sexta-feira, fevereiro 15, 2008

Tangencial

Mais uma fraca exibição, salva desta vez por um golo algo feliz do Makukula, que nos deu uma vantagem tangencial para uma segunda mão na Alemanha que se prevê difícil.


O Camacho fez a vontade aos críticos, e alinhou com dois pontas-de-lança de início. Infelizmente os resultados não foram famosos, já que o Cardozo e o Makukula revelaram grande falta de entendimento, e por vezes até interferiram um com o outro. O Nürnberg apareceu com uma disposição cautelosa, deixando apenas o gigante Koller na frente, mas cedo deu para perceber que eram os alemães quem controlava a partida, sobretudo devido à supremacia que tinham na zona central do campo, onde um Petit fora de ritmo não conseguia dar conta do recado. Foi mesmo uma primeira parte muito fraca por parte do Benfica, que raramente conseguiu incomodar os alemães, sendo quase inexistentes os remates à baliza adversária. O Benfica continua a revelar uma incapacidade preocupante para construir jogadas de ataque, ficando quase exclusivamente dependente das subidas do Rui Costa com a bola nos pés para conseguir criar algum desequilíbrio nas defesas adversárias. E foi precisamente assim que, aos quarenta e três minutos de jogo, o Benfica chegou ao golo. Uma subida do Rui Costa pela zona central do campo levou a que vários jogadores do Nürnberg fossem para cima dele, o que deixou o Makukula muito à vontade para receber a bola vinda do Rui, e ainda fora da área rematar rasteiro para o golo, parecendo o guarda-redes adversário mal batido no lance. Este golo surgiu no único(!) remate que o Benfica fez à baliza durante toda a primeira parte (e para fora não devem ter sido feitos muitos mais remates).


Na segunda parte as coisas melhoraram um bocadinho, mas apenas isso mesmo - um bocadinho. Até conseguimos fazer o nosso segundo remate à baliza, pelo Petit (e não voltámos a conseguir acertar mais uma vez que fosse na baliza até final do jogo - é verdade: dois remates à baliza em noventa minutos, e pelas minhas contas seis remates no total do jogo). Logo a seguir (após quinze minutos) o Camacho abdicou de um dos pontas-de-lança (Cardozo), entrando para o seu lugar o Di María, e deslocando-se para o centro o Nuno Assis, para tentar fazer frente à superioridade clara do Nürnberg nessa zona. A coisa resultou mais ou menos e o nosso jogo melhorou um pouco, sendo agora possível ver mais de três passes seguidos entre os nossos jogadores, mas nunca conseguimos apoquentar os alemães, parecendo que o resultado satisfazia as nossas pretensões. A cerca de quinze minutos do final fiquei com a sensação de que o trio do meio-campo (Rui Costa, Nuno Assis e Petit) rebentou fisicamente, e os alemães voltaram a pegar no jogo tal como tinham feito na primeira parte. Só nos minutos finais as entradas do Adu e do David Luíz (para trinco) conseguiram acalmar um pouco as coisas, segurando a vantagem mínima.


O melhor jogador do Benfica esta noite foi o Luisão. Pelos vistos fez-lhe bem a polémica com o Mozer (embora, por uma questão de respeito para com um dos jogadores mais importantes do actual Benfica, eu prefira não entrar em comparações entre o Luisão e o Mozer). Qual Koller, qual quê. Mesmo com menos uns dez centímetros que o checo, o Luisão dominou completamente nas alturas. E não contente com isso, dominou pelo chão também, entrando sempre na altura certa para conseguir desarmes limpos. Já há muito tempo que não via o Luisão jogar assim. Importante também, pelas razões já referidas, foi o Rui Costa, para não variar. E pode ser que seja apenas o meu habitual facciosismo por este jogador, mas gostei da exibição do Nélson.

Mais um jogo em que não podemos sair satisfeitos da Luz. A qualidade do nosso futebol deixou muito a desejar, e é preocupante que o antepenúltimo classificado da Bundesliga consiga vir jogar assim para nossa casa. Com um ponta-de-lança ou com dois pontas-de-lança, a verdade é que a diferença parece ser pouca no que à qualidade de jogo diz respeito. Hoje salvou-se o resultado, que não sendo famoso, pelo menos tem o factor positivo de não termos sofrido golos em casa. Ainda assim acredito que o Benfica consiga fazer melhor na segunda mão, e não me passa pela cabeça perder esta eliminatória, já que os alemães não mostraram qualidade por aí além. Se bem que lhes faltaram o Misimovic e o Mintal, que se calhar já jogam a segunda mão.

