domingo, março 22, 2009

Troféu


Acabei de chegar do Algarve, onde fui ver o Benfica conquistar um troféu. Pode ser uma 'taça da treta'. Com uma organização tão brilhante que marcou a final para um estádio com um relvado que parecia uma manta de retalhos, e onde até as cheerleaders da Carlsberg tiveram que fazer de apanha-bolas. Foi uma taça conquistada muito por culpa de um penálti falso, assinalado surpreendentemente por um árbitro que tem um historial altamente nefasto com o Benfica. Mas no final, a taça é nossa, e é isso que conta. Os derrotados podem agora até dizer que o troféu não vale nada, que depois do escarcéu que fizeram no final não convencem ninguém. É que se não valesse nada, então não se percebe para quê tanta choradeira (ou melhor, percebe-se: foi o Benfica quem ganhou, e isso faz toda a diferença do mundo).

Algo surpreendente o onze inicial do Benfica, arrumado num 4-4-2 com Reyes à direita e Aimar na esquerda, Ruben Amorim no meio ao lado do Katsouranis, e na frente a dupla Nuno Gomes/Suazo. Logo no início do jogo o Benfica criou uma grande oportunidade de golo, na qual o Nuno Gomes, isolado sobre a esquerda, permitiu a defesa ao Tiago. Mas esta oportunidade inicial não significou qualquer tipo de ascendente da nossa equipa, já que o equilíbrio foi sempre a nota dominante durante a primeira parte. Foi sempre um jogo bastante disputado pelas duas equipas mas, ao mesmo tempo, relativamente mal jogado de parte a parte. O futebol apresentado nunca mostrou grande brilhantismo, e as reais oportunidades de golo escassearam. O sportém respondeu à oportunidade do Nuno Gomes com uma grande oportunidade também, sendo o golo negado ao Liedson pelo David Luiz quase em cima da linha, com o Quim já batido. Ficaram assim empatadas as equipas em número de oportunidades, e este empate manter-se-ia até ao intervalo (houve ainda um bom remate do Reyes, a dar a sensação de golo, mas pareceu-me que o guarda-redes adversário tinha a situação mais ou menos controlada, e ainda um remate do Moutinho que o Quim defendeu bem). O sportém fazia algo que já tínhamos previsto antes do jogo (o que, aliás, não era nada difícil de antecipar, já que foi o mesmo que tinham feito, com bom resultado, no último jogo do campeonato), que era atacar quase sempre pelo seu lado direito, tentando explorar a inadaptação do David Luiz ao posto de lateral. Desta vez o David Luiz conseguiu aguentar-se melhor do que no Alvalixo, mas foi quase sempre por esse lado que eles conseguiram criar perigo. Quanto ao Benfica, em termos atacantes vivia sobretudo das iniciativas do Reyes ou do Aimar, já que o Suazo, vindo de uma paragem prolongada, passou praticamente ao lado do jogo. O nulo com que se chegou ao intervalo era o reflexo correcto daquilo que se tinha visto em campo, adivinhando-se que em princípio este seria um jogo em que a equipa que tivesse a felicidade de marcar primeiro, teria via aberta para vencer.

Infelizmente, foi o sportém quem entrou melhor na segunda parte e cedo chegou ao golo. Numa das raras investidas sobre o nosso lado direito, conseguiram fazer o 2x1 sobre o Maxi, tendo o Liedson aproveitado o cruzamento para rematar ao poste, para depois o Pereirinha marcar na recarga. Face à minha previsão anterior, as coisas ficaram mal paradas, e ainda pior ficaram quando me pareceu que a nossa equipa acusou o golo, tendo ficado quase sem reacção durante os minutos que se lhe seguiram. Só passados mais de quinze minutos parecemos espevitar um pouco, tendo a entrada do Di María contribuído para trazer mais alguma velocidade e agressividade no ataque. De qualquer forma, a única maneira consistente que o Benfica encontrava para chegar com algum perigo à área adversária era na sequência de livres do Reyes cruzados para a área, sendo que numa dessas situações chegámos a atirar uma bola à trave. A cerca de quinze minutos do final, uma desconcentração de um defesa do sportém permitiu ao Di María recuperar a bola à entrada da área, e na sequência desse lance o árbitro assinalou penálti a nosso favor. No estádio não consegui ver se a decisão era ou não correcta, mas já sei que foi uma decisão errada do Lucílio, que resultou ainda na expulsão do defesa do sportém (que depois deu uma peitada no Lucílio; estou para ver se isto resultará numa punição deste jogador, embora a seu favor tenha a atenuante de isto já ter acontecido antes sem quaisquer consequências, pese o facto desse outro jogador ser do fóculporto que, como se sabe, joga com outras regras). Indiferente a isto, o Reyes transformou o penálti e igualou o marcador. Depois disto, e durante os cerca de quinze minutos que restavam, apesar de estar em vantagem numérica o Benfica não conseguiu criar um ascendente considerável no jogo, tendo-se chegado ao final com ambas as equipas a parecerem francamente interessadas em levar o jogo para os penáltis.

