quinta-feira, março 31, 2005

Arrogância

Uma das coisas que eu tenho notado que os adeptos dos nossos rivais gostam de dizer sobre nós, benfiquistas, é que somos arrogantes. Então depois destes anos sem sucesso no campeonato, a coisa tornou-se pior. Dizem eles que não percebem como é que adeptos de um 'clube que não ganha nada há 10 anos' continuam a ser tão 'arrogantes'. Pergunto eu: 'Arrogância'? Então paixão clubística e orgulho é agora, no caso benfiquista, arrogância? Segundo entendo eu, ser adepto de um clube significa precisamente ter orgulho nesse clube e defendê-lo sempre. Acreditar que o nosso clube é o melhor mesmo quando perdemos é o que define a paixão clubística. Nós, como qualquer verdadeiro adepto de outro clube, acreditamos que o nosso clube é o melhor. Podemos ter perdido o último jogo, mas no próximo de certeza que vamos mostrar porque é que somos os maiores. E dado o passado brilhante do Benfica, o nosso orgulho nesse mesmo passado é algo que nunca nos conseguirão tirar, passemos nós dez, vinte, ou trinta anos sem ganhar o campeonato. Se querem confundir a nossa teimosia em esquecer esse passado com arrogância, o problema não é nosso. Se calhar será de quem, ao ouvir-nos dizer que somos os maiores, sente uma pedrinha no sapato que o deixa a pensar e a recear que possa ser mesmo verdade. Ou então o desepero de não conseguir submeter-nos a uma ideia que na sua mente é uma verdade insofismável (que o seu clube é que é o maior, não o nosso).


Ser adepto significa ser capaz de dizer (e acreditar!) 'Somos os maiores!' na segunda-feira a seguir a uma derrota humilhante no fim-de-semana. Do que é que estavam à espera? Que após este jejum de dez anos, os benfiquistas passassem a dizer 'Pois é pá... o nosso clube é mesmo mau. Vocês é que têm razão... os vossos clubes são muito melhores...'? Que raio de lógica é esta? Se alguém que se diz adepto de um clube não for capaz de acreditar que o seu clube é o maior mesmo depois de uma derrota, e defendê-lo em vez de se esconder, então não é adepto. É oportunista.

Imagem retirada do site dos Diabos.

12 Comments:

At 4/01/2005 5:32 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Arrogante, não ouço muito dizer dos adeptos do Benfica, mas o que vocês são, disso não tenham dúvidas é Megalomanos.
Os vossos jogadores quando fazem um bom jogo, são elevados logo ao nivel de estrelato, caso de um tal Gil, Pepa, O Baresi, Mantorras, e muitos outros que nunca mais se ouviu falar.
Tinham de ter o maior estádio de Portugal (claro que não é o melhor), mesmo sem terem dinheiro para isso.
Isto nem os jornalistas conseguem esconder (a sua paixão clubistica) e deixam-se trair numa profissão em que deveriam ser isentos, e lançam a onda megalómana nos jornais (caso mais recente do Manuel Fernandes).

 
At 4/01/2005 11:10 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Isso não acontece apenas com o Benfica, acontece nos outros grandes também (ex. Moutinho). O problema não é do Benfica, é da imprensa desporiva portuguesa em geral, que gosta de criar craques assim que qualquer jogador vindo das camadas jovens dá os primeiros pontapés na bola pela equipa principal.

O facto do nosso estádio ser o maior está directamente relacionado com o facto de termos mais adeptos, e consequentemente mais sócios. Não creio que tenham projectado o estádio para ser maior do que os outros apenas por uma questão megalómana. Quanto a ser melhor ou não, acho que os estádios equivalem-se em qualidade. Também não costumo ver (eu pelo menos não o faço) os benfiquistas a encherem o peito de ar e andarem a apregoar que o nosso estádio é melhor que os outros (e se existem benfiquistas que fazem isso, de certeza que serão numa percentagem equivalente à dos adeptos dos outros clubes que o fazem).

 
At 4/01/2005 11:25 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Não metas o moutinho à baila porque é originário da melhor escola de formação do país(decerto que concordas!). De resto, só me lembro do mawete, akwa(chegaram a chamar-lhe o futuro eusébio), edgar, bruno aguiar, veríssimo, et tutti quanti..
A arrogância, quanto a mim, não está naquelas tiradas de "somos os maiores". Pois claro! Senão forem os adeptos a dizerem isso, quem dirá?
a arrogância está nos actos, alguns comparativos, que praticam. ex: "uns fazem estádios para estar vazios" com a fotografia de outro estádio.(depois é o que todos nós sabemos). outro exemplo: por altura da venda dos bilhetes(por altura da inauguração dos estádios) de época criticaram a sad sportinguista de praticar preços muito acessíveis e que nunca fariam isso e mesmo assim esgotariam os estádio. Pois...é o que se vê. Outro exemplo: o orelhas dizer que nao gastava dinheiro em reforços mas em lugares na liga...(ele aqui teve toda a razão), e ahveria muitos mais exemplos...

