segunda-feira, dezembro 03, 2007

Apocalipse

Não li jornais, não ouvi rádio, não vi noticiários na televisão, não visitei sites que falam sobre futebol (à excepção dos meus blogs). Foi assim o meu day after após a derrota de Sábado à noite. Quando o Benfica perde é normalmente assim; não quero ouvir sequer falar de futebol. Como tal, por exemplo, nem sequer vi ainda um resumo do nosso jogo (por isso é que no meu post digo que o passe errado que deu origem ao golo foi do Petit, quando afinal parece que foi do Rodríguez), só esta manhã é que descobri que os piqueniqueiros do Lumiar empataram em casa com o último e um ou outro lenço branco foi acenado no estádio, e também só hoje reparei que a performance da minha equipa na Fantasy League da Premiership foi horrenda esta semana.

Mas este comportamento também tem as suas vantagens. Nomeadamente, impede-me de ter contacto com o Dia do Juízo Final do Benfica. É que o Benfica nunca perde simplesmente um jogo. Quando a derrota acontece, é como se as trombetas do Juízo Final ecoassem. Como eu me desliguei da realidade, fiquei sem saber que afinal o plantel do Benfica é fraco e mal construído, que os nossos jogadores são todos coxos, que o Camacho é mau treinador, que o Luís Filipe Vieira é mau presidente, e mais mil e uma desgraças ou erros de palmatória que são evidentes para toda a gente com dois dedos de testa (mas curiosamente só se repara neles após um mau resultado do Benfica). Se das hienas do costume consigo compreender este tipo de comportamento e críticas, já que é para isto que vivem e, sinceramente, já deviam andar esfaimadas há algum tempo, custa-me sempre mais assistir a este tipo de comportamento apocalíptico em nós próprios, adeptos do Benfica. Acho que é importante termos espírito crítico, e dizermos quando algo está mal. Se nós jogamos mal, há que admiti-lo. Se um jogador nosso não dá uma para a caixa, o mais normal é criticá-lo por isso. Mas as extrapolações e exageros daí resultantes já são mais difíceis de digerir.

O Benfica no Sábado passado fez um mau jogo. Foi isso que eu basicamente quis dizer no meu post. E fez um mau jogo tendo em conta sobretudo a questão da atitude em campo, ainda para mais quando comparamos isto com o que tínhamos visto nos últimos jogos. Mas mesmo fazendo este mau jogo, o que jogámos poderia ter sido suficiente para termos vencido. Não, não acho que o Porto tenha feito uma exibição de encher o olho, ou sequer dominado o encontro. Tiveram mais oportunidades de golo do que nós? Bastava que uma das nossas oportunidades tivesse entrado (como entrou uma do Porto) e se calhar a história hoje seria completamente diferente. Eu alinho pela velha máxima de que o Benfica nunca perde, o que se passa é que às vezes o Benfica não ganha - e foi por isto que me irritei, porque fiquei com a sensação de que foi o Benfica quem não ganhou o jogo, e não o Porto quem o ganhou. Daí o motivo para a minha irritação: saber que somos capazes de mais, muito mais do que aquilo que mostrámos. Apesar de ter criticado a nossa equipa como critiquei no post sobre o jogo, nem por um único segundo duvido, ou alguma vez duvidarei que o Benfica é muito melhor do que aquilo que vi no Sábado, é melhor do que o Porto, e que tem valor mais do que suficiente no seu plantel para vencer qualquer Porto que nos apareça à frente. E por isso não consigo alinhar na chuva de críticas descabidas que aparecem da noite para o dia logo a seguir a uma derrota. Um pai pode ralhar a um filho que tem uma má nota num teste, e mandá-lo estudar mais para o próximo. O que não faz de certeza é desistir dele e pô-lo fora de casa.

Tenho a certeza que as hienas, sempre insaciáveis, já aguçam os dentes à espera do jogo de amanhã na Ucrânia. Seria bom que nós, benfiquistas, não nos juntássemos a elas, até porque o riso das hienas é uma coisa muito feia (a única coisa louvável das hienas é não suportarem leões). Por mim, estou à espera que a má noite de Sábado seja rapidamente esquecida, e que consigamos trazer da Ucrânia a continuidade na UEFA. Mas se por acaso o Benfica se lembrar de não ganhar outra vez, no próximo fim-de-semana lá estarei mais uma vez na Luz. E sem lenço branco.

17 Comments:

At 12/03/2007 4:14 da tarde, Blogger Harry Lime said...

D`Arcy,

Voces não jogaram assim tão mal na segunada parte. em relação à primeira parte, concordo contigo. Levaram um banho de bola (que culminou com o golo do Gipsy King Quaresma).