No desempate, o Quim esteve brilhante, defendendo os penáltis do Rochenbucha, Vanderlei e Postiga, compensando assim os falhanços do Aimar e do Katsouranis. Coube ao Carlos Martins marcar o penálti decisivo, o que ele fez com tranquilidade, assegurando a conquista do troféu.

Por ter defendido três penáltis, obviamente que o Quim merece ser referenciado como um dos jogadores mais decisivos. Durante os noventa minutos, gostei do jogo do Miguel Vítor, que esteve quase sempre seguro, não se deixando intimidar pelas fitas e provocações do palhaço de serviço (Vanderlei). Gostei também do Katsouranis
(embora este tenha estado muito, muito mal no penálti que marcou) e do Aimar, este último porque parece ser dos poucos capazes de receber a bola e pensar minimamente o jogo, tentando jogar com a equipa. No pólo oposto ficou o Suazo, que pareceu um corpo estranho à equipa durante grande parte do jogo, muitas vezes quase alheado do que se passava à sua volta. Teve um par de arrancadas que só foram travadas em falta, resultando em cartões para os adversários que o fizeram, mas ficou-se por aí o arzinho da sua graça que deixou no jogo.

Não gosto de ser hipócrita. Sou benfiquista e não portista, e como tal não considero que seja particularmente agradável ganhar troféus beneficiando de erros dos árbitros. Por isso, quando o jogo terminou, não festejei de forma esfuziante. Mas depois, na viagem de regresso a casa, vim a ouvir na rádio as declarações da lagartagem, e ainda de adeptos seus que telefonavam para um fórum, e apercebi-me que nem que fosse em tronco nu para o Marquês festejar a plenos pulmões a nossa vitória me aproximaria minimamente dos campeões nacionais da hipocrisia que são os nossos adversários desta noite. Gente que fica calada que nem ratazanas enquanto outros clubes são beneficiados (já para não falar deles próprios), quando eles próprios são gamados indecentemente contra esses mesmos clubes ou por eles enganados, quando dirigentes ainda desses mesmos clubes são formalmente acusados de trafulhice e se sentam no banco dos réus. A isso tudo, a resposta é um silêncio cobarde. Gente que se ri alarvemente quando nós somos roubados, ou quando falamos no Apito Dourado. No entanto, assim que o Benfica entra na equação, e do lado dos benefícios, o caso muda logo de figura. Aparecem as indignações, as exigências de pedidos de desculpas, falam até mesmo em 'sistema' (coisa que, noutras ocasiões, já não passa de uma invenção qualquer do Benfica), e soltam baba e lágrimas de crocodilo. Lembrei-me de todas as ocasiões em que já fomos roubados esta época (ocasiões essas que foram encaradas com a maior bonomia e até mesmo celebradas por eles), e o meu sentimento de culpa foi-se desvanecendo.

Vencemos esta taça beneficiando de um erro grosseiro do Lucílio Baptista. É um facto inegável, e nem sequer vou adoptar a postura da viscondagem, que quando isto acontece a seu favor começa a procurar outros supostos lances no jogo que, numa lógica distorcida, equilibram os pratos da balança. Mas vencêmo-la, e vou festejar essa vitória, enquanto me comprazo com o espumar e espernear dos hipócritas. Agrada-me o incómodo que a nossa alegria lhes causa. Lucílio Baptista continua a ser um árbitro com um historial de erros grosseiros e actuações prejudiciais ao Benfica que supera em larguíssima escala o que ele fez esta noite, e não é por causa deste penálti que vou mudar a opinião que tenho sobre ele, ou passar a ficar satisfeito se ele for nomeado para um jogo nosso. Teve uma decisão errada, como dezenas de decisões erradas são tomadas todas as semanas nos campos deste país, infelizmente esta época com prejuízo para nós em diversas ocasiões.

Se a lagartagem está convencida que ele hoje fez de propósito para nos dar a Taça da Liga, então tem bom remédio: expulsem-no de sócio.

44 Comments:

At 3/22/2009 11:44 da manhã, Blogger joemorales said...

Concordo com o que dizes, foi um jogo mais emotivo que um grande jogo. Muitos passes falhados, de parte a parte, um jogo demasiado partido desde o início e com demasiada agressividade. Se é verdade que o Reyes na entrada que teve ao Rochebitoque deveria ter ido tomar banho mais cedo, também o Mortinho por ir embora, o Merlei e o próprio Rochebitoque deveriam ter sido expulsos. Foi um jogo fraco, com muitos erros do L. Baptista. Quando vi a constituição da equipa pensei que desta vez é que íamos fazer um bom jogo mas cedo se viu que era mais do mesmo. Uma equipa aos repelões, sem imaginação e a viver de lances individuais. Vamos ver se esta vitória trará moral aos jogadores e adeptos do nosso Benfica. Assim espero.

Por esses blogues todos este era um troféu que não valia nada, mesmo sendo oficial, hoje já todos choram que foram roubados. Realmente não percebo essas osgas...

 
At 3/22/2009 12:07 da tarde, Blogger Passaralho said...

