica nódoa que passa sempre impoluto de qualquer análise , uma autêntica vaca sagrada.
O problema do Benfica esteve nos ultimos 20 mts, continuamos a não ter um PONTA DE LANÇA, um gajo que marque golos!
Já agora D'Arcy esta frase deixa-me
na dúvida "E só não vê quem é o responsável por isto, e o péssimo efeito que está a ter na mobilização da massa associativa benfiquista a que temos assistido nos últimos anos, quem não quer."

Quem é o culpado? Fernando Santos?
Ou o Veiga e o LFV pelas tristes escolhas que fizeram?

 
At 9/27/2006 9:46 da manhã, Anonymous Anónimo said...

O Benfica jogou muito bem na 1ª parte Fawkes, tivessemos nós um , um só avançado de jeito, sabes daqueles que marcam golos e não se escondem ridiculamente do jogo, e ao intervalo seriam pelo menos 2-0 , sem favor nenhum.



PS- Guerreiro Fawkes, avisar bravo Liedson que relva de clube das estepes ser sintetica e quando "mergulhar" aleijar muito!!;))

 
At 9/27/2006 9:50 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Só mais uma nota: já viram que foram os filhos da p@ dos franceses (Saha e Henry) que nos lixaram??? Não que a parte do Henry me incomode, mas é curioso.
Afinal outra nota a que não resisto: vi o resumo alargado do jogo do Porto, e o Arsenal tem para mim o melhor jovem do mundo (talvez com o Messi): o Fabregas! Que jogador fantástico!!! Quando se fala dos nossos "melhores do mundo", deviam pôr os olhos naquele puto!

 
At 9/27/2006 9:56 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Só uma nota, o meu comentário anterior não tem ironia nenhuma. en ão vi mesmo o jogo!

Eu vim aqui à espera de ler coisas do estilo "vitória moral" mas acabei por ler ana´lises equilibradas por parte do D`Arcy e dos comentadores. boa!

De resto, do que eu tenho visto do Benfica nos últimos tempos, a presença dum jogador como o Rui Costa no vosso ataque pode melhorar as coisas em termos de ambição ofensiva da equipa. é que o R.Costa não é um qualquer Nuno Assis, é um jogador superior que já viu muito Mundo.

O problema do vosso ponta-de lança (vulgo amélinha) é o problema das vedetas. Neste momento no Benfica, parece-me que há uma série de "intocaveis" e o Nuno Gomes é um deles. O Nuno Gomes, quer jogue bem ou mal, quer marque golos ou não, tem sempre lugar garantiodo no plantel. Ainda por cima com um treinador "frágil" que quer ter os adeptos do seu lado. Nessas circunstancias é muito mais seguro não arriscar e apostar nos "notáveis" do que arriscar novas opções.

 
At 9/27/2006 10:13 da manhã, Blogger Porco said...

A minha opinião relativamente ao jogo é basicamente a seguinte:
Na 1ª parte o manchester não quis assumir a iniciativa, e daí a maior facilidade do SLB em controlar o jogo. Mas de que serve controlar, se não se criam oportunidades de golo?
Na 2ª parte, o SLB estoirou e tornou-se mais nitida a diferença de qualidade individual entre os jogadores das 2 equipas. Ronaldo fez miséria e Saha marcou um excelente golo com ajuda do Andersson.

Gostaria também de focar alguns pontos que já aqui foram mencionados:

- Quim: Na minha opinião Quim não tem culpas no golo. Concordo com as limitações que o jfilipe lhe atribui, mas entre ele e Moretto prefiro o 1º. De que serve ter um gr que faz defesas impossiveis, se logo a seguir faz erros infantis? Uma coisa não compensa a outra. Prefiro alguém mais sóbrio.

- Alcides: Em todos os clubes por onde passou Alcides foi aposta como lateral direito, e na minha opinião isso acontece devido à sua velocidade e técnica razoável. Acho que ele é mesmo o teu ódio de estimação D'Arcy, não acho que ele seja assim tão mau lateral. Eu também prefiro o Nelson... mas em forma. E na minha opinião o Nelson só apareceu em forma no inicio da época passada. A partir do momento que se lesionou, nunca mais foi o mesmo.

- N. Gomes: O N. Gomes é um ponta de lança que precisa de apoio. Quantas vezes não foi já falado que ele rende mais com alguém ao seu lado? Lembram-se da época com o Brian Deane? Quando ele joga sozinho e não tem espaço o seu rendimento decresce. Mas de momento não me parece que haja melhores opções.

- Andersson: Não percebo porque é que o R. Rocha ficou no banco. Se já durante o ano passado as paragens cerebrais do Andersson me faziam crer que o R. Rocha constituia melhor dupla com o Luisão, então este ano tem sido demais... Erros atrás de erros. Começo a temer que o brasileiro seja um Argel em potência...

- F. Santos: É de desesperar......
Como já tantas vezes aqui escreveu o D'Arcy, a equipa é mesmo o espelho do treinador. Conformada. Amorfa. À espera que venha alguém de fora para a abanar. Não consigo perceber como é que o SLB foi dos primeiros clubes a regressar ao trabalho, e tantos meses depois continua a não se ver trabalho... Concordo que é necessário tempo, mas querem melhor exemplo, neste caso, que a troca de treinadores no fcp? Saiu o Co e entrou Jesualdo. O sistema tático era praticamente o oposto um do outro. E no entanto, pelo menos a nivel interno, os resultados estão lá...

- Copenhaga: O Celtic venceu o Copenhaga, e nós ainda nos vamos arrepender da vergonhosa exibição que lá fizemos...

 
At 9/27/2006 10:14 da manhã, Blogger Mr. Shankly said...

Fiquei com a nítida sensação de que o esforço para dominar a 1ª parte pesou na 2ª. Cada equipa dominou 45 minutos, mas uma fê-lo com inteligência e criando oportunidades de golo, a outra encostando o adversário atrás sem praticamente criar oportunidades. O MU venceu com justiça, são melhores e mostraram-no. O Benfica jogou com pouca cabeça. Situações de 2 para 2 ou 3 para 3 com o resultado em branco, contra o MU são uma tremenda estupidez.

 
At 9/27/2006 11:12 da manhã, Anonymous Anónimo said...

O Saha também falhou uma oportunidade clara de fazer o 2-0. Deixem de embirrar com o Nuno Gomes. Os nossos outros avançados não falham ocasiões de golo porque nem sequer as criam.

O Miccoli é que não percebi o que andou lá a fazer e reparo que mais ninguém se atreve a criticá-lo. Uma nulidade absoluta. Vi mais do Mantorras nos 10 minutos que esteve em campo que do italiano na meia hora em que jogou.

Vi e revi golo deles e continuo a achar que o Quim devia ter defendido aquilo. Já vi na nossa liga guarda redes fazerem defesas mais difíceis (algumas contra o Benfica).

 
At 9/27/2006 11:26 da manhã, Anonymous Anónimo said...

JFilipe, já vi que o teu ódio de estimação é o Quim!!! Confesso que sou pró-Moreira, mas acho que o Quim tem jogado bem e que não tem nenhuma hipótese no golo porque o remate é violento. E grande defesa fez ele num remate de meia-distancia do Elias (P.Ferreira), achei uma defesa "do outro mundo"!

 
At 9/27/2006 11:45 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Disse e repito o N. Gomes não é jogador para jogar no ataque do Benfica, muito menos é ponta de lança.
Juntamente com o Petit, formam o
The greatest football swindle do Benfica. O N. Gomes em jogo limita-se a querer fazer-se passar por inteligente, nada mais. O Petit é bom jogador, mas nada que deslumbre, por exemplo o Katsouranis é melhor, e seria um grande golo aquele que marcaria se ( nos ses é que está o Diabo) o arbitro não apitasse falta do Karagounis sobre o C. Ronaldo.
O Benfica é só equivocos, e uma certa ideia do que é o Benfica agrava esses equivocos. Por exemplo o N. Assis, o que é que além das fintas e fintinhas, ele trás ao jogo do Benfica? Quanto a mim nada.
o futebol já não se joga assim. É bom jogador? É, um pouco acima da média, mas perde-se e exagera em malabarismos fora de época.
O Benfica não tem do meio-campo p/frente jogadores suficientemente fortes e altos, é só minorcas e uma "menina", por isso para ganhar um lance de cabeça, só nos cantos.
Agora uma palavra de saudade para o M.Fernandes, com ele em campo aquela jogada do golo do Saha não seria bem assim...
Outra palavra para um jovem que quanto a mim foi um bravo guerreiro e uma das melhores aquisições do Benfica nos ultimos anos, o Paulo Jorge, não era ele que devia sair mas quando existem demasiadas vacas sagradas...

Um saudar tardio para a melhor aquisição do Benfica este ano, a Vanessa Fernandes, um verdadeiro fenómeno e uma campeã de nivel planetário. Obviamente que o Benfica beneficiou do facto de nas modalidades "amadoras" não ter um gestor do calibre de J.Veiga.

 
At 9/27/2006 11:55 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Epa, dizer que o Quim deveria ter defendido aquela bola e de um faciosismo enorme
Entao a bola bate no Anderson, ganhando efeito, e o homen deveria ter defendido?
Isso e o mesmo que dizer que o Van der Sahr deveria ter defendido o remate do Beto o ano passado...
Quanto ao N Gomes, se as bolas nao chegam em condicoes (ou nao chegam, ponto final paragrafo) que e que um ponta de lanca ha-de fazer?
Ha um espaco de quase 20 metros entre o nosso meio campo e o ponta de lanca que em jogo algum (talfez durante o jogo com o Pacos) foi ainda preenchido. E assim, nao ha condicoes. Muito nos vamos arrepender da venda do M Fernandes......

 
At 9/27/2006 12:01 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Indio,

Também não concordo com as críticas. O Nuno é um bom avançado, mas se não lhe chega nenhuma bola não pode fazer milagres. E lembro que na época passada, mesmo estando algum tempo lesionado, marcou tantos golos como o Liedson.
O Petit é um excelente jogador, e tem a raça que tanto pareces apreciar noutros jogadores. E gosto do Katsouranis, mas não acho melhor que o Petit. Quanto ao dizeres que com o MF aquele golo não acontecia, eu lembro-me de sofrer inúmeros golos em contra-ataques nas épocas anteriores com o MF em campo!
Gosto da atitude do Paulo Jorge, joga sempre a 100%, mas é limitado. Com o Paulo Jorge e o Alcides o flanco ganha consistência defensiva, mas é incapaz de gerar um único desequilibrio.
De acordo estou na grande Vanessa, é um orgulho para todos os benfiquistas e portugueses!

 
At 9/27/2006 12:12 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

Sinceramente fico pasmo quando ouço falar mal do Nuno Gomes. Verifiquem quantos golos já marcou e depois venham-me falar de Miccolis, Mantorras, Kikins e quejandos. Não há pachorra.

 
At 9/27/2006 12:29 da tarde, Blogger S.L.B. said...

JFilipe: não percebo essa tua perseguição ao Quim. O lance é defensável?! Só se for em câmara lenta... Viste a velocidade do remate? Eu estava no enfiamento da jogada e assim que vejo o remate do Saha apercebi-me logo que era golo. Quanto ao livre das três defesas, é certo que ele não deveria ter defendido o remate para a frente, mas mais uma vez há que ter em consideração a (pouca) distância do livre em relação à baliza e também a velocidade do remate.

Índio: foi por essa perseguição às ditas "vacas sagradas" que em tempos não muito idos despachámos Paneiras, Isaías, Mozers, Joões Pintos, etc. Tu chamas "vacas sagradas", eu prefiro dizer que são jogadores que estão há muito tempo no Benfica e aos quais devemos muito. Não tenhas a memória curta! Para além disso, não estão propriamente velhos e não jogam por favor. O Nuno Gomes é o nosso melhor avançado, o único tem consegue tabelar decentemente com os médios, o que no esquema em que estamos a jogar é essencial. Quanto a mim deveria tentar rematar mais vezes, mas ontem as bolas simplesmente não lhe chegavam. O Miccoli é claro que é muito bom, mas não pode jogar sozinho no ataque, como se viu em Paços de Ferreira. O Petit não é propriamente o Makelele, mas não acho que seja pior que o Katsouranis, além de que tem pilhas que duram mais do que as do grego.

Quando as coisas estão a correr mal, há a tendência de mandar vir com quem está há mais tempo no Benfica. Foi assim que destruímos uma equipa campeã e que demos cabo da mística num passado não muito distante...

 
At 9/27/2006 12:49 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Americano, Não lhe chegam bolas?
mas então julgas que a tarefa de um ponta de lança é o quê? No futebol moderno um ponta de lança tem que estar pronto para ficar largos periodos off mas quando tiver uma oportunidade aparecer não perdoar. É isso que faz um Drogba, um Crespo etc... O N.Gomes teve ontem uma enfrente ao guarda-redes sozinho e despachou a bola...com medo, ali um verdadeiro ponta de lança não perdoa.
E quantos golos não falhou ele de baliza aberta? ainda me lembro contra o Anderlecht se fazer ao penalty em vez de rematar p/baliza pá, resultado uma eliminatoria e a CL por agua abaixo.
OH SLB, não confundas criticas ás vacas sagradas com caça ás bruxas.
Para mim os jogadores que estão inscritos e que jogam no Benfica, são todos iguais não existe mais ou menos tempo de clube, e é assim que os analiso, se quiseres o M.Fernandes era capaz de ter mais tempo de clube que qualquer um deles e digo-te, trocava-o por qualquer uma dessas primas donnas, e obviamente não fui eu que o vendi. Não levantes fantasmas, onde eles não existem.

Quanto ao facto do N.Gomes ser bom para tabelar, tem uma boa opção, vá jogar bilhar ás quatro tabelas!
No futebol tem que marcar golos, e se não souber jogar desacompanhado, é simples, joga outro.

 
At 9/27/2006 1:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Americano, só mais uma pergunta,
esses golos em contra ataque que o benfica sofreu, foram antes ou depois de o M.Fernades andar a jogar com a pubalgia?
Só te digo que o M.Fernades ia ter com Saha e encostava-lhe o cabedal e não tenhas ilusões é melhor do que qualquer dos que ficaram na posição dele.

 
At 9/27/2006 1:02 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Lamento, Índio, mas o que parece é que estás mesmo a fazer uma "caça às bruxas". Os jogadores são todos iguais, nisso estamos de acordo, mas tiras o Petit e colocas quem? O Beto, o Diego? E com o Nuno Gomes a mesma coisa? Colocas o Miccoli sozinho no meio dos centrais? Já nem falo do Mantorras e do Fonseca, que pelos vistos ainda não está adaptado.

