quarta-feira, abril 27, 2005

Latidos

O nosso já conhecido José António Lima volta a atacar na sua coluna semanal em 'A Bola'. As sucessivas faltas de respeito e acusações ao Benfica têm, aliás, aumentado de tom à medida que a Superliga caminha para o final e o Benfica insiste em manter-se no topo da classificação. Na sua coluna de hoje encontro pérolas como a seguinte:

"Por ter estado fora do país, não me foi possível ver qualquer um dos jogos mais importantes da 30ª jornada da Superliga. Mas, pelos relatos que me foram chegando e pela leitura rápida dos jornais, tudo decorreu dentro da anormalidade habitual desta Liga à portuguesa.[...] O Benfica, tendo conseguido que o Estoril jogasse fora e num estádio quase sem adeptos estorilistas, teve ainda outros ventos habituais a soprarem a seu favor: esteve 55 minutos a jogar contra 10, só chegou à vitória a jogar contra 9 e, como dizia o pobre treinador do Estoril, forma marcadas '27 (vinte e sete!) faltas contra o Estoril em zona perigosa', num jogo 'onde tudo foi feito para que o Benfica saísse vencedor'. O problema é se nem assim, com tantas e tão descaradas ajudas providenciais, os adeptos benfiquistas chegam ao título."

Ou seja, agora para emitir opiniões antibenfiquistas já nem sequer é necessário ter conhecimento de causa na matéria, e no mínimo assistir aos jogos em questão. Para tal basta ouvir 'relatos' de outros (que, sem dúvida, só poderão ser o mais imparciais e isentos possíveis), e uma 'leitura rápida dos jornais'. Ah, e claro, tomar as palavras do 'pobre treinador do Estoril' como verdades insofismáveis. Se calhar se o senhor Lima se tivesse dado ao trabalho de ver o jogo, perceberia a razão pela qual tantas faltas foram assinaladas contra o Estoril em zona perigosa. É que o Estoril limitou o seu jogo a um espaço de 35 metros à frente da sua baliza, e com instruções específicas do seu 'pobre treinador' para fazer uma verdadeira caça ao homem aos jogadores do Benfica (que eu não acredito que uma equipa jogue assim sem ser por ordem do treinador).

De facto, quando calha falar mal do Benfica é um fartar vilanagem. Dizem-se as maiores barbaridades, sem um pingo de vergonha ou sequer tento. No caso específico da coluna em questão, aqui está mais uma referência do Sr.Lima à arbitragem do jogo que não viu, quando faz uma apreciação ao 'pobre treinador' do Estoril:

"Além de liderar uma equipa jovem e recém-promovida, de os salários dos jogadores terem meses sim e meses não, ainda é confrontado, numa fase crucial da luta da equipa para fugir à despromoção, com a conivência dos próprios dirigentes do clube numa manobra antidesportiva, sob a capa de expediente financeiro. Manobra que obrigou o Estoril a trocar o seu estádio (onde conquistou 21 dos seus 26 pontos) por um terreno desfavorável e que beneficiava claramente o adversário. Como se não chegasse, a arbitragem do jogo deu o empurrão que faltava para ser derrotado."

O Sr.Lima esqueceu-se ainda, por exemplo, de mais um problema do 'pobre treinador' do Estoril: ter dispensado o seu melhor jogador, N'Doye, que se mudou para Penafiel, e onde tem sido uma pedra fulcral na fuga desta equipa à despromoção. Mas volta à carga o Sr.Lima no que diz respeito à mudança do local do jogo, afirmando que a sua equipa, baluarte na luta pela transparência no futebol (vide processo Pampilhosa), terá agora em princípio que ganhar os quatro jogos restantes para ser campeã "se o Benfica não arranjar maneira de jogar com o Penafiel no Estoril e com o Boavista em Braga". Claro, é o Benfica quem 'arranja' isto. O presidente do Penafiel, António Oliveira, quer agora jogar com o Benfica em Paris. De quem é a culpa? Do Benfica, pois claro. Toda a gente conhece até a costela (Costela? Digamos antes caixa toráxica inteira!) benfiquista do Sr.António Oliveira, pelo que ele só poderá ter, em última análise, intenções antidesportivas para beneficiar o Benfica na luta pelo título. A meu ver, a culpa do Benfica nisto será a de ter capacidade para encher qualquer estádio do país, o que leva os dirigentes das outras equipas a procurar estádios maiores. Será isto que o incomoda, Sr.Lima? Será o facto de o Estoril x Benfica ter tido 30.000 espectadores, enquanto que contra o seu clube o Estoril apenas conseguiu ter cerca de 4.800?

Este circo montado à volta do Estoril x Benfica é absolutamente ridículo. Ridículo sobretudo na forma como querem à viva força imputar culpas ao Benfica no processo. Ainda se quisessem criticar os regulamentos omissos da Liga que permitem estas situações, compreenderia. Mas estarem a querer fazer do Benfica o mau da fita só revela, na minha opinião, um antibenfiquismo e uma dor de cotovelo gritante. E a situação torna-se ainda mais ridícula quando olhada à luz do que tem sido normal nos últimos anos: já houve mais de 100 jogos nos últimos anos cuja localização foi alterada de forma a permitir maiores receitas (alguém se recorda de um V.Setúbal x Benfica jogado no Estádio da Antas, por exemplo?). Só agora, nesta situação específica, é que certos iluminados se resolveram a vociferar contra o antidesportivismo de tudo isto. Pois. Antiácidos vendem-se em qualquer farmácia.