Assim não gosto de ganhar.
Não tenho pena nenhuma desses calimeros, submissos dos corruptos, e que por muito que chorem, não apagam o muito que o Benfica tem sofrido com as arbitragens. Mas não gosto e não gostei.

O mais importante a retirar deste jogo, na minha opinião, é:
- O Benfica não joga merda nenhuma de jeito.
- O zbordem também não.
- O Lixúlio não é nem nunca foi árbitro nenhum de jeito.
- O Benfica vai (continuar a) ser fodido até ao fim do campeonato, como foi o ano passado, e não vai sequer ao segundo lugar.
- Podem entregar as faixas aos corruptos. Pelo que disse acima, e porque o P Bento já só pede, e vai ter, apoio para o segundo lugar, desistiu do campeonato (esteve alguma vez interessado?)
- A direcção dozbordem é uma merda gigantesca. Colam-se ao polvo e só roncam quando o hipotético beneficiado é o Benfica. Os cabrões dos andrades andam ao colo o ano todo, mas eles preferem esperar por um momento destes para falar dos árbitros, e em uníssono.

Estou farto, farto, farto deste futebolzinho feito de mentiras, de equipas que não jogam ponta de um corno (todas, TODAS), de árbitros (?) incompetentes e ladrões e corruptos, de dirigente sem nível nenhum, de MERDA.

Ou isto leva uma volta muito grande, enorme mesmo, ou acaba não tarda muito.

Cumprimentos,
Benfica Sempre!

 
At 3/22/2009 12:27 da tarde, Blogger Rod The Leven de Portugal said...

D'Arcy,

Ontem ao serão estava para fazer uns apontamentos durante o jogo, só para os debitar às meretrizes do Lumiar.

Casos mais graves da arbitragem?

Não terá sido para compensar?

É que aos 20 minutos, as faltas do bardamerderlei já tinham dado para ser expulso duas vezes. Entradas por trás, fora de tempo, agressões depois da bola transpor a linha lateral... tudo saneado pelos meninos da SIC, com "entradas durinhas" ou "no limite da lei"

Já para não falar do rocherebola que mais parecia um lavrador. Cada entrada a pés juntos que até levantavam relva, quando não acertava na bota ou canela de alguém vestido de vermelho.

Desculpem, mas já estou cansado da choradeira das meretrizes do Lumiar. Do fóculaborto até se fazem porta-vozes do bresidente que está proibido de verberrar... e trocam jogadores...

é o sistema, não liguem.

atenção, porque nos próximos dois jogos não conseguir ganhar porque vamos ser ROUBADOS até mais não poderem ou conseguirem.

é para isto que este jogo serviu

profecia é verdade... vão ver

 
At 3/22/2009 1:28 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Troca-se uma Taça Carlsberg e respectivos emolumentos por 6 pontos dos jogos no Dragoum-ue e em casa contra o Nacional.
Esta choradeira tem só um objectivo, assegurar o 2º lugar e o acesso à CL, daqui para a frente vai ser um "fartar vilanagem" a começar já no Leixões.
Infelizmente o Costa saiu-me um conas que não sabe comportar-se neste tipo de ambiente, é um estrangeirado com a mania do fair-play.
A SIC é de vomitos, o Derlei um idiota e o Lucilio um grande bardamerdas.

Se não ganharmos mais nada por muito tempo, proponho mudar o Estadio da Luz para o Algarve, tem um optimo Feng Shui e uma cultura de lazer mais apropriada ao desporto.

 
At 3/22/2009 2:22 da tarde, Anonymous Anónimo said...

a taça é nosa a tça e nossa ole ole ole ole se foi roubada ainda melhor lmfao

 
At 3/22/2009 2:49 da tarde, Anonymous Hattori Hanzo said...

Concordo contigo D'arcy sobre o jogo, e também não gostar de ganhar assim... mas o que é certo é que só quem é intelectualmente desonesto pode falar no árbitro, e só referir esse lance como exemplo de foram proopositadamente prejudicados: não me lixem ... sem contar com esse erro quem foi durante todo o jogo empurrado para trás? Quantas vezes o derlei e o rochenback íam para a rua?(conseguiram não levar sequer um amarelo em todo o jogo) Podem falar que o Reyes e o M. Vitor iriam também para a rua ... sim, se não referirmos que era por respostas a esses dois que já não deveriam estar em campo. O lance do pénaltie nunca deveria ter ocorrido é verdade ... até porque nessa altura o Pedro Silva também já deveria estar na rua (cerca de 5 minutos antes D. Luiz sofre uma falta dele numa jogada perigosa que nem sequer é marcada). Eu por mim entregava-lhes a taça (não a queria para nada) se nos devolvessem os pontos dos jogos onde fomos claramente prejudicados (e não foram tão poucos como isso, só na Luz então). E entretanto ninguém fala numa coisa curiosa os dois centrais titulares do Estrela (que por acaso são emprestados pelo porto) não jogam hoje. É que "se lesionaram". Curiosamente a outra lesão do Nuno André Coelho tinha sido também no jogo para o campeonato com o CRAC. Nestas situações não é preciso haver transparências, é tudo normal.