Quanto a golos, relembro-te que graças a um jogador do Belenenses, o Nuno Gomes não foi o melhor marcador do ano passado. Poderia marcar mais? Claro que sim. O Drogba é melhor? Obviamente! Mas daí a achar que temos lá outros melhores do que ele para jogar naquele sistema vai uma grande distância...

 
At 9/27/2006 1:05 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Quim só lá está por causa do Veiga, se ele fosse bom não tinha ficado a marcar passo no Braga tantos anos, Lembro-me que o Moreira saíu da equipa depois de um jogo em Belém, jogo esse que foi o melhor em campo e tinha o Argel e o Amoreirinha com defesas centrais, agora nem no banco tem lugar.
O Alcides é um coxo a jogar à bola, dá a impressão que a bola atrapalha e muito.
O Katsouranis parece um panhonha, sempre a jogar pra trás, mole, mole.
Quem põe o Petit noutras funções que nao seja destruir jogo à frente dos defesas, não percebe nada de bola.
O Paulo Jorge, talvez seja bom nos 100 metros, trapalhão, trapalhão.
O Nuno Gomes, sozinho na frente, não dá em nada, isso toda a gente sabe e não é de agora.
O treinador, bem... esse é patético.

 
At 9/27/2006 1:08 da tarde, Blogger antitripa said...

Acima de tudo gostei da postura da primeira parte. E nota para o árbitro: EXCELENTE! Os tugas mostrariam cartões ao rooney e ao outro? Naaaaaaaaaaa.....só depois de 20 faltas e se fosse a partir do meio da segunda parte!

 
At 9/27/2006 1:10 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Ó Anónimo, de quem é que tu gostas? Do Beto? Do Marcel? Do Manduca?

Dizer mal do Quim e do Paulo Jorge, que foram os dois melhores jogadores do Benfica ontem, é ridículo...

 
At 9/27/2006 1:12 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"No futebol tem que marcar golos".
Precisamente. Não percebo então porque é que embirras com o Nuno GOmes. Ele marca golos. Ponto final.

 
At 9/27/2006 2:03 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Indio,

Eu não disse que o MF não é melhor dos que os que lá estão, estou a dizer que não faz milgares! Como disse foi o Petit que fez o remate que deu origem ao contra-ataque que depois se desenvolveu em 2 passes rápidos até chegar ao Saha, na zona do meio campo. Queres convencer-me que o MF recuperava 20 metros ao Saha em menos de nada e ainda tinha forças para o parar? Claro que não! Foi um lance infeliz e executado rapidamente que não deu hipóteses e numa altura em que estávamos a tentar ganhar o jogo! Eu não critico, porque podíamos ter a atitude do jogo de Copenhaga em que nunca os dois laterais e trincos subiam ao mesmo tempo, e não sofríamos o golo, mas tentámos ganhar e acho bem!!!

 
At 9/27/2006 2:08 da tarde, Blogger último! said...

Caros benfiquistas,

Já há várias épocas que não via o Benfica jogar como jogou ontem com um colosso europeu (o ano passado ganhámos a jogar em contra-ataque) e o plantel é para mim claramente o mais forte dos últimos anos e depois de um mau começo (derrotas na pré-época e no Bessa) a equipa começa finalmente a interiorizar o que o treinador pretende e verdade seja dita que tanto com o Paços como ontem com o Manchester merecíamos melhor resultado.
Logo, chego a conclusão que o treinador até tem boas ideias mas não tem é sorte nenhuma, necessitamos de alguém que tenha estrelinha porque por a equipa a jogar, pressionar alto, recuperar jogadores (Karagounis) e apostar em rapazes novos cheios de vontade ele já o faz mas ganhar...

Enfim acho que com a equipa que temos as coisas vão resultar ontem não era o melhor jogo para isso e uma derrota com o Manchester nunca pode ser considerado anormal!
Acho que contra equipas muito fortes é sempre melhor jogar à defesa e tentar marcar em contra ataque mas isso não é a filosofia do FS que joga ao ataque mas é impressão minha ou era isso que todos reclamavam quanto tínhamos o Trapa e o Koeman de sermos defensivos?

 
At 9/27/2006 2:12 da tarde, Blogger Harry Lime said...

A vossa Amelia marca golos?

Sim, de facto de vez em quando marca um hat-trick num jogo ganho por 4-0... e depois anda meses a fio a falhar golos de baliza aberta.

Eu concordo com o valoroso Guerreiro Indio, os jogadores clássicos têm de ser reconhecidos mas têm de perceber que não têm lugar cativo na equipa.

O mesmo se aplica ao Petit... e depois há duas hipoteses para o plantel do Benfica não tem opções em certas posições:

a) má politica de contratações (responsabilidade da direcção, do Dep. de Futebol e da equipa técnica

b) má gestão do plantel por parte do treinador que não promove a competitividade entre os jogadores dentro do plantel ,ie, em cada momento joga o jogador que se revela em melhor forma (parece simples e é simples)

c) as duas anteriores.

Eu aposto na hipotese c) para explicar o "Benfica".

PS. Curiosamente, as posições com falta de opções são as das vedetas. Interessante, não acham?

 
At 9/27/2006 2:17 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/27/2006 2:18 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Bem, parece-me que o ratogoleador veio com conversa do costume da "vitória moral".

Eu por mim falo, para o jogo de hoje à noite eu desejo uma vitória bem imoral...

Falo daquele tipo de vitórias porreiras em que o Sporting marca mais golos do que o adversário.

Vitórias morais? Claro, otro dia...

 
At 9/27/2006 2:28 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Já agora gostei do público, que só mandou vir no final do jogo. Quanto às críticas aos jogadores são os que temos. Há dois que neste momento não trazem nada à equipa: Anderson e Miccoli, e no caso de italiano ainda dou o benefício da dúvida, pode ser apenas má forma física.

O jogo foi muito defensivo. O Manchester fez apenas três ou quatro jogadas que terminaram em remates à baliza, querer que o Nuno Gomes estivesse numa mão cheia de oportunidades de golo é irrealista. Mesmo que não gostemos dele não há opção: Miccoli e Kikin, não sei se por má forma física, esta época mostraram ser nulidades completas. Ao contrário de alguns comentários gostei do Mantorras. Movimentou-se bem e falhou um cabeceamento por centímetros. Para quem entrou aos 82 minutos quando a equipa já tinha deixado de jogar à bola não está mal.

Quanto ao Quim, não é ódio de estimação, tem as limitações dele, mas é o nosso guarda-redes e pronto. O que me incomoda é que ele só defende quando as bolas vão devagar ou passam perto, e eu começo a ficar exasperado. Eu vejo outros guarda-redes fazerem defesas impossíveis, a única equipa em que isso raramente acontece é no Benfica. Quando um defesa falha já sei que vai ser golo. Não acredito que os avançados sejam mais certeiros quando jogam contra o Benfica.

 
At 9/27/2006 2:40 da tarde, Anonymous Anónimo said...

"Ó Anónimo, de quem é que tu gostas? Do Beto? Do Marcel? Do Manduca?

Dizer mal do Quim e do Paulo Jorge, que foram os dois melhores jogadores do Benfica ontem, é ridículo..."

Obrigado por me teres lembrado dessas pérolas do futebol português, em que alguém um dia decidiu que eles eram jogadores dignos de vestirem a camisola do Glorioso... muito mal está o Benfica.
Ontem o Quim nos dois remates que defendeu, a bola foi prá frente mesmo a jeito dos avançados, no primeiro lance o defesa tirou, no segundo foi o próprio Quim que remediou, melhor em campo... enfim... pra mim não.
O Paulo Jorge, é bom sim... para um Boavista ou um Braga, talvez.
Estou a falar do BENFICA, meus senhores, não se esqueçam, nunca, do clube a que pertencem. Não se contentem com medíocres...

 
At 9/27/2006 3:05 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Calma. O F. Santos vai dar a volta à questão.

O F. Santos pode não ser o melhor treinador do mundo, mas é muito regular. Regra geral, coloca sempre os melhores em campo. Com ele no comando da equipa no ano passado, se calhar, teríamos feito melhor. Só pelo facto de não colocar o Moretto e o Beto a jogar já merece a minha consideração. O Koeman só inventava. O que ainda não percebi é porque é que tinha (ao contrário do que o D´Arcy diz) uma plateia tão simpática. Ano passado nunca vi lenços brancos apesar de todos os disparates do Koeman. Este ano qualquer coisa que corra mal aparecem logo lenços brancos. Caramba, perdemos com o Man. Utd, com o Boavista e empatamos com o Paços. Perder no Bessa não é tão estranho quanto querem fazer crer (perder por 3 ou por 1, os pontos são os mesmos); empatar no Paços é mau, é certo, mas vejam como perdemos (o F. Santos tem culpa de ter parado o cérebro ao Anderson?); perder com o Man. Utd não é nenhuma catástrofe (em principio se ganharmos os dois jogos em casa que faltam, passamos. este grupo vai ser decidido por baixo. Ano passado perdemos em casa com o Villareal e não vi lenços brancos).

O F.Santos ainda não falhou nenhum dos objectivos da época (é certo que se atrasou um pouco, mas de forma remediável) e já cumpriu um dos objectivos da época: o apuramento para a fase de grupos da Liga dos Campeões.

O início de época não tem sido positivo, mas não existem motivos para este celeuma à volta da equipa.

 
At 9/27/2006 3:35 da tarde, Anonymous Anónimo said...

"Calma. O F. Santos vai dar a volta à questão."

Não sei se hei-de rir ou de chorar!!
Estás a falar do mesmo Fernando Santos?
E futebol este ano? tens visto?

 
At 9/27/2006 4:21 da tarde, Blogger Mr. Shankly said...

"as posições com falta de opções são as das vedetas"

Em que plantel? No Benfica temos o Miccoli, Mantorras e Kikin para o lugar do Nuno Gomes. Para o lugar do Petit, o Katsouranis. No lugar do Rui Costa, Karagounis e Nuno Assis. No lugar do Luisão, RIcardo Rocha. O único que não tem um bom substituto é o Simão.

Já no Sporting, quem substitui Ricardo, Liedson, Moutinho ou Nani?

 
At 9/27/2006 4:25 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O anónimo escreve:

O F.Santos ainda não falhou nenhum dos objectivos da época (é certo que se atrasou um pouco, mas de forma remediável) e já cumpriu um dos objectivos da época: o apuramento para a fase de grupos da Liga dos Campeões.


Bem, pudera, a época começou há pouco mais de um mês... Espera até à primeira eliminatória da Taça de Portugal. :)))

E considerar um empate em copenhaga e uma derrota em casa contra o Man Utd. como um pequeno atraso é um bocado de exagero.

Agora também é verdade que a culpa não é só dele. Ele está a fazer o que se esperava dele.

Se olharmos para o que se escrevia há 2 meses quando ele veio para o Glorioso não considero que as expectativas dos benfiquistas tenham saido frustradas. :))

 
At 9/27/2006 4:31 da tarde, Blogger último! said...

Para os treinadores portugueses há sempre menos paciência sempre foi assim por isso acho que deveríamos ter um treinador estrangeiro.

Ao Koeman foi-lhe perdoada muita coisa pois foi um treinador que veio a pedido dos sócios que não gostavam do futebol defensivo do Trapatonni, daí tanta paciência!

Walterolas,
Vitórias morais!? Então vocês é que andam há vários anos a falar do melhor futebol praticado!? Só porque agora tens um treinador muito mais realista já mudam o discurso!?
Eu preferia jogar ao contra-ataque com o Manchester e ganhar acredita que sim, não acho é nada dramático o que aconteceu ontem é muito diferente de achar que é uma vitória moral o homem não tem sorte paciência venha outro!

 
At 9/27/2006 4:31 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O joão escreve:

Já no Sporting, quem substitui Ricardo, Liedson, Moutinho ou Nani?

Bem, vamos lá ver quem ubstitui quem:

Ricardo- qualquer adulto válido com mais de 17 anos e mais de 1,85m

Liedson- é um problema, que se há-de reslver... Djalo?

Moutinho- outro problema que se resolve, eventualmente com a presença de um trinco bem defensivo à antiga em coordenação inteligente com os centro campistas mais avançados. Na pior das hipoteses mete-se o alecsandro a médio, ó caraças!

Nani- Bem... Carlos Martins, não é? (contando que não esteja lesionado)

 
At 9/27/2006 4:39 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Americano, tu alguma vez jogaste futebol, pá? Ali não se tratou dos 20 mts porque ele correu descaido p/direita e pra linha de fundo,foi depois disso, ali a questão foi o Andersson ter-lhe dado o lado direito p/ele não ir á linha e depois não haver dobra porque o Leo chega atrasado,e o Luisão estava a cobrir o outro jogador. o Saha simplesmente não foi pressionado, e ali o Manel não tenhas duvidas que lhe encostava a tranca.
Nem critico o Petit por ter falahado o passe, acontece aos piores pá.
O que eu critico é esta forma de ver o futebol do Benfica, em que só erram alguns e outros que jogam deploravelmente nem sequer são criticados porque "...toda a gente sabe que o N.Gomes sózinho não joga"
o N. Gomes é um dos jogadores mais protegidos que já vi no Benfica e isso não é bom.É incompreensivel para mim que um gajo daqueles falhe golos, e depois venham criticar o katsouranis, o Leo, etc..
É para mim incompreensivel que dois jogadores sejam expulsos no Bessa(na verdade 3, com o Manu), levem 3 e 2 jogos, um deles é capitão de equipa, e nem um uuuii.. tudo caladinho.
E depois com o Leo venham arreganhar os dentes e cai tudo em cima do homem. Isso para mim não é ser benfiquista, no Benfica é um por todos todos por um, não pode haver vedetices e vacas sagradas.

 
At 9/27/2006 4:58 da tarde, Blogger Radagast said...

Isto há coisas...dizer que o Nuno Gomes e o Petit não são jogadores para o Benfica é viver num anacronismo de 30 anos! Por mais que nos custe é a mesma coisa exigir que no Benfica estejam o Crespo ou o Vieira, porque tirando estes fora-de-série não existem melhores jogadores disponíveis. O Rui Costa estar no Benfica é que não é normal. E deveríamos estar agradecidos por isso.

 
At 9/27/2006 5:05 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Adenda:
Mais , e para que não se julgue que eu sou contra o star system no Benfica, ninguem me vê criticar aqui o Simão e se há algum jogador no Benfica que mereça ser vedete é ele, mas de vedetes destas gosto eu, marcam golos ,dão golos a marcar , raramente se lesionam e quando joga mal,-porque tambem joga mal- (é um mortal, não como o N.Gomes que para certos benfiquistas
está entre a irmã Lúcia (eh,eh,eh,) e Deus, portanto á espera da beatificação)mesmo assim ainda faz passes a rasgar e centros, etc...
Mesmo assim não está a coberto de criticas.