 
At 4/01/2005 11:58 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Não coloco em causa a possível qualidade do Moutinho. O facto é que ele ainda não jogou o suficiente pela equipa principal para o endeusarem como o estão a fazer. Se criticas o caso do Manuel Fernandes, que já deu muito mais provas na Superliga, então se queres ser coerente tens que dizer o mesmo do Moutinho.

Quanto à história dos bilhetes, confesso que não gostei da campanha, embora ache que os sportinguistas levaram o caso demasiado a peito. A verdade é que as cadeiras multicoloridas foram mesmo colocadas nos estádios para compensar visualmente o efeito da falta de público, e a foto da campanha em questão até era do estádio de Leiria, e não de Alvalade.

 
At 4/01/2005 12:48 da tarde, Anonymous Anónimo said...

A questão nao é saber de que estadio se tratava. irrelevante. A mensagem que quiseram passar é que evidencia uma arrogancia...terás que concordar.

 
At 4/01/2005 12:55 da tarde, Anonymous Apre said...

Respeito quem depois de 11 anos de jejum, ainda apioa o seu clube sem rasgar ou queimar cartões como acontece amiude com adeptos encarnados.
O Oportunismo vê-se pelas audiências nos momentos positivos e nos verdadeiros adeptos que acompanham a equipa nos maus momentos.

 
At 4/01/2005 12:57 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Creio que a intenção era a de passar uma imagem de força e confiança ao próprios adeptos benfiquistas, que são o alvo prioritário da campanha. Mas não me surpreende que para os adeptos dos outros clubes essa imagem possa passar como arrogância. Por isso mesmo disse que não gostei da campanha.

 
At 4/01/2005 2:01 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Concordo com algumas coisas e discordo doutras. Acho que os jogadores jovens que saem dos grandes tm tendencia a ser endeusados ^pela comunicação social e por arrasto pelos adeptos. O mais flagrante caso deste tipo foi o Vitor Baia que esteve bastantes jogos a jogar mal mas com os jornais a apoiarem-no conseguiu tornar-se num bom guarda redes (o melhor do mundo segundo ele).
Para mim (nao todos mas muitos) os benfiquistas são um pouco arrogantes em relação aos outros clubes. Se existe tanta gente a dizer isto aqlguma verdade quer dizer .

 
At 4/01/2005 7:53 da tarde, Anonymous 6 milhoes said...

Arrogantes e megalomanos? inveja de um pequeno clube elitista e defendido pela maçonaria,mas que nunca conseguira chegar ao coraçao do povo.

 
At 4/01/2005 10:00 da tarde, Blogger Lynch said...

O Benfica é Eterno. Eles não conhecem fenómenos de erosão que possam perigar as suas fundações mais seguras. Eles sabem renovar a sua imagem. O Benfica é uma lenda.
Laurent Moisset
«Frande Football

 
At 4/02/2005 9:13 da tarde, Blogger Ahab said...

bem... já cá faltava... maos o "6 milhões" trouxe-o à baila: o estigma benfiquista dos pobrezinhos.

Para os benfiquistas, o SLB é o único clube que falou ao coração Bondoso do Povo Português...

chuif... chuif... já estou a chorar... tanto sentimento...

continuam assim e o blog do D`Arcy vai passar a ser procurado por argumentistas de telenovelas venzuelanas com falata de imaginação.

O problema é que este sentimentalismo de pacotilha já vos lixou várias vezes (os diversos Messias, o Benfica à Benfica, a Operação Coração).

Eu nunca gostei do SLB mas passei a odiá-lo no momento em que vi na televisão benfiquistas fanatizados a beijar o Toni depois dele ter ganho o ultimo campeonato para o Benfica. Aquilo não pareciam europeus civilizados, pareciam turcos ou paraguaios em transe fanatizado. Foi desprezivel e foi obsceno e passou nos telejornais à hora do jantar com milhoes de criancinhas inocentes a ver.

A partir dessa altura fiquei com uma certeza o SLB é um clube to 3º Mundo que não pode pertencer a um país como o nosso que se quer moderno e evoluido.

 
At 4/06/2005 4:38 da tarde, Blogger NrowS said...

Na questão dos estádios cheios ou vazios, queria só recordar que, há bem pouco tempo, o Estádio da Luz foi apontado como aquele que regista a maior assistência média da temporada, o que retira alguma razão a quem diz que a Catedral está sempre "como se sabe"...

Acho também que é natural que os adeptos festejem a conquista de um campeonato efusivamente e da forma que cada um encontra como mais apropriada. Mas o sempre elegante, sóbrio e discreto Sr. Harry Lime deve ficar em casa, enterrado na poltrona a ressacar do amuo enquanto pensa: "Raios partam isto, ganhámos outra vez...".

 

Enviar um comentário

<< Home