sábado, julho 30, 2005

Duro

O jogo de hoje em Guimarães foi o primeiro teste conclusivo desta pré-temporada. Porque foi contra uma equipa da Superliga (das mais fortes), e porque a atitude dos jogadores não teve nada a ver com o que é habitual em jogos amigáveis. Os jogadores empenharam-se a sério, houve mesmo dureza de parte a parte, e até parecia que havia três pontos em disputa. Até o árbitro Paulo Costa nos presenteou com uma arbitragem medíocre (e não me estou a queixar de termos sido prejudicados, estou apenas a dizer que a arbitragem dele foi fraca), típica das que costuma fazer na Superliga.

A equipa continua a mostrar uma boa atitude defensiva, pressionando bastante o adversário quando não tem a bola (e nisto o Beto tem um papel importante). Mas em termos ofensivos, continua a mostrar a falta de um homem de área. E depois das declarações do nosso presidente ontem, dizendo que o Benfica já tem dois bons avançados, começo a suspeitar que não irá mesmo ser contratado mais nenhum. O que torna o empréstimo do Karadas (que entretanto, ao serviço do Portsmouth, já marcou dois golos em outros tantos jogos) preocupante.

Entrámos bem no jogo, e julgo que o controlámos e dominámos durante grande parte do primeiro tempo. No segundo tempo chegámos ao golo através de um cabeceamento do Beto após livre do Manuel Fernandes, e só após isto é que o Guimarães passou a pressionar-nos mais, pressão essa que se acentuou após a expulsão do Manuel Fernandes. Foi interessante ver como é que o Benfica jogaria em desvantagem numérica, e ver se conseguiria aguentar o resultado. Acabámos por consentir o empate numa recarga após um livre que embateu na barra, e em que me pareceu que a defesa ficou um pouco estática.

Julgo que a equipa que jogou hoje já andará bastante próxima do onze idealizado pelo treinador. Continuo a achar que é um erro afastar o Simão do flanco esquerdo, porque no meio ele desaparece do jogo. Quanto ao Beto, retiro aquilo que disse anteriormente sobre ele, porque é mesmo reforço. Será interessante ver quais serão as escolhas do Koeman para o meio-campo. Hoje o Petit estava lesionado, por isso não deu para tirar grandes conclusões. Até pode ser que ele opte por colocar os três jogadores em campo, com o Manuel Fernandes mais avançado (o que permitiria o regresso do Simão ao lado esquerdo).

Pelo menos o jogo de hoje terá tido a utilidade de permitir ao Koeman contactar com aquilo que é a realidade do nosso futebol, e o tipo de adversários que teremos que enfrentar todos os fins-de-semana.

25 Comments:

At 7/31/2005 8:46 da manhã, Anonymous Anónimo said...

PRECISAMOS URGENTEMENTE DE UM PONTA
DE LANÇA.
E já agora de um nº10.
Koeman está a por a equipa a jogar com
outra atitude, mais veloz e objectiva.Boas combinações e excelente
trabalho nos lances de bola parada.
Mas para este tipo de futebol é necessário "killer instinct" e isso o Benfica não tem.
E já começa a "cansar" ouvir um presidente que é um verdadeiro aldrabão.Promete mundos e fundos e engana os benfiquistas atoda a hora.
Agora diz que o Benfica já tem 2 avançados.Pois, mas tinha 3.
E que dizer da politica de contratações? defesas,defesas,medios defensivos...
Isto revela uma incompetencia atroz.
E o relacionamento de uma direcção do Benfica com a sua grande massa de socios e simpatizantes não pode ser feita na base da ilusão e da mentira.
Já tivemos disso que chegue no passado recente.
Receio (oxala que não) que noproximo
ano andemos á procura de um novo treinador.

 
At 7/31/2005 12:21 da tarde, Blogger Pedro F. Ferreira said...