17 Comments:

At 4/27/2005 4:33 da tarde, Blogger Pedro F. Ferreira said...

Mesmo que o sr. Lima tivesse visto o jogo diria o mesmo. A K7 é sempre a mesma.

 
At 4/27/2005 4:42 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Com certeza que sim. Mas devia haver um mínimo de vergonha, não?

 
At 4/27/2005 10:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Não ligues a esse anti-Benfiquista primário.
Eu tambem já tive a triste ideia de enviar uns e-mails para essa criatura.
Um dia deste vou publicar as respostas desse triste no meu blog.

Sábado lá estaremos apoiar o nosso GLORIOSO!!!

JAT

http://conversasdatanga.blogspot.com/

 
At 4/27/2005 11:27 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O que eu acho mais incrível nas respostas dele é que ele está genuinamente convencido que está a ser isento, e que não está de forma alguma a ser desrespeitoso...

Claro que sábado lá estaremos. Nós e mais 60.000!

 
At 4/28/2005 3:05 da manhã, Blogger Renato said...

e + 60.000??
com o Leiria nao os vi la...

 
At 4/28/2005 3:45 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Invocar o Setubal-Benfica jogado nas Antas, é ser intelectualmente desonesto, porque este jogo tinha de ser disputado a mais de 50 Kms de Setubal, por este ter o campo interditado. O que me admira é que ditos "jornalistas" como José Manuel Delgado e outros, na mesma consonância, se refiram a esse jogo como o fizeram ontem na Bola.
Para esses ditos "jornalistas" é mais do que desonestidade intelectual, porque pôem o seu Clube acima da verdade informativa, para o qual são pagos.
Mas a vergonha é coisa que não existe, no vale tudo, para "levar ao colo" o seu clube naqueles que têm responsabilidades públicas.
Ao menos tenham decência!

 
At 4/28/2005 4:18 da manhã, Anonymous hugbubble said...

ser intelectualmente desonesto é criar toda esta onda de um anti-benfiquismo primario que roça o ridiculo...

pq nao parar e deixar o facciosismo de lado pelo menos uma vez na vida?...

foi o benfica q alterou o jogo para o algarve?
nunca o benfica foi forçado (sim, forçado) a jogar noutros estadios pq a equipa da casa assim o decidiu?
as outras equipas (ditas grandes...) nao o fizeram ja tb? alguem falou na altura?
e é impressao minha só, ou o benfica foi, isso sim, prejudicado por ter de ir jogar ao algarve, advindo daí todos os problemas relativos ao desgaste por causa de uma viagem de 200 e nao sei quantos kilometros, quando podia
perfeitamente fazer apenas uma curta viagem ate ao estoril??

é muito bonito tentar andar a atirar areia para os olhos das pessoas, mas isso meu caro, isso é q é ser intelectualmente desonesto.

ou entao devem ser o sr. lima ou o sr. sousa tavares q sao intelectualmente honestos...

 
At 4/28/2005 9:57 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Ó Renato, então quantas pessoas viu no Benfica x Leiria? Viu as que lá estavam, ou as que desejava que lá estivessem?

É que as pessoas gostam muito de falar que o Estádio da Luz está sempre às moscas, e depois vai-se ver e é o que tem a maior média de assistências esta época...

OK, confesso que me esqueci do pormenor do Bonfim estar interditado nessa altura. Mas de qualquer forma, para os arautos da luta contra o 'antidesportivismo', o facto do jogo se disputar em casa de um dos rivais directos do Benfica deveria ser motivo de preocupação. Ora eu não me recordo de nessa altura se ter feito a peixeirada que andam agora a fazer em relção ao jogo do Estoril.

A minha principal reclamação nisto tudo é o facto de alguns antibenfiquistas primários andarem à viva força tentar fazer crer que o Benfica é o responsável por esta situação toda. Situação que, aliás, é comum no nosso campeonato. Mas como o Figueiredo tem um passado benfiquista, viram ali uma oportunidade para denegrir o Benfica e agora não largam o osso. Aliás, qualquer situação que no nosso campeonato seja banal para as outras equipas, quando envolve o Benfica torna-se logo numa escandaleira. Há melhor exemplo que o caso do adiamento do Académica x Benfica da época passada (mais uma vez, recorde-se, por iniciativa da Académica). Mas lá está, como o ano passado o António Simões estava na Académica, lá vieram os antibenfiquistas oportunistas do costume denegrir o Benfica e imputar-lhe todas as culpas no processo.

 
At 4/28/2005 4:20 da tarde, Blogger Quetzal Guzman said...

