sábado, junho 14, 2008

Hóquei

Aconteça o que acontecer na final do playoff, para mim estes jogadores já são heróis. O hóquei em patins é uma modalidade pela qual eu tenho grande estima, e aquela que eu considero ser a minha 'segunda modalidade' no Benfica. Hoje tive a oportunidade de ver o terceiro jogo da final do playoff, disputado na arena de Fânzeres, e apesar da derrota final fiquei orgulhoso dos nossos jogadores. Porque é preciso um grande carácter para defrontar um adversário que luta com armas gritantemente desiguais, e ainda assim defender o nosso emblema daquela maneira. Faz-se muito barulho acerca do que se passa no futebol, mas no hóquei, aproveitando o menor mediatismo, o despudor é ainda maior. A semana passada já vimos o possível e impossível ser feito para que não vencêssemos o segundo jogo do playoff. Não o conseguiram evitar, mas tiveram a sua pequena vingança: o nosso capitão Mariano Velasquez foi expulso, e depois 'presenteado' com três jogos de suspensão. Exactamente o necessário e suficiente para que não jogue mais nenhum jogo do playoff, terminando assim desta forma triste a sua carreira no Benfica.

Na arena de Fânzeres, onde os espectadores se deslocam para satisfazer a sua sede de sangue, e onde lhes são permitidos todos e quaisquer comportamentos animalescos, já conhecemos bem o que se costuma passar. Entre jogadores nossos a saírem directamente para o hospital, cartões vermelhos e azuis ao desbarato, penáltis e livres directos a pedido, o que é certo é que não podemos sair de lá com a vitória. Hoje foi apenas um pouco mais do mesmo. O Benfica cometeu o 'erro' de marcar dois golos de rajada logo no início do jogo, e deu-se logo início ao festival. Após intenso labor de todos os envolvidos, que incluiu três penáltis patéticos a favor do fóculporto, um golo ilegal, e cartões azuis aos nossos dois melhores marcadores (Tó Silva e Ricardo Barreiros), lá nos conseguiram levar de vencida por 5-3, perante o regozijo mal disfarçado dos clássicos comentadores da RTP Porto (um deles chegou a descuidar-se, e ao ver o fóculporto desperdiçar mais um contra-ataque soltou um 'Temos que ser mais práticos no contra-ataque'), que traduziam o tradicional canto que eles têm quando se referem às profissões das respectivas mãezinhas e ao SLB por 'cânticos de apoio a Reinaldo Ventura após o penálti falhado', e o olhar atento do corrupto de forma tentada, que aproveitou mais uma oportunidade para se dar à idólatra.

Por tudo isto só posso dar os parabéns aos nossos jogadores pela atitude demonstrada, por nunca terem perdido a cabeça nem terem deixado de lutar, e garantir que lá estarei no próximo dia 21 a apoiá-los.

21 Comments:

At 6/15/2008 6:17 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Como ja e habitual nos Benfiquistas, ficam bem com as vitorias "morais". Resquicios de porteguesinhos doutros tempos.
Felizmente hoje ha outra mentalidade ganhadora, que quer as vitorias no "campo" e nao reduzem tudo a fatalismo.

 
At 6/15/2008 12:21 da tarde, Blogger Passaralho said...

Como já é habitual para esses lados, conseguem em campo tudo o que desejam não respeitando as regras nem as autoridades de forma clara, descarada e vergonhosa.
Quem perceber um bocado de hóquei, não tem dúvidas que o Porco tem melhor equipa. Mas também não tem dúvidas que são sempre "empurrados" quando alguma coisa falha dentro do ringue.
Já o vi acontecer vezes de mais para ter alguma dúvida ou até para me chatear muito com isso actualmente...
Está tudo muito podre. Muito mesmo.
Depois queixam-se que não há adeptos e tal... Há-de ficar pior.
Cumps :)

 
At 6/15/2008 1:43 da tarde, Anonymous Hattori Hanzo said...

Não diria melhor D'Arcy. Só tenho a acrescentar um coisa. É o Porto que neste momento tem melhor equipa de hóquei sem duvidas em Portugal, no entanto neste momento também me parece ser impossível alguém ser campeão nacional sem que seja o Porto mesmo que esse alguém se mostre melhor face aos muitos condicionalismos exteriores que existem aqui.Ao anónimo apenas respondo que o que a maior parte dos benfiquistas pretende é vitórias , mas não vitórias a todo o custo, infringindo todo o tipo de regras para o conseguir.