Benfica: aquele não é o onze base. O Petit é essencial no meio campo, o Hélio Roque é um jogador que precisa de ganhar peso (no sentido conotativo e denotativo), o Alex ainda não se encontrou. O Koeman precisa de um avançado que possa jogar ao lado do Nuno Gomes.

Guimarães: mais do mesmo das equipas de J. Pacheco - porrada, porrada, canelada, cotovelada... e, no final, Pacheco e jornalistas ficam pelos eufemismos para branquear aquela bosta.
Abraço.

 
At 7/31/2005 12:38 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O Guimarães foi uma equipa típica do Jaim Pacheco, é verdade. Mas alguns dos nossos jogadores entraram na onda e também não foram nada meigos - o Manuel Fernandes, na minha opinião, foi bem expulso. Nem tanto pela falta que deu o segundo amarelo, mas mais por todas as outras falts que já tinha feito antes.

O Petit, também na minha opinião, é essencial. Mas ontem ele estava lesionado e, conforma disse, estou para ver o que é que o Koeman vai escolher quando tiver o Petit, o Beto e o M.Fernandes disponíveis.

 
At 7/31/2005 12:56 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Claro que, se acho que o M.Fernandes foi bem expulso, também acho que houve uma série de jogadores do Guimarães que mereciam o mesmo caminho. Sobretudo aqueles que andaram a fazer da cara do Beto um alvo para os seus cotovelos. Mas o Paulo Costa na 1ªparte deixou que eles dessem porrada de criar bicho, e depois alterou completamente os critérios na segunda parte. Por isso digo que foi uma arbitragem medíocre, ao nível das que ele costuma fazer na Superliga.

 
At 7/31/2005 1:02 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Eu ontem vi o vosso jogo em zapping com o do sporting e a minha opinião é clara: o Petit está metido em maus lençõis.

Apesar de ser sub-capitaão de equipa vai ter de trabalhar muito para manter a titularidade porque o Beto faz tudo o que o Petit faz com a vantagem de qua dá 100 vezes menos porrada.

Por falar em porrada... eu entendo que o Manuel Fernandes dê o tudo por tudo em campo mas a porrada que ele dá não tem justificação nenhuma. Num jogo de campeonato (com arbitros "decentes" teria ido para arua ainda na primeira parte). O vosso grande problema com o Manuel Fernandes é a eztrema importancia dele.

É que eu não sei se ele é nº10 ou não... Só sei que ele faz o trabalho de um nº10 na perfeição: passa, centra, marca livres, controla o jogo no meio campo... não sei porque é voces continuam a dizer que precisam de um nº10. Outro problema com o M.Fernandes é que a vossa equipa sem ele morra completamente.

O Sporting venceu tranquilamente o Setubal por 2-0 tendo jogado 2/3 do jogo com a sua segunda equipa (incluindo mesmo alguns elementos da terceira equipa como o Tello e o silva). Quando a artilharia pesada entrou em campo (leia-se rochemback) acoisa mudou de figura... Estou optimista em relação ao Sporting desta epoca.

Voces têm dois problemas: o ponta de lança e a quantidade descomunal de porrada que o Manuel Fernades distribui. Domestiquem o puto, porra!

PS. ontem o SLB voltou a jogar de verde. :)))

 
At 7/31/2005 6:50 da tarde, Blogger Harry Lime said...

dÀrcy,

Do que eu vi do jogo e admito que não tenha visto tudo. As picardias começaram quando o Manuel Fernandes começou a fazer entradas a pés juntos na primeira parte e o arbitro nem um cartão lhe mostrou. É óbvio que os gajos do Guimaraes (ainda por scima treinados pelo Jaime Pacheco...) reagiram.

Ou seja, os benfiquistas (ou melhor o Manuel Fernandes) é que começaram e o arbitro não soube (ou não quis...) cortar o mal pela raiz.

Digo e repito: domestiquem o puto. ele é um grande jogador mas as entradas que ele faz até em 1982 teriam levado cartão!

 
At 7/31/2005 7:14 da tarde, Blogger BULLSEYE said...