PS-Fawkes, yepa,yepa,yepa.
Fantastico pá, olha que o Kikin é mexicano e capaz de tambem dar uns lamirés.

 
At 9/27/2006 5:20 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Anónimo das 14:40: eu também preferia ter contrato o Robben ou o Cristiano Ronaldo em vez do Paulo Jorge, mas infelizmente parece que eles não estavam disponíveis... Temos indiscutivelmente o melhor plantel dos últimos anos com oito (!) jogadores convocados regularmente para a sua selecção (Simão, Nuno Gomes, Petit, Quim, Luisão, Katsouranis, Karagounis, Fonseca) e outros que são claras mais-valias, como o Rui Costa e o Miccoli, mas mesmo assim há sempre quem não esteja satisfeito. Provavelmente também não estariam se fossem do Barça ou do Chelsea. Há sempre margem para melhorar, mas querer colocar todos os jogadores do Benfica debaixo do rótulo da "mediocidade" parece-me um disparate tremendo.

Se me dissesses que em vez do Moretto, Beto, Marco Ferreira ou Karyaka talvez fosse mais produtivo ter júniores, porque ao menos ainda tinham margem de progressão, aí estaríamos de acordo.

 
At 9/27/2006 5:36 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Indio,

Não vou estar a insistir na tecla do Nuno Gomes, claro que ele é criticável, só acho que não temos agora nem há uns anos melhor. Se disser que ele tem mais golos marcados cá do que todos os pontas de lança que jogaram com ele no Benfica, juntos, não estou longe da realidade.
E o lance do golo, ou não viste ou não te lembras, o Petit não falhou nenhum passe, rematou e a bola bateu no Nuno, sobrando para um jogador do MU que deu ao Ronaldo que deu ao Saha. O que digo é que no momento que o Saha recebe a bola está a 20 metros ou mais do Petit, ou seja, se em vez do Petit fosse o MF a fazer aquele remate também nunca na vida recuperava de forma a auxiliar os 2 centrais, percebido?!!!

 
At 9/27/2006 6:44 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Ena já batemos nos jogadores quase todos. O ano passado só batíamos no Moretto e no Marcel.

Eu continuo a achar que a forma dos jogadores do Benfica não é lá grande coisa. O Léo estourou claramente este ano. O Miccoli parece que corre a metade da velocidade do ano passado. O resto da equipa não está muito melhor.

Já agora, quando pedem para tirar o Nuno e meterem o mexicano até me arrepio. O Kikin é o Marcel em versão mais lenta. Prefiro um jogador que desperdice oportunidades que um jogador que não falhe porque não consegue nenhuma.

 
At 9/27/2006 6:45 da tarde, Anonymous Anónimo said...

S.L.B.:
Até que podemos estar de acordo em aproveitar a prata da casa, coisa que teremos mais condições de fazer agora com o campus, enfim... mas uma coisa é contratar o Cristiano ou Robben e outra é o Marco Ferreira ou Carlitos, por essa ordem de idéias, estamos a discutir o quê? milagres não há.
Também não me vais ver dizer mal do Moreira, Luisão, Leo, Nelson, Simão, Rui Costa, Karagounis, Micolli, Fonseca, Petit, Mantorras e nem dos putos formados no Benfica, agora os outros, venha o diabo e escolha...
Na época do Trapattoni, houve um treino, julgo que logo ao pricípio da época, em que ele dispensou o Manuel Fernandes e outros jovens do treino. E o que o puto fez? foi lá, pediu autorização para treinar, treinou, agarrou o lugar e foi o que se viu durante a época, esse é que me custou ver sair, tanto como Miguelito vir dizer que precisava de tempo para pensar...
Temos um presidente que eu defendo até às últimas, mas infelizmente não percebe de bola, um empresário falido, um treinador que não deixou saudades nenhumas por onde passou, e o Chalana, o único que percebe de futebol que lá está, aposto que nem o deixam falar.

 
At 9/27/2006 7:14 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Anónimo: o meu ponto é que o Paulo Jorge é bastante melhor que o Carlitos e o Marco Ferreira. Não concordo contigo quando metes todos no mesmo saco.

 
At 9/27/2006 7:20 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Americano, sem querer prolongar o debate sobre o lance, só te faço uma pergunta, queres comparar o quê com o Manel Fernandes, o Petit?, em quê?, velocidade de recuperação, passe, drible, visão de jogo?

A unica coisa em que para mim o Petit ganha ao Manel, é nas propostas recebidas,pois como sabes o Petit recebeu esta época uma proposta do Man United, só que para nosso bem e por amor ao Benfica decidiu ficar.Recomendo mesmo a sua canonização na Catedral.:))

A minha consideração sobre o lance é meramente teórica, porque não acredito que com o Manel em campo o jogo se desenrolasse da mesma forma,o que eu aqui quero dizer é que estou farto de vacas sagradas que podem fazer o que quiserem e ninguem repara neles, se quiseres os meus comentários são sobre a inimputabilidade e injustiça nas análises.Porque uma mentira contada muitas vezes passa a ser verdade e, nalguns casos autenticos mitos, e para mim mitica só a Fénix.

 
At 9/27/2006 7:30 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Tudo bem, S.L.B.
Afinal de contas somos benfiquistas e gostamos falar do Benfica.
Por muito que me custe ver o Benfica jogar assim, o que digo aos lagartos e morcões, é que pra lhes ganhar chega.
Contra eles temos que defender sempre o Benfica.
Bem haja.

 
At 9/27/2006 8:00 da tarde, Blogger Superman Torras said...

Não tive tempo para ler os comentários (segue-se o Werder vs Barça), mas não queria deixar de dizer que achei esta crónica uma das mais deliciosas que já tive oportunidade de ver em blogs e com toda a certeza uma das mais inspiradas do D'arcy nos últimos tempos.

Os meus sinceros parabéns.

Em relação ao jogo, não tenho muito a acrescentar. Apenas um dado, e ao mesmo tempo que corroboro tudo o que se disse sobre o Alcides (fantástica a comparação com o 2001), como eu dizia, apenas um dado: as vacas sagradas e o medo do F.Santos em prescindir delas são um dos maiores cancros do clube neste momento.

Petit, uma delas, foi o responsável, directo e indirecto, por muitas das coisas menos boas que aconteceram ontem. Directamente porque era ele que ia buscar o jogo cá atrás, isto quando chegava a tempo antes de um dos centrais a ter despachado lá para a frente ou para a direita (em ambos os casos com resultados semelhantes, bola para o adversário). E como é que funciona o nosso Petit como armador de jogo? Mal, muito mal. Lento, previsivel, e com uma tendência cada vez mais irritante e que eu juro que me parece estar-se a pegar ao Katsouranis sempre que jogam os dois , para passar a bola para trás ou, quanto muito, para o lado.

Indirectamente porque ao ocupar essa posição, Karagounis, uma das boas surpresas nestes últimos jogos, teve que ocupar uma posição mais avançada, dando-se à marcação porque não é jogador para se desmarcar ou para se sentir confortável recebendo a bola de costas para a baliza, e portanto basicamente destruindo todo o "elan" que o nosso meio campo poderia emprestar ao rendimento global da equipa. Rui Costa, quando regressar, vai continuar a ter o mesmo problema, caso tenha que jogar com os dois médios defensivos supracitados.

E se na primeira parte ainda serviu para ganharmos o meio campo, pelo menos não permitindo a criação de jogadas perigosas para a equipa adversária, na segunda parte nem isso, tendo havido vários períodos do jogo em que Petit marcava Katsouranis, e vice-versa.

A outra vaca sagrada é, como não podia deixar de ser, Nuno Gomes. Não me vou alongar mais, apenas quero dizer que nunca por nunca dois jogadores que estiveram (um ainda vai continuar) suspensos por vários jogos, entrarem de imediato na equipa assim que há é essa possibilidade é uma aceitação tácita de que não há outras opções no plantel e de, independentemente da forma ou do adversário, são camisolas, muito mais do que jogadores, que têm lugar garantido no 11 inicial.

Para terminar, é preciso ter muita falta de visão e de perspectiva das coisas para não se convocar o único avançado com caracteristicas de choque e futebol aéreo, pois estava msis do que visto que se a equipa se apanhasse em desvantagem era este o tipo de abordagem que ela ia fazer a partir daí. Assim foi de facto, mas com Nuno Gomes a fingir que vai às bolas e Miccoli (bem observado d'arcy) a fazer as vezes de médio organizador e, ainda melhor, Assis a fazer de médio ala, estamos conversados.

Sou contra as substituições de treinadores a meio da época, tal como Luis Filipe Vieira e Veiga, mas este caso é diferente. Estamos a falar de um treinador que nunca devia ter começado a época, quanto mais terminá-la.

 
At 9/27/2006 8:44 da tarde, Anonymous Anónimo said...

ó walter(e outros k andam aí) e preocupar-se com o seu clubezinho não?!acho k fazia melhor figura..e ja agr amelia é a sua avó!
o NUNO é simplesmente o melhor avançado portugues,o jogador com mais golos marcados em actividade na superliga e um dos melhor marcadores do benfica, ja marcou ás melhores selecções do mundo, já meteu portugal nas meias finais de um europeu, so não foi o melhor marcador do campeonato portugues a epoca passado pk o lesionaram.......já a sua "amélia" a melhor coisa k sabe fazer e msm mandar se para o chão n é?! :) olhe que ja vamos p/ a 5ª jornada e n vi nenhum golito dele...já que e tão bom........
qt aos outros k falam mal dele..epáh se a bola n lhe chega aos pés como e k ele pode marcar?!
enfim...qd ele voltar às boas exibições e aos golos que dêem vitorias aos SLB ja volta a ser o maior né vdd?!
M@rda de adeptos!!!!!

 
At 9/27/2006 8:55 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Guerreiro Indio falar de uma forma muito diferente de outros membros da Tribo da Águia.

Manitu ser único Deus em que Indio acreditar. Indio não acreditar em deuses com pés de barro.

Indio não gostar de guerreiros vaidosos e medrosos que usar cabelos iguais aos das squaws mais vaidosas da Tribo mas não arrancar nenhum escalpe durante meses.

Eu perguntar a Indio: Indio não querer mudar de tribo? Tribo Verde receber Indio de braços abertos!

Yepa! Yepa Yepa! Ugh!! :)))

 
At 9/27/2006 8:59 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/27/2006 9:06 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/27/2006 9:16 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Anónimo,

Classificação da Liga dos campeões (Grupo B):
Jogos/Pts
1- Sporting CP 2/4
2- Bayern Munique 1/3
3- Sartak de Moscov 2/1
4- Inter Milão 1/0

Classificação da Liga dos campeões (Grupo F):

Jogos/Pts
1- Man. Utd. 2/6
2- Celtic Glasgow 2/3
3- S.L. e Benfica (vulgo Glorioso) 2/1
4- FC Copenhaga 2 1

Classificação do Campeonato Português (Liga Betadine):

Jogos/Pts
1 - FC Porto 4/12
2 - Sporting 4/9
3 - U. Leiria 4/7
4 - Sp. Braga 4/7
5 - Naval 4/7
(...)
12 - Benfica 3/4
13 - Académica 4/3
14 - Nacional 4/3

Pá, por mim o Liedson pode continuar sem marcar golos...

PS. Neste momento, o Inter e o Bayern empatam por 0-0. Se a coisa continuar assim, o sporting mantem-se na frente do Grupo B...

 
At 9/27/2006 9:49 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Em casa onde não há pão todos ralham...

Os jogadores não estão a fazer de propósito nem desaprenderam. Uma coisa é apontar falhas de um jogador, ou referir as limitações, outra é dar a entender que não fizeram melhor porque não quiseram.

Não percebo a sanha contra o Nuno Gomes. Trata-se de um jogador que vale mais de 20 golos por época e o ano passado quando os pastéis o lesionaram isso custou-nos o segundo lugar.

Quanto ao Petit concordo que temos um problema, e o D'Arcy referiu isso anteriormente. Ele funcionava bem com o Manuel Fernandes, não funciona com os jogadores que tem ao lado esta época. A questão é se o FS está disposto a deixá-lo no banco.

Em 6 jogos na CL os três clubes portugueses (enfim apenas os verde-ranho) marcaram 2 golos. O Drogba do Chelsea neste jogo que estou a ver já vai com 3!

 
At 9/27/2006 9:58 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes: bla bla bla... Nuno Gomes... bla bla bla... Petit... bla bla bla... vitórias morais... bla bla bla... LFV... bla bla bla... (nem tenho paciência para ler aquilo)

Fdx, Gay. Eu sou do Benfica e só agora vim postar aqui. Tú és do clube folclórico e passas o tempo todo de manhã a noite. Mas é que é mesmo de manhã à noite, basta olhar para as horas dos posts !! Não percebo mesmo nada. Sai do armário e assume-te. As ofertas continuam de pé.

 
At 9/27/2006 10:25 da tarde, Blogger Harry Lime said...

jfilipe,

Há quantos anos é que o nuno gomes não marca 20 golos numa época? Melhor ainda, o Nuno Gomes alguma vez marcou 20 golos numa época?

Pá, os treinadores vão e vêm. Os sistemas tácticos mudam e voltam outra vez a mudar. e no entanto, o Nuno gomes mantem-se a marcar 4,5...6... golos por época. o ano passado marcou 15 golos. Mas quantos jogos é que ele passou de jejum?

 
At 9/27/2006 10:27 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/27/2006 10:29 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Anónimo,

O que é que tu tens a ver com a minha vida?

És meu pai? És meu irmão? Nem sequer és meu amigo! Desampara-me a loja, c*****o!

 
At 9/27/2006 11:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

FDXXXXXXXXXXX....deixa o NG em paz..dass... ele e jogador do teu clube??? como ja disse PREOCUPA TE COM O TEU CLUBE!!! e sim o NG ja marcou + de 20 golos numa epoca...ja para n falar nos que ele da a marcar...n tens blogs do clube do wc para comentar??!!

 
At 9/27/2006 11:40 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes, tu é que nos devias desamparar a loja. Nunca ví gajo mais soda do que tu. Excepto um tipo no liceu que tinha a alcunha de Johnny Lagarto, pq tem era um soda e do Sportem. Tou a ver que afinal é defeito da lagartagem toda. E que história é esa de não ser teu amigo? Então disse que te pagava uma visita à Catedral assim que saisses do armário, e agora não sou teu amigo??

Já agora que atracção repentina é essa pelo Nuno Gomes? Olha que ele é casado. Experimenta antes o etíope dos supermercados, esse deve ser mais a teu gosto.

