sábado, janeiro 17, 2009

Calmo

Vitória calma do Benfica esta tarde, a assegurar o pleno no seu grupo da Taça da Liga, e consequentemente o primeiro lugar, que nos garantirá jogar o jogo das meias-finais em casa (embora com o campo neutralizado).

Primeiras notas sobre o jogo: foi muito agradável ir para o Estádio da Luz à luz do dia. Trouxe-me algumas recordações enquanto caminhava em direcção ao estádio, de tal forma que quase fiquei surpreendido ao chegar por não ver a velhinha Luz, com o grande Terceiro Anel e as imponentes torres de iluminação. Depois, mais de trinta e cinco mil pessoas para assistir a um jogo da Taça da Liga (no que, tenho quase a certeza, deverá ter sido o recorde de espectadores num jogo desta competição). Mas continuem a achar que marcar jogos para as oito da noite de um Domingo não contribui para matar o futebol, que não faz mal. As transmissões televisivas não são justificação, porque em Inglaterra os jogos fazem-se ao meio-dia e às três da tarde, e não é por isso que deixam de ser transmitidos, ou que os clubes recebem menos pelas transmissões. Passando ao jogo propriamente dito, algumas mexidas no onze, com a titularidade do Maxi, Yebda, Di María e Rúben Amorim, em detrimento do Sídnei, Fellipe Bastos, Carlos Martins e Nuno Gomes. Desde o início que o jogo assumiu uma toada bastante calma. Estranhamente, tendo em conta que a vitória seria o único resultado que lhes interessava, o Belenenses aparentava estar interessadíssimo no empate, arriscando muito pouco no ataque. Um mar de diferenças em relação ao futebol apresentado pelo Olhanense na passada quarta-feira. Se eu me baseasse apenas naquilo que vi nestes dois jogos, diria já que, por mim, era já amanhã que colocava o Olhanense na Liga, em prejuízo de uma equipa como o Belenenses. Aliás, basta compararmos a falange de apoio que o Olhanense teve na Luz com a meia dúzia de gatos pingados do Belém que lá estiveram hoje, mesmo sendo o Belenenses de Lisboa, para se ver qual o clube que ficaria melhor na Liga. O jogo lá foi decorrendo, com o Belenenses a ser pouco mais do que inofensivo no ataque, enquanto que o Benfica, calmamente, com o Aimar a assumir maior protagonismo, ia tentando chegar-se à baliza adversária, mas também sem grande sucesso. Jogávamos a uma velocidade demasiado baixa para que conseguíssemos criar oportunidades de golo, e por isso a baliza do Belenenses também não era seriamente incomodada. Quando o jogo caminhava para o intervalo, o Benfica conseguiu fazer uma boa jogada colectiva, que terminou com um centro do Di María para o merecido golo de cabeça do Katsouranis (mais uma vez um dos melhores em campo).

A segunda parte voltou a mostrar-se desinteressante, sendo o maior ponto de interesse os comentários ao jogo dos dois experts que se sentaram atrás de mim e do Gwaihir (fiquei a saber que, por exemplo, existe o conceito de um jogador estar a jogar dentro de posição). Se fossem todos assim, eu não teria que tirar o som da televisão quando estou a assistir ao jogo. Ainda assim, foi sempre o Benfica quem foi mostrando ter mais vontade de voltar a marcar, e quem mais perto parecia estar de o conseguir, já que o Belenenses continuava a mostrar-se mais interessado em defender, espreitando um possível contra-ataque. Fizemos três substituições: Di María por Reyes, Yebda por Carlos Martins, e Cardozo por Suazo, sendo que esta última alteração foi aquela que me pareceu menos bem conseguida. O Cardozo estava a conseguir segurar melhor o Belenenses lá atrás, e o Suazo revelou não estar hoje feliz nas movimentações, já que por diversas vezes pareceu tomar opções erradas. Ainda assim, viu um lance em que se isolou ser-lhe mal anulado por um fora-de-jogo inexistente. Quando faltavam cerca de dez minutos para o final, o Rúben Amorim lesionou-se, e tendo o Benfica já feito as três substituições, quando ele regressou veio quase fazer figura de corpo presente. foi nesta altura que o Belenenses resolveu dar um ar de sua graça, e finalmente, com a ajuda preciosa do Moretto, conseguiu criar perigo. Mas jogar apenas dez minutos em hora e meia é manifestamente pouco para uma equipa que tinha a necessidade imperiosa de vencer, pelo que a vitória do Benfica me parece ser inteiramente justa, mesmo que conseguida a um ritmo quase de passeio.