 
At 3/22/2009 7:40 da tarde, Blogger Shangri-la said...

continuo sem perceber porque é que jogou o Suazo e não o Cardozo, ainda vamos perder um bom jogador...

 
At 3/23/2009 9:57 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Atenção! Eu sou sportinguista e sempre disse que isto era uma taça da treta. E mesmo que o Sporting a ganhasse seria uma Taça da treta.

Agora que o Benfica a venceu (e ainda por cima da forma como a venceu) passa a ser ainda mais da treta :):)

Agora falando a sério, o Benfica jogou muito mal. O Sporting tambem joga mal (o 12-1 com o Bayern não aconteceu por acaso) mas jogou melhor que voces. Uma equipa que se limita a criar perigo em livres para área não merece muito credito.

PS. Compreendo a vossa irritação com o (Van)Derlei. Aquele gajo só sabe dar porrada. Não havia uma disputa de bola em que ele não tivesse uma atitude maldosa. Além de por em perigo colegas de profissão (mesmo sendo jogadores do Benfica :):) ) pode prejudicar seriamente a equipa. É indesculpavel.

PPS. A prova de que a Taça da Liga é uma taça da treta é que eu cheguei a por a hipotese de a ir ver ao vivo. Como o D'Arcy, que me conhece há muitos anos, sabe eu só vejo jogos da treta ao vivo (lembro-me por exemplo, da gloriosa final do Torneio Superbola há muitos anos em Alvalade :):):) ). Não cheguei a faze-lo mas se o tivesse feito não teir aficado desiludido. É que o sporting nunca tem bons resultados quando eu o vejo ao vivo. Quer dizer quando eu vejpo pela TV também não tem mas pronto :):):)

 
At 3/23/2009 10:05 da manhã, Blogger Harry Lime said...

A SIC é de vomitos, o Derlei um idiota e o Lucilio um grande bardamerdas.

Indio Ruço,

Nem mais! Nas repetições na SIC não se consegui ver metade da jogada porque o ecran estava ocupado com uma coisa parecida com uma imperial (depois descobri que era a Taça, que tem forma de imperial).

Depois havia alturas em que o realizador parecia bebado. Quer dizer, eu não exijo que um realizador de futebol da bola seja um Orson Welles ou um John Ford... Mas o minimo que se exije é que esteja sobrio quando faz o seu trabalho :):))

Por fim, é exasperante a cena da publicidade: tivemos de esperar (e especialmente, as pessoas no estadio) que a publicidade acabasse para que começassem os penaltis e depois o mesmo para a entrega da Taça (não que tenha muita importancia mas...)

Rui Silva

 
At 3/23/2009 10:16 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Estou farto, farto, farto deste futebolzinho feito de mentiras, de equipas que não jogam ponta de um corno (todas, TODAS), de árbitros (?) incompetentes e ladrões e corruptos, de dirigente sem nível nenhum, de MERDA.

Concordo... ontem à tarde vi o Liverpool contra o Aston Villa e o Inter-Reggiana e a diferença entre aqueles futebois e o nosso é abismal.

Podem existir diferenças de estilo, o estilo ingles mais atletico e ousado, o italiano mais conservador e contido mas ambos são interpretados de forma correcta.

No sabado à noite, houve altura do jogo pateticas: nenhuma equipa conseguia fazer 2 passes seguidos de jeito (e estamos a falar de passes simples: de 4 ou 5 metros), os jogadores parecia que tinham pés de manteiga, muita pancada, muita maldade.

 
At 3/23/2009 12:35 da tarde, Blogger joemorales said...

Harry Lime, é isso. Em 2 equipas que lutam pelos títulos nacionais, como é possível haver tantos passes falhados? Houve lances de ataque que a bola era metida pelos adversários, e isso aconteceu sistematicamente às 2 equipas. Claro que a mim só me interessa o que se passou no Benfica e nesse capítulo a equipa não acertava mais que 3 passes seguidos. Um meio campo muito desconcentrado a dar origem a erros sucessivos e os gajos da SIC a dizerem que a defesa estava nervosa. Nervosos estavam todos, a julgar pelo arrial de pancadaria que foi o jogo. Claro que estavam nervosos, sempre que a bola chegava ao meio campo já sabiam que a bola se iria perder nos 3 passes seguintes...

 
At 3/23/2009 3:02 da tarde, Blogger João said...

peço desculpa.. mas tenho q partilhar com voces um forum q eu desobri :x eu custumo vir muito a este blog..

- resultados dos jogos super actualizados..
- ligas estrangeiras e muito mais..

http://futebol.kazulo.com

 
At 3/23/2009 6:51 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

A Taça da Liga é mais evento um publicitario do que outra coisa, nada a opor, mas pelo menos não dêem só anuncios, dêem tambem um "coche" de futebol , nem que seja mal jogado como foi o caso.O people agradece.