 
At 6/15/2008 2:03 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O fado do costume, o FCP tem a melhor equipa, joga melhor, mas sao sempre ajudados. Tenham vergonha, os benfiquistas vivem desse paradigma, os outros para ganharem ao Benfica so com ajuda!
Basta ao Benfica ser o clube portugues com mais adeptos, para terem ajuda em todo o lado, na comunicacao social, no governo, nos organismos desportivos e arbitragem, tribunal, PGR, etc.
Assim tentam ganhar fora do campo,como sempre se habituaram.
O que nao tem, sao equipas e dirigentes competentes e isso e que faz os campeoes.

 
At 6/15/2008 3:57 da tarde, Blogger Passaralho said...

Sr Anónimo:
Facilmente se conclui pelos seus comentários que nunca deve ter visto um jogo de hóquei e/ou que não percebe minimamente as suas regras...
Cumps

 
At 6/15/2008 4:23 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Por melhor que seja uma equipa, não é imbatível. Todas as equipas têm dias menos bons, e se nesses dias apanham uma equipa inspirada, perdem. Agora quando uma equipa já é boa, e a isso se juntam ajudas externas que tomam conta dela quando por acaso um desses dias menos conseguidos acontece, então sim, torna-se imbatível.

O Porto tem na verdade melhor equipa que o Benfica, sobretudo porque pode fazer uma maior rotação dos jogadores. Mas este ano o cinco inicial do Benfica em nada fica a dever ao Porto, e é perfeitamente possível vencê-los. Agora quando nos tiram o nosso capitão, marcam três penáltis inexistentes, fecham os olhos a uma situação de antijogo clara que permite o Porto marcar na sequência da jogada, e com o jogo empatado excluem o nosso melhor marcador do jogo, torna-se na verdade difícil. Ainda daria para pensar que teria sido apenas um dia mau da arbitragem, não fosse o caso disto acontecer sucessivas vezes. Já a semana passada, quando estávamos a vencer 2-0, surgiram dois penáltis caídos do céu para ajudar o Porto, seguindo-se a expulsão do Mariano.

 
At 6/15/2008 4:30 da tarde, Blogger D'Arcy said...

E aliás, quanto às queixas do Benfica sobre o jogo de ontem, basta dizer que o próprio comentador Vítor Bruno, mesmo sendo tão pró-FCP como é (o que é natural, dados os anos todos que jogou lá), nos três lances de penálti disse que os achava todos forçados, e no final concordou com as críticas do Carlos Dantas.

 
At 6/16/2008 12:44 da manhã, Anonymous Ntiago said...

"O fado do costume, o FCP tem a melhor equipa, joga melhor, mas sao sempre ajudados. Tenham vergonha, os benfiquistas vivem desse paradigma, os outros para ganharem ao Benfica so com ajuda!
Basta ao Benfica ser o clube portugues com mais adeptos, para terem ajuda em todo o lado, na comunicacao social, no governo, nos organismos desportivos e arbitragem, tribunal, PGR, etc.
Assim tentam ganhar fora do campo,como sempre se habituaram.
O que nao tem, sao equipas e dirigentes competentes e isso e que faz os campeoes."

Hahahahahaha.
Este post é demais. Alguém consegue ler este post sem se rir? Eu não.
Especialmente quando, ironicamente comete o mesmo pecado de que acusa os outros de fazer.

Sabes qual foi o clube que criou uma "guerra regional", apontando as razões do seu insucesso para com um suposto benefício dado a um clube rival de uma região mais a sul? Digo-te que é um fado que já dura à 3 décadas e picos e que move um guerra sem quartel seja em que campo for seja de que modo for Aliás é só constatar dia após dia, capas e noticias de jornais ou serviços de (des)informação como Diário de Noticias, O Jornal de Noticias, O Jogo, RTP ou RTPN (é que eu confundo sempre os dois e acabo por não saber qual é canal público nacional e qual é canal público regional do Norte - leia-se Porto e arredores), etc.