If you say so.

 
At 7/31/2005 8:46 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O M.Fernandes não fez nenhuma entrada a pés juntos. Teve uma entrada muito feia sobre um jogador do Guimarães, que nem foi exactamente intencional, mas sim o resultado do mau hábito que ele tem de frequentemente disputar as bolas com os pitons em riste (nessa jogada ele até joga a bola primeiro, mas depois o jogador do Guimarães mete o pé e leva).

Mas de facto, não deves mesmo ter visto tudo, porque antes disso já os jogadores do Guimarães tinham começado a dar pancada, e já o Beto tinha levado uma cotovelada na cara sem bola. Eu sei que tens muita vontade de culpar o Benfica, mas não sejas ridículo. Já só faltava mesmo dizeres que o Benfica é que é o culpado de uma equipa do Jaime Pacheco dar porrada para pores ainda mai a nu o quão primário podes ser no que diz respeito ao Benfica...

E a tua insistência em vires falar dos resultados do teu clube para aqui faz lembrar aqueles putos mimados que, quando ninguém lhes presta atenção, põem-se em bicos de pés e aos saltinhos a dizer 'Aqui! Aqui! Eu estou aqui! Olhem para mim!'.

 
At 7/31/2005 10:52 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O DÀrcy escreveu inocentemente acerca do Manuel Fernandes e "do mau hábito que ele tem de frequentemente disputar as bolas com os pitons em riste "... Pergunto-me o que é que ele escreveria se um jogador do SCP ou do Porto partilhasse esse "mau hábito". Escreverias logo que se tratava de um jogador "mau" sem respeito pelo colegas de profissão!

Desculpa lá, meu, mas isto é das expressões mais infelizes (e hipocritas) que eu te alguma vez vi usar. Não tem nada a ver contigo e com a forma como tu costumas pensar na coisa da bola. Porque uma coisa é ser lampião outra é ser hipocrita.

Esse "mau hábito" de que falas, para a eventualidade de tu não conheceres as regras do Futebol (que conheces melhor do que eu ), é na melhor das hipotese (ie, quando acerta apenas na bola) considerado jogo perigoso. Quando acerta na perna ou nos pés do adversário é motivo para cartão (ás vezes vermelho). É que o M.Fernandes faz isso para intimidar o adversário, porra!

Acontece que ontem à noite foi esse "mau hábito" (e a falta de coragem do arbitro para lidar com ele como deve ser) que acirrou os animos do jogo.

PS. Não comento a afirmação acerca do "miudo mimado". Eu já aqui fiz afirmações criticas em relação ao Benfica como já disse coisas boas em relação ao Benfica. Já aqui disse bem de jogadores do Benfica e já aqui disse mal de jogadores do Sporting. Eu preocupo-me sempre em ter um ponto de vista justo sobre as coisas: sobre o Sporting, sobre o Benfica e sobre tudo o que escrevo. Se os benfiquistas não conseguem por um momento abandonar o seu benfiquismo e ter uma visão distanciada das coisas (para lá do ponto de vista mesquinho da primeira pessoa do singular) então é porque têm um problema de atitude.

 
At 7/31/2005 11:41 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Justíssimo. Uma equipa treinada pelo Jaime Pacheco só começou a dar porrada por causa do Benfica. Mais claro do que isto não se pode ser. Se não viste o jogo todo, acho que o melhor é ficares calado em vez de mandares bojardas.

Gostava de saber que 'inocência' é que tem criticar uma característica que considero negativa no Manuel Fernandes. Acaso disse que ele não era culpado? O que eu digo, e com toda a certeza, é que o Guimarães já estava a dar porrada muito antes do referido lance (tudo começou com entradas sucessivas do Moreno e do Flávio sobre o Beto e o Hélio Roque), por isso estares a dizer que a culpa é do M.Fernandes não é apenas demagogia: é mentira.