Conforme disse antes, o Katsouranis voltou a ser um dos melhores em campo, tendo tido hoje o bónus de marcar o golo da vitória. O grego é, claramente, o jogador com maior inteligência em campo, e que parece quase sempre já saber o destino a dar à bola ainda antes desta lhe chegar aos pés. Bom desempenho também dos jogadores da defesa, na qual volto a mencionar o 'miúdo' Miguel Vítor, hoje regressado à sua posição natural no centro, após a incursão na direita a meio da semana. Ele ganha quase todos os lances divididos, e fá-lo com personalidade, saindo diversas vezes a jogar. Bom jogo também do Aimar, que no ritmo pausado com que a maior parte do jogo foi jogado, foi daqueles que mais tentou imprimir velocidade, e o que mais deambulou pelo ataque, à procura de desmarcar-se ou lançar os colegas. Quanto ao pior, é obviamente o Moretto. Teve oitenta minutos tranquilíssimos, em que pouco mais teve para fazer do que controlar com os olhos os poucos remates tortos do Belenenses, ou segurar atrasos dos colegas. Nos últimos dez minutos foi chamado a intervir, e tremeu e asneou de forma ridícula. Nos piores momentos, repetiu a jogada que deu o golo ao Olhanense na quarta-feira, largando para a frente um remate desferido de fora da área, só que desta vez o Luisão chegou primeiro à bola. Depois, mesmo a acabar o jogo, deu mesmo um fgango, ao largar quase sobre a linha uma bola que era obrigatoriamente sua, o que resultou no que seria o golo do (imerecido) empate do Belenenses. Para sua (e nossa) sorte, o árbitro resolveu assinalar falta, poupando-o ao vexame.

Na próxima sexta-feira voltamos a defrontar o Belenenses, desta vez para a Liga. Vai ser necessário aplicarmos um pouco mais de velocidade ao nosso jogo, se não queremos um dissabor. Mas por outro lado, se o Belenenses voltar a apresentar tão pouco futebol como aquele que vi hoje, também lhes será difícil causar-nos grandes embaraços.

28 Comments:

At 1/18/2009 1:56 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

O Kat é o maior! Aliás toda a jogada é boa, até o passe do Di Maria, que em vez de parar a bola e fazer a habitual simulação e depois a fintinha deu logo para o grego que de cabeça assinou um belo golo.
Já tenho saudades do Kat. Se jogasse nos morcões ou nos chorões há muito que já tinha sido considerado o MVP da Liga.

Consultei o Feng Shui e aconselho os 3 gredes do Benfica a criarem uma Sociedade Imobiliária com o apelativo nome de "Dão-se Casas".

 
At 1/18/2009 2:07 da tarde, Anonymous Filipe said...

O Moretto é um guarda redes de fotografias... Consegue estar nas melhores e nas piores! Consegue defender um penalti do Ronaldinho e não é capaz de segurar bolas simples aos homens do Belenenses...não é guarda-redes para o Benfica!

 
At 1/18/2009 3:06 da tarde, Blogger Harry Lime said...

concordo com o que escreves acerca dos jogos à tarde.

Eu nunca fui muito de ir à bola ao estádio. Mas os relatos ao domingo à tarde são algo que associo à alegria e ao gosto que tenho pelo futebol. E algo se perde actualmente com esta mania dos jogos sempre à noite.

É verdade que as TVs generalistas querem combater as novelas com os jogos da bola, mas no caso da Sport TV isso não acontece!

PS. É tambem verdade que a SportTV já tem os sabados e domingos preenchidos com a Premiere League cujos jogos são... bem... um bocadinho melhores do que os da Liga Cervejeira (ex-liga gasolineira e ex-liga jogateira) :):):)

 
At 1/19/2009 5:40 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Alguem conhece o KaKa pessoalmente?

Sabiam que os carecas têm um seguro mais elevado contra acidentes pessoais devido ao facto de não puderem usar champô anti-queda?

Sabiam que a tribo vai "espetar" quatro secos no Restelo?

Sabem que a equipa de andebol do Benfica vai dedicar o título ao Vata? Acho que foi a maior inspiração da maior parte dos jogadores. Quando em miudos foram aos treinos de prospecção de futebol perguntavam-lhes no fim qual o seu maior ídolo e grande parte deles disse " O Vata". De imediato foram encaminhados para o andebol, e hoje é o que se vê.
Um verdadeiro sucesso de uma acertada politica de recursos humanos.

Alguem conhece o KaKa pessoalmente? É urgente.

 
At 1/19/2009 8:33 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Essa história do Vata é muita gira :):):):)

 
At 1/19/2009 10:37 da tarde, Blogger antitripa said...

Companheiro, já leste isto:

http://oantitripa.blogspot.com/2009/01/liga-da-asneira.html

ais uma prova da incompetencia dos senhores que lá estão. Não são indicados para o lugar. A demissao era um acto lisonjeiro....

 
At 1/20/2009 1:10 da manhã, Blogger CORTO MALTESE said...