Mas eu não paro de me surpreender com as reacções ao jogo, tá tudo doido, acho até que a equipe tecnica e futebolistas andam a receber umas liçoes agit prop, e não me admirava nada que o grande lider espiritual (alem dos naturais spirits) do escocês Franco seja afinal não o Mestre Pinto, mas o Jeronimo ou o Louçã.
O ódio é tão grande que perdem toda a compostura e equilibrio, mas não perdem a sagacidade, já que o discurso do 2º lugar já estava mais que decorado, caso perdessem.
Hoje é o follow up, entram em cena os "jornalistas" sportinguistas a explorar o filão e aumentar a parada.Isto tem que durar o suficiente até haver certeza de retribuição nos futuros jogos.Porque o proprio PBento disse que o que lhes interessa é o 2º lugar, qual campionato qual quê.


Confesso que cheguei a ter um pouco de comiseração pelo Lucilio, afinal bastou um erro num decimo de segundo para que anos e anos de bom trabalho, fidelidade canina e dedicação à causa sportinguista fosse posta em causa, seguiu-se a humilhação publica e mais se verá.

Sinais dos tempos. Existe um ambiente de dissolução total que as coisas mais imbecis e mediocres arranjam sempre respaldo na perspectiva que tudo é admissivel desde que minimamente justificavel.E quem tem que se justificar não é quem pratica as imbecilidades e os desaforos é quem os sofre.
Estou a ficar velho.

 
At 3/23/2009 8:02 da tarde, Blogger Passaralho said...

Isto bateu no fundo.

E não é por causa do Lixúlio que foi incompetente toda a vida.
É por causa deles todos.

E é por causa dos dirigentes que se servem do futebol e não o contrário.

Não dou credibilidade nenhuma a pc e não preciso de explicar porquê.

Não dou credibilidade nenhuma aos do zborden, por vários motivos:
-andam enrolados com o pc, indesmentível. Só isso já chegava.
-quando o hipotético beneficiado é o SLB, fazem um alarido sem precedentes, um escândalo, uma choradeira pegada que mete nojo. Quando é o clube corrupto, ninguém diz nada, já não há problema de um concorrente directo ser beneficiado....

Não dou credibilidade ao sr orelhas pq não a merece:
-quem luta tanto pela transparência, tem que anunciar antes de ir para a uefa com processos que não quer lugar nenhum na CL.
-não pode lançar suspeitas infundadas sobre doping por causa das prima donas que tem no plantel não correrem um cu.
-não pode aceitar uma taça ganha assim sem no mínimo se apresentar solidário com o zborden. Pessoalmente, até a rejeitaria mesmo e dispunha-me a novo jogo.

À mulher de César não basta sê-lo...

Cumprimentos,
Benfica Sempre!

 
At 3/23/2009 8:24 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Coloquei aqui um post sobre a suposta filiação clubística do Lucílio Baptista que não aparece. Por alguma razão?

 
At 3/24/2009 9:34 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Provavelmente foi apagado por engano.

A filiação clubística do Lucílio é irrelevante. O que conta é o que ele mostra dentro do campo, lugar onde tem, ao longo dos anos, mostrado uma parcialidade notória pelos do Lumiar, e uma equivalente aversão ao Benfica.

Mas de qualquer forma eu conheço pessoas que trabalham com ele, e que me asseguram que é lagarto.

 
At 3/24/2009 10:46 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Afinal existe um video que mostra uma falta do jogador do sporting sobre o Pereira no inico da jogada do golo...aposto que este video será convenientemente omitido pelos mesmos que ontem andaram a promover a "indignação", já que vem estragar o guião da co-produção Carnaxide/Lumiar, "Rumo à Europa -A Mala de Cartão II".
Por outro lado a Benfica TV bem podia dar mais publicidade ao video, mas tambem duvido.

 
At 3/24/2009 11:20 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Bem, a gente amanhã pode mencionar isso no programa, e até tentar passar essas imagens.

Se eu tivesse tempo esta noite, e encontrasse as imagens que desejo (em particular, as daquela final da Taça que ganhámos ao Mourinho), até fazia um medley do Lucílio com o Benfica, para que alguns vissem o quão ridículo é estarem a querer pintá-lo como um árbitro que nos é favorável.

 
At 3/24/2009 11:41 da manhã, Blogger Harry Lime said...

D'Arcy,

Não tenho qualquer duvida que a jogada do golo tenha sido precedida de falta. É que houve tanta porrada (e tanta porrada não assinalada!) que não deve ter havido nenhuma jogada que não tenha sido precedida de falta. :):):)

De qualquer forma, mesmo que as imagens existam, o mais provavel é estarem escondidas por detrás da imperial que aparecia na pantalha durante as repetições.

Imagina estares a ver um jogo no estádio e estar sentado à tua frente um gajo vestido com um fato de imperial com 2,5m de altura. É mais ou menos isso. Foi mais ou menos isso que os espectadres viram na TV :):):)

 
At 3/24/2009 1:00 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Acho que era optimo fazeres isso!!
Tens é que ser muito bom na montagem, senão não sobra tempo para o debate;)

Receio que com as ameaças que está a receber mais a completa campanha de desinformação, o Lucílio fique confuso e ainda apareça de mala na mão a pedir asilo no Jardim do Regedor.:))

 
At 3/24/2009 2:40 da tarde, Blogger LF said...

O Darcy,

Mas diz lá que as meninas da Carlsberg a apanhar as bolas não tinham a sua graciosidade...