Ps- O anónimo de cima não sou eu, mas subscrevo inteiramente as suas palavras.

 
At 9/28/2006 12:52 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Caramba, o Inter perdeu em casa com o Bayern. Dois golos sem resposta. Finalmente percebi a vitória dos verde-ranho.

Quanto ao Nuno Gomes. Historial no Benfica, apenas no campeonato. Não tenho os golos/jogos para a Taça.

época partidas(golos)
97/98 33(18)
98/99 34(24)
99/00 34(18)
Ou seja 101 jogos 60 golos. Trata-se de um jogador que fazia um campeonato inteiro e era muito regular, a cada 5 jogos marcava 3 golos. Em média neste período 20 golos por época, só no campeonato.

Depois de voltar de Itália
02/03 27(09)
03/04 21(7)
04/05 23(7)
Neste período esteve lesionado muitas vezes e a média baixou para um golo a cada três jogos. O ano passado
05/06 29(15)
ou seja no ano em que esteve livre de lesões quase até ao fim do campeonato voltou à media de 1 golo a cada dois jogos. Mas se preferem o Marcel ou o Kikin vocês lá sabem.

 
At 9/28/2006 9:32 da manhã, Anonymous Anónimo said...

D'arcy e restantes benfiquistas, na sequência desta troca mais ou menos saudável de opiniões que tem decorrido, gostaria de saber a vossa opinião sobre o posto no http://www.eternobenfica.blogspot.com/ já que eu estou plenamente de acordo com o texto!

 
At 9/28/2006 10:13 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Grande guerreiro verde Fawkes, muito custar a Índio dizer não a tua oferta, mas Índio ter amor de muitas luas com clube da Águia.
Mas Índio pensar muito e fazer proposta a bravo fawkes, porque não Fawkes vir para clube da Águia?;) Reparar que bravo guerreiro já conhecer bem como funcionar (dizer mal Feiticeiro Santos e dizer bem squaw N.Gomes)e conhecer ambiente, mais Feiticeiro Bento ser benfiquista e tu gostar dele, assim como Moutinho, assim como filhos de grande feiticeiro verde Soares Frango.;)))
E por ultimo, mas maior trunfo de Índio, quem ter jogador mexicano Yepa,yepa,yepa,hum?
Muito gostaria Índio de ter por companhia um bravo e valoroso guerreiro como Fawkes, que poderia ajudar Índio a travar os jovens fogosos da tribo da águia que só vêm squaw(N.Gomes) á frente!
Que Manitu caminhe contigo Fawkes!!

 
At 9/28/2006 10:44 da manhã, Anonymous Anónimo said...

jfilipe, já agora e como as tuas análises são quantitativas, vê lá se descobres quantos golos marcou o Néné.
O Néné que até era um gajo discreto, e esse sim inteligente a jogar futebol, passou os ultimos anos da carreira dele no Benfica a ser suplente e limitava-se a entrar nos ultimos 10/15 mts. dos jogos, porque o Eriksson tinha outras opções. sabes o que ele fazia neses 10 /15 mts? por vezes marcava 2/3 golos. alias no Europeu em França, tambem marcou o seu golinho á beira do fim de um encontro (já não me recordo qual).O sueco deu uma entrevista e disse na altura "não posso deixar no banco um jogador que cda vez que entra no fim marca golos". E sabes uma coisa, nunca vi desse gajo má cara, má vontade, etc...
Agora vêm lá com N.Gomes, Petit e quejandos, que admito são bons jogadores, um pouco acima da média até, mas meu amigo, não marcam golos, não jogam bem , vão para o banco, sempre foi assim no Benfica.
Ainda me lembro de uma equipa do SLB campeã nacional de juniores, que tinha entre outros, J.Alves, Jordão,Shéu, Néné (não tenho a certeza), vítor Silva (garoupa), etc...
Agora vou idolatrar uns gajos que nem sabem para uma bola e que em frente ao guarda-redes se mandam para o chão? Isso é não conhecer aquele clube, pá.
Eu não sou saudosista mas não me importava nada que alguns jogadores fosse jogar para o SL e Saudade,talvez ainda aprendesse um pouco com aqueles que lá jogam.;))
É esta idolatria barata e desconhecimento do Benfica que levou a erros terriveis como o de Presidentes que se aproveitaram do clube, e que qualquer papalvo com dois dedos de conversa vá a TV e depois saia de lá presidente da maior instituição Portuguesa.
E digo-te eu no fundo não tenho nada contra o N.Gomes ou o Petit, tenho sim contra o descer a pique dos niveis de exigência minimos para se jogar naquele clube,que nalguns sócios e apoiantes são aterradoramente infimos, porque infelizmente não sabem ou não conhecem parte da história daquele clube.

 
At 9/28/2006 10:48 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Errata: garoupa é o Vítor Martins, obviamente.

 
At 9/28/2006 11:18 da manhã, Blogger D'Arcy said...

O golo do Nené foi contra a Roménia, e deu-nos o apuramento para as meias-finais. O Nené foi o meu primeiro grande ídolo (e um dos maiores de sempre) do futebol e do Benfica. Por causa dele é que eu queria jogar sempre com o número 7, que era o que ele mais utilizava no Benfica (já que começou a carreira como extremo-direito) :)

 
At 9/28/2006 11:27 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Obrigado, Gurreiro Indio!

Presença de Yepa Yepa Yepa Kinkin é na Tribo Vermelha fazer eu pensar muito.

Decidir não aceitar convite de Indio porque haver demasiados poetas e demasiados filosofos na Tribo da águia.

Em Tribo da Águia haver demasiados feiticeiros de bancada (normalmente os anciãos da tribo)

 
At 9/28/2006 12:06 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Exacto D'Arcy, até me arrepio todo, caraças. E sem sujar os calções, pá!!
Sim, ele como extremo-direito era rápido como o vento.
Ugh! como dizia o C.Pinhão, ai que saudades ai ai, Índio ter daquelas caçadas!
Mas clube Águia vai ter novamente bons guerreiros e travará gloriosos combates contra cras pálidas invejosos.:))

 
At 9/28/2006 12:19 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Eh pá, agora lembrei-me duma história incrivel do Néné.
Penso que foi num encontro que o Benfica foi disputar ao Norte, e o Néné jogou de inicio.O jogo foi fácil
e o Néné aos 20 mts. de jogo já tinha marcado dois golos.
No fim do jogo um dos centrais responde a uma pergunta de um reporter que queria saber como é que aos 20 mts da 1ª parte já estavam a perder por 2-0. Diz o central " Eh pá, nem eu sei como foi.O Néné no inicio do jogo falou conncosco, cumprimentou-nos e tal, perguntou pela familia, filhos, estudos, etc...e quando demos por ela, pimba, já lá cantavam 2"
Isto sim é um grande ponta de lança,
caraças, é que os gajos nem ficaram chateados nem nada!

 
At 9/28/2006 12:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Achei algumas estatísticas contraditórias. Quem nos pode ajudar aqui é talvez o TMA.

O Nené no último ano em que jogou, 1985-1986, marcou 7 golos em 16 jogos. Em 18 épocas marcou 262 golos no campeonato, média de 15 golos por época. Estou a ver se arranjo os números por época. No total como sénior no Benfica marcou 473 golos (359 em jogos oficiais) em 806 jogos. Dá mais ou menos 3 golos a cada 5 jogos.

O Nuno Gomes nestas 7 épocas marcou seguramente golos suficientes para ser já provavelmente o décimo melhor marcador de sempre do Benfica.

 
At 9/28/2006 2:01 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O Nené jogava em campeonatos de 16 equipas, tal como temos agora, pelo que 15 golos por época significa um golo em cada dois jogos do campeonato. E de certeza que deve haver uma diferença grande nos números das primeiras épocas (em que, conforme disse, ele jogava como extremo) e aquelas em que ele passou a jogar como ponta-de-lança, pelo que julgo que nesta posição provavelmente ele terá até um rendimento superior a um golo em cada dois jogos.

O Nuno Gomes, se não está no Top 10 dos marcadores do Benfica, deve andar perto.

 
At 9/28/2006 2:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'arcy,

Como hoje saíu a convocatória, pergunto por cusriosidade se também costumas "postar" sobre a Selecção, se és pro ou anti Scolari, no fundo se tens um fervos semelhante pela nossa Selecção àquele que tens pelo nosso clube.
Eu, também influenciado por ter presenciado ao vivo o último Euro e Mundial, sou louco pela Selecção, principalmente pelo conceito de "família Scolari" que tanto incomoda algumas pessoas...só tenho pena que ele tenha estado tão perto do Benfica e não tenha assinado, porque estou certo que as coisas seriam bem diferentes com o Felipão!!!

 
At 9/28/2006 2:33 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Estas coisas são sempre complicadas, o futebol era mais aberto, as goleadas eram mais frequentes. Por exemplo em 1983/84, cortesia do Memórias Encarnadas:

Braga (casa: 7-0), V. Guimarães (casa: 8-0), Farense (casa: 6-2, fora: 7-2), Penafiel (casa: 8-0), Espinho (casa: 6-0).

A questão é que o Nuno Gomes mesmo nos anos piores faz um golo a cada três jogos, e quando faz uma época sem lesões marca um a cada dois jogos, não é tão mau como o pintam. É um dos melhores avançados que passaram pelo Benfica. Reparem que o Nuno não tem marcado penaltis, que têm sido responsabilidade do Simão.

Bem, no Memórias Encarnadas pesquei mais uma época do Nené:

1983/84 21 golos

O Nené fez muitos jogos incompletos nessa época. Além disso como o D'Arcy disse o campeonato tinha menos jogos.

 
At 9/28/2006 2:52 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Nessa época, se não me engano, o Nené disputou até oa final o título de melhor marcador com o Jacques, do FCP. Acabaram empatados, mas o título de melhor marcador foi para o Jacques porque tinha menos jogos.

E eu assisti ao vivo ao tal 7-2 fora ao Farense (o meu avô lagarto levou-me ao jogo, porque mesmo miúdo eu já era fanático ;)), no qual se não estou em erro o Nené fez um hat-trick.

 
At 9/28/2006 2:53 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Americano: eu gosto do Scolari e da selecção, mas por norma nunca me consigo entusiasmar tanto como com o Benfica. Normalmente até costumo ficar um bocado chateado quando o campeonato pára por causa da selecção ;)

 
At 9/28/2006 3:16 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Tens razão D'Arcy, e tudo se decidiu na última jornada. Já que o TMA, perdão o Tiago, não tem os meus hábitos de trabalho flexíveis eu faço publicidade à descrição que ele faz desse final de época algo dramático.

 
At 9/28/2006 3:29 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O Tiago no entanto menciona que a luta foi com o Gomes... mas eu estava convencido que tinha sido com o Jacques. Pelo que estive a ver, o Jacques ganhou na época de 1981/82, mas acho que também nessa altura foi o Nené quem perdeu o título por pouco.

 
At 9/28/2006 3:51 da tarde, Anonymous Anónimo said...

JFilipe, aqui a questão é a seguinte, não marca, não joga como o Néné não jogou e marcava sempre quando entrava. Por outro lado naquela altura havia vários jogadores do Benfica que marcavam muitos golos, como é o caso do citado Diamantino e houve outros ,Filipovic, etc...Até o João Pinto chegou a marcar 10/15 golos por época e ainda por cima andava com a equipa ás costas. Quantitativamente divide o nº de golos pelo nº de jogos e fazes a média de golos por jogo, mas agora e se puderes, analisa em quantos jogos o N.Gomes marcou os golos, para veres a regularidade com que ele marca golos.
Isto sem tirar mérito ao N.Gomes pelos golos que já marcou, as épocas eram diferentes e a competitividade na equipa tambem era diferente.

 
At 9/28/2006 3:52 da tarde, Anonymous Anónimo said...

JFilipe, aqui a questão é a seguinte, não marca, não joga como o Néné não jogou e marcava sempre quando entrava. Por outro lado naquela altura havia vários jogadores do Benfica que marcavam muitos golos, como é o caso do citado Diamantino e houve outros ,Filipovic, etc...Até o João Pinto chegou a marcar 10/15 golos por época e ainda por cima andava com a equipa ás costas. Quantitativamente divide o nº de golos pelo nº de jogos e fazes a média de golos por jogo, mas agora e se puderes, analisa em quantos jogos o N.Gomes marcou os golos, para veres a regularidade com que ele marca golos.
Isto sem tirar mérito ao N.Gomes pelos golos que já marcou, as épocas eram diferentes e a competitividade na equipa tambem era diferente.

 
At 9/28/2006 3:59 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Nem tinha notado que tinhas dito Jacques. Foi de facto o Gomes. O Jacques ganhou em 1981/82 com 27 golos.

Na altura os campeonatos tinham 16 equipas. Em 1987/88 passaram a 20! Antes de 1970/71 tinham 14. É por isso que é muito complicado comparar goleadores.

Na lista dos bolas de prata achei mais um ano:

Nené
Época golos (jogos)
1985/86 7 (16)
1983/84 21 (?)
--
--
1980/81 20 (?)

Como ele se estreou em 1967/68, há um grande buraco.

 
At 9/28/2006 4:20 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Na época passada o N.Gomes marcou 15 golos em 11 dos 36 jogos do Campeonato,ie não marcou durante 25 jogos, agora compara com as épocas do Néné,25 jogos era mais que um campeonato .
Isto é quantitativamente, mas qualitativamente a diferença era muito maior.

 
At 9/28/2006 4:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Índio, estás a dar-me razão. Na altura os adversários tinham que marcar toda a frente de ataque do Benfica. O Nuno Gomes está sozinho, leva mais porrada e desgasta-se mais que qualquer ponta de lança da altura. Pode não ser o melhor ponta de lança do mundo, mas daí até se criticar a falta de empenho...

Podes não gostar dele mas não temos melhor.

 
At 9/28/2006 4:38 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Não, não estou a dar-te razão, e o N.Gomes não leva porrada por que se esconde do jogo, quem leva porrada é o Simão e os transportadores de bola, pá, quem levava porrda era o J.Pinto, pá! Tu aparte os numeros não percebes nada de futebol, pá.

Mas achei lindo essa resignação
"Podes não gostar dele mas não temos melhor" nha,nha,nha!!