Tens um desafio no Molho de Brócolos!
:)

 
At 1/20/2009 8:38 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Infelizmente hoje o clube não tem a possibilidade de aproveitar a maior parte deles, já que a maior parte refere o Nuno Gomes (Ballet) e o Moreira (empregado bancário).

 
At 1/20/2009 8:41 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Hoje mais que nunca, YES WE CAN!!

 
At 1/20/2009 11:29 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Pessoal já viram que nós nos vamos candidatar ao Mundial de 2018??!!
Estes tipos da FPF são uns cómicos...mas nós em 2018 ainda existimos???

Afinal o KaKa já não vai para o MCity...esperto.Se fosse para Inglaterra não ganhava tanto como em Itália. É que ele vai fazer 27 anos o que no Milan é idade de júnior e ainda pode fazer uns bons dez anos ao mais alto nível.
De permeio mostrou a sua forte espiritualidade e disse que o dinheiro não lhe compra o coração (versão mais actual do hit dos grandes espiritas Pedro e Paulo "money can´t buy me love").
Fonix, tomara eu ter sido assim aos 27 anos.

 
At 1/20/2009 3:01 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Seria demasiado triste ver o Kaká no Man City. Já basta o Robinho ter-se deixado seduzir.

O Mundial de 2018 é um devaneio do Merdaíl. É uma forma de ver se, nessa altura, a nosssa selecção, ainda orientada pelo Queirósz, finalmente consegue o apuramento para a fase final de um competição, após os desaires dos Mundiais de 2010 e 2014, e dos Europeus de 2012 e 2016. E será a última oportunidade para os jornaleiros fazerem uma chinfrineira sobre o facto do Burgesso Ronaldo ser supostamente o melhor do mundo.

 
At 1/20/2009 3:36 da tarde, Blogger último! said...

D'Arcy já viste as novas fotos e imagens do lance do Moretto?

O homem não agarra a bola porque é claramente empurrado, é o que dá acreditar nos jornalistas que temos felizmente a Benfica TV também tem imagens.

É incrivel como de uma falta bem assinalada se faz um caso com direito a outra queixa crime!?!?

Não achas estranho que as imagens da repetição do lance, tenham sido transmitidas sem zoom (não o sabem utilizar!?), não acredito que seja inocente, é pena que até alguns benfiquistas e dos bons caíam na armadilha.

Eu quando vi as imagens de tão longe e que nada esclareciam fiquei logo desconfiado.

 
At 1/20/2009 4:09 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Apesar de eu achar que o homem devia ter agarrado a bola de qualquer maneira, fiquei logo com a impressão de que era falta. Qualquer toque no guarda-redes dentro da pequena área, sobretudo quando este está no ar, deverá ser assinalado.

 
At 1/20/2009 6:17 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Não está em causa a falta mas acho que ele devia ter feito mais qualquer coisa naquele lance. Temos que resolver o problema dos gredes no próximo defeso, nenhum deles me parece ser suficientemente seguro e um bom gredes vale muitos pontos por época.

O K.Ross em 2010 já estará a tomar chá com o Ferguson novamente, depois de ter "empochado" mais uma bela quantia.O K.Ross é um amigo de Alex;))

 
At 1/20/2009 6:22 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

...um bom gredes e o Costa meter-se no jet até Turim e trazer o Tiago.
Com mais uns ajustes e teríamos um team quase imbativel a nivel interno.

 
At 1/20/2009 7:12 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O problema é que, segundo o que uma pessoa chegada ao Tiago me disse, se ele viesse para Portugal agora o destino dele seria a tripalândia. Por isso deixa-o lá estar em Turim, que está muito bem :)

Olha, o Enke anda a piscar o olho ao Benfica. Era capaz de não ser mal pensado.

 
At 1/20/2009 7:32 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

O Enke? Anda a piscar o olho porque não joga lá no clube dele...aliás depois de sair do Benfica foi sempre a descer...nã!
Prefiro o Camaronês do Espanhol Barcelona, o Kameni.
Lembras-te do Benje, do Farense?..e acho que depois tiveram outro gredes africano,como é que ele se chamava o NKomo??

D'Arcy o "Cebola" tambem não ia assinar pelo Benfica e foi para o Porto? Porque não o Tiago assinar pelo Benfica em vez de ir para o Porto? olho por olho dente por dente, é tempo dessas cascaveis começarem a provar um pouco do seu próprio veneno.

 
At 1/20/2009 10:03 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Olha que o Enke até joga no Hannover regularmente. Aliás, até tem sido convocado de vez em quando para a selecção alemã (esteve no Euro 2008, por exemplo).

Eu também gosto muito do Kameni, mas a custo zero devem ser muitos os clubes interessados nele.