 
At 3/24/2009 2:43 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Já vi algumas imagens da transmissão. É um grafismo ridículo, na verdade, que oculta para aí 30% da imagem. E eu que pensava que as transmissões de futebol na TVI eram péssimas, e que seria impossível fazer pior.

Para o medley do Lucílio, bastam-me as imagens da tal final da Taça, da expulsão do Rocha nas Antas, e do nosso jogo no Bessa o ano passado, ao qual se poderiam seguir as imagens do penálti que ele assinalou em Alvalade logo no jogo seguinte, a favor do Sportém, e que lhes permitiu dar a volta ao jogo com o Marítimo. As imagens do jogo do título que tornou o Sabry célebre também seriam interessantes, mas só o best of do Lucílio nesse jogo ocupava o programa todo :)

 
At 3/24/2009 4:06 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Acho melhor ficares pelo passado recente, o homem tem família.

Parece-me um bom story board, acho é que deves dar enfâse aos penalties, quantos mais e variados melhor. São o prato do dia.

Se quiseres adiantar algum trabalho para as próximas semanas, prepara já outro com o Duarte Gomes.Tambem não deves ter grande dificuldade, a começar no jogo de consagração do Bueno..eheheh

Talvez mais para a frente possas finalmente relaxar e fazer um com as Cheerleaders;)

 
At 3/24/2009 5:21 da tarde, Anonymous Anónimo said...

"Se a lagartagem está convencida que ele hoje fez de propósito para nos dar a Taça da Liga, então tem bom remédio: expulsem-no de sócio."

"Mas de qualquer forma eu conheço pessoas que trabalham com ele, e que me asseguram que é lagarto."

Ah, sendo assim, se conheces pessoas que trabalham com ele e te ASSEGURAM que é lagarto, ok, entende-se tanta certeza da tua parte quando afirmas que ele é sócio do Sporting. Eu digo-te que estás redondamente enganado quanto à filiação clubística do Lucílio Baptista. E não sou sportinguista. Sou do Setúbal.

E quanto à filiação clubística do árbitro assistente que confirmou a grande penalidade, o Pais António? Não conheces ninguém que trabalhe com ele?

 
At 3/24/2009 6:06 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Um adepto do Setúbal a falar sobre o Benfica merece-me tanta credibilidade quanto um adepto do fóculporto. Ou seja, menos que zero. Ou não fosse o Setúbal mais um daqueles clubes que tem preferido abdicar da sua identidade própria, para ser mais um canito de colo do fóculporto. Depois uns Leandros Limas e uns Brunos Qualquer-Coisa virão em retribuição.

E não sou só eu quem diz que o Lucílio é lagarto. É algo que já toda a gente afirma há bastante tempo. E as suas actuações em campo ao longo dos anos nada mais fazem do que demonstrá-lo.

 
At 3/25/2009 8:09 da manhã, Anonymous Índio Ruço said...

Este anonimo devia era preocupar-se com a filiação clubistica do presidente(?) do Setubal, clube que admirei quando era jovem pelos muitos bons jogadores e grande futebol que praticava.Hoje é um clube vergonha que apesar de ter riscas verticais no equipamento é um exemplo da submissão a Norte, com os custos inerentes.

O Porto vai-se safar do castigo que não lhe permitia entrar nas provas da UEFA. Institucionaliza-se e legaliza-se assim a nivel europeu a corrupção no futebol.Desde que não seja muito recente (acho que no ano anterior à candidatura) é possivel corromper competições que a UEFA não se chateia muito.Cruzando isto com a habitual ineficacia e lentidão portuguesa no combate à corrupção principalmente quando esta envolve senhoritos, pergunto, de que é que estão à espera? Força!!

O papel que a FPF teve no branquear da corrupção, atraves do sr. João Leal, foi assim bem sucedido. O Benfica não pode ficar calado, e deve apontar o sr. Madail como uma das faces da mafia que controla o futebol.
Se por norma não apoio a selecção por passividade, sábado não a apoiarei activamente, que ganhe a Suécia.

Isto só muda quando os benfiquistas que são a maioria das pessoas fizerem alguma coisa atraves do boicote sistematico a certo tipo de iniciativas e poderes. Podem bem ter a certeza que se o Porto tivesse a implantação que nos temos o seu "Reich" duraria mil anos.
O Benfica não tem influencia em lado nenhum, por culpa própria e principalmenrte por passividade.

 
At 3/25/2009 10:40 da manhã, Anonymous Hattori Hanzo said...