E não comeces a desconversar. O ponto aqui é: porque é que tens a mania de anunciares os resultados do teu clube quando não se está a discutir o teu clube? Se dizes que te interessa saber qual é o ponto de vista dos benfiquistas sobre os resultados do teu clube, só estás a provar a tua obsessão com o Benfica. Que tu não és capaz de assumir. O que tu escreveste nem sequer tem qualquer relação com o que eu comentei.

 
At 7/31/2005 11:53 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O que eu vi no jogo ontem foi que a porrada a sério só começou ainda na primeira parte depois do Manuel Fernandes andar para lá distribuir.

Mantenho que a forma como falaste do "mau habito" do M.fernandes foi demasiado branda. é que o gajo dá porrada a sério. É um grande jogador com uma excelente atitude mas entra sempre a matar, tens de o admitir!

Em relação ao "menino mimado" acabei de te enviar um email. Espero que o leias.

 
At 7/31/2005 11:56 da tarde, Blogger Harry Lime said...

E atenção, eu não disse que os jogadores do Guimaraes eram umas virgens inocentes (olha quem!).Disse apenas que desta vez, por acaso, não foram eles que começaram.

Toda agente sabe que as equipas do Jaime Pacheco são caceteiras como tudo! E eu não estou aqui para negar evidencias.

 
At 8/01/2005 9:04 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Este harry lime é uma melga do caraças...

Bom... sobre o jogo: Só vi a 2ª parte. Não vi a porradaria da 1ª parte. Vi o m. fernandes a ser bem expulso com mais uma entrada completamente estupida. Vi mais uma vez o SLB sem soluções na frente.
Conclusão, falta mesmo (e muito) um ponta de lança. No meio campo começo a achar q a melhor solução passa pelo trio m. fernandes-petit-beto. Só não sei se ficaremos a perder em termos ofensivos ou se o m. fernandes consegue dar conta do recado.

 
At 8/01/2005 9:06 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Ahhh, e na defesa parece-me que o r. rocha vai aquecer o banco. A dupla luisão-andersson deve ser a melhor opção. Até tenho pena pq acho o r. rocha dos melhores centrais portugueses, e em ano de mundial...

 
At 8/01/2005 9:13 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Ó harry, se não viste o jogo todo, não fales n'"aquilo que eu vi" como se fosse válido! O jogo começou com uma cotovelada do Meireles (4 min!!) e outra do Moreno (11 min), que nem amarelo deram. Depois daquilo, expulsar algum jogador por menos que uma facada num olho é injusto.

 
At 8/01/2005 10:32 da manhã, Blogger tma said...

Só consegui ver a segunda parte, mas pelos comentários que já li e do que ouvi nos resumos, a primeira parte foi dominada pelas picardias.
Quanto à expulsão do Manuel Fernandes: ainda bem que ele foi expulso (e bem, diga-se). Espero que assim ele aprenda que tem de ter mais cuidado com as entradas de pitons em riste, e por outro lado, serviu para testar a equipa em situação de inferioridade numérica, situação que é provável que acabe por ocorrer num jogo ou outro.
Pela dinâmica que o Koeman conseguiu dar à equipa, parece que o nº10 não será o mais urgente. O ponta-de-lança, esse sim: não serve de nada ter boa dinâmica de ataque se não houver alguem quem, ao mesmo tempo, tenha capacidade para completar as jogadas e ser o "pivot" nas jogadas em que é necessário "romper" a defesa.
Por fim, o Beto, pelo que tenho visto, dificilmente perderá a titularidade. É, para mim, o jogador em melhor forma.

 
At 8/01/2005 10:42 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Já agora, convém esclarecer uma coisa: quando acuso o meu amigo Harry Lime de ser obcecado pelo Benfica, não estou a dizer que isto é uma paranóia que lhe é exclusiva, e que ele é que tem um problema. Tal acusação advém do facto de ele se dizer adepto da agremiação do Lumiar. Como eu considero que praticamente todos os adeptos desse clube são primeiro antibenfiquistas, e só depois adeptos do tal clube, ser obcecado pelo Benfica é uma condição que advém dessa situação. O problema é que quando eles são confrontados com este facto, esperneiam e debatem-se porque não gostam de admiti-lo.

