domingo, fevereiro 24, 2008

Martírio

E continua o verdadeiro martírio que tem sido jogar em casa esta época. Apenas quatro vitórias em dez jogos - julgo que isto deve ser o pior desempenho de sempre do Benfica em casa. Do jogo de hoje salva-se apenas uma ligeira melhoria na atitude, já que quanto à qualidade média do nosso futebol estamos conversados. Pelo menos notou-se que os jogadores tentaram lutar contra o destino, mas também faltou uma pontinha de sorte para que pudessem ser felizes.

Mantendo o 4-2-3-1, a surpresa maior foi mesmo a entrada do Di María para o onze titular, em detrimento do quase indispensável Maxi Pereira. O Nuno Assis manteve a titularidade, regressando ainda ao onze o Binya, o Nélson e o Cardozo, para os lugares do Edcarlos, Luís Filipe e Makukula. E a exemplo do que tinha acontecido no jogo com o Paços de Ferreira, resolvemos que como bons anfitriões deveríamos deixar o adversário colocar-se em vantagem logo no início do jogo. O que para uma equipa cuja intenção óbvia era mesmo jogar para o empate, era o melhor que poderia acontecer. O Benfica no entanto não pareceu acusar muito o golpe, e foi em busca do empate, embora de forma atabalhoada. Com o Petit (numa posição um pouco mais adiantada do que é costume) e o Rui Costa em noite pouco inspirada, faltaram ideias à equipa. Ainda assim, bastou um quarto de hora para voltarmos à igualdade no marcador, com o Luisão a concluir de cabeça um livre lateral do Rui Costa. E os minutos logo a seguir ao golo acabaram por ser um dos melhores períodos do Benfica no jogo. Isto porque o Benfica começou a pressionar mais o adversário, logo à saída da sua área, enquanto que estes se atrapalharam e perdiam facilmente a bola. Infelizmente faltou arte para marcarmos logo o segundo golo, e por isso fomos para o intervalo empatados.

A segunda parte, surpreendentemente, não deu seguimento à primeira. O Benfica voltou a adormecer no jogo, e a primeira metade deste segundo tempo foi o pior e mais aborrecido período de todo o jogo. Isto porque apesar do Benfica ter o controlo do jogo, pouco ou nada conseguia retirar disso, enquanto que o Braga não saía do seu meio-campo. As coisas melhoraram um pouco com a entrada do Sepsi, não pela acção directa do romeno, mas mais pelo facto do Nuno Assis ter passado para o centro, assumindo as funções que o Petit até então ia demonstrando não ser capaz de exercer. À medida que o tempo foi passando, foi aumentando a pressão do Benfica, e com a bola a passar muito mais tempo a rondar a área adversária foi também aumentando a sensação de que poderíamos marcar. As oportunidades surgiram, mas a falta de jeito e de alguma sorte acabaram por ditar que a bola não entrasse. O público reagiu a este esforço final dos jogadores, e apoiou a equipa até ao fim, quase sendo recompensado por isso. Mas os remates do Nuno Assis, Cardozo e Nélson (mesmo no fim) não entraram, e por isso lá voaram mais dois pontos. Nesta segunda volta ainda não conseguimos ganhar em casa, porque temos uma dificuldade enorme em defrontar equipas que se fecham na sua defesa. A lentidão e previsibilidade do nosso jogo torna bastante difícil causar algum desequilíbrio nas defesas adversárias.

O melhor jogador do Benfica foi o Binya, para mim sem qualquer tipo de discussão. Está em todo o lado, recupera bolas pelo chão e pelo ar, lança os colegas, enfim, é um achado. E tem sido bastante inteligente na forma como moderou o seu jogo, após terem tentado à viva força colar-lhe o rótulo de jogador violento (já agora, estou curioso para saber qual vai ser a punição que a UEFA vai dar ao jogador Tremoulinas, do Bordéus, após ter sido expulso por uma entrada igualzinha à do Binya). Bom jogo também do Luisão, a confirmar o bom momento de forma que atravessa. Conforme já referi, acho que foi uma noite menos feliz do Petit (que ainda me parece longe da forma ideal) e do Rui Costa, que teve algumas decisões nada habituais nele durante o jogo.