37 Comments:

At 2/15/2008 9:01 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

Grande sensaboria. Um jogo de duas equipas em crise, uma assumiu a crise e despediu o treinador e uma outra que está em crise "stand by".
Deu para ver que não existe entrosamento entre o Cardozo e o Makukula, o que é mais que natural, e que a primeira escolha para aquele lugar é Makukula, devendo Cardozo ser o preterido quando a equipa jogar só com um avançado, o que se notou aquando da substituição, e que deu para ver que o mito da "mão de ferro" e "condutor de homens" e "líder" não é mais que uma construção, ou isso mesmo, um mito.Aliás já o mesmo se passou em Setúbal, aquilo o que indica é o contrario do que se apregoa.Hoje os balneários são liderados de uma forma totalmente diferente, porque são demasiados egos , somados a demasiadas culturas diferentes, somados a demasiados interesses empresariais.

Neste particular caso do Cardozo e Makukula, espero para ver até que ponto conseguem jogar juntos, e caso um deles deixe de jogar, o que acontece em termos de gestão de activos futebolisticos, ie, apostar
em Makukula e deixar Cardozo tranquilamente a desvalorizar no banco? ou jogar com os dois e esperar que se entrosem o mais rápido possivel?

Grande Costa, és um autêntico Picasso. Grande Quim.

 
At 2/15/2008 9:06 da manhã, Anonymous john billy said...

Boa análise! Concordo em tudo.
Os adeptos precisam de paciência. Não é numa semana que se constroi uma equipa.
Acredito na passagem!
FORÇA BENFICA!!

 
At 2/15/2008 9:57 da manhã, Anonymous Americano said...

Positivo:
- Resultado: objectivamente 1-0 em casa é bom na Europa
- Jogada do Rui: o Maestro, sempre o grande artista
- Luisão: portentoso a calar os críticos. Agradeço ao Mozer que critique mais 2 ou 3 jogadores, se faz favor

Negativo:
Quase tudo, como de costume. Futebol deplorável, e o que mais me chocou foi a falta de ambição. O treinador passou os 20 últimos minutos a dizer à equipa para ter calma, para não arriscar. Mas está bem, do outro lado estava um colosso alemão, apesar de desfalcado e de ser o penúltimo classificado. Para ajudar à festa, ainda bem que as palavras de Cardozo não foram captadas pelas câmaras, porque cheia-me que houve uma versão castelhana da frase do Rochemback ao Peseiro.
Quanto às substituições patéticas, de tão recorrentes já nem me merecem comentários...

 
At 2/15/2008 10:12 da manhã, Blogger Mr. Shankly said...

"Os adeptos precisam de paciência. Não é numa semana que se constroi uma equipa."
Mas o Camacho tem 5 meses. E não se vêem sinais de melhoria.
O treinador é para ficar até ao fim da época. Mas a verdade é que estamos a jogar pouco.

 
At 2/15/2008 11:00 da manhã, Anonymous Americano said...

Eu acho que o John se estava a referir aos adeptos do Nuremberga, que têm de ter paciência por terem perdido contra uma equipa que joga um futebol tão miserável.

 
At 2/15/2008 11:01 da manhã, Anonymous john billy said...

Mr Shankly, com o devido respeito, não é em 5 meses que se constroi uma equipa. Custa ver o Benfica jogar mal mas temos que entender que são consequências da nefasta pré época que o Benfica realizou.

 
At 2/15/2008 11:19 da manhã, Anonymous Americano said...

Desculpa John, em 5 meses não se constrói uma equipa??? Mas devia jogar melhor que o que jogava antes, não?
Mourinho em bem menos de 5 meses pôs uma equipa a jogar futebol na Luz. Camacho na sua 1ª passagem também pegou numa equipa desfeita e pô-la a jogar futebol.
Responde-me ponto por ponto, se quiseres:
- A culpa de Rodriguez estar roto e nas lonas é problema da pré-época ou da falta de rotação do Camacho?
- A mialgia de esforço do Maxi resulta da má pré-época ou da estupidamente excessiva utilização de Camacho?
- Podes repetir a primeira pergunta e substituir o nome de Rodriguez por Petit e Rui Costa
- A total ausência de capacidade física e de confiança do Adu é culpa da pré-época? Será que foram os 54 minutos que FS lhe deu que o rebentaram?
- O desabafo de Cardozo foi para Camacho ou ele terá dito "puta que pariu a pré-época"?

E muitas mais haveria para fazer...

 
At 2/15/2008 11:37 da manhã, Anonymous john billy said...