Já te disse que não tenho nada contra o N.Gomes desde que ele marque golos e se deixe de se armar em inteligente, a minha luta é contra os benfibimbistas como tu que para te lembrares da valia de um jogador como o Néné é preciso ires consultar as estatisticas, pá!
Mas estou a ver que a luta vale a pena quando dizes que ele pode não ser o melhor ponta de lança do mundo...eh,eh,eh

 
At 9/28/2006 4:50 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Índio, safa que má vontade. Primeiro o Nuno Gomes só fez 29 jogos. Aliás 28 pois foi aviado no último e teve que sair até ao fim da época. Ou seja marcou em 11 jogos, ficou em branco em 17. Já que não podes pegar pela média queres pegar pelos jogos em branco. O Nené marcava muitas vezes dois e três golos, logo até penso que ficava muitas vezes em branco. Já agora, não sei quantos golos de penalti marcou o Nené.

25 jogos não é mais que um campeonato... O campeonato com 16 equipas tem 30 jornadas, apenas menos 4 que o campeonato com 18 equipas.

Eu não estou a querer dizer que um era melhor ou pior que o outro, estou só a dizer que o Nuno Gomes não é tão mau como o pintam.

 
At 9/28/2006 5:14 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Indio denunciaste-te, ou és muito novo e nunca viste jogar o Nené ou então não és do Benfica (se calhar mais um alias do lagarto dos muitos nomes).

Eu não preciso dos números para me lembrar do Nené. Eu vi jogar o Nené, no estádio, todos os jogos em casa, durante várias épocas. Lembro-me que muitos adeptos não gostavam dele, imaginem, por nunca sujar os calções e fugir, vejam lá, da luta. Sim, o Nené "escondia-se", evitava sempre que possível as confusões. Usarem o Nené como contraponto por o Nuno Gomes não ir à luta ou é de alguém que nunca o viu jogar ou de alguém que não é do Benfica.

Vi-o falhar golos e ficar várias vezes em branco. Era no entanto um dos jogadores mais rápidos que vi até hoje. Não precisava de jogar com medo do fora de jogo, podia partir uns metros atrás dos defesas que os ultrapassava facilmente à mesma. Não é o tipo de ponta de lança que se possa comparar com o Nuno Gomes.

 
At 9/28/2006 5:21 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Acho que usar um histórico do Benfica como o Nené como termo de comparação, seja com que jogador, será sempre muito injusto.

 
At 9/28/2006 5:30 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Eu querer dizer uma coisa:

Eu não ser Bravo Guerreiro Indio apesar de comparação ser lisongeira. Eu ser Bravo Silva/Lime/Fawkes/Fink/Sobchak e mais ninguem!

Ter 5 personalidades diferentes ser muito lixado, para que querer eu mais uma?

Yepa Yepa Yepa Ugh!!!

 
At 9/28/2006 5:33 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/28/2006 5:35 da tarde, Blogger S.L.B. said...

Sinceramente custa-me ver benfiquistas dizerem mal do Nuno Gomes. Ele é de longe o melhor ponta-de-lança que temos desde o Rui Águas e vejam há quantos anos isso foi. Podem-no acusar de não rematar muitas vezes, de não marcar mais golos (se marcar 20 há sempre quem queira 30 and so on...), mas acusá-lo de não dar o litro nos jogos é muito injusto. Não há melhor que ele a criar espaços para os remates dos médios, seja em tabelinhas seja em movimentações na frente de ataque (lembrem-se do golo do Simão em Anfield).

Então criticá-lo por ser "inteligente", é demais! O Marcel, o Karadas ou o Delibasic devem ser melhores...

 
At 9/28/2006 5:38 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Bem, o JFilipe na seguinte afirmação diz tudo o que há a dizer acerca do lampião tipico:

Indio denunciaste-te, ou és muito novo e nunca viste jogar o Nené ou então não és do Benfica (se calhar mais um alias do lagarto dos muitos nomes).

Para o lampião típico, quem não goste de um jogador canonizado é imediatamente acusado de lagartismo e condenado à fogueira.

Este é o traço de personalidade que eu mais descurto nos lampiões: o seu estalismo implicito. Quem foge à norma é logo queimado, nem que seja no facto de não gostar de um avançado notoriamente mediocre como o Nuno Gomes.

O que se há-de dizer? É assim que funciona um clube do Povo, presidido por um homem do Povo (palavras do LFV himself), sempre à mercê dos caprichos do Povo.

 
At 9/28/2006 5:52 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Façam favor de ser por em sentido quando falam do Nené. Um grande jogador e um grande benfiquista. É o jogador do Benfica com mais jogos (575), seguido de Veloso (538), Coluna (525), Humberto Coelho (498), Shéu Han (487), Bento (465), Simões (449), Eusébio (440), Cavém (420) e Francisco Ferreira (399).

Era um jogado educado e um killer enquanto ponta de lança. A conversa de "não sujar os calçoes" era de ressabiados que não percebiam nada de bola. Eu acompanhei a sua carreira in loco (in Luz) a partir dos anos 80 e era um grande ponta de lança. Na goleada que referem ao Braga (7-0) ele marcou ainda um golo no último minuto que o árbitro invalidou, porque foi na sequência de um canto e assim que o canto foi marcado, a bola ia no ar e o cabrão apitou a dar o jogo por terminado (!!). Palavra de honra. E foi para o lado onde eu estava a acompanhar o Benfica, portanto lembro-me bem do lance. Nesse ano ganhou o Gomes a bola de prata (ou lá como se chamava na altura) com menos jogos mas mais minutos de campo, pois o Nené só jogava os últimos 15 a 20m . "A Bola" depois alterou a regra de atribuição do troféu por causa disso. E tmb me lembro dessas declarações do Eriksson. Mesmo quando não marcava o Nené arrastava consigo a defesa abrindo espaços para os outros (Shéu, Filipovic, Diamantino, C.Manuel, etc )


PS- O que se passa com o Gay Fakes? Hoje anda tão calado, ainda não insultou o LFV nem nada.

 
At 9/28/2006 6:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

JFilipe, não é má vontade e é por ser muito novo que eu sei (com algumas brancas) algumas equipas campeãs de juniores. Tu é que andas a insistir com o N.Gomes e eu não te posso dar razão quando a comparação é com o Néné, pura e simplesmente não há comparação (e eu disse-o) tanto qualitativamente, quanto quantitativamente. E tambem disse que não é para tirar mérito ao N.Gomes (lê os meus comentarios, pá)pura e simplesmente o Néné era melhor e eu vi jogar não só o Néné mas vários pontas de lança muito melhores (para mim) que o N.Gomes.Filipovic, Magnusson, V.Baptista (apesar da maluquice),etc...
E para que saibas há uma diferença entre não sujar os calções (que ao contrario do que pensam era sim um elogio, embora a certa altura fosse malévolo) e o esconder do jogo, o Néné não se escondia do jogo, tinha era um posicionamento em campo que permitia levar os defesas com ele e abrir espaços e ainda aparecer a finalizar, alem da velocidade.
E se trouxe aqui o Néné á baila foi simplesmente para marcar que até o Néné foi para o banco apesar de ser quem era, e que no Benfica não pode haver vacas sagradas. A teimosia foi tua, e repito benfiquismo sim, benfibimbismo e vacas sagradas, NÃO.

 
At 9/28/2006 6:45 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Outra coisa Jfilipe, porque é que como disse o Fawkes, se alguem não couber nos teus cânones é logo acusado de não ser benfiquista?
Eu pelo menos acho que tu és benfiquista, embora de um género diferente do meu.

E curto o Fawkes porque ele é arguto, inteligente e argumenta com clareza e rapidez, caraças!!.;)))(Fawkes hoje é o teu dia de sorte caraças , pá.Compra um bilhete de lotaria ou aposta no Euromilhões)Além de que é um autentico agent provocateur de primeira água, e sinceramente este blog não seria o mesmo sem a sua presença ( e os amoks entre ele e o D'Arcy), o que é mau para ele porque ao contrario do que ele quer o pessoal já está a gostar.

 
At 9/28/2006 6:57 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Anonymous, eu comecei a ir ao estádio ver os jogos de forma regular no final de 1979, e lembro-me bem do Nené. Quando as coisas corriam menos bem (era raro em casa naqueles tempos) era dele que se esperava o milagre. Nunca vi um jogador com aquela forma de jogar, quando se notava que ele estava em campo é porque ia marcar golo.

WS se dizes que não és o Índio, pronto, conheces e D'Arcy e não ias mentir no blog dele.

Confesso que a coisa de "25 jogos ser mais do que há num campeonato" foi o que me fez pensar em ti. Já mostraste aqui muitas vezes que os dotes matemáticos não são o teu forte.

Além disso repara nestas frases

"e os transportadores de bola, pá,"

"quem levava porrda era o J.Pinto, pá! "

"Tu aparte os numeros não percebes nada de futebol, pá."

" é preciso ires consultar as estatisticas, pá!"

Compara agora com estas de alguns posts anteriores de um certo WS

"Pá, apresenta provas."

"Pá, eu não tenho nenhum problema em fazer de bobo da corte..."

"Pá, fui provocado. "

Enfim, o WS coloca o "pá" no início e o Índio no fim, mas é um engano legítimo. De qualquer forma não gosto que alguém que se diz adepto do Benfica me chame benfibimbista.

 
At 9/28/2006 7:14 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Estou farto desta palermice, mas Índio quem está constantemente a colocar o benfiquismo dos outros em causa és tu:

"a minha luta é contra os benfibimbistas como tu"

Isto é um dos piores insultos que me fizeram até hoje.

"benfiquismo sim, benfibimbismo e vacas sagradas, NÃO."

Não consegues discordar dos outros benfiquistas sem lhes chamar nomes? Desculpa lá mas com todo esse amor pela criatura verde-ranho passou-me pela cabeça que fosses lagarto.

 
At 9/28/2006 7:33 da tarde, Blogger D'Arcy said...

"WS se dizes que não és o Índio, pronto, conheces e D'Arcy e não ias mentir no blog dele."

JFilipe, em relação a isso eu não ponho as mãos no fogo por ele...

 
At 9/28/2006 7:49 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'Arcy, de certa forma não me surpreende. Mas pelo menos com o meu contador de visitas é fácil saber o IP de quem deixou os comentários. O WS não ia recorrer a algo em que pudesse ser descoberto tão facilmente.

Para que conste eu só coloquei em causa o benfiquismo do Índio depois de ele ter dito que por discordar dele eu não percebo nada de futebol e que sou um benfibimbista. Tirou-me de sério.

Desafio qualquer um de vocês a tentar ser benfiquista em Gaia e ir festejar as vitórias do Benfica para a rua aqui ou no Porto, onde os superdragões gozam de impunidade total. O AntiTripa de certeza que pode confirmar que não é fácil.

 
At 9/28/2006 8:00 da tarde, Blogger Joao said...

Viva d'Arcy
Concordo plenamente com a tua discricao das substituicoes... quem era o mestre nessa arte de trocar de jogadores sem mudar o sistema era o Souness: lembras-te do tempo em q tirava o lateral direito para recuar o poborksy e entrava o Saunders para extremo direito? q pesadelo... outra vez!

Nao partilho da tua embirracao pelo Alcides mas eu tb tenho as minhas (Petit)...

esperava uma reaccao mais forte em relacao aos lencos brancos.

Aparece no
www.eusebiomais10.blogspot.com

 
At 9/28/2006 8:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

JFilipe, eu chamei-te benfibimbista porque comentario atras de comentario estavas pura e simplesmente a ignorar (ou então não percebeste) o que eu dizia no comentario anterior, e...fartei-me de te ver defender uma ideia até ao irracional. E repito que não gosto de benfibimbismo , e que sim ele existe.
Se tu achas que não o és não tens o direito de te sentir assim tão ofendido, mas como não tenho o ego nisto,e como não quero e não gosto de causar incómodos nem ferir susceptibilidades, aceita isto como um momentâneo lapso de razão.
Mas atenção, se chamas a atenção para isso, tambem te deves sentir incomodado quando o Fawkes é aqui muito mais ofendido do que tu alguma vez foste, não é que eu seja o advogado dele, mas se levares isso para onde queres levar, caramba, deves corar cada vez que aqui vens!!

 
At 9/28/2006 8:59 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Lá estás tu outra vez Índio, a chamar-me irracional. Gosto de fundamentar as minhas opiniões com números. Se queres rebatê-los faz isso mas não é a dizeres que não percebo nada de futebol ou a chamares-me nomes que vais lá.

Já agora, e esquecendo a questão do Nuno Gomes, se alguém tiver o número de jogos/golos do Nené nas várias épocas agradecia.

Quanto a insultar o WS deves estar a brincar. Os epítetos com que o homem classifica os benfiquistas não são carinhosos. Além disso um lagarto num blog de inspiração benfiquista sabe o que o espera.

 
At 9/28/2006 9:20 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Um lagarto inteligente como o Fawkes num blog benfiquista para mim é mais saudavel que um benfibimbista como tu.
Porque tu de inteligência estou a ver que não tens muita, e fazes virgem ofendida consoante os momentos e interesses.És artista mas não tens o espirito, pá, fica-te com os numeros e sweet dreams com o N.Gomes

 
At 9/28/2006 9:33 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Índio tens direito à tua opinião, e apraz-me ver que tens em tão boa conta a tua inteligência e a do verde-ranho que aparece por aqui.

Que queres que eu faça, não sou lá muito inteligente e tenho opiniões idiotas, mas pelo menos tenho bom gosto em matéria de clubes. Viva o Benfica!

 
At 9/28/2006 10:04 da tarde, Blogger D'Arcy said...

JFilipe, isto foi o melhor que consegui encontrar relativamente ao Nené:

Campeonato: 422J 264G
Taça: 71J 66G
Europa: 75J 28G
Supertaça: 9J 3G

Total: 577J 361G

 
At 9/28/2006 10:22 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Obrigado D'Arcy. Claramente uma média de três golos a cada cinco jogos. Eu na altura não percebia porque havia tantos adeptos nas bancadas que não gostavam dele, que resolvia os jogos todos e era o meu ídolo, mas suponho que pessoas habituadas aos jogadores da década de 60 em que o Benfica foi 5 vezes à final dos campeões achavam todos os jogadores dos anos 70 e 80 fracos.

Por acaso é uma injustiça as páginas dos jogadores do Benfica na Wikipedia estarem ao abandono. A do Nené só existe em inglês! A do Nuno Gomes está um pouco melhor, e tem inclusive os golos no campeonato e número de jogos por época.

 
At 9/28/2006 10:45 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes: "O que se há-de dizer? É assim que funciona um clube do Povo, presidido por um homem do Povo (palavras do LFV himself), sempre à mercê dos caprichos do Povo."

Pelo menos o clube é do povo, não é dos viscondes engravatados e falidos que submetem os sócios aos caprichos do BES. Primeiro não ia concorrer a presidente (palavras do FSF himself), depois já ia concorrer se aprovassem a venda do património na assembleia (palavras do FSF himself), depois já não era outra vez (palavras do FSF himself), mas depois arranjou uma forma de o Conselho Lagartino lá dar o aval à venda, e depois já era candidato (palavras do FSF himself) outra vez.