O único ponto verdadeiramente positivo a retirar desta noite foi precisamente o ponto ganho aos nossos adversários do próximo fim-de-semana. Malgrado a melhoria de atitude, a qualidade continua a faltar no nosso jogo, e um pecúlio de dezassete pontos em trinta possíveis, e apenas quatro vitórias em dez jogos é um desempenho inadmissível para o Benfica em casa. Até o Paços de Ferreira em casa já conseguiu ganhar quatro jogos em dez.

16 Comments:

At 2/25/2008 1:20 da manhã, Anonymous Starblade said...

"Vamos continuar a surpreender muita gente com alguns resultados que muita gente não espera"

Deve estar a referir-se aos empates com o Nuremberga e o Braga. O cabrão do orelhudo andrade goza com o Benfica porque vocês o permitem.

Comigo já tinha sido corridO A PONTAPÉ COMO UM CÃO RAFEIRO QUE É. QUE VÁ PARA O CLUBE DO CORAÇÃO DELE, ONDE TEM O SEU AMIGO PORCO DA COSTA.

O FILHO DA PUTA DO ORELHUDO ESTÁ A DESTRUIR O CLUBE !

 
At 2/25/2008 1:21 da manhã, Anonymous Americano said...

Já não há surpresas, jogo após jogo a palhaçada continua. Mas claro que para Camacho é fácil, não ganhámos porque as bolas não entraram, tudo fizemos, salir a gañar, blá blá blá.

O que vale é que o Sporting continua a perder, e assim quem o defende pode sempre insisitir com o argumento estúpido de que estamos em 2º, e todos fechamos os olhos à miséria que se vê.

Obrigado por mais 10 minutos ao Adu, neste momento já tem quase metade dos minutos do Edcarlos. Perde a cabeça e dá-lhe um dia 45 atrás do avançado, e pode ser que entrem mais bolas.

 
At 2/25/2008 2:11 da manhã, Anonymous Filipe said...

Ena ena, o Camacho ao fim de tantas jornadas quase que acerta num onze inicial...quase! Agora só falta inverter o triângulo de meio campo! Quando digo que "só falta" estou a dar um desconto ao Camacho, visto que uma táctica com o Adu ao lado do Cardozo era demais para a cabeça dele.

Que falta faz ao Benfica um jogador tipo: João Moutinho, Tiago, Manuel Fernandes, Lucho...um box-to-box...mas houve um inteligente que achou que fazia mais falta gastar dinheiro no Makukula, enfim...

E esta época que não acaba!!Que seca!

 
At 2/25/2008 10:00 da manhã, Blogger John Billy said...

Grande desabafo Filipe!

 
At 2/25/2008 11:51 da manhã, Anonymous 1benfiquista na Inbicta said...

Algo se passa de estranho quando a excelente crónica do D’Arcy tem 4 comments…Se a equipa não joga bem e não ganha, se o discurso do treinador ou da Direcção não é mobilizador o “povo benfiquista” não vai ao estádio e desmobiliza…e nem vem ao blog…

Será que ng percebe que o discurso tem de ser outro? Murro na mesa precisa-se!!! Alternativa exige-se!!! Mas ng se parece colocar na linha da frente. Porque será D’Arcy e ilustres companheiros de blog?

Saudações benfiquistas

 
At 2/25/2008 1:26 da tarde, Anonymous Starblade said...

Não é preciso um murro na mesa, é preciso é um murro no cabrão do vendedor de pneus que anda a vender o clube ao desbarato.

Um murro nele e na corja andrade que trouxe para o Benfica: Veiga, Moura, Jorge Chapeiro, Paulo Gonçalves.

Este orelhudo ainda é pior que o V.A. No tempo do outro não havia equipa pq não havia dinheiro. E agora que há dinheiro e a merda continua?

 
At 2/25/2008 1:47 da tarde, Anonymous Filipe said...

Quando o Benfica for eliminado da taça de Portugal e da taça Uefa, aí sim a contestação vai aumentar e o Camacho vem para a rua.

Mas aí já vai ser tarde! Não mostrem lenços brancos agora que não é preciso!

 
At 2/25/2008 2:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Jogamos como nunca e empatamos como sempre... é o resumo deste campeonato..... a culpa é de Camacho, LFV e de todos os jogadores....
mas ontem ao contrário de em Numremberga jogou-se à bola e isso deixou-me mais tranquilo....
Nuremberga fez lembrar parte final da decada de 90..........