Vergonha é existir todos os anos, em hóquei um (ou mais) Porto-Benfica e em todos eles, "adeptos" surgem por trás do banco do Benfica a provocá-los e insultá-los durante todo o encontro perante a conivência das forças policias que, pasme-se, chegam até se abraçar e a cumprimentar (como se viu neste último jogo).
Vergonha é ver que há dualidade de tratamentos dado aos adeptos dos dois clubes e fingir que não existe e assobiar para o lado.
Vergonha é acusar um clube de ser protegido por um governo qualquer, quando é um dirigente de um outro clube, que mesmo estando sobre investigação sobre actos ilícitos que mancham o bom nome do desporto nacional é convidado para uma jantarada (anual ou quando calha lançar mais umas achas para a fogueira) na Assembleia da República dado por deputados e outros membros da assembleia e ter um secretário de Estado que nada fez, que nada faz ou irá fazer perante toda esta realidade ou uma Federação Nacional que tem um licença de utilidade pública NACIONAL, que devia ser isenta mas que pactua com o ilegal ao ponto de ter amnésias temporárias.
Vergonha é teimar numa treta de processo de Kafka, sem nunca tentar provar a sua inocência mas tentar manchar um processo de investigação ou criar dúvida, não nas provas, mas na forma e no "timing" da sua recolha.
(E esta é para os nossos vizinhos do outro lado da 2ª circular) Vergonha é andar todo o ano com a conversa da treta do sistema para a esquerda e para a direita, a fazer o choradinho todo o santo fim de semana (e mais de 90% das vezes nem razão têm) e no momento de fazer alguma coisa, olham para o chão e pactua com os mesmos que acusam (à excepção, obviamente, do Benfica). Pelos vistos este ano o Postiga serviu de prémio de bom comportamento e de silêncio.

Vergonha, caro anónimo, é deslocar-se aqui dizer as barbaridades que disse, sem ter factos ou argumentos que sustente.

 
At 6/16/2008 9:51 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

o Postiga falha magistralmente e com estilo, está encontrado o próximo "jogador mais inteligente" do futebol português.

 
At 6/16/2008 10:58 da manhã, Blogger águia_livre said...

Ainda existe uma esperança. E como a esperança é a ultima a morrer...
.

 
At 6/16/2008 5:12 da tarde, Blogger Passaralho said...

Desculpem o desabafo...

Estou um bocado farto.
Farto deste país onde não há nada.
Não há educação, não há saúde, não há segurança social, não há emprego, não há justiça.
Não há governo, ou por outra, há os que se governam.
E o povo paga, nem bufar bufa, é mal servido, não é servido e tem de engolir e continuar o calvário.
Perto disto tudo, muito sinceramente, o futebol é uma treta. Das grandes.
A única analogia é que também aqui não existe nada disso. E o povo engole. Os srs do poder instituido, da máfia, continuam a levar a sua avante. Os do futebol e os das gasolineiras. O governo cala, enche os bolsos, explora o contribuinte. O povo cala.
Sabem, a partir de hoje sou como os daquele programa espanhol... Só que ao contrário. Vou torcer pela Espanha. Sempre.
Que me perdoem os que ainda acreditam, que me perdoem os que lutaram pela liberdades, os que lutaram contra os Filipes de Castela.
Assim que possa vou-me embora. Estou farto!

Cumprimentos

 
At 6/16/2008 5:36 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Benfica fora da Taça da Liga e da Taça de Portugal, já.Convoquem uma Assembleia Geral e dêem a voz aos sócios.
Não dá para reagir como sempre e continuar como se nada fosse.

 
At 6/16/2008 5:43 da tarde, Blogger Passaralho said...

@Índio:
No mínimo. Por mim até era fora do campeonato.
Fechava o tasco, punha a canalhar a jogar nas distritais para o ano, e siga.

Cumps:)

 
At 6/16/2008 5:48 da tarde, Anonymous Hattori Hanzo said...

Concordo contigo Indio Nelson ... Por mim acrescentava ainda uma coisa não deixar sequer os nossos atletas irem às seleções (e isto inclui a equipa de futsal que ao que sei o futsal está inserido na FPF)

 
At 6/16/2008 5:49 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Passaralho, lembrei-me dessa, aliás era a minha preferida, só que face aos compromissos assumidos pelo clube, não me parece possível.
Agora não pode ficar tudo como dantes, perdido por um perdido por mil...honrem pelo menos uma vez o Damião. Este não é um clube de covardes acomodados.