Caro Anónimo, sendo do setubal de facto muda tudo. Até parece que neste momento o setubal não se transformou (infelizmente) numa sucursal do Porto. Nem sequer é só por parte da direcção é que eu estive por acaso no estádio nacional há 3 anos a ver a final entre o Porto e Setúbal e vi coisas engraçadas como "Slb, Slb, filhos da p..., SLB" cantada pelos dois lados. Não é de facto por este lance que eu duvide que o Lucilio é lagarto(até porque eu também tenho contactos de setubal que sempre me disseram isso). Sobre a questão do Pais António, não o conhecia,muito provavelmente até é benfiquista. Agora claramente está é queimado e não vai estar em mais nenhum jogo importante com a ajuda da capa do Jogo de ontem. É engraçado é que os jornais só descobrem os árbitros (neste caso auxiliar) que são simpatizantes do Benfica... os outros todo não devem ter clube. Figuras como Fortunato Azevedo, Martins dos Santos ou este próprio Lucilio os jornais nunca se preocuparam em tentar descobrir os seus clubes. Tal como estranhamente só com o Benfica é que eles admitem que erraram infelizmente beneficiando-o. Quando fomos prejudicados (e foi em bastantes jogos já este ano) o melhor que tivemos foi o Pedro Henriques(este também não é lagarto pois não, vai-se a saber até é benfiquista, não?) a pôr os pés pelas mãos e quase a criar uma nova regra no futebol(se bem que o próprio futebol português tenha vária regras originais em relação ao resto do mundo). Mudando de assunto concordo com o Passaralho: esta Taça não me diz nada, se ela vale assim tanto para os lagartos que se repita inclusivamente o jogo para ver se eles se calam. E defendo já há alguns anos que o nosso futebol só teria uma solução e ganharia alguma credibilidade quando se fizesse o que se fez há cerca de 20 anos(talvez há um bocado de mais tempo até) em Espanha: todos os clubes profissionais fossem obrigados a ter novas direcções sem elementos actuais. Eu sei que isto é utópico no nosso país, mas sinto que poderia ser a única forma para isto mudar.

 
At 3/25/2009 11:21 da manhã, Anonymous Anónimo said...

O lixilio é lagarto sim sr.º. Trabalha no BES na Rua Castilho com dois amigos meus que me afirmam esta veracidade.

 
At 3/25/2009 9:06 da tarde, Anonymous Anónimo said...

O Pedro H. simpatiza com o Sporting. Outro: o Xistra é sportinguista. O Lucílio não, lamento.

 
At 3/26/2009 3:27 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Pois, o Lucílio deve ser do Vitórria de Setúbal. Tal como o Coroado é do Belenenses, e há por aí uma série de árbitros que são do Académico do Porto, do Salgueiros, ou do Ramaldense.

 
At 3/26/2009 12:00 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Desculpem-me lá ser um bocado desmancha-prazeres mas... não há nenhum arbitro adepto do Benfica?

É que fico um bocado espantado que, num clube com 14 milhoes de adeptos (residentes em Portugal são 6 milhoes, numa população de 10...) não exista um que queira ser arbitro.

Para mim seria o mesmo que dizerem-me que não há nenhum engenheiro benfiquista (eu conheço vários :):) ).

Eu volto à minha tese: o problema dos arbitros hoje em dia* é incompetencia pura e dura. Foi isso que a aconteceu com o Lucilio no sabado. Ele é tão incompetente que até o foi contra a sua equipa do coração!

*Digo hoje em dia, não porque o caracter dos aritros tenha melhorado, mas porque a exposição destes é, actualmente, tão grande que ninguem se arrisca a dar um passo em falso

 
At 3/26/2009 1:48 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Ninguém disse que não havia árbitros benfiquistas. Há árbitros benfiquistas na primeira categoria, sendo o mais célebre deles o Pedro Proença. Para além dele, outros que se diz serem benfiquistas são o João Ferreira e o Elmano Santos. Estes dois últimos, para mim, são bastante fracos, e o primeiro, apesar de ser melhor, consegue sempre fazer porcaria nos jogos do Benfica, talvez por ter ânsia em mostrar que o benfiquismo dele não influi nas decisões que toma - o último exemplo foi o penálti que marcou contra nós no Dragão.

 
At 3/26/2009 5:42 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

O facto de eles se dizerem benfiquistas ou sportinguistas ou portistas é irrelevante, o que conta é o que eles fazem dentro do campo.
Entre o benfiquista Proença e o Lucilio, venha o diabo e escolha.

Quero ver as nomeações para os próximos jogos em Guimarães e em Matosinhos,porque grande parte da culpa do que aconteceu pertenceu ao sr.Pereira, ele sabe bem que o árbitro não tinha capacidade para aquilo, que esta condicionado, o Sporting (que o conhece bem) aproveitou e começou a jogar "quentinho", e aos 15 minutos já não tinha controle sobre o jogo.
A maior parte dos árbitros estão marcados e sabe-se bem para que lado é que sopra o vento.
Todos os clubes o sabem.
O que me mete impressão é que o futebol tal como é sentido e jogado não aparece nos media.
O futebol que aparece nos media é uma ficção, uma má ficção.

 
At 3/26/2009 5:53 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Já que ganhamos a taça Carlsberg aproveito o espirito nordico e vou torcer pela Suécia.


Viva a Greta Garbo!
Viva a Ingrid Bergman
Viva a Anita Ekberg!
Viva a (hum)Ann-Margret!
Viva a Liv Ulman!
Viva a Brit Eklund!
Vivam as suecas no geral!
Viva a Volvo!
Viva a Saab!
Viva a Ikea!

Quem tem isto tudo será que dá alguma importância a ganhar ou perder um jogo de futebol?