AHAHAHAHAHAHAHA !!!!!

 
At 9/28/2006 10:50 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Já agora, estive para aqui a vasculhar os meus livros do Benfica (eu adoro estas coisas das estatísticas) e afinal o Nuno ainda não está no Top 10 de marcadores do Benfica. Encontrei pelo menos estes jogadores com mais golos (entre parentesis os números apenas do campeonato):

Arsénio: 298j 220g (223j 152g)
Coluna: 525j 126g (364j 88g)
Espírito Santo: 210j 149g (116j 78g)
Eusébio: 443j 476g (301j 317g)
José Águas: 379j 377g (281j 289g)
José Augusto: 369j 174g (246j 113g)
Julinho: 200j 199g (143j 152g)
Nené: 577j 361g (422j 264g)
Rogério 'Pipi': 310j 207g (211j 127g)
Torres: 258j 229g (171j 152g)
Valadas: 263j 162g (136j 89g)

Curiosamente o Nuno Gomes já tem mais golos que um dos avançados recentes mais queridos dos benfiquistas, o Rui Águas (237j 104g).

Há nesta lista jogadores com uma média de golos incrível, que chega a ser perto ou mesmo superior a um golo por jogo (e outros que nem na lista meti, como o Artur Jorge com 103 golos em 130 jogos), média essa que seria praticamente impossível de atingir hoge em dia. Se calhar era por os benfiquistas mais velhos estarem habituados a isso que nem o Nené se safava da contestação ;)

 
At 9/28/2006 11:14 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Nuno Gomes tem 262 presenças, o Simão 151.

 
At 9/29/2006 2:15 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Como vai triste a nação vermelha...

A equipa continua a jogar a miséria que a pré-época deixava adivinhar, a qual, por sua vez, serviu para confirmar os mais fundados receios, decorrentes da contratação do infeliz Fernando Santos.

E os adeptos, a ver pela amostra deste blog, em vez de se preocuparem com o essencial, e em torno disso se mobilizarem, deixam-se entreter em discussões estéreis, baseadas em estatísticas que não têm qualquer interesse ou razão de ser...

Revoltem-se, caramba! Reajam! Mostrem indignação!

Em vez disso, salvo raras e honrosas excepções, tem sido um tal assobiar para o lado e voltar a cara para não ver o que nos está a envergonhar a todos...

 
At 9/29/2006 8:51 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Jfilipe, tu além de teimoso como uma bota da tropa deves ter a mania que és cabalista. Qualquer um com um minimo de inteligência e bom senso sabe que o Néné é sobre qualquer ponto de vista melhor que o N.Gomes, e houve outros bem melhores, que estranhamente não reparaste quando ias assistir aos jogos na Luz. Por exemplo lembro-me do Matts M. só numa época ter marcado pra cima de 30 golos, o problema dele foi que não jogou 7 épocas no Benfica.
Se a squaw jogasse naquela época não punha nem os pés no balneário para engraxar as botas ao Néné e a outros que por lá passaram!
E é por causa desta falta de competitividade que o Benfica sofre e tambem do cada vez maior numero de socios e apoiantes que (não) pensam como tu, que afinal do clube não conheces de nada, e para conheceres só se fôr certificado pelas finanças.
Tu do Benfica tens a visão dum Benfibimbista e ainda por cima és infantil, ainda por cima és perigoso porque tens uma mentalidade policial
, como investigar os ISP e tal para ver se o Índio é o WS, e fazer queixinhas ao blogger e pedir numeros e tal, vai-te catar ó morcão
cabalista de meia-tigela.eh,eh,eh

 
At 9/29/2006 9:17 da manhã, Anonymous Anónimo said...

São estas notícias que deixam os ressabiados do Campo Grande e da Invicta doentes:

http://www.abola.pt/nnh/index.asp?op=ver¬icia=109052&tema=3

 
At 9/29/2006 9:34 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Os 3 atributos da marca Benfica segundo a Superbrands Internacional:

- Excelencia

- Bon vivant

- Anti-sistema

A minha tradução destes stributos:

-Excelencia: perder contra o Man Utd. em casa, empatar na Mata Real com o Paços, contratar o FS para treinador (um treinador excelente), manter na equipa principal o Nuno Gomes (aka Menina aka Amélinha aka Squaw)

-Bon Vivant: comer coiratos nas roulettes, ir às putas quando o SLB vence, dar porrada na mulher quando o SLB perde.

-Anti-sistema: combinar árbitros com o Major.

É de assinalr que o Man Utd. essa equipa miseravel (mas que derrotou o Glorioso a seman passada) não é uma Superbrand... estranhamente é o clube mais rico do Mundo.

PS. Eu não queria falar disto mas tu é que levantaste o assunto...

 
At 9/29/2006 9:38 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 9:40 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 9:41 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Pessoal,

Uma coisa que fique clara:

EU NÃO SOU O INDIO, FONIX!

 
At 9/29/2006 9:53 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Obrigado sobchak por me dar razão passados 15 mins...precisamos de mais como tu neste blog!

 
At 9/29/2006 10:04 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 10:07 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Eu não estou ressabiado, eu apenas acho ridiculo os benfiquistas darem importancia a prémios que foram claramente "comprados" (eu sei como funcionam estas coisas).

Aliás, é curioso como estes prémios acontecem num momento enm que o futebol do SLB tem péssimos resultados e as pessoas começam a fazer perguntas acerca da gestão do futebol do Glorioso...

Para pessoal que não acredita em coincidencias (como é o caso da esmagadora maioria dos adeptos do Glorioso), estes factos não vos deveriam ser indiferentes. acho eu...

PS. E depois eu pergunto-me se a cena das Superbrands vos vai fazer ganhar mais jogos, taças e campeonatos. eu desconfio que não, mas voces é que sabem...

 
At 9/29/2006 10:08 da manhã, Anonymous Anónimo said...

AINDA BEM PARA MIM, XIÇA!

 
At 9/29/2006 10:10 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Não se chateem uns com os outros, estão apenas a fazer o jogo desse ressabiado do Gay Fakes e de outros infiltrados.

Gay Fakes: Se nós "compramos" o prémio é pq ainda temos dinheiro para o fazer, ao contrário dos viscondes falidos que já vão vender o entulho que construiram à volta do XIXI.

 
At 9/29/2006 10:28 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Podes crer, meu. Aquela cena foi comprada... em vesperas de eleições e tudo! Meu, são coincidencias a mais.

 
At 9/29/2006 10:30 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Qual ser Índio que andar a copiar verdadeiro Índio, hum?
Blogger por favor chamar policia e ver IP de falsificador!!
Eu declarar que verdadeiro Índio ser Fawkes e Fawkes ser verdaeiro Índio.
Fawkes prometer Índio dois carregamentos de água de fogo, se Índio fazer contra espionagem, e Fawkes, alias Índio, alias WS, não pagar até agora!!Verdaeiro ìndio muito zangado e denunciar contrato!Não fazer isto a Índio, que ser verdaeiro, alias, Fawkes!!eh,eh,eh

 
At 9/29/2006 10:32 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Ressabiado?

Benfiquistas ser básicos e idolatrar idolos com pés de barro.

Benfistas ligar as distinções sem importancia. ~

Na Tribo Verde (e para alguns membros da Tribo da Águia como Gurreiro Indio) ´nicas conquistas dignas de admiração serem vit´rorias no campo de batalha.

U´nica medida do exito da Tribo ser numero de escalpes arrancados ao inimigo. Resto não ter importancia.

Ugh!!

 
At 9/29/2006 10:36 da manhã, Blogger Harry Lime said...

indioverdadeiro ser lunático e gostar de água de fogo.

Jerónimo gostar de indio verdadeiro e de indio. Jeronimo tambem gostar de Walter Sobchak. Jeronimo tambem gostar muito de água de fogo, especialmente aquela água de fogo fabricada por tribos da Caledónia.

 
At 9/29/2006 10:39 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Xiça Fawkes, agora é que me lixaste!!;))
Xiça meu, és mais rápido que a tua propria sombra pá!Não dás hipotese a velho índio pele vermelha.;))
Vou pendurar o meu toucado dedicar-me ás caçadas eternas com Manitú!!:(
UGH! Jerónimo

 
At 9/29/2006 10:39 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes: "Na Tribo Verde (e para alguns membros da Tribo da Águia como Gurreiro Indio) ´nicas conquistas dignas de admiração serem vit´rorias no campo de batalha."


Então não deves ter muito para onde olhar, até o Porco já tem mais campeonatos e taças que voces. Estas osgas cobrem-se de ridículo e voltam para uma segunda dose. Altamente masoquistas.

 
At 9/29/2006 10:52 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Agora a sério, ainda me estou a rir,
magistral!!!Caraças pá, que poder de drible e desmarcação, e como diz o Gabriel Alves, que capacidade de criar espaços atras das costas da defensiva adversária.

Mas atenção, ali ao fundo... cuidado grande chefe cara pálida mestre em pau de fogo aproximar-se, cuidado!

 
At 9/29/2006 10:52 da manhã, Blogger último! said...

Dias Pereira,

Felizmente não temos todos a mesma opinião.

Sinceramente acho que és do tempo do Eusébio e queres a força ganhar tudo e ser o maior não te contentas com a mediocridade (isso é positivo) mas por muito que refiles o Benfica passou por uma fase muito má e esteve quase na falência é necessário ter paciência para não voltarmos a cometer o mesmo erro.

Depois penso que o Benfica tem o melhor plantel dos últimos anos temos de nos adaptar a um novo sistema, que sinceramente para mim não dá resultados mas finalmente jogamos ao ataque ou pelo menos fazemos pressão alta ao contrário dos últimos anos.

Falar mal é fácil, e também não gosto do Fernando Santos provavelmente e com esta equipa seremos como os lagartos do Peseiro jogamos muito bem mas não ganhamos népia.
Agora só porque tu mostras lenços brancos ao “segundo jogo da pré época” não queiras que todos o façam aliás os piores inimigos não são os adversários, são os que criticam esta direcção sem reparar no seu trabalho só porque perdem um jogo!

Se tu ou os que pensam como tu mandassem não teríamos sido campeões com o Trapatonni o mais triste é não aprenderem com esses erros.

 
At 9/29/2006 10:57 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Hum, aqui cheira-me a índio, hum!
Bem posso esperar mais um pouco,mas posso quase jurar que é ele...hum!
Ando no seu encalço há mais de 1 ano para o levar para o Circo.
É perigoso como uma cascavel e astuto como um chacal!

 
At 9/29/2006 11:02 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Anónimo, é verdade.

no fim do dia, um adepto de um clube deve olhar apenas para duas coisas:

-o clube deve ser uma instituição séria comandada por gente séria. Neste particular não deve haver um único clube portugues que não tenha culpa no cartória. Em todos os clubes podem ser encontrados casos de dirigentes desonestos e oportunistas.

-o clçube deve ganha ro mais possivel de jogos e de titulos. E tens razão, o Sporting não tem ganho muitos. Nemo Benfica para falar verdade...

 
At 9/29/2006 11:14 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes: "Sporting não tem ganho muitos (títulos). Nem o Benfica para falar verdade..."

Antes do 25 de Abril (40 épocas, com 2 anos sem Taça de Portugal):

SL Benfica – 20 CN e 15 TP… 35 títulos
FC Porto – 5 CN e 3 TP… 8 títulos
Sporting CP – 14 CN e 9 TP… 23 títulos

Depois do 25 de Abril (31 épocas):

SL Benfica – 11 CN e 9 TP… 20 títulos (- 27% do total de 55)
FC Porto – 15 CN e 9 TP… 24 títulos (+ 75% do total de 32)
Sporting CP – 4 CN e 4 TP… 8 títulos (- 47% do total de 31)

Quanto aos dirigentes isso dava pano para mangas pelo menos desde que me lembro de acompanhar o futebol.

 
At 9/29/2006 11:38 da manhã, Blogger último! said...

"Eu não estou ressabiado, eu apenas acho ridiculo os benfiquistas darem importancia a prémios que foram claramente "comprados" (eu sei como funcionam estas coisas)."

Sim caro Waterolas,
É como as nossas vitórias que são sempre por demérito dos adversários nunca são mérito nosso!

 
At 9/29/2006 12:35 da tarde, Anonymous Anónimo said...

como e k o dono do blog ainda deixa gajos como o walter , indios etc etc, comentarem aqui??!!FDXXXXXXXXXXXXX nos sabemos k voces vivem para o BENFICA, interessam se mais pelo nosso clube e os NOSSOS problemas k pelos do vosso clube..mas acho k ja chega de tanta preocupaçao sim?
há ó walter isso deve ser msm atracção pelo NG ham!!ja disse e volto a repetir..preocupe se com o seu empregado de supermercado...o NG ja marcou esta época, já a sua amélia...........mas eu percebo, é mt melhor falar do SLB e dos seus jogadores né??!! FDP!!!

 
At 9/29/2006 12:42 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Anónimo, o Walter já não existe. O "camarada Gerónimo" matou-o. Os alter-egos do lagarto das mil faces cada vez duram menos...

 
At 9/29/2006 1:40 da tarde, Anonymous Anónimo said...

UGH!grande chefe Jerónimo, apesar de tu ser tribo diferente , índio saudar tua vinda para fazer um powpow.
Índio recordar tu teres tribo muito afoita e tu liderar com mão de ferro.
Índio tambem lembrar que tu dantes gostar muito de agua de fogo das estepes do gelo, tu já mudar ou só para disfarçar tu dizer que gostar doutra água de fogo?
Ugh, que Manitu te acompanhe jeronimo dos guerreiros pé descalços.;))

 
At 9/29/2006 2:18 da tarde, Blogger Harry Lime said...

anonimo,

o problema não é quem ganha mais ou menos.

O problema é que, para um adepto essa cenas de marketing e marcas e o catano não interessam muito (a não ser que possam gerar mais dinheiro para comprar mais craques).

E eu tenho sérias dúvidas que essa cena do superbrands vos leve a algum lado. Para mim, foi uma acção de campanha do LFV, mais nada. é que eu já oiço falar na canção da marca Benfica desde o tempo do Vale e Azevedo...

 
At 9/29/2006 2:22 da tarde, Blogger Harry Lime said...

jfilipe,

Isto é só mais uma das minhas personalidades. Quando um gajo entra numa de personalidades múltiplas arranja sempre sitio para mais uma...

Curiosamente nenhuma das minhas personalidades é lampiã.