Americano:
"Mourinho em bem menos de 5 meses pôs uma equipa a jogar futebol na Luz. Camacho na sua 1ª passagem também pegou numa equipa desfeita e pô-la a jogar futebol."
Mourinho é um fora de série mas mesmo assim vê os números dele na sua 1º época no Porto.
O 1º ano do Camacho também foi mal e pediu-se muitas vezes o seu despedimento.

"- A culpa de Rodriguez estar roto e nas lonas é problema da pré-época ou da falta de rotação do Camacho?"
"Tem a ver que vem de lesão.
A mialgia de esforço do Maxi resulta da má pré-época ou da estupidamente excessiva utilização de Camacho?"
Tem a ver que veio a meio da temporada de outro campeonato.
"- Podes repetir a primeira pergunta e substituir o nome de Rodriguez por Petit e Rui Costa"
Petit também veio de uma lesão (mas já agora quem tinhamos para jogar no lugar dele?)
O Rui, esse sim tem sido demasiado espremido, mas Rui só há um!
"A total ausência de capacidade física e de confiança do Adu é culpa da pré-época? Será que foram os 54 minutos que FS lhe deu que o rebentaram?"
Já te disse mil vezes que não concordo com a pouca utilização do Adu. Mas achas que se o Adu jogasse mais vezes todos os problemas do Benfica iam ficar resolvido?
" O desabafo de Cardozo foi para Camacho ou ele terá dito "puta que pariu a pré-época"?"
Não sei qual foi o teor do "desabafo". Mas se foi uma falta de respeito ao Camacho, não há nada que uns jogos na bancada não resolvam..

 
At 2/15/2008 11:45 da manhã, Anonymous AS said...

John Billy, o amigo é cegueta, certo? E quem lhe relata os jogos do Benfica deve ser o atrasado mental do speaker que ontem estava na LUZ, certo? Ou então já atingiu a seu estado ZEN e já nada o incomoda sendo por isso um poço de compreenção!! É que se assim não fôr não consigo entender o seu post.

 
At 2/15/2008 11:54 da manhã, Anonymous Americano said...

Poora John, e se seles vêm de lesões, ou de outros campeonatos, ou sei lá mais que outras desculpas inventas, que tal GERIR os minutos deles??? Será que o Feirense, o Paços de Ferreira, e o próprio Nuremberga são colossos do futebol mundial???

Mas pronto, já percebi, nada é culpa de Camacho, coitadinho não tem jogadores, tem muitas lesões, etc, etc, etc
As bolas não entram, salir a gañar, etc, etc, etc

Quando defrontarmos o Moreirense com 5 mil adeptos benfiquistas na bancada, talvez percebam que está na altura urgente de mudar!

 
At 2/15/2008 12:26 da tarde, Anonymous john billy said...

As,
Em nenhum dos meus comentários disse que o Benfica estava a jogar bem (não sou cegueta), mas não acho que o despedimento do Camacho resolve os problemas. Esses mesmos problemas vêm da péssima gestão do LFV (basta ver os acontecimentos que marcaram o nosso clube entre Julho e Setembro).
Ao final da época, a avaliação do Camacho há de ser feita.

Americano, o Camacho também tem culpa, neste jogo errou tacticamente ao jogar num 4-4-2, a gestão do Rui Costa e do Adu tem sido péssima mas não estou a ver ninguem que consiga resolver actualmente os problemas do Benfica.

 
At 2/15/2008 12:59 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Camacho tacticamente é um nabo, vale zero!
É um Toni não alcólico.

 
At 2/15/2008 3:01 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Estou a ver que ainda ninguem compreendeu a verdadeira táctica de Camacho. Qual 4-4-2, qual 4-2-3-1, qual quê, o Camacho é fiel ao 1+1+1+1+1+1+1+1+1+1 na versão aleatória, mais conhecido em termos gerais por "tudo ao molho e fé em Deus", Deus na actual versão benfiquista é representado pelo Costa, como actor principal.
O sucesso das suas tácticas foi enorme nos clubes por onde passou, sendo que a mais conhecida originou uma célebre canção que ficou popular nos balnearios do seu clube do coração o Real Madrid (não confundir com o seu clube do bolso ou carteira, que esse sim é o Benfica). Reza assim a popular canção:

"La cucaracha, la cucaracha
Ya no puede mas jugar
Porque no tiene, porque le
falta
Camacho pa' entrenar "

 
At 2/15/2008 3:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

"Desculpa John, em 5 meses não se constrói uma equipa??? Mas devia jogar melhor que o que jogava antes, não?
Mourinho em bem menos de 5 meses pôs uma equipa a jogar futebol na Luz. Camacho na sua 1ª passagem também pegou numa equipa desfeita e pô-la a jogar futebol."

