domingo, agosto 15, 2010

Falta

Faltou algo. Não foi vontade da parte dos jogadores, não foi querer, não foi apoio dos benfiquistas (que, em número superior a 48.000, compareceram na Luz e não regatearam apoio à equipa), mas a verdade é que algo faltou para que vencêssemos este jogo. Sorte, talento ou inspiração, o que quer que fosse em falta, o que conta é que começámos a defesa do título da pior forma possível.

A primeira parte foi, literalmente, dada de avanço ao adversário. E para piorar, este avanço incluiu a oferta de um golo, após uma falha incrível de marcação por parte dos centrais num livre quase sobre a linha de meio campo, que permitiu que um adversário surgisse livre de marcação a cabecear para o golo. A segunda parte, recorrendo ao 4-3-3 com a entrada do Jara para o lugar do Peixoto, autor de uma exibição indescritivelmente pobre no primeiro tempo, correu um pouco melhor, beneficiando nós também da expulsão de um adversário. Chegámos ao empate quando ainda faltava meia hora para jogar (Jara, a cruzamento do Coentrão na esquerda), e tendo em conta o massacre a que assistíamos não seria difícil acreditar que o segundo golo chegaria. Mas este massacre, salvo alguns apontamentos de classe aqui e ali, foi quase sempre muito mais feito com o coração do que com a cabeça, e esta noite não vimos o Benfica construir jogadas de ataque com o volume e qualidade a que estamos habituados. No período de descontos, quando já muitos se conformavam com o empate, há um lance na área da Académica que, sinceramente, no estádio me pareceu de mão na bola. A equipa não recuperou defensivamente e no contra-ataque, aproveitando o adiantamento do Roberto, a Académica fez um golo incrível que lhe deu a vitória, que acaba por ser um castigo demasiado pesado para o Benfica e um prémio para o antijogo que o nosso adversário, sempre com o beneplácito da arbitragem, usou e abusou na Luz.

Seria quase escusado dizer que o pior jogador do Benfica foi o Peixoto, bem substituído ao intervalo. Mas de resto, quase toda a equipa esteve apagada, podendo-se destacar o Cardozo e o Sídnei como dois dos piores. O Maxi pareceu estar sem ritmo. Pela positiva, escolheria o Coentrão.

É imperioso sairmos rapidamente deste mau momento. Eu mantenho a minha convicção de que o pior que nos aconteceu nesta pré-época foi a lesão do Gaitán. Pode não ser o Di María, mas sem ele não temos absolutamente ninguém para aquela posição no meio campo.

7 Comments:

At 8/16/2010 12:10 da manhã, Anonymous 1benfiquista na Inbicta said...

A atitude na 2ª parte deixa me esperançado.

Mas falta qualidade e sobram pernetas…Peixoto não é deste Benfica, Sidnei n é melhor do que Miguel Vitor e Aimar, Cardozo e Saviola n aparecem…

Estamos nas mãos de Jesus e da sua capacidade de fazer equipas e por a equipa a trabalhar.

Mas até JJ está estranhamente apático…

O resto é o de sempre…primeira jornada, falta muito campeonato, jogámos bem…é um discurso à Sporting…

LAMENTO, Não Gosto!!!!!

 
At 8/16/2010 12:15 da manhã, Anonymous Filipe said...

Acho importante que o Benfica adquira no mercado um extremo, de preferência para o lado direito, visto que na esquerda o Coentrão vai dando conta do recado. Isto se quiserem jogar com a mesma táctica do ano passado. Senão mais vale apostar no plano B que a imprensa fala, com o Jara ou Gaitan e sem extremos.

O ano passado o Benfica com o Di Maria tinha mais um homem para desiquilibrar na frente. Penso que seja preciso arranjar um outro com essas características para a direita. Não me parece que Gaitan seja esse tipo de jogador.

 
At 8/16/2010 2:19 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Assistiram ao encontro 48905 espectadores. Menos 5198 (-9,6%) em relação ao primeiro jogo da anterior época também de má memória (Marítimo).

Agora somos Campeões mas na abertura do Campeonato temos menos 10% de espectadores, o que é elucidativo da expectativa em relação à actual equipa.

E alguns milhares a menos irão estar no próximo jogo em casa, pois não vão perdoar o que se passou nesta 1ª jornada.


Esta equipa não tem o mesmo fulgor da época passada (nem vai ter), pois como tenho dito grande parte do sucesso residia na manutenção do Ramires.

O próprio Jorge Jesus não está com a mesma abordagem do ano passado,... falta-lhe acutilância, actividade, instinto.
Mas hoje faltou também inteligência e lucidez, pois colocar o Peixoto a médio direito é casmurrice.
O resultado foi uma 1ª parte oferecida ao adversário e paralelamente queimou o jogador que dificilmente vai ter condições de jogar na luz nos próximos tempos.

O GR da Académica não fez uma defesa na 1ª parte e voltámos sofrer um golo de um livre do meio campo.

O que se passou esta noite na Luz não é aceitável por parte de uma equipa que tem tido um apoio incondicional dos adeptos e os assobios que se ouviram são prova disso. Há quanto tempo não se ouviam assobios ?

 
At 8/16/2010 2:29 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Os jogadores:

Roberto - estava adiantado. Voltou a sofrer um golo que não deveria ter sofrido

Maxi - Longe do que estamos habituados. MAs este tem desculpa, pois começou a treinar "ontem"

Sidney - péssimo jogo. Voltou a fazer o que já nos habituou,... a marcar os adversários com os olhos. É ele o responsável pelo 1º golo sofrido. E já na pré época fez o mesmo.

Davis Luís - Abusou das fintas.

Peixoto - O pior, mas a médio esquerdo !!! Está na mesma linha do Balboa, do Luís Filipe, etc,... mas como foi o JJ que o trouxe.

Ruben - Mau e ainda por cima armando "em bom". Agora só tem disponibilidade de trabalhar um terço do que normalmente o víamos fazer

Javi - Pelo menos trabalha. Bastava todos trabalharem o mesmo e não perdíamos um jogo

Coentrão - O melhor jogador deste encontro. O único que consegue criar desiquilibrios

Aimar. Em fase descendente da carreira. Dificilmente fará melhor nos próximos jogos. Pouco mais fexz que o Peixoto, só que tem outro "status"

Saviola . Sempre escondido

Cardozo - Jogou ?



O Campeonato acabou em Maio. Estamos em Agosto e para além de já termos perdido uma Taça paar o Porto, estamos também, já, a 3 pontos do 1º classificado.

Foi um péssimo trabalho de preparação da época, quer da Administração, quer da equipa técnica.

Estamos sem jogadores e sem equipa para abordar as competições da mesma forma da época anterior

 
At 8/16/2010 9:30 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Revolta.

É o sentimento que persiste após assistirmos a este defeso.

Construímos uma equipa vencedora e dominadora em campo após longos anos de espera.

Após esse meritório trabalho, assistimos, imediatamente após à ÚNICA conquista, ao delepidar do que foi construído.

A manutenção dos jogadores cruciais desta equipa traria, concerteza, mais alguns anos de dominio do futebol nacional.

Vendemos dois importantes (cruciais) jogadores abaixo das cláusulas de rescisão. MENTIROSOS.

A consequência è termos que jogar com Rubens Amorins e Césares Peixotos a extremos.

Isto é delepidar o trabalho realizado e incompetência é não ter preparado alternativas decentes.

Apregoa-se aos mil ventos que se está construir uma equipa paar várias épocas.
Pois bastou um ÚNICO campeonato para e vender jogadores abaixo do seu valor e pior, não ter preparado alternativas e para os mesmos.

 
At 8/16/2010 7:45 da tarde, Blogger joão said...

Primeiro falta de motivação e preparação do encontro o ano passado depois de um desaire a equipa tinha sempre uma resposta concludente desta vez não se viu essa determinação.
Segundo problema falta de atitude porque é verdade que falta um extremo, direito ou esquerdo, e um médio, também ou esquerdo ou direito, mas a verdade é que a equipa nem sempre pode contar com o Di Maria e com o Ramirez e mesmo assim ganhou os jogos.
Terceiro problema a teimosia do treinador que não tendo jogadores para a táctica do ano passado continuar a insistir nela quando tem uma táctica alternativa.
Quarto problema a equipa não marca em dois jogos marcou um golo e para mais sofre quatro golos em dois jogos.

Anonymous das 2:29
Roberto, e no primeiro embora a culpa do Sidnei ele ou sai ao cruzamento para o interceptar ou fica na baliza, aquilo que ele fez que foi ficar a meio caminho é que não é nada.
Ruben, não esteve bem mas pelo menos teve atitude.
Aimar, é verdade que na primeira parte teve pouco em jogo e na segunda as coisas não lhe tenham saído bem fez algumas jogadas boas coisa que não podes dizer do Peixoto que não teve uma única que se aproveite.
Saviola, esteve escondido estranhamente na segunda com a entrada do Jara para mim foi um dos mais lutadores na primeira o resto da equipa é que não o ajudou.

Anonymous das 9:30 já se sabia que o Benfica não conseguia manter o Di Maria e que dificilmente conseguia manter o David Luiz ou o Ramirez, o problema esta mais nas vedas a baixo daquilo que se esperava e na não substituição atempada sobretudo do Di Maria porque a do Ramirez ainda podem alegar que foi á pouco tempo.

 
At 8/17/2010 8:13 da tarde, Blogger Harry Lime said...

Pois... afinal de contas no ano passado o Benfica nao tinha uma equiap: tinha 2 jogadores (e os outros 9 passavam o tempo a olhar).

Saidos o Di Maria e o Ramires, o Glorioso SLB voltou a' tristeza que sempre foi. Esperemos pela performance na liga dos campeoes...

 

Enviar um comentário

<< Home