De igual modo, conheço bem o Harry Lime para poder dizer que ele não é um menino mimado, apesar de ser adepto do 'clube das elites'. Mas os adeptos daquele clube gostam muito de tentar chamar a nossa atenção sobre o seu clube, devido ao facto de eventualmente ficarem incomodados por não descortinarem da nossa parte o mesmo grau de atenção que eles costumam dedicar-nos, o que faz com que eu compare a atitude (não a pessoa) com a de um menino mimado. Por isso se passei a imagem errada do Harry Lime, peço desculpa. Acho que dizer publicamente que ele é adepto da agremiação do avozinho já é um insulto suficientemente mau.

João: isso eram apenas carícias intempestivas dos jogadores do Guimarães aos nossos jogadores. Sem maldade. A porrada a sério foi toda provocada pelo rastilho de pólvora chamado M.Fernandes. Já estou farto de dizer ao Harry que o Moreno e o Flávio já andavam a distribuir fruta muito antes disso, mas o que é que queres, às vezes é difícil mudar ideias pré-concebidas.

 
At 8/01/2005 1:36 da tarde, Blogger Quetzal Guzman said...

Eu como não vi o jogo, não o comento. Mas não deixo de considerar interessante que alguém que admite ter visto dois jogos em zapping, fale com tanta convicção sobre quem começou as picardias e originou toda a violência do jogo.

 
At 8/01/2005 3:06 da tarde, Blogger Harry Lime said...

O Manuel Fernandes é um jogador extremamente agressivo (o que pode ser bom se ele se conseguir controlar). A sua expulsão foi justa mas deveria ter acontecido muito mais cedo (ainda na primeira parte) por causa dos seus maus habitos.

E ele contribuiu em grande parte para o ambiente de batalha campal que se instalou a partir de certa altura no jogo.

 
At 8/01/2005 3:48 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Concordo harry lime! O m. fernandes, por causa dos seus maus hábitos, devia ter sido logo expulso aos 2 ou 3 min de jogo. Aliás, acho q qualquer jogador que seja conhecido por ter maus hábitos devia ser logo expulso assim que o jogo se iniciasse...

 
At 8/01/2005 5:11 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Bem... Li agora a entrevista do Costinha...

http://conversasdatanga.blogspot.com/2005/08/ningum-questiona-pinto-da-costa.html

Incrivel...

 
At 8/01/2005 5:31 da tarde, Blogger tma said...

Porco, concordo contigo, mas vou mais longe: se eu fosse árbitro, haveria jogadores que me apeteceria expulsar no túnel de acesso aos balneários só de lhes ver a fronha, como o Sá Pintas ou o Jorge Costa, "o bicho". Ou já que o mencionaste, o Costinha (há duas épocas a atrás). E o Flávio Meireles (que no ano passado pôs o Costinha KO no jogo da taça), vai pelo mesmo caminho.
E outros, tipo Paulinho Santos, que só de os ver na lista do "onze" inícial, os ia expulsar ao balneário...

 
At 8/01/2005 5:37 da tarde, Blogger tma said...

Já agora, esta entrevista do Costinha é no mínimo esclarecedora. Sobretudo na parte que toca à relação entre a direcção do FCP e os SD.

 
At 8/01/2005 5:51 da tarde, Blogger tma said...

... embora falte ainda esclarecer o que mais está por trás deste proteccionismo. E tenho a impressão de que isto nem sequer é a ponta do iceberg.

 
At 8/01/2005 6:35 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Bem, a entrevista do Costinha está brutal. Tendo em conta o que sabemos daquela claque, se o Costinha for ao Porto o melhor é não andar sozinho, e de preferência ir olhando para trás de vez em quando, não lhe vá suceder alguma...

 

Enviar um comentário

<< Home