 
At 9/29/2006 2:27 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Estranhamente o FCP e o Ceportém também tentaram essa 'acção de campanha' e levaram para trás. Aparentemente só mesmo o Benfica é que conseguiu comprar a distinção.

Vocês lagartos são todos iguais. Está-vos no código genético a incapacidade para admitirem mérito ao Benfica seja no que for. Há sempre qualquer manobra escura de bastidores que explica o que se passou.

 
At 9/29/2006 2:50 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Sim, eu dou o mérito ao LFV: pagou mais p***s e copos aos gajos da Superbrands.

Já agora que raio de "consultora de branding" é essa que revela pormenores sobre os concorrentes aos seus concursos?

Pá, eu trabalho numa consultora (de TIs) e existem politicas muito estritas em relação à divulgação de informação sensivel no que diz respeito a concursos, propostas, cadernos de encargos... por isso, a divulgação desses pormenores acerca do concurso a "Superbrand" deixa-me de pé atrás. Avento três hipoteses:

a) ou a Superbrands é um empresa da tanga sem qualquer ética

b) a Bola aldrabou e mais uma vez disse aos benfiquistas o que eles gostam de ouvir, informação convenientemente assoprada por fontes internas no Glorioso (ah! os Nossos Queridos Jornais Desportivos portugueses!)

c) As duas anteriores

Desta vez, eu opto pela hipotese b). Parece-me que a empresa é séria e que o estudo foi feito de forma séria e honesta. O que diz muito acerca do que os portugueses entendem por "Vitória", "bon vivant" e "Anti-Sistema"...

 
At 9/29/2006 2:58 da tarde, Blogger último! said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 3:00 da tarde, Blogger último! said...

Porra tu queres ver que o Gerónimo trabalha na minha empresa!?!?!?

E já agora antes de falares do Benfica agradecíamos o uso do "Vossa Excelência" mau, mau!!!

E mais respeito pelo grande camarada Jerónimo grande benfiquista lol
:)

 
At 9/29/2006 3:06 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Indio,

Tempos mudar e hoje Geronimo não gostar de água de fogo da estepe de gelo

Geronimo hoje gostar muito de água de fogo da Caledonia (Jonhy Walker Black Label e Bushmills 16) pura. Geronimo não gostar misturar água de fogo da Caledonia com água. Geronimo não gostar misturar água de fogo da Caledonia com gelo.

Guriosamente Geronimo não gostar muito de água de fogo da Ilha dos Guerreiros Barbudos, governada por Grande Chefe Fidel.

Mas Geronimo gostar de charutos da Ilha dos Guerreiros Barbudos!

 
At 9/29/2006 3:12 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Correcção!

água de fogo Bushmills não vir da Caledonia mas sim da Hibernia. Mas ser muito boa na mesma.

Geronimo não saber muito de geografia e gostar demasiado de água de fogo. Geronimo pedri desculpa aos telespectadores.

 
At 9/29/2006 3:23 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Em primeiro lugar, não houve qualquer 'concurso'. Várias marcas candidataram-se, e a algumas foi atribuida a distinção, e a outras não. Não era a questão de haver um 'vencedor', por isso é idiota meteres as coisas como se se tratasse de algum concurso público. Como sempre, entras em devaneios, desconversações, e postulados estapafúrdios para tentares fundamentar as tuas teorias sem pés nem cabeça.

Depois, quem noticiou que o FCP e o Ceportém se candidataram também não foi A Bola, foi o Record, que não é exactamente um jornal pró-benfiquista.

 
At 9/29/2006 3:44 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Mas há aqui algo que eu não entendo. Então para algumas coisas o Record é um jornal ranhoso, malvado e desonesto. Para outras já é digno de confiança. Estranho...

Ah! Já sei! Quando o Record escreve coisas que te agradam, o Record é digno de confiança.

Quando escrevem coisas que não te agradam subscreves o blog deste jovem. Muito bem!

eu mantenho o que disse: quer tenha saido na bola ou no record, considero anti-ético por parte da Superbrands divulgar os candidatos.

Por isso, como eu tenho a melhor impressão da Superbrands e do seu estudo, a informação da candidatura do SCP e FCP (ainda que verdadeiras) só pode ter sido soprada para a imprensa pelo Benfica.

Por isso, eu volto à minha: ou a superbrands é um empresa sem ética e sem "credibilidade" (tu é que gostas destes palavões) ou então o Benfica anda a soprar informação falsa para a imprensa.

Tu escolhes a alternativa que te agradar mal. A mim, é-me indiferente...

 
At 9/29/2006 3:46 da tarde, Blogger Harry Lime said...

E já agora: um mau jornal é sempre um mau jornal. Independentemente de ser sportinguista ou benfiquista.

A Bola é um mau jornal, o Record é um mau jornal e o Jogo é um mau jornal. A partir daqui estou-me nas tintas para as suas cores clubisticas.

 
At 9/29/2006 3:52 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes (o eterno soda): "O problema é que, para um adepto essa cenas de marketing e marcas e o catano não interessam muito (a não ser que possam gerar mais dinheiro para comprar mais craques). "

Não interessa para adeptos burros como os do Sportém que andam a comprar T-shirts estampadas como se fossem a camisola oficial do clube. Para os outros interessa. E depois entras em contradição dizes "não interessam muito (a não ser que possam gerar mais dinheiro para comprar mais craques)." Ou seja, afinal interessam e muito pois é aí que se pode gerar dinheiro para comprar jogadores e coisas assim.

Quanto ao resto segue o link do D'arcy que está lá tudo, ao contrário das tuas teorias que não têm ponta por onde se lhe pegue.

PS- Como é que dizes que "nenhuma das minhas personalidades é lampiã", quando o Jerónimo que tens na foto é do Benfica?

Não acertas mesmo uma. Porra, é impressionante !!

 
At 9/29/2006 3:53 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Já agora aproveito para citar o inacreditavel Os Nossos queridos jornalistas desportivos acerca do Record:

O jornal Record pode vender muitos exemplares, mas é muitas vezes um triste exemplo da má imprensa desportiva que temos, tendenciosa e parcial, com redacções entregues a pseudo-profissionais e meros adeptos tomados por uma preocupante clubite aguda.

Pá, este homem é que sabe! quem és tu para o pôr em causa? aliás, já o citaste várias vezes...

 
At 9/29/2006 3:59 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Anónimo,

Eu ser o Geronimo, Grande Chefe da Nação Apache e Membro Honorário da Tribo Verde. Anónimo estra enganado. anónimo falar de Jeronimo de Sousa, Grande Chefe Vermelho (LFV ser fraude).

Infelizmente cara de Geronimo ser igual à de Jeronimo de Sousa. O que Geronimo poder fazer?

Geronimo ir a máquina de fotos rápidas na Estação do Entrecampos e tirar esta foto e foto sair igual à de Grande Chefe Vermelho!

Geronimo não ter culpa!

 
At 9/29/2006 4:02 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Isso, Gay Fakes. Agora disfarça a ver se convences alguém...

 
At 9/29/2006 4:05 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 4:10 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Anónimo,

Daqui a um ano vais aparecer aqui e vais mostrar numeros que demonstrem as receitas geradas pelo facto do Benfica ser uma superbrand.

O naming das bancadas gera receitas, concordo. Uma boa carreira na CL gera receitas, concordo também. Transmissões televisivas geram receitas. Publicidade nas camisolas gera receitas. Vencer jogos e jogar bom futebol tambem gera receitas (mesmo que seja em boxes vendidas na época seguinte)...

Ser uma Superbrand... tenho sérias dúvidas que gere receitas. Mantenho que esta "certificação" tenha custado muito dinheiro ao clube e só sirva neste momento como propaganda para o LFV (que está já em campanha eleitoral).

Pá, eu não o censuro. Se eu fosse presidente de alguma coisa se calhar tambem fazia actos de campanha perfeitamente vazios em vesperas das eleições. Nesse aspecto, ele não é melhor nem pior do que o presidente de qualquer clube/governo/empresa.

 
At 9/29/2006 4:13 da tarde, Anonymous Anónimo said...

" Anónimo,

Daqui a um ano vais aparecer aqui e vais mostrar numeros que demonstrem as receitas geradas pelo facto do Benfica ser uma superbrand. "

Até tas posso mostrar *já*:
http://img79.imageshack.us/img79/4553/ccc001tr0.jpg

Não acertas mesmo uma, ó Gay Fakes!!! AHAHAHAHAHAHAHAHA

 
At 9/29/2006 4:18 da tarde, Anonymous Anónimo said...

"O naming das bancadas gera receitas, concordo. Uma boa carreira na CL gera receitas, concordo também. Transmissões televisivas geram receitas. Publicidade nas camisolas gera receitas. Vencer jogos e jogar bom futebol tambem gera receitas (mesmo que seja em boxes vendidas na época seguinte)..."

É precisamente por o Benfica fazer isso tudo que o SLB é uma superbrand. Não é por ser uma superbrand que o Benfica irá depois fazer essas coisas.

 
At 9/29/2006 4:28 da tarde, Blogger D'Arcy said...

É absolutamente impressionante a forma como consegues entrar numa discussão e afirmar, com todas as letras, como se de factos indiscutíveis se tratassem, as ideias mais disparatadas nascidas da tua imaginação fértil. Agora percebo a tua confiança cega em certos personagens que fazem da repetição de mentiras como se fossem verdades absolutas o seu modo de vida.
Palavra de honra que me ri com vontade quando li o teu:

"Mantenho que esta "certificação" tenha custado muito dinheiro ao clube e só sirva neste momento como propaganda para o LFV (que está já em campanha eleitoral)."

Nem dá para começar a falar de tudo o que está mal nesta frase. Calculo que tenhas na tua posse as facturas daquilo que o Benfica gastou para ganhar esta distinção, tal é a convicção das tuas afirmações. E defacto, tendo em conta que o LFV não tem qualquer adversário sequer em perspectiva para as eleições (e qualquer um que apareça será quase de certeza esmagado nas urnas), ele já deve andar violentamente empenhado na sua campanha, e a limpar os cofres do clube para financiá-la.

Tu de facto não sabes mesmo quando é que te deves calar, pois não? Não te ensinam isso lá na tua empresa de consultoria de TIs? Ou ainda não fizeste a formação?

 
At 9/29/2006 4:39 da tarde, Anonymous Anónimo said...

D'arcy: Escusas. O Gay Fakes gosta de ser humilhado. Só assim se compreende como algúem venha para aqui com teorias da treta que não resistem ao mais pequeno facto. E volta sempre para mais. Mas enfim, confesso que me dá vontade de rir a personagem.

Se calhar em vez de lhe pagar uma visita à Catedral deveria encaminhá-lo para uma casa de S&M.

 
At 9/29/2006 6:14 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Pá, em primeiro lugar vai com calma que estamos todos a brincar, ok? Eu não te insulto pessoalmente, tu não me insultas pessoalmente, entendido?

Em segundo lugar, LFv, é óbvio que ninguem se atreve a ir a jogo contra ele. Mas também é verdade que a sua "credibilidade" (outra vez o palavrão) já viu melhores dias. Por isso, enquanto não aparecem mais titulos (o que parece estar muito longe) há que atirar areia para os olhos dos adeptos com estas coisas.

Aparentemente, é uma estratégia que está a funcionar. Entre as Superbrands e o penteado àdo Nuno gomes a lampionagem parece-me parece estar a esquecer o cinzentismo do seu treinador, o mau futebol da sua equipa, a tosquice generalizada dos seus jogadores e incompetencia do seu "Gestor do Futebol" (esta é outra muito boa).

E mais uma vez te digo, D`Arcy, vai com calma que ainda aqui ninguém chamou nomes à tua mãe.

No dia em que isso acontecer tens todo o "direito à indignação" (muito se indigna esta gente). Até lá,é melhor fazeres as coisas nice and easy para ninguém se chatear, ok?

 
At 9/29/2006 6:23 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 6:29 da tarde, Blogger Harry Lime said...

starblade,

Humilhado, eu?

Humilhados são voces, que em 3 jogos do campeonato têm 4 pontos. Humilhados são voces que em 2 jogos da CL têm 1 ponto.

Pá, no fim do dia, quando se fala de futebol é disso que se fala. O resto é tanga. Está entendido ou é preciso fazer desenhos?

Os benfiquistas é que vêm sempre para aqui justificar as suas derrotas com a arbitragem ou dizeno que no fundo são vitóprias morais.

É o que eu digo: mais vale uma vitória imoral* na mão do que 10 vitorías morais a voar.

*Vitória imoral: jogo de futebol em que a equipa vitoriasa vence o marcando mais golos do que o adversário. Conceito fora do alcance das capacidades cognitivas da esmagadora maioria dos adeptos do Glorioso SLB.

 
At 9/29/2006 6:34 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Ratogoleador,

É verdade que sou do tempo do Eusébio, embora fosse ainda um miúdo quando ele se afirmou no Benfica.
E é justamente por isso que me habituei a não pactuar com a mediocridade nem com a miséria. É verdade que quero que o Benfica ganhe sempre tudo, e não aceito, nem me contento com menos do que isso. Aliás, foi por o Benfica ter tido, desde sempre, essa postura, que o tomei como a minha grande referência, no plano desportivo.
É, também, por isso que me aborreço (que me enfureço, até...) ao constatar a passividade e a permissividade com que alguns adeptos encaram a situação, quando estamos nitidamente a descer de nível.
Para ser franco, cheira-me à época Artur Jorge, esse período horroroso da nossa história, em que toda e qualquer desgraça era considerada perfeitamente normal...

Sei que a situação do Benfica foi (e é, ainda) económica e financeiramente difícil, e entendo que não se devam cometer loucuras que nos devolvam ao fundo do buraco onde já estivémos. Porém, à conta disso, deixar correr o marfim, também não pode ser!
Se for constatado um erro, ele deve ser corrigido de imediato, sob pena de provocar prejuízos ainda maiores (melhor dito, muito maiores...) do que o montante que seria necessário para a sua correcção.
Falemos claro. Fernando Santos foi, sem dúvida, a pior escolha do Benfica, pelo menos dos últimos 10 anos. A permanência de Fernando Santos à frente da equipa técnica do Benfica vai levar-nos (salvo qualquer milagre que possa, eventualmente, ocorrer...) ao fundo do poço, em termos desportivos, de onde vínhamos a sair nos últimos tempos, mau grado alguns acidentes de percurso.

Concordo, em absoluto, contigo, quando referes que "o Benfica tem o melhor plantel dos últimos anos".
Contudo, depois de uma época preparada com toda a antecedência, volvidos que são 3 meses sob o comando de FS, os resultados obtidos são verdadeiramente miseráveis, e as exibições e postura da equipa (técnicos incluídos) são ainda piores.
Vamos continuar a permitir que envergonhem a história do SLB e todos os seus sócios e simpatizantes?