A hipocrisia é latente... Insinua-se que o Benfica forçou o Estoril a deslocar-se 270 kms mesmo sabendo que o clube da linha tentou, primeiro, garantir o Jamor e o Restelo... Depois fala-se do jogo com o Setúbal mas já ninguém se indigna com os 330 kms percorridos. Ou seja, mais 280 kms do que os exigidos por lei, com não sei quantos estádios pelo meio... E foram para as Antas porquê? Porque o presidente do Vitória esperava fazer receita à custa dos anti-benfiquistas... Tramou-se!
Depois há as figurinhas moralistas que apregoam uma suposta diferença entre alterar por questões de receita ou de transmissão televisiva! Aprendi eu esta semana que as transmissões televisivas não geram nem servem para gerar receita!

 
At 4/28/2005 4:23 da tarde, Blogger Quetzal Guzman said...

Claro que entre as figurinhas moralistas se inclui uma personagem que em tempos ganhava milhares de contos mensais enquanto dirigente da Liga mas que nem um regulamento sabe interpretar...

 
At 4/29/2005 2:10 da manhã, Blogger ps said...

onde foram jogados os jogos do gil vicente com os 3 grandes a época passada, alguém me sabe dizer?

 
At 4/29/2005 5:12 da manhã, Anonymous Anónimo said...

De facto os benfiquistas, não vêm nem querem vêr a diferença, porque os interesses deles é que o Benfica ganhe a todo o custo e mais nada. Não os culpo por isso pois todos os outros adeptos desejam o mesmo, o que repugna é não verem que o problema não está na questão financeira do Estoril, mas sim na verdade desportiva que está em causa e ela é tão evidente pelas movimentações que houve pelo tal segurança primo do Veiga, dos dirigentes do estoril serem ex-dirigentes do benfica e da nomeação do arbitro que é um notório benfiquista. Se tudo isto não foi comprar um jogo que deveria ser caso de policia, então libertem muitos presos da prisão porque estão lá alguns por muito menos. Porque será que o Luis Guilherme muito lutou para as nomeações e o Benfica pro ganhar lugares na liga, nem investiga isto que é tão evidente? Haja pudor!
Ainda por cima referem um jogo em que o Setubal tinha o campo interditado e que podia e devia de escolher o campo que melhor servisse os seus interesses, meus amigos ou são cegos ou querem fazer dos outros parvos!
Os Benfiquistas não contavam era com a vontade da equipa técnica para desempenhar com brio e profissionalismo aquilo que era sua função, agora perante isto, tal como o Petit no Rio Ave se queixou, andam a insultar esses profissionais. Tenham paciência mas isto não é de gente séria!

 
At 4/29/2005 9:47 da manhã, Blogger Quetzal Guzman said...

Caro anónimo, posso continuar a ser cego e a fazer os outros de parvo? Agarrando na deixa do PS aconselho-te a ires investigar os jogos do Gil na época passada... Até te dou uma ajuda com datas... 7 de Março e 3 de Abril... E depois explicas-me o silêncio dos Guilhermes de Aguiares e restantes figurinhas. Pode ser que assim recupere a visão.
Sobre as tais movimentações do segurança... Se são verdadeiras porque raio o Carlos Xavier só as divulgou após o desaire da sua equipa? Conspirações e suspeições todos conseguem levantar... Nem é prceiso grande inteligência ou imaginação para o fazer...

 
At 4/29/2005 1:07 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Pelos vistos agora contra o Benfica, instruir os jogadores a fazerem uma caça ao homem é tomado como 'brio e profissionalismo'...

Palavra de honra que me continua a fazer uma confusão danada a forma como os antibenfiquistas continuam a defender o indefensável, e a tentar criar um caso onde não existe. A situação do jogo Estoril x Benfica é igual a dezenas de casos que têm ocorrido no nosso campeonato nos últimos anos. Igualzinha. Querem-me fazer crer que este circo montado à volta deste jogo não se deve unica e exclusivamente ao facto de o Benfica por acaso estar em primeiro lugar a quatro jornadas do fim? Só agora é que resolveram reparar no antidesportivismo da coisa?

E a conversa do árbitro ter dado a vitória ao Benfica é a típica conversa do pessoal do Lumiar. Sobretudo de pessoal que não deve ter visto o jogo. Se o árbitro é um notório benfiquista, continuo a não perceber porque razão não assinalou as mãos do Doriva e do Cissé dentro da área. Mas o pessoal do Lumiar gosta é daqueles notórios benfiquistas do estilo Pedro Proença, que depois arbitram jogos do Benfica com o seu clube e prejudicam vergonhosamente o Benfica.

 
At 4/29/2005 4:29 da tarde, Anonymous hugbubble said...

"Tenham paciência mas isto não é de gente séria!" (anonymous)

numa frase definiste tudo aquilo q escreveste antes. ainda bem q o admites.

 
At 4/30/2005 10:23 da tarde, Blogger Ry said...

Parabéns pelo mais do que adequado título para o post!

Ry
Anti-anti-Benfica

 
At 5/02/2005 1:10 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Vocês amam o lima, pah! Em contraponto devem odiar a pinhao...!

 

Enviar um comentário

<< Home