 
At 3/27/2009 12:57 da manhã, Blogger Avô Maltine said...

Clip from The Damned United - Brian Clough's first day as Leeds Manager

http://www.youtube.com/watch?v=dYBj_qAJtRA


Trailer for the upcoming film 'The Damned United'. From the best-selling and critically acclaimed novel by David Peace

http://www.youtube.com/watch?v=LYzsswqPk6s

 
At 3/27/2009 10:40 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Não sei porquê, mas imagino que um gajo como o Clough, caso chegasse hoje ao fóculporto (não que isso alguma vez pudesse acontecer, porque o Clough nunca aceitaria treinar um clube com um presidente como o PC, que mete o bedelho em tudo o que diz respeito ao futebol), faria um discurso daqueles aos jogadores. E, tal como lhe aconteceu no Leeds, seria despedido pouco depois.

 
At 3/27/2009 11:01 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Estes dois últimos, para mim, são bastante fracos, e o primeiro, apesar de ser melhor, consegue sempre fazer porcaria nos jogos do Benfica, talvez por ter ânsia em mostrar que o benfiquismo dele não influi nas decisões que toma - o último exemplo foi o penálti que marcou contra nós no Dragão.

D'Arcy,

Mas olha que se calhar foi isso que aconteceu com o Lucilio na Taça da Liga. Quis mostrar a sua imparcialidade e fez porcaria. Porque imparcialidade e incompetencia são coisas diferentes. :):):)

Rui Silva

 
At 3/27/2009 11:05 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Não acredito que o Damned United estreie em Portugal.

A malta tem uma desconfiança, justificada na minha opinião, em relação a filmes de bola.

A bola é uma cena televisiva :):)

 
At 3/27/2009 11:13 da manhã, Blogger Harry Lime said...

Indio Ruço,

Estou contigo. Até porque sinto uma certa nostalgia dos Mundiais da minha infancia.

Naquele tempo uma pessoa via tranquilamente o Mundial pelo gozo de ver futebol e não por qualquer histeria patriotica.

Para nosso bem, espero que os suecos nos mandem para casa.

 
At 3/27/2009 12:20 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Era de um tipo assim que o Benfica precisava, um autentico bravo...salvo as devidas distâncias, o mais próximo deste tipo de liderança que temos é o Humberto, mas não como treinador,claro.
Eu se fosse jogador (sou um Indio é quase a mesma coisa, coño...)um discurso destes antes do jogo e ninguem me parava...agora virem-me cá falar de diagonais e transições e coberturas interiores, e o carulho...nãa isso para mim é trigonometria barata.

É bem verdade Harry, por motivos diferentes o que se passou em Portugal aquando do Europeu (e não só) pareceu-me o que aconteceu no Mundial da Argentina.
Uma manifestação politica para consumo interno que se serviu do futebol.O efeito foi que ninguem ficou a gostar ou perceber mais de futebol mas sim a desfraldar o patriotismo lamechas.
Com a nossa tendência para a hiperidentidade este culto em volta da selecção torna-se sufocante e nada sadio.

Se o filme passar cá (espero que sim) estou curioso para ouvir o que os "experts" têm a dizer.E não faltará quem faça essa associação D'Arcy, ou pelo contrario, todos a evitarão tão cuidadosamente que toda a gente dará por ela.

 
At 3/27/2009 12:32 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Isto de me mandarem para o YouTube ver vídeos relacionados com o Brian Clough é um perigo. Já passei uma data de tempo a ver alguns vídeos novos sobre ele que lá meteram.

O homem era GRANDE. Foi único na história do futebol, e duvido que alguma vez apareça outro igual. Mesmo o Mourinho parece uma imitação barata ao pé dele.

Não sei se o filme passará cá. Mas assim que o DVD estiver disponível, será encomendado (tal como este já está pre-ordered).

 
At 3/27/2009 4:17 da tarde, Anonymous Índio Ruço said...

Que o Grande Manitu saiba acolher na sua infinita bondade e gratidao o grande guardião da tribo roja, Alfredo Farinha.
Que lhe reserve um lugar nos eternos terrenos de caça com vista para a Luz.

 
At 3/27/2009 4:35 da tarde, Blogger D'Arcy said...

O Alfredo Farinha faleceu?

Triste notícia. Muito triste. Era um dos últimos da grande geração de jornalistas desportivos portugueses e d'A Bola (a verdadeira, não o sucedâneo que temos hoje em dia).

 
At 3/27/2009 7:43 da tarde, OpenID avomaltine said...

De facto, o Mourinho conhece de certeza bem a lenda de Clough, como prova esta alegada palestra, depois de uma derrota do Inter:

"You won a Scudetto in the court, the second because there was no competition and the third was won at the last minute. You are all a pile of s**t," Mourinho is quoted as saying by La Repubblica.

http://www.independent.co.uk/sport/football/european/mourinho-inter-youre-a-pile-of-merda-1510329.html


É só comparar:

Clip from The Damned United - Brian Clough's first day as Leeds Manager

http://www.youtube.com/watch?v=dYBj_qAJtRA

 

Enviar um comentário

<< Home