Não deixam de ser curiosas algumas referências que fazes no teu post, nomeadamente:

a) "... um novo sistema, que sinceramente não dá resultado mas finalmente jogamos ao ataque ou pelo menos fazemos pressão alta ao contrário dos últimos anos."
Então, como é? O sistema não dá resultado (como todos já constatámos, há muito...), e nós devemos estar radiantes e apoiar o cérebro que o engendrou? E quanto a jogar ao ataque, só podes estar a brincar!!! A equipa só faz passes para trás e para os lados (embora, por cautela, só o faça quando os adversários estão bem longe...) e as (poucas) jogadas para a frente acabam quase invariavelmente para lá da linha de fundo ou, na melhor das hipóteses, na posse (fácil) dos defensores adversários ou do guarda-redes...

b) "... com esta equipa seremos como os lagartos do Peseiro jogamos muito bem mas não ganhamos népia."
Jogamos muito bem?!?!? Bom, meu caro, agora passaste-te, decididamente!!! Pá, nem mesmo o mais faccioso dos adeptos seria capaz de uma afirmação dessas...
O Benfica, para infelicidade nossa, não está a jogar nada, não está a render nada, e não vai ganhar nada que valha a pena... justamente porque está a jogar, rigorosamente, nada.
Mas, mesmo que fosse como tu dizes, ou seja, que joga muito bem e não ganha nada, tu deixarias as coisas ficarem por esse preço???
De facto, quando dizes " ... os piores inimigos não são os adversários", tenho de concordar inteiramente contigo. São, realmente, aqueles que aceitam, de forma absolutamente lamentável e patética, as situações que eles próprios reconhecem como perniciosas e más.
Com adeptos desses, quem precisa de adversários?...

Só espero não ter, ainda, de passar a vergonha de, em alguma próxima Assembleia Geral, ver surgir de algum desses sócios a proposta de um voto de louvor ao trabalho de Fernando Santos ou, quem sabe, a deliberação de lhe erigir uma estátua maior que a do Eusébio. E, já agora, ladeada por outra do grande benfiquista que é o competente e impoluto José Veiga...

Tenham dó, meus caros!
Mereçam, de facto, ser benfiquistas, e comportem-se de forma a honrar o clube de que dizem ser sócios e/ou adeptos!...

 
At 9/29/2006 6:37 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Gostei muito da posição do tue clube em relação à vitória imoral do Paços em Alvalade. É que gostei mesmo. Parece que a generalidade da lagartagem também tem alguma dificuldade em aceitar vitórias imorais quando lhes toca a eles.

E ninguém te chamou nomes. Mas se inventas teorias estúpidas e tentas fazer passá-las como sérias, e ainda fazer-te passar por sério quando defendes o indefensável, eu não tenho problemas em dizer que essas teorias são estúpidas. É que no fundo tudo se resume ao tal problema genético da lagartagem: são incapazes de reconhecer mérito ou valor no que quer que seja que o Benfica faça. Por isso é que não és capaz de aceitar que a marca Benfica reúna os requisitos para ser considerada marca de excelência, e que o Ceportém não, e então tens o desplante de afirmar que houve alguma manobra subterrânea do LFV para comprar tal distinção, e afirmar este devaneio como um facto consumado e provado. E é nestas alturas que eu acho que mais valia teres ficado calado.

 
At 9/29/2006 6:46 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gay Fakes: Humilhado sim. Afinal vens para aqui com teorias da treta que depois não resistem aos factos. Como foi agora a questão das superbrands e das receitas. Que maosquismo!

"Pá, no fim do dia, quando se fala de futebol é disso que se fala. "

Ah agora estamos a falar de futebol? Quer dizer, falamos de futebol e desmascaramos as tuas teorias e tu desvias a conversa para as superbrands. Depois como desmascaramos as tuas teorias sobre as superbrands, queres fugir de novo para o futebol. Não há pachorra para aturar o Gay Fakes.

"vêm sempre para aqui justificar as suas derrotas com a arbitragem"

Olha, quem anda há mais de um ano a justificar a derrota com o SLB (golo do Luisão) por causa da arbitragem são vocês. Assim como andam há 2 semanas a justificar a derrota frente ao Paços com a arbitragem. Como já te disse, olha para dentro de casa em vez de vires botar faladura para casa alheia.

"ou dizeno que no fundo são vitóprias morais. "

Essa vinda dos reis das vitórias morais que quase ganhavam o campeonato e quase ganhavam a taça UEFA é de um tipo se partir a rir. Olha que teve as vitórias morais e as vitórias reais.

PS- Já viste o link que metí e que destroi as tuas teorias ou é preciso postar outra vez?

 
At 9/29/2006 6:57 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 9/29/2006 6:58 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Mais uma vez cometes o erro clássico dos benfiquistas: confundes as ideias de adeptos individuais com as dos dirigentes do clube. é típico do estalismo (oops!) latente que vive no interior de todo o lampião: o Paizinho dos Povos é que sabe, o Paizinho doas Povos é que manda e o nosso dever é obedecer sem questionar.

Pá, o problema não estã na forma como voces vivem a vida, o problema é que depois pensam que os outros são iguais a voces!

Por isso, uma ideia que fique clara duma vez para todas: estás a discutir comigo, e não com o FSF, entendido?

E o que eu disse na altura foi claro: o árbitro merecia viver para o resto da sua (breve) vida com um tomahawk cravado na testa! O homem enganou-se. E o Paços venceu com o erro do homem porque o sporting não teve engenho para virar o resultado!

E só mais uma coisa: onde me ouviste dizer que o Benfica não reune as condições para ser uma marca de excelencia? Pá, eu não sou especialista em marketing não estou em condições de fazer tais juizos.

Eu digo lá em cima várias vezes que a Superbrands é séria e que o estudo é sério (apesar de muitas vezes este estilo de coisas ser comprada).

O que eu ponho em causa em tudo isto são três coisas:

a) a oportunidade do anuncio (claramente um acto de campanha eleitoral do LFV)

b) o anuncio de que o Sporting e o Porto foram concorrentes derrotados a esta distincão. Este é o estilo de coisas que são sempre sopradas oportunisticamente para imprensa.

c) o facto de estranhamente tu dares credito (mais um palavrão) auma noticia do Record, um mau jornal aos olhos de todos benfiquistas (bem só às vezes... )

 
At 9/29/2006 7:34 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Suponho que a Galp, Millenium BCP, Continente, McDonald’s, PT, EDP, CTT, Brisa e Via Verde, entre outros, também tenham eleições em breve, ou algo do género. Ou então a entidade responsável por esta classificação atrasou os interesses de todas as 1250 empresas que concorreram só para esperar por uma altura que fosse conveniente ao LFV. Mas tu não te apercebes das enormidades que às vezes dizes?

Além de que tu dizes que o estudo é sério só porque provavelmente te apercebeste do disparate que disseste antes (começaste por dizer "prémios que foram claramente "comprados" (eu sei como funcionam estas coisas)", e só depois mudaste de discurso - a gente já se habituou às tuas cambalhotas).

E quanto a generalizar e considerar o teu comportamento como igual ao do resto dos adeptos do teu clube, não vejo nisso qualquer diferença em relação ao que tu fazes com os benfiquistas, que tu gostas muito de tratar como uma massa uniforme sem opiniões próprias. E a verdade é que o teu comportamento aqui prova que não é nada errado considerar-te um lagarto típico. Quando conseguires passar um dia sem te lembrares do Benfica, talvez eu comece a pensar que afinal és um bocadinho diferente.

 
At 9/29/2006 8:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Geronimo,

Índio em agua de fogo ser de clinica geral, não ser esquisito, mas ultimamente gostar mais bom vinho tinto da Ibéria, e consumir menos bebidas caras pálidas.Quando índio ser junior gostar muito de fumos,de muitas ilhas e continentes,incluindo charutos e cachimbos de chicha. Agora índio ter mais cuidado e só fumar cachimbo da paz em cerimonias oficiais da tribo, índio atravessar fase zen.
Índio ser pianista num bordel.

 
At 9/29/2006 11:17 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Mas esse troll não vai de férias? Não mete baixa?
Ele diz mais acima que trabalha não sei onde. Deve ser filho do patrão. O gajo passa aqui a vida!

Este gajo deve ter uma paixão pelo D' Arcy que não é brincadeira!
És um bocado abichanado, não és? Diz lá...Tás viciado neste blog. Devias ir ao médico.

 
At 9/30/2006 5:33 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Indio ser pianista de bordel? Trabalho muito bom!

Qaundo ser jovem Geronimo desejar ser pianista de bordel. Infelizmente, Geronimo ter pouco jeito para amúsica :(((

Geronimo trabalhar em bordel mas ainda não ser chulo de alta patente. Infelizmente, ainda ser chulo de baixa patente. :((

 
At 9/30/2006 7:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Geronimo,

Tu lá chegar, tu ter escalpe bom, 1º ter que fazer muitos sacrificios a Manitu. Índio um dia queria ser chulo alta patente, mas depois viu ter fazer muitos sacrificios a Manitu e a outros feiticeiros da tribo, e índio não gostar. Índio não gostar muito ortodoxia cara pálidas e aprender música e tocar sozinho em bordel. No bordel do ìndio não haver chulos, ser take away, e assim não ter chatices.Ugh!

 
At 10/02/2006 1:43 da tarde, Blogger último! said...

Dias Pereira,

"Mereçam, de facto, ser benfiquistas, e comportem-se de forma a honrar o clube de que dizem ser sócios e/ou adeptos!..."

Não creio que possas ser tu a julgar quem merece ser sócio ou adepto do Benfica e não te julgues mais adepto que os outros só porque criticas mais.

No fundo concordo que o FS não deveria ser o nosso treinador mas só pelo simples facto de não conseguir assobiar ou dizer mal dos treinadores e jogadores do Benfica não faz de mim um mau adepto ou sócio!?
Agora foi escolhido pela direcção tem o meu beneficio da duvida, até porque gostei da equipa nos últimos jogos.

No fundo o que critico é o teu estilo que é perigoso pois na primeira derrota queres a cabeça do treinador, não sei se nessa altura comentavas por aqui (eu não) mas aposto que pediste a cabeça do Trapatonni (corrige-me se tiver errado).

E sem estabilidade não vamos a lugar algum, depois o FS pode ter muitos defeitos mas é um treinador que faz exactamente o que os adeptos querem (infelizmente nem sempre é o correcto) joga só com um trinco em casa (ou mesmo sem nenhum como o jogo de ontem) e mete avançados sem medo.

Pelo menos com o FS tenho a certeza que vais jogar com o Porto e Sporting ao ataque já se isso é bom ou mau tenho as minhas duvidas.

Sei que provavelmente com arbitragens condicionadas e a imprensa contra nós, no fim acabarás por ter razão em relação ao treinador o pior é não perceberes que terias sempre razão fosse com este ou outro qualquer.

De resto gostaria que tivesses lido a entrevista do nosso presidente este sábado na bola talvez entendesses que após o clube ter estado a beira da falência caminhámos a passos largos para a grandeza que procuras, peço-te só um pouco mais de paciência pois se continuarmos assim o Benfica terá a sua divida paga em seis anos e equipa todos reconhecemos que já temos o resto terá obrigatoriamente que aparecer pois com uma boa equipa qualquer treinador arrisca-se a ser campeão.

Cumprimentos

 
At 10/03/2006 1:57 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Ratogoleador,

Não me parece que tenha sido entendido, na real dimensão, o que escrevi no meu último post acerca deste tópico...

A questão não se coloca ao nível do "se criticas és bom sócio ou adepto, se não o fazes não és...". Coloca-se, sim, ao nível da capacidade de intervenção e, por oposição, de acomodação a uma situação que todos reconhecemos como perniciosa, capaz de nos voltar a colocar, desportivamente, se não houver reacção adequada e imediata, no mais baixo patamar dos últimos anos (e da nossa história).
No fundo, quem eu considero um mau sócio, é aquele que, perante o desastre deixa correr o marfim, esperando que seja o tempo a resolver a situação.

Por outro lado, ligar a questão de uma eventual troca de treinador com uma inversão, quiçá desastrosa, na recuperação financeira que o clube vem realizando, é absolutamente primário e inadmissível, como argumento. Na realidade, esse custo não seria mais que peanuts nas contas do clube. É que não estamos a falar de vender meia equipa e contratar outra metade!
De qualquer modo, já viste o que são os custos de ficar pelo caminho na Champions (que, para grande infelicidade nossa, é o mais certo...) comparado com o eventual encargo de trocar de treinador?

Para mim, a troca de treinador já deveria ter acontecido. E isto independentemente do que vier a fazer FS até ao final da época (embora me pareça que não chegará lá, nem pouco mais ou menos...).
Ao contrário do que tu dizes, eu não estou a pedir a cabeça do treinador na primeira derrota (até porque elas já são muitas mais...).
Estou a defender a sua troca porque, no fundo, ele se tem revelado incapaz de, com um excelente lote de jogadores (sem dúvida o melhor dos últimos tempos, e muito melhor que o dos nossos adevrsários, no plano nacional) construir uma equipa capaz, que funcione como tal e faça, no fundo, aquilo que tem obrigação de fazer: jogar bem... e ganhar!

Devo esclarecer-te que, apesar de não comentar neste blog quando Trapattoni era treinador do Benfica, também defendi a sua substituição. Nisso tens razão. É que, apesar de termos sido campeões naquela época, fizémos uma campanha miserável, tanto a nível nacional como a nível internacional. E esse não é o meu Benfica...
Eu sou um benfiquista dos que não se contentam com a vitória apenas no score final. A minha vitória é, também, e se calhar especialmente, aquela que decorre da superioridade, real, inequívoca, manifestada na contenda, no futebol jogado dentro das quatro linhas!

Apesar da dramatização (muito conveniente nesta altura...) que transparece da entrevista de LFV ao jornal "A Bola" (que tu referes), a propósito da situação financeira e patrimonial do clube, e das referências que faz ao treinador e à equipa técnica, o que é verdade, mesmo, é que com alguém que percebesse de futebol a fazer a gestão desportiva (em vez de J. Veiga...), e com um treinador digno desse nome, o Benfica, este ano, teria muito poucas hipóteses de não ser campeão...

Eu gostaria muito de poder ter, como pedes, "um pouco mais de paciência".
Porém, chateia-me (irrita-me, mesmo...) a mediocridade, a incompetência, as decisões e os negócios mal explicados...
Irritam-me o Veiga e o Fernando Santos!!!
É mais forte do que eu! Que queres que faça?...

Cumprimentos para ti, também.

 

Enviar um comentário

<< Home