 
At 1/21/2009 9:51 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Acho que agora está lesionado...mas o que eu quero dizer é que o percurso dele depois de sair do Benfica tem sido um inferno, infelizmente até a nível pessoal.Mas nem é tanto por isso, nem porque não lhe ache valor ou sequer porque não gosto dele, é porque tendemos sempre (e contra mim falo ex: Tiago) a buscar velhas soluções para todo e qualquer problema. É um eterno retorno ao passado.

Acho que já é tempo para nos livrarmos um pouco dessa "ganga" e começarmos a ter um novo olhar sobre os problemas.
Espero que o Costa consiga ter esse "novo" olhar.

 
At 1/21/2009 10:19 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Antitripa: Já vi isso, já. É a incompetência em toda a sua plenitude.

Quanto ao assunto do e-mail que enviaste ao S.L.B., vamos ver se conseguimos acesso aos regulamentos da F.P.F. no ano em questão. Seria na verdade uma coisa engraçada se lá estivesse escrito o que tu pensas.

 
At 1/21/2009 6:16 da tarde, Blogger Harry Lime said...

A história da taça da liga está um disparate pegado. Só no futebol portugues é que acontecem coisas destas. É só burros!

Mas no meio deste vendaval de burrices, de crises financeiras e de candidaturas estupidas ao Mundial há 2 factos que me deixam esperança na raça humana:

- o Obama tomou posse. Daqui para a frente tudo vai ser melhor (espero...). Yes, We Can!

- o Kaka recusou a oferta do Manchester City. Este tal como o Obama é um homem como deve ser.

Infelizmente o Obama é americano e o Kaka brasileiro.

 
At 1/21/2009 6:19 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Quanto ao assunto do e-mail que enviaste ao S.L.B., vamos ver se conseguimos acesso aos regulamentos da F.P.F. no ano em questão. Seria na verdade uma coisa engraçada se lá estivesse escrito o que tu pensas.

Que historia é essa dos regulamentos? Voces estão por acaso a pensar em ganhar um campeonato na secretaria só para encher a liga de ridiculo?

Ainda que valesse titulos ao Benfica gostava de ver isso acontecer só para ver a cara de estupidos dos nossos dirigentes futebolisticos :):):)

 
At 1/22/2009 8:54 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

D'Arcy ontem no programa acho que eras tu que estavas a jogar na ponta esquerda da mesa.Fizeste umas jogadas bem pensadas e deste muito jogo interior.
Estranhei a tua camisa aos quadrados verdes... influências do grande agent provocateur H.Lime??!! :))
O V. ritmo de jogo é impressionante e cheio de boa onda. Gostei, apesar da habitual aleatoriedade do horário...

Harry o fotógrafo oficial do Obama é português, é provavel que o cão da família seja um cão de água de raça portuguesa... sabendo isto não me admirava nada que o Vieira estivesse neste momento a caminho de Washington para lhe vender um kit novo sócio.

O Obama e o Kaka são ambos americanos e são ambos globais, verdadeiros cidadãos do Mundo.
Isto só se consegue com uma espiritualidade superior, em Portugal só o Martir de Gaia se lhes aproxima.

 
At 1/22/2009 10:50 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Ontem foi um programa atípico, já que teve apenas metade da duração habitual. O hóquei (que eu até fui ver) fez com que tudo se atrasasse, e depois como havia a entrevista do David Luiz para começar às 22:30, quem se 'lixou' fomos nós. Daí que aquilo tivesse ficado com um ritmo um bocado acelerado. Havia muita coisa sobre a qula queríamos falar mal, e pouco tempo para fazê-lo :)

 
At 1/22/2009 11:11 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

4-2 Grande Vitória!!
Tudo se prepara para que no futebol seja a mesma coisa, lá nas Antas onde habita o Demo.

 
At 1/22/2009 1:54 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Por falar em Demo, ontem no hóquei estava um dos mais fiéis discípulos do PC, que dá pelo nome de Ilídio Pinto. Aliás, o próprio PC, antes de ir para presidente, passou na secção de hóquei.

 
At 1/22/2009 4:02 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

É onde fazem o tirocínio e todo o tipo de tiros, como o tiro aos árbitros, etc...
O que é curioso é que tudo o que é pinto é recrutado para a famiglia, é o Pinto de Sousa, o Ilidio Pinto, o Pinto da Costa...é impressionante até parece as Belas Artes , são só pintores, coño!

 
At 1/23/2009 5:54 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Numa análise geodésica apressada só posso dizer que qualquer retorno ao lugar de nascença não pode ser mau.
Bravos da tribo visitar terra de antepassados e lutar com coração quente.

Viva a Águia!!!
Viva o Martir de Gaia!!!
Viva o Ruço!!!

 

Enviar um comentário

<< Home