Blá blá blá a pré-época isto blá blá blá a pré-época aquilo.

O Jesualdo no ano passado chegou ao fcp sem fazer a pré-época e exactamente uma semana antes do primeiro jogo para o campeonato.
E mesmo assim chegou aos oitavos-de-final da Champions League e foi campeão.
O espanholadas não só já pôs o Benfica a ser corrido da Champions League, como já foi eliminado da Taça da Liga e está a 10 pontos (até ver) do 1º lugar do campeonato. Até quando vão continuar as desculpas risíveis para as borradas do agente imobiliário que já se tinha reformado para o futebol até terem tido a brilhante ideia de o ir buscar para agradar aos adeptos do assobio e da parvoíce?

 
At 2/15/2008 3:28 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Como é evidente a atracção de Camacho pelo sistema táctico inspirado no Método do Actor's Studio, assim o é mais recentemente, a sua predilecção por A.Wharol, consubstanciada na adaptação para português benfiquista,
de uma das suas célebres frases.Dá mais ou menos isto " Na Luz todas as equipas têm direito aos seus 90 minutos de fama".
Camacho é POP coño!!

 
At 2/15/2008 6:33 da tarde, Anonymous JFilipe said...

John Billy não vale a pena insistires com o Americano. Para ele é tudo uma merda no Benfica, o Camacho é um asno, o LFV não sabe o que faz, o Porto tem o avanço que tem por mérito, e o Adu é o Messias que nos poderia salvar.

Jogámos mal? pois jogámos, mas é quando se joga mal que é mais importante ganhar.

Acho que lá vai ser mais fácil que na Luz. Houve momentos naquele estádio que pensei estar na Alemanha. Que raio de adeptos, esquecem-se que há 4 anos não estávamos sequer entre as melhores 50 equipas do ranking da UEFA, agora já estamos no top 20 e para o ano seremos a equipa portuguesa em melhor posição.

Team Ranking da UEFA (é o que define os potes na CL):

15 Bayern 81.8
16 Fequep 78.7
17 Roma 76.2
18 Benfica 75.7
...
25 Zbordem 59.7

O Porto vai perder no fim da época 26.4 pontos do Mourinho, nós vamos perder apenas 13.4! Para o ano estamos à frente dos gajos.

Desde 2003-04 fizemos sempre igual ou melhor que os andrades, apesar deles terem estado sempre num pote mais favorável na CL. Cá em Portugal eles têm é muita fruta.

 
At 2/16/2008 10:49 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

Um indio Mescalero que já caça com Manitu, fez-me chegar por video o dilema de Camacho.

A resposta é GO!

http://www.youtube.com/watch?v=0Ag8J2NMYmc&NR=1

PS- O Índio é Joe Strummer, um autêntico guerreiro, que Manitu o guarde para sempre no seu coração.

 
At 2/16/2008 1:40 da tarde, Anonymous JFilipe said...

"A resposta é GO!"

Sim, claro, afinal num campeonato onde há uma equipa que nos dois últimos jogos consegue marcar um golo tabelando num jogador em fora de jogo, um ajeitado com a mão, e dois por um gajo que devia ter sido expulso, o mais normal seria que o Camacho liderasse destacado.

Continuem a atacar a equipa, treinador e presidente que vamos longe. Com sorte talvez voltemos a 2002 quando a nossa posição no ranking da UEFA era 91.

 
At 2/16/2008 1:56 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Aliás a pouca vergonha foi tão evidente que até o jornal oficial do fequepe faz eco disso:

JORGE COROADO
-
Directa e objectivamente o cartão vermelho deveria ter sido exibido, mas porque o entendimento não foi esse acabaram por ser punidos com advertência jogadores que no acontecido pouco ou nada fizeram. Provavelmente razões de estrabismo assim obrigaram.

SOARES DIAS
-
Há de facto uma falta de de Lucho que puxa Djalma e este empurra-o sem mais consequências. Posteriormente há uma entrada violenta do Lisandro que deveria ter sido sancionada com o cartão vermelho. O árbitro não o entendeu e advertiu o jogador do Marítimo que não justificava o amarelo.

ANTÓNIO ROLA
-
Sobre o lance, Lucho faz falta sobre o adversário e, praticamente logo a seguir, Lisandro entra de forma violenta sobre o adversário. Justificava-se aqui não o cartão amarelo a Lucho, mas o cartão vermelho a Lisandro.

 
At 2/16/2008 3:26 da tarde, Anonymous Americano said...

"Desde 2003-04 fizemos sempre igual ou melhor que os andrades, apesar deles terem estado sempre num pote mais favorável na CL. Cá em Portugal eles têm é muita fruta."

Claro, o ano passado foi muito melhor ficarmos em 3º no grupo da Champions e irmos para a UEFA para perder com o Espanhol, do que o Porto passar aos 1/8 da Champions e perder com o Chelsea. Bela teoria, que inveja que os portistas tiveram de nós!
Estou-me a cagar para o ranking, caso não tenhas percebido a generalidade do universo benfiquista está farto deste futebol de 3ª Divisão. Se tu ficas feliz em ganhar a um dos últimos da Alemanha por 1-0, desfalcado de 2 estrelas, graças a um frango monumental, tu lá sabes. Triste é que até os lagartos mostraram mais ambição, mas cada um vê o Benfica com os olhos que quer.

 
At 2/16/2008 3:46 da tarde, Anonymous Americano said...

E já que te preocupas tanto com rankings, hás-de me fazer o favor de procurar o Nuremberga por lá. Deve estar numa posição invejável, certamente.

 
At 2/16/2008 4:01 da tarde, Anonymous JFilipe said...

"Se tu ficas feliz em ganhar a um dos últimos da Alemanha por 1-0, desfalcado de 2 estrelas, graças a um frango monumental, tu lá sabes."

Por acaso fico. Que tu fiques danado por o Benfica ganhar um jogo é lá contigo.

 
At 2/16/2008 4:54 da tarde, Anonymous JFilipe said...

"E já que te preocupas tanto com rankings, hás-de me fazer o favor de procurar o Nuremberga por lá. Deve estar numa posição invejável, certamente."

Não está nos 100 primeiros, mas isso não é razão para desprezar um adversário. O Liverpool, a tal equipa que cilindrou o Porto que tanto aprecias, acabou de ser eliminada em casa pelo 14o classificado da segunda divisão.

 
At 2/16/2008 5:26 da tarde, Anonymous Americano said...

JFilipe, mete uma coisa na cabeça, por tu te contentares com um futebol de merda e defenderes a incompetência pura, isso não significa que sejas mais benfiquista que eu. Não me conheces de lado nenhum, por isso não digas disparates, sim? Nunca desejei, nem nunca desejarei uma derrota do meu clube. Simplesmente quero voltar a ter algum prazer a ver o meu clube jogar, quero acreditar que o salário do treinador que eu ajudo a pagar, tem razão de ser. Como já disse, se tu te contentas em ver um clube como o nosso a jogar como se fosse um grupo de solteiros e casados, é contigo, eu não me contento com aquele mediocridade semana após semana.

 
At 2/16/2008 5:29 da tarde, Anonymous Americano said...

E tenta usar argumentos racionais se tiveres capacidade para isso. O Liverpool que cilindrou o Porto, curiosamente ficou atrás do Porto na fase de grupos. Obviamente que tudo isso não tem absolutamente nada a ver com o futebol miserável que praticamos, mas compreendo que tenhas de falar os outros para não ver a realidade. Eu não aprecio o Porto, aliás detesto o Porto, mas consigo ver que eles jogam melhor que nós. Eu e qualquer ser humano com cérebro e sem palas.

 
At 2/16/2008 6:35 da tarde, Anonymous john billy said...

Triste é dispensar os nossos júniores e depois vê-los a jogar a titular no Inter de Milão!

 
At 2/16/2008 7:28 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Americano se queres que as pessoas te levem a sério convinha que usasses uma linguagem menos insultuosa.

"Eu não aprecio o Porto, aliás detesto o Porto, mas consigo ver que eles jogam melhor que nós."

Diz isso aos gajos do Marítimo. O Porto nas duas últimas jornadas devia ter tido jogadores expulsos com o resultado 0-0. É assim que se cavam avanços de mais de 10 pontos, e se evitam séries de derrotas seguidas.

"O Liverpool que cilindrou o Porto, curiosamente ficou atrás do Porto na fase de grupos."

No confronto directo o Porto não chegou a incomodar o Liverpool.

 
At 2/16/2008 9:16 da tarde, Anonymous Dias Pereira said...

Meus caros,

Não tenho nada que avaliar os comentários de quem aqui vem deixar as suas opiniões. Quer o JFilipe como o Americano serão, sem dúvida, benfiquistas desde o cerne até à casca. E cada um terá alguma razão no que diz, mais em alguns casos, menos noutros.
Agora, o que é verdade - verdade, verdadinha... - é que o nosso futebol tem sido miserável (no seu sentido mais lato e puro...), que não nos temos imposto, de forma clara, a nenhuma equipa (nem mesmo às mais fracas e em inferioridade numérica...), que hoje jogamos e rendemos (muito) menos do que quando tínhamos Fernando Santos (que Deus me perdõe...), e que, com Camacho, tem sido sempre a piorar, quer exibicionalmente, quer em resultados.

O que se deve fazer, é a questão.
Eu, por mim, sou pragmático: não serve, muda-se!!!

A estabilidade é um argumento da treta. Basta olhar para o lado para perceber que há muitos outros que fazem equipas sem terem realizado pré-épocas cirurgicamente preparadas, com os jogadores de que dispõem, e sem pedirem infindáveis períodos de carência.
No Benfica é que é sempre tudo muito complicado...
Será porque o Benfica tem piores condições de trabalho e pior plantel que o Setúbal, o Leixões, o Belenenses, o Nuremberga, ou mesmo o Sporting ou o Porto?

Alguém me explica porque é que hoje estamos a jogar muito menos do que há 4 meses atrás, se os jogadores são (pelo menos...) os mesmos, se o treinador é o mesmo, e se os dirigentes são os mesmos?

 
At 2/16/2008 9:50 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Dias Pereira, eu acho mal que se exagere. Esta época só houve uma equipa a marcar mais de um golo ao Benfica (tirando aquela coisa da TL). Foi o Milão.

Tenho grande confiança nesta equipa mesmo que por enquanto emperrem em metade dos jogos. Eu gosto da equipa, continuo a achar que seria das melhores que tivemos com um extremo em condições (o Di Maria pode vir a sê-lo mas não para já). Se o Simão não tivesse saído, o Camacho de certeza que estaria a fazer um campeonato tranquilo.

 
At 2/17/2008 1:49 da manhã, Anonymous Johnny Rook said...

Dias Pereira,

Eu já me cansei de comentar jogos e exibições do SLB. Não dou mais para esse peditório. Este ano já nada espero e o que vier será por acaso.

Mas tu que és dos poucos por aqui que viste o verdadeiro SLB, não vislumbrares a verdadeira razão do insucesso é que me espanta!

Cito: "Agora, o que é verdade - verdade, verdadinha... - é que o nosso futebol tem sido miserável (no seu sentido mais lato e puro...), que não nos temos imposto, de forma clara, a nenhuma equipa (nem mesmo às mais fracas e em inferioridade numérica...), que hoje jogamos e rendemos (muito) menos do que quando tínhamos Fernando Santos (que Deus me perdõe...), e que, com Camacho, tem sido sempre a piorar, quer exibicionalmente, quer em resultados."

Muito menos que FS?!!
Claro! E não notas mais nada de diferente? Simão, Miccoli, Karagounis, por exemplo?

As realidades são semelhantes? E o que jogavamos o ano passado? Alguma merda de jeito? É preciso invocar os posts deste blog do ano passado e todos os comentários anexos? Não é, pois não?

Quem substituiu aqueles jogadores? Eu respondo: NINGUÉM!

Mas vou citar-te mais:"Eu, por mim, sou pragmático: não serve, muda-se!!!

A estabilidade é um argumento da treta...Será porque o Benfica tem piores condições de trabalho e pior plantel que o Setúbal, o Leixões, o Belenenses, o Nuremberga, ou mesmo o Sporting ou o Porto?"

Eu respondo. Aceito que se diga que quando algo está mal num clube de futebol se mude uma pessoa em vez de 13 ou 14. Parece (e normalmente é) racional e de boa gestão. Só que aqui também o SLB actual parece ser de excepção. Mudar este treinador que tem na mão este plantel, não resolve nada, porque venha quem vier, chame-se Mourinho, Fergusson, Wenger, Cajuda , Faquirá, Peseiro, etc, fará dele exactamente o mesmo. NADA! ESTE PLANTEL É O PIOR DE SEMPRE DA HISTÓRIA DO SPORT LISBOA E BENFICA! Este plantel é uma enorme MERDA!
Por isso te respondo que qq dos planteis que mencionas é melhor na generalidade que o do SLB! Qual é a dúvida? Só porque os nossos ganham mais dinheiro e custaram mais caro? Ou só porque vestem ( vestem não, conspurcam)o manto sagrado?

O SLB não joga pior do que há 4 meses! Joga rigorosamente o mesmo, ou seja, NADA!

Dias Pereira, meu amigo benfiquista, confessa lá: Quantos meninos destes jogariam no verdadeiro SLB? Pois é! Chega e sobram os dedos de uma mão, não é? Só Rui Costa seria titular, mais 3 ou 4 bons suplentes!

Para terminar: Quem tem de ir embora é o Presidente. Quem vier que dê condições ao Camacho para formar um plantel a sério e depois se verá o que acontece. Até lá bem podemos trocar de treinadores todas as semanas.

 
At 2/17/2008 7:51 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

E Porque não Camacho a Presidente?
Receio que seja este o próximo "argumento" se algo correr menos bem.

 
At 2/17/2008 8:26 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

Dias Pereira, tens razão.
Alguem que perceba um minimo de futebol olha para a equipa e percebe logo em Setembro, que Camacho não consegue tirar nada da equipa. E a opinião é generalizada, tanto de benfiquistas como de não benfiquistas, e não me refiro a jornalistas ou tipos que escrevem em jornais. São pessoas que toda a vida viram futebol, e que lhes basta olhar para um jogador, ou uma equipa,verem como se movimenta, como defende, como parte para o ataque para verem de imediato que aquilo era uma floresta de enganos.
Faço ideia o pânico que não deve ter provocado no Seixal.
Camacho está desactualizado, e o futebol deu um salto tremendo nestes ultimos anos em todas as vertentes. Ele não é decididamente treinador para o Benfica.
Qualquer treinador de qualidade tem que apresentar qualquer coisa que se veja em 5 meses, P.Bento ou Jesualdo apresentaram-no em menos tempo, qualquer treinador de qualidade tem que saber agarrar uma equipa, dar-lhe personalidade.É esta a realidade do futebol actual.
O Benfica não tem nada disso, e é um imenso acaso.

De resto não são as habituais desculpas ( o não dar o "bracinho a torcer" e outras manifestações juvenis como a de "clube de fãs" etc...) que conseguem iludir o óbvio.O que me interessa é o Benfica e que se não vencer pelo menos encontre alguem que o saiba dirigir. o Camacho não deixará de no futuro ganhar imensos campeonatos e taças como fez até aqui.

 
At 2/17/2008 1:33 da tarde, Anonymous Starblade said...

Deixo aqui o comentário que tinha escrito noutro lado:

"Para termos um novo ciclo há que correr com o cabrão do orelhudo andrade, vendedor de pneus e de banha da cobra, pois é ele o grande responsável pelo descalabro que se verifica esta época. Desde ter ido buscar 23 jogadores novos, despedir o treinador após 1 jornada quando o deveria ter feito em Maio, vender ao desbarato o Simão, Kara e deixar saír o Miccoli, ter gasto 31 M € para vermos esta miséria.

E nada do que ele fez esta época é novo, digamos apenas quer como já não tinha o Veiga (que passou de excelente profissional a ingrato sem carácter) nem o Santolas (que passou de aposta pessoal que não saía a ingrato sem carácter) é ele que tem que vir dar a cara por toda a merda que faz. Os outros dois bodes expiatórios já foram queimados. O Camacho está a ser queimado em lume brando e o próximo será o Rui Costa, enquanto o vendedor de promessas lá se vai safando."

 
At 2/17/2008 4:28 da tarde, Anonymous Dias Pereira said...

Meu caro Johnny Rook,

Respeito a tua opinião acerca da qualidade do plantel do Benfica e da qualidade do nosso treinador, embora a minha seja literalmente oposta à tua, ou seja, para mim o plantel não é mau, enquanto o treinador é (como sempre foi meu convencimento...) muito fraquinho. Inacpaz, mesmo, como tem provado inúmeras vezes...
Porém, e apesar das opiniões não se discutirem, proponho-te que faças o exercício de comparar, peça a peça, o plantel do SLB com os das equipas que referi no meu último comentário (Setúbal, Leixões, Belenenses, Nuremberga, Sporting e Porto), os quais, segundo afirmas, são "melhor na generalidade que o do SLB!".
Se fores objectivo, verás que são bem poucos os atletas dessas equipas que teriam lugar no Benfica, e que o contrário não aconteceria...
Já reparaste, por exemplo, no que rendem Katsouranis, Cardozo, Rodriguez, Maxi Pereira, Di Maria, Bynia e mesmo Zoro nas selecções dos seus países, e o que rendem no Benfica?
Não achas estranho que os jogadores façam excelentes exibições nas outras equipas, que as repitam quando chegam ao Benfica, e que depois se vão paulatinamente degradando, perdendo-se em equívocos tácticos e motivacionais? Será que desaprenderam?

Referes-te a jogadores que já cá não estão (Karagounis, Simão, Micolli...), mas ignoras que agora temos outros, de qualidade comprovada. E já agora, diz-me lá, se consideras que Karagounis e Micolli renderam no Benfica o que se esperava deles. Karagounis sempre foi muito inconstante e, em inúmeros jogos, até complicativo. Micolli era um portento de técnica, sim senhor. Mas quantos golos marcou, e quantos deu a marcar? O único jogador que, sem dúvida, foi sempre uma mais valia foi Simão, que carregou a equipa em inúmeras situações.

Quanto ao Benfica das épocas de ouro, é bom recordar que havia Eusébio, Coluna, José Augusto, Simões, José Águas, mas também havia Costa Pereira, Cruz, Germano e Cavém.
E que, mais recentemente, tivémos Chalana, Humberto Coelho, Preud´Homme, Néné, Rui Costa, Valdo, Paneira, mas também tivémos Veloso, Àlvaro, Nunes, Manique...
Ou seja, uma equipa não está proibida de ter bons jogadores, mas não se faz apenas com craques. E não pode viver de, e para, esses craques. Uma equipa tem que ser isso mesmo, ou seja, um conjunto, forte, homogéneo, personalizado, com um fim colectivo em vista. Esse é o trabalho e a missão do treinador. E Camacho, com bons jogadores, e também com outros menos bons mas também de eficácia comprovada (nas selecções e nos anteriores clubes), não tem conseguido fazer nada disso.
Infelizmente...

PS - Índio Nélson, tu que tens linha directa com Manitou, o Senhor das Grandes Pradarias, não podes meter uma cunha para Camacho ir treinar noutras paragens?... :))

 
At 2/17/2008 5:44 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Dias Pereira, a cunha já lá está desde o ano passado e é mais um package (presidente+treinador), mas Manitu na sua eterna sabedoria saberá a seu tempo "aviar" o pedido:))

Dias pereira, não contraponhas o Germano ao Eusébio e Coluna, ele é um dos grandes, o Careca foi um gigante.
Mas percebo o que quiseste exemplificar, e aqui dou-te uma ajuda acrescentando que um dos maiores "tandem" de sempre do Benfica foi Alvaro+Chalana, que aliava a garra ao génio. Que maravilha!!

Tambem acrescento que o Miccoli esteve boa parte da época passada lesionado, como muitos outros, e se o argumento da saída do Simão e Ciª colhesse, ele tambem teria que ser válido para a avaliação de FS, porque não foi ele que os dispensou, e viu-se de repente com uma equipa totalmente diferente daquela que tinha planeado. Isto tudo fruto da traição e posterior cobardia do LFV.Mais uma fuga em frente.
Camacho por outro lado é limitado, e nas duas oportunidades que teve de treinar o R.Madrid ele fugiu.
Na última nem sequer disse aos jogadores a razão.
Pode alegar intromissões, mas qual é a equipa de topo com um Director Desportivo cujo treinador não tenha que se adaptar à politica desportiva do clube e seus objectivos? Viu-se com Mourinho, vê-se com o "Rafeiro" Benitez, viu-se com Capelo,ver-se-á com Rijkard.
Ganham milhões mas têm que o provar jogo a jogo, época a época e não existem cá "dá-me dois anos que depois eu vejo como é". Isso só com dirigentes mediocres em clubes menores.
Por isso não percas o teu latim benfiquista com discussões inuteis sem que sejam feitas de uma forma aberta, honesta e objectiva.Não vale a pena.

Espero que logo o Cardozo molhe a sopa, e que o Costa não se ressinta do jogo de 5ª F. Vamos bravos guerreiros!!!

 
At 2/17/2008 6:14 da tarde, Anonymous Americano said...

JFilipe, se queres ser respeitado dá-te ao respeito e não venhas para aqui pôr em causa o benfiquismo de ninguém.
Caro Johnny e restantes que acham esta equipa fraca, deixo-vos um desafio: imaginem o 11 base, ou o vosso 11 ideal, e comparem os suplentes com os suplentes de todas as equipas da última década, e verão que poucas tinham um plantel com mais soluções. Falar mal deste plantel quando ainda na 1ª passagem de Camacho ele usava o Fernando Aguiar como arma secreta, enfim...

 
At 2/17/2008 10:51 da tarde, Anonymous JFilipe said...

"JFilipe, se queres ser respeitado dá-te ao respeito e não venhas para aqui pôr em causa o benfiquismo de ninguém."

Tá boa, tu insinuas que devíamos estar infelizes por termos ganho um jogo. Posso ter sido um bocado excessivo na forma como respondi, mas foi retórica, mostrando que o pressuposto era absurdo. Nunca acreditei que preferisses que tivéssemos perdido o jogo. Não era preciso empertigares-te todo.

 

Enviar um comentário

<< Home