A pergunta que deixo no ar é onde está a equipa de Anfield Road, Old Trafford e Camp Nou?? Luisão, Nelson e Leo ainda lá estão, Petit, Quim, também...... volta Koeman estás perdoado

 
At 2/25/2008 2:28 da tarde, Anonymous Starblade said...

"onde está a equipa de Anfield Road, Old Trafford e Camp Nou??"

Foi vendida pelo cabrão do orelhas. Até houve um post num blog do Benfica em que esmiuçava isso tudo. Não me lembro do blog, mas tinha um foto dessa equipa e via-se que só sobravam 3 jogadores e "meio" pois o orelhas tmb vai despachar o Léo.

 
At 2/25/2008 3:18 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Eu não vi o jogo( logo estou mais que à vontade para falar sobre ele:)) )
mas devido à crónica widescreen do grande batedor D'Arcy, caneta vermelha da tribo, e na qual os meus olhos confiam, acho que a abordagem tem que passar a ser diferente não diferindo muito da preconizada (não sei porquê gosto desta palavra...)pelo Starblade.
Este clube não é para velhos e nós precisamos de um outro espanhol!!!
O extermínio tem que começar a ser feito já para que a próxima época possa ser salva! Índio desenterrar tomahawk !!


Mas não só, um avançado que se deixa enganar em 200 mil euros e não tem dinheiro para comprar uma habitação não merece jogar no Benfica, como é que ele pode enganar qualquer defesa??!!
Um jogador do Benfica tem que ser temido, se não no seu metier, pelo menos em algum hobby pós-laboral ou pré-laboral, não pode ser um otário!! É só duques!

 
At 2/25/2008 3:31 da tarde, Anonymous Índio Nelson said...

Já agora fica uma pergunta para avaliar o vosso conhecimento e cultura benfiquista.Como se chamava o treinador que treinou o Benfica que é familiar próximo de um treinador que vamos defrontar por duas vezes em Março?

 
At 2/25/2008 3:36 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

D'Arcy se responderes à de cima sem pesquisares o Manitu oferece-te um Home Theater da mesma cor.:)

 
At 2/25/2008 4:42 da tarde, Blogger D'Arcy said...

A minha aposta é Ebbe Skovdahl (e juro que não pesquisei) :)

 
At 2/25/2008 5:11 da tarde, Anonymous Índio Nelsson said...

Batoteiro!! :))

É mesmo, acertaste!
Andavamos à procura de um novo Eriksson e saíu-nos o Ebbe, já nem me lembro quantos meses cá esteve mas não foram muitos!eheheh
Tivemos com cada encomenda que alto lá,ah e lembras-te daquela do Ivic de encurtar a largura do campo para as equipas adversárias terem menos espaço para jogar??!!
Íncrivel!!!Isto deve ser cíclico, deve haver aqui um padrão qualquer que eu ainda não percebi.

Bem o Home Theater segue na mesma encomenda do LCD. A propósito se vires alguem a assaltar uma loja de electrodomésticos ao pé de tua casa, não te admires, devem ser funcionários de Manitu a apressar a entrega do material.

 
At 2/25/2008 5:58 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Eu ainda me lembro bem do Skovdahl, e dele ser aparentado dos Laudrup. Não foi muito difícil chegar à resposta :)
O Ebbe saiu depois de um empate em casa, salvo o erro contra o Farense. Depois o Toni pegou naquilo e foi até à final da Taça dos Campeões. Pelo menos o Skovdahl ainda teve o mérito de ter recomendado e trazido o Mats Magnusson para a Luz.

O Ivic mais tarde disse ao Mozer que tinha estreitado o campo por causa dele. Como o Mozer estava a ficar velho, ele achou que assim iria facilitar-lhe o trabalho.

Quanto aos aparelhos, eu não me importo muito com a origem deles ;)

 
At 2/25/2008 6:30 da tarde, Anonymous Índio Nelson said...

Fónix és um verdadeiro wikibenfiquista!! Eu sou um Índio das grandes planícies o meu olhar não consegue apanhar o vôo de uma abelha só o galopar dum búfalo:))


Mais uma vez não me desiludiste, na vida não devemos perguntar a nada nem a ninguem de onde veio mas sim para onde vai.:)

Aposto que daqui a uns anos o Camacho explicará que esta época foi inspirada no filme "Forrest Gump" que ele viu numa tarde soalheira na sua villa em Ibiza.:))

Voltarei com mais perguntas!

 

Enviar um comentário

<< Home