Quanto à selecção nunca torci por ela, porque não posso apoiar lá fora (ou onde quer que seja) a merda que há cá dentro.Chamem-me o que quiserem não me chamem é parvo...

 
At 6/16/2008 6:00 da tarde, Anonymous Indio Nelson said...

Não sei o que será possivel fazer de uma forma realista face aos compromissos e/ou protocolos que temos com a FPF, mas se for possivel era desejavel que houvesse um cancelamento da colaboração entre o Benfica e a FPF, a todos os níveis.
Não quero que a resposta benfiquista seja emocional, quero que ela seja cirurgicamente eficaz e racional e acima de tudo que haja alguma inscrição, uma marca, de que desta vez as coisas são a sério.

 
At 6/16/2008 6:03 da tarde, Anonymous Ntiago said...

Mas estavam a espera de outra coisa?

No momento que um delegado da fpf é chamado para depor tem problemas (graves) de memória e o seu testemunho é aceite qb o que se pode esperar de diferente?

Lamento, mas isto só acaba quando Pinto da Costa por fim sair de lá. Aliás a única razão que ele não saiu de cena ainda, foi por que o plano dele (que dura à 3 décadas) tem uma falha: ao ser tão proeminente e tão absorvente (como bastião do poder local) que agora não existe ninguém com capacidade para seguir o mesmo caminho. Esteve tão entretido a criar uma matilha de imbecis sem capacidade de pensar por si próprios, sem espirito crítico e incapazes para ver para lá do homem (que põe o homem à frente do clube, da instituição que supostamente defendem) que agora não há ninguém nos mesmos moldes. Aqueles que surgiram foram ou "eliminados" ou absorvidos (Fernando Gomes foi em tempos um opositor, agora está rendido ao seu novo Messias). Agora so existem Serrões, Aguiares, etc. que só sabem repetir...

Os nossos dirigentes que se mexam. Não vale a pena por um individuo sobre brasas, à que por a Federação inteira sobre fogo. Se eles tem tanto medo de perder (como se viu no caso mateus o pavor da FPF) a sua licença de instituição de utilidade pública, então Benfica só tem que fazer o que pode e o que sabe para que isso aconteça.

 
At 6/16/2008 6:16 da tarde, Blogger D'Arcy said...

A UEFA não podia decidir outra coisa, porque ficou de mãos atadas perante a trafulhice que o fóculporto arranjou, em conluio com a FPF.

Não sei quando é que o CJ da FPF tomará uma decisão. É muito pouco provável que isto aconteça, mas se o Pinto Corrupto não for ilibado, e uma vez que os corruptos conseguiram arranjar maneira de inventar um 'diz que é uma espécie de recurso' com base no recurso do Pinto Corrupto, como é que é? Vão perder os seis pontos quando?

Quanto à selecção, que vá à merda. Não é a equipa de todos os portugueses, é a equipa da FPF, e eu não me identifico com gente dessa laia. A FPF teria toda a legitimidade para se envolver no assunto se estivesse em causa a perda de um lugar de Portugal na Champions. Não sendo esse o caso, ao tomar partido pelo fóculporto de uma forma tão ignóbil, apenas mostrou a mando de quem anda.

 
At 6/16/2008 6:19 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Ah, e agora de certeza, certezinha absoluta que o CJ da FPF vai ilibar o Corrupto, e com base nisso a agremiação da corrupção será também ilibada. Porque eles agora já sabem: se forem considerados culpados, para o ano não há Champions.

 
At 6/16/2008 6:29 da tarde, Blogger John Billy said...

Este pesadelo só vai acabar com a morte do corrupto (e se pensarmos no Franco ou no Fidel Castro se calhar nem assim).

 
At 6/22/2008 8:53 da manhã, Anonymous Anónimo said...

oh seus benfas sois uma cambada de defiçientes frustados poro vosso clubezeco ser incompetente a culpa é dos outros ide pasra espanha desapareçei

 

Enviar um comentário

<< Home