Aliás, o vosso jogo comparado com o do Sporting foi óptimo. Voces perderam o jogo em casa mas foi contra o lider do campeonato. Nós empatamos em casa contra o Leiria com um golo anulado, um penalti falhado e um peru monstruoso do nosso GR.

O que dizer? Éa vida :)))

PS. Vai ver o Eastern Promises do Mestre Cronenberg com o Viggo Mortensen e a bela Naomi Watts. O filme tem tudo incluindo um gajo a ser degoladado à saida dum Arsenal-Chelsea. Não te vais arrepender. :)))

PPS. O degolado é adepto do Arsenal.

 
At 12/03/2007 6:32 da tarde, Anonymous koelhone said...

Catástrofe.... é como dizia um certo brasileiro:

Futebol não é questão de vida ou de morte, é muito mais importante que isso!

Eu levo cada vez mais estas coisas na desportiva. Gosto de bom futebol, de futebol emotivo (às vezes não andam de mãos dadas) e gosto que o Porto vença. Por essa ordem.

Se o Porto vencer num jogo emotivo e ainda por cima a jogar bom futebol, então é um jackpot e ganhei o dia.

Se não acontecer nada disso, azar, para a semana há mais.

 
At 12/03/2007 6:38 da tarde, Anonymous koelhone said...

Ah, e espero que o Benfica passe à taça Uefa.
Já vamos ter poucas oportunidades extra para ver o Rui Costa a jogar, não dava jeito nenhum não o vermos mais em competições europeias.

Aliás, o Rui Costa já anunciou que ia pendurar as chuteiras no fim da época? Eu depreendi isso das declarações dele no fim do jogo, mas não me lembro de o ouvir dizer isso...

 
At 12/03/2007 9:29 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Ele disse que havia 99% de probabilidade de isso acontecer, mas ainda não confirmou mesmo que abandonava. Acho que depende de como ele se sentir, de como estiver a jogar, e de como estiver o clime à volta dele. Até Sábado ele estava numa forma estupenda, sendo o jogador mais importante do Benfica. Depois de Sábado já há muitos que resolveram que afinal ele está velho.

Harry: Cronenberg + Naomi = must see :)

 
At 12/03/2007 11:10 da tarde, Blogger O INFERNO DA LUZ said...

João Pinto, que viveu tantos e tão gratificantes momentos de elevação, civismo e boa educação, no célebre “túnel das Antas”, sentiu-se indignado com as palavras de Nuno Gomes. Fica o aviso e o alerta: cuidado com as palavras que se usam próximo dos delicados ouvidos de João Pinto.

 
At 12/04/2007 12:03 da manhã, Anonymous koelhone said...

Inferno,
o João Pinto é um senhor!
;)
Não é à toa que os amigos o tratam por "O broas".

Ele disse aquilo do mesmo modo que eu e tu mandamos umas bocas a uns amigos de quem gostamos e que torcem por outras cores...

"O Nuno Gomes devia falar menos e jogar mais".
Excelente!
:) :)

 
At 12/04/2007 4:19 da manhã, Anonymous tutano azul e branco said...

D'Arcy, olha que o plantel do Benfica é mesmo fraco e mal construído (os adeptos e o treinador do SLB são os 1ºs a reconhecê-lo), os vossos jogadores são mesmo coxos, o Camacho é mesmo mau treinador (alguém o quer em Espanha?), e o Luís Filipe Vieira é mesmo mau presidente (os títulos que (não) tem ganho, em todas as modalidades, fazem dele 1 dos piores presidentes de sempre do Benfica). Não é ilusão tua. É mesmo verdade.
O Nuno Gomes, como não justifica em campo o que ganha, tem depois de fazer estas rábulas para conquistar os adeptos do SLB e fazê-los esquecer a nulidade de jogador que é. Rábulas como a do gesto em que mimou alguém a injectar-se no braço e esta, são dignas de rufiões sem préstimo, que tentam assim ganhar prestígio, junto das massas populares sempre mais ou menos boçais.

 
At 12/04/2007 10:00 da manhã, Blogger D'Arcy said...

Até era capaz de dar algum crédito a essas palavras, não fosse o pequeno detalhe de virem de um adepto de um clube que tem o Prof.Pardal como treinador, um criminoso como presidente, jogadores portentosamente coxos como Stepanovs, Farias, Postigas, Bolattis ou Fuciles, e um plantel tão rico e bem construído que bastou o Lucho falhar um par de jogos que desataram logo a perder pontos. Então se faltar o Quaresma (pouco provável, já que tem carta branca para dar cotoveladas