terça-feira, julho 28, 2009

Keirrison

Está confirmado, o Benfica garantiu o Keirrison por uma época, com mais outra de opção. Apesar da incógnita que poderá ser a sua adaptação ao futebol europeu, daquilo que conheço do jogador só posso estar convencido que será um grande reforço.

Agora espero os argumentos do costume. Será que veio gozar a reforma para o Benfica. Parece-me que não, já que tem 20 anos. Será que só veio para o Benfica porque não é bom? Bem, quem o comprou foi o Barcelona, que desembolsou €14M por ele. Será que não faz falta? Já andava a ouvir dizer que se faltasse o Saviola ou o Cardozo o Benfica não teria um plano alternativo. Se calhar foi a novela que se arrastou muito tempo. Mas não, quando se dizia que o Benfica não era opção para o empréstimo, num dia tudo mudou e o jogador vem a caminho. Então se calhar o problema será que agora temos avançados a mais. Mesmo para quem há pouco dizia que o Weldon 'não é avançado para o Benfica', que o Nuno Gomes só interessa pelo peso no balneário, ou que o Mantorras é uma figura decorativa. De certeza que se arranjará um qualquer motivo de preocupação ou crítica.

Entretanto, e face às informações veiculadas pelo próprio Barcelona e pelo empresário do jogador, que deram conta das tentativas do sportém (pausa para risos) e do fóculporto para obterem o seu empréstimo, fico a aguardar por uma capa do Pasquim que dê conta deste 'roubo' perpetrado pelo Benfica.

19 Comments:

At 7/28/2009 7:26 da tarde, Blogger Hattori Hanzo said...

Não conheço o jogador, mas de facto tem boas referências e parece-me ser um bom empréstimo se provar o seu potencial do Brasil. No entanto já vamos em 7 entradas, se vir um guarda-redes serão 8 o que quanto a mim são de mais. Mais tarde se verá.

P.S. Eu era um dos que dizia que Weldon não é avançado para o Benfica e continuo a dizer. Espero que aquela conversa não fosse para mim, é que como vês também sei felicitar quando acho que devo.

 
At 7/28/2009 7:31 da tarde, Blogger D'Arcy said...

A conversa nem é para dentro, é mais para fora, porque anda muita gente que parece que tem à viva força que deitar abaixo o que quer que o Benfica faça. Há que manter o status quo que tanto custou a implementar no futebol português.

O Weldon veio para ser suplente. Acho que ele sabe bem o seu lugar no plantel. Não me parece que vá jogar muito, mas para mim é capaz de ser mais útil do que o Nuno Gomes ou o Mantorras esta época (eu até estou convencido que o Nuno Gomes é visto como mais uma opção para o lugar do Aimar).

 
At 7/29/2009 8:56 da manhã, Blogger Índio Ruço said...

Hattori, sabes o que é Seven Up?
Era como ficavam os sete anões quando viam a Branca de Neve.Quem será a Branca de Neve? o Jesus , o Costa ou o Vieira:)))

O Darcy tinha que fazer um post destes para justificar as opções da direcção, e como de costume confunde o clube com a direcção. Curiosamente no fim da época anterior disse que na sua opinião a equipa só precisava de uns 4/5 reforços, portanto o problema é de quem não muda de opinião. Sinal dos tempos.

Este ano o clube não tem desculpas para perder o título.Se o ano passado sempre pensei que ainda não tinhamos estrutura para combater o porto, este ano face ao investimento feito e acumulado com o do ano anterior, mais a inclusão do melhor tecnico dos ultimos 20 anos, não deveremos ter qualquer dificuldade em atingir o objectivo. As apostas estão altas o que não quer dizer que haja algum projecto visivel e coerente, não há.O que existe é uma procura desesperada por um título apostando osso e tutano.
Que o Costa o consiga.

 
At 7/29/2009 9:53 da manhã, Blogger Filipe said...

Era necessária um alternativa válida a Cardozxo e a Saviola. Ela parece encontrada. Talvez se ela tivesse sido encontrada mais cedo, o Weldon nem teria vindo!
Ainda se fala em Peixoto e no Júlio César. Se por um lado, podem ser reforços(no sentido de serem melhores que outros que já estão no plantel para aquelas posições), por outro o nº excessivo de caras novas no plantel pode não ser benéfico. Tenho dúvidas se será bom....
Também não me agrada o facto de o Benfica andar a pedir empréstimos para fazer contratações e depois esbanjar 7 milhões...num trinco! Não ponho em causa o valor do Javi, mas 7 milhões??
Depois continuamos a pagar facturas do passado...o que fazer com Makukula, Marcel, Balboa, Sepsi, Moretto...

 
At 7/29/2009 10:37 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Para alguém que pede aos outros para mudarem de disco, também já ias trocando de realejo, ó Índio...

 
At 7/29/2009 12:29 da tarde, Anonymous Johnny Rook said...

As contratações só são demais quando:

1ª Os novos são uma merda;
2ª Os que cáestão são muito bons.

Ora, como para mim (e há vários anos que o digo) os planteis do Benfica estão cheios de merda que não sabem jogar futebol, a vinda de novos é sempre redentora. Contudo temos acertado pouco de cada vez.
Este ano alguém tem dúvida nalgum que contratamos?
Eu não! Logo não são demais.

 
At 7/29/2009 3:02 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Não, mas pelos vistos ainda é necessário que alguém ande a justificar a contratação de um dos avançados mais promissores do mundo.

 
At 7/29/2009 7:10 da tarde, Blogger Hattori Hanzo said...

Vocês de facto são muito bons a deturpar as ideias ... não estão a haver contratações a mais. É que se a razão é pelo plantel ser mau do ano passado então a dispensa do Quique foi mal feita uma vez que sendo assim ele até fez bom trabalho. Metam na cabeça que ao se contratar por época metade de equipa muito dificilmente se ganhará algo. No principio do ano passado eram todos bons, agora são todos maus... depois jogam nos outros clubes de assobia-se para o lado a dizer que afinal o gajo até sabe dar uns toques. Nos últimos anos a única altura onde o Benfica teve algum sucesso foi nos dois anos do Camacho e o ano do Trapatonni e porquê? Vejam só a quantidade de contratações que se fizeram na altura e comparem-nas com os outros anos. E Rook não eras tu que falavas que se devia apostar em jovens das escolas ... diz-me então em quantos se apostaram este ano e com esta política de contratações quantos alguma vez terão hipóteses. Sim e o Índio tem razão se mais uma vez não resultar (como me parece acontecer, não me parece que o Porto esteja mais fraco como se diz por aí e as arbitragens serão as mesmas) quem é que desta vez vai arcar com as culpas? O Rui Costa e o Vieira não deverão ser, uma vez que eles têm um projecto bem delineado (se bem que ninguém veja diferença em relação aos anos anteriores). Sobra o Jesus e lá vamos ouvir que afinal teremos de ir buscar um estrangeiro já que os portugueses são demasiado fracos para a grandeza do clube. Ou então contrata-se o melhor treinador português de todos os tempos e não só dos últimos anos. O que eu sei é que os queques do Lumiar estão há 4 anos a ficar à nossa frente com equipas regra geral mais fracas que as nossas e sem contratarem muitos jogadores.

 
At 7/29/2009 7:13 da tarde, Blogger Hattori Hanzo said...

errata - "jogam nos outros clubes, e assobia-se para o lado a dizer que o gajo afinal até sabe dar uns toques"

 
At 7/30/2009 9:11 da manhã, Blogger Índio Ruço said...

A questão aqui não é o Keirrison ou qualquer outra aquisição, a questão é o posicionamento e a coerência perante o que vai acontecendo.
Eu continuo a pensar que esta não é a politica desportiva que o clube precisa, e sobre o treinador penso e pensarei o que sempre pensei, não gosto do jesus e mesmo que ele ganhe alguma coisa continuo a não gostar dele.mas adiante.
O ponto é que como podes Darcy escrever isto "Mesmo para quem há pouco dizia que o Weldon 'não é avançado para o Benfica', que o Nuno Gomes só interessa pelo peso no balneário, ou que o Mantorras é uma figura decorativa. De certeza que se arranjará um qualquer motivo de preocupação ou crítica."

Quando escreveste isto:

"At 6/17/2009 9:33 AM, Blogger D'Arcy said...

Eu prefiro pensar que o Weldon e o Eduardo não passam de especulação da imprensa."

Por isso pergunto, qual o prazo de validade das tuas opiniões?

Mas isso tambem não interessa já que dá para ver que vais dando sucessivas cambalhotas fazendo um ajustamento ao que a SAD vai fazendo, de um modo quase oficioso.
O facto de se apoiar alguem não quer dizer que não se critique e que nos demitamos das nossas opiniões.


Hattori, a actual equipa do benfica já não tem nada a ver com a do ano passado, houve um reforço substancial do plantel, por isso qualquer comparação será um pouco desadequada.
E se como dizes, as coisas não resultarem, podes ter a certeza que nem o Vieira nem o Costa arcarão com qualquer especie de culpa.Haverá uma desculpa qualquer bem engendrada que muitos se encarregarão de papaguear ad infinitum até que pegue.

 
At 7/30/2009 9:27 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Cambalhotas porquê? Eu não alterei a minha opinião sobre o Weldon. Estranho seria ter esta opinião sobre o Weldon e depois vir insurgir-me contra a contratação do Keirrison por achar que temos avançados a mais.

O Benfica não precisa da minha opinião para contratar quem quer que seja, nem conseguirá alguma vez fazer as contratações que agradem a todos. Uns acharão que são contratações a mais, outras a menos. Se o Benfica contratar contra a opinião de alguns, então andará 'a hipotecar o futuro', ou a 'apostar o osso e o tutano'. Se contratar de acordo com a opinião de outros, então andará 'ao sabor da opinião pública'.

Para que conste, continuo a considerar que o Weldon não faz falta (e com a vinda do Keirrison, ainda menos falta faz). Tenho a mesma opinião sobre o Júlio César (para mim, apesar de ter revelado qualidades e ser muito novo, não parece ser muito melhor do que os que temos), ou sobre a eventual contratação do Peixoto. Agora, por eu discordar da eventual utilidade destes jogadores não vou achar que, ao contratá-los, o Rui Costa, o Jesus, ou o LFV estão a dar-me uma facada nas costas, ou a engendrar um qualquer plano maquiavélico só para me darem cabo do dia.

 
At 7/30/2009 11:51 da manhã, Blogger Índio Ruço said...

Se no fundo concordas que o Weldon é desnecessário (e os outros que apontaste)não percebo qual é o teu ponto quanto às eventuais criticas ou preocupações. Compreensíveis não?
Depois no Benfica ou em qualquer outro clube é normal haver criticas ou preocupações, sempre foi e sempre será assim. Não me parece que esse seja sequer um ponto relevante.
Até acho que este ano existem menos criticas e preocupações que em anos anteriores.

Outra coisa é o aspecto de politica desportiva no qual me foco e que vai para alem dos nomes dos jogadores. O que é certo é que ano após ano o clube muda insistentemente de jogadores e treinadores, sem um fio condutor para alem da aposta no êxito imediato. Este ano repete-se a mesma historia, face aos resultados alcançados nos ultimos anos esperas que as pessoas digam o quê? que concordem com tudo?

 
At 7/30/2009 12:20 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Parece-me bastante simples. Dizer-se que o Weldon não é suficientemente bom, e depois criticar-se uma contratação como a do Keirrison por já estarmos suficientemente servidos de avançados não me parece lógico.

Não espero nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Não espero que concordem com tudo, mas também não espero nem alinho com quem discorda de tudo por princípio. O que expliquei no parágrafo anterior, para mim, enquadra-se precisamente nesta atitude de criticar por princípio, ou seja, vá-se por onde se for, encontra-se sempre uma forma ou motivo para criticar.

 
At 7/30/2009 2:51 da tarde, Blogger Índio Ruço said...

Darcy eu não vou fundamentar opiniões que não me pertencem , mas o que referes como ilógico é, apesar de tudo, no contexto da blogoesfera (ou fora dela) totalmente normal e sem gravidade.


No teu segundo paragrafo referes que vá-se por onde for há sempre criticas.Mas é claro, tantas criticas quanto as diversas formas de pensar, sentir e ver o clube. É preferivel ao pensamento único. Alem de que no Benfica, por defeito e devido à sua génese, isso sempre existiu, as coisas agravam-se quando se está tanto tempo sem ganhar e com as inumeras promessas não cumpridas e as constantes fugas para a frente.
Liderar não é um concurso de popularidade.

 
At 7/30/2009 4:48 da tarde, Blogger Treinador de Sofá said...

Começa a ser ridículo todas estas pré-épocas do Benfica. Será que não se aprende(u) nada dos anos em que efectivamente ganhamos alguma coisa (e não me estou a referir a Taça Carlsberg)?

Poucas contratações, mas cirúrgicas que assegurem que a equipa seja regular. Percebo e concordo com a vinda dos dois laterais (embora aquele Schaffer ainda não me ter convencido) e o mesmo se passa com a vinda de Saviola. Percebo-a com a saida de Suazo (que não deixa saudades algumas) e com a ideia de Jesus de jogar com 2 avançados que era necessário ter um bom avançado a acompanhar Cardozo. O Ramires já me faz um pouco de confusão. Se é verdade que Katsouranis saiu, não não menos verdade que tens lá homens suficientes (Yebda, F. Bastos e Amorim ou lançar, finalmente, Romeu Ribeiro) para assegurar a posição. Se é por causa da potencialidade, então estamos a menosprezar o trabalho da formação (mais uma vez Romeu Ribeiro e F. Bastos ou Miguel Rosa). Visto que não havia trincos (?) foi-se gastar mais uns trocos no J.Garcia. Pronto, ok, Jesus estava insatisfeito com as invenções que fez e viu a necessidade de ter um trinco a sério (embora o problema não resida na qualidade do jogador(es) mas no sistema adoptado). 7 milhões foi um preço demasiado alto pago pelo homem, independente da qualidade, especialmente quando se falava que o passe rondava os 3/4 milhões, mas necessitava-se de um trinco (embora o Bynia serviria muito bem).

Agora não percebo o Weldon. Veio colmatar o que no benfica? Que posição? Que qualidades tem este jogador que não temos no plantel? Reforçar o banco? Não em façam rir. No Brasil, ele queria sair do Sport, porque não era titular. Em nos minutos que já jogou, já mostrou ser tão bom como o Marcel (lento, pouco inteligente em campo e amorfo). Para que o Weldon? Porque Jesus o queria? Se weldon era tão importante para Jesus, porque não o foi buscar para o Braga invés de aceitar o Renteria no ano passado?

Keirrison, outro que me faz confusão. Emprestado pelo Barcelona para se habituar ao futebol europeu. Este vem colmatar que lacuna no nosso plantel? Nenhuma. Pouco importa se ele é um jogador promissor brasileiro, mal temos espaço para lançar os nossos jogadores promissores e andamos preocupados com os atletas dos outros. E alguém acredita que o Barcelona ia deixar que ele viesse se fosse para estar quieto no banco. Com esta contratação temos 8 a 9 avançados (embora Jesus só conte com 6 deles) para dois lugares no 11. Não é excessivo, é pura estupidez.

A confirmar-se a vinda de j. Cesar apenas reforça a minha ideia que não se está a reforçar o plantel mas sim a destruir mais um pouco o plantel e destruir as hipóteses de lançar atletas de qualidade. Nossos atletas.

Não concordo com o reforçar a posição de guarda-redes. Das duas uma, ou compra-se um Gr que seja titular de caras, sem dúvidas, ou fica-se com os que lá estão que servem muito bem. O que fez Júlio César de significante? Sofrer 53 golos numa época em Portugal é sinal de qualidade? Espero bem que não se confirme este. Já me basta ter lá um Moretto. Não preciso de um par deles.

Nem quero alongar-me no Peixoto. Que se dedique ao que se dedica (andar a saltar de modelo/pseudo-apresentadora de TV em modelo/pseudo-apresentadora de TV) e não me xateie.

 
At 7/31/2009 9:46 da manhã, Blogger Índio Ruço said...

Questões muito pertinentes Treinador de Sofá, nomeadamente a dos jogadores emprestados.
Acho que o Vieira (porque o Costa é mais um yes man) andou a fazer um curso acelerado de historia universal, então entusiasmou-se...jesus, julio cesar, javi o cesar,cesar peixoto, saviola (que confundiu com savoranola), etc...é nitida a preferencia pelo Imperio Romano.

 
At 7/31/2009 3:30 da tarde, Blogger Treinador de Sofá said...

O problema já não passa só pelas paletes de jogadores que aparecem cá para estar a passar férias em lisboa por um ano. Mas também pelo dinheiro gasto, preparação perdida e a quantidade de yes-mans e ovelhinhas que são os primeiros a aplaudir as grandes jogadas desta gestão enquanto vão juntando pedras para serem os primeiros a arremessar a quem de direito (técnicos e jogadores).

Já não há espírito critico dentro do clube. Não há tomates para dizer "Basta!". Michael Thomas onde andas tu?

 
At 7/31/2009 6:52 da tarde, Blogger Índio Ruço said...

Quero dedicar um ultimo sentimento a um SENHOR do futebol, Bobby Robson.
Sempre gostei dele, não só como treinador mas essencialmente como ser humano, era feito daquela massa que só a velha Albion sabe produzir. Vindo de um meio pobre, sempre pareceu um príncipe, gentil com humor e um grande espirito.
Guardo na memoria um jogo em Barcelona em que o Ronaldo(Nazario)finta toda a gente do meio campo para a frente e faz um dos melhores golos que já vi num campo de futebol, no banco Robson acompanhou toda a jogada com um ar incredulo e acabou com as mãos na cabeça.Ali não estava o treinador, estava o tipo que gostava de futebol.
Que o Grande Manitu te acolha como mereces, grande feiticeiro cara palida.

 
At 8/01/2009 10:05 da manhã, Blogger Índio Ruço said...

Pois é Treinador de sofá mas não esperes muitas respostas quanto a isso, não vem no faq's do manual de propaganda vieirista. Como tal é uma questão tabu, como outras, o que interessa são os fait divers do dia a dia, a controleirice das opiniões alheias e pensar em manada.

 

Enviar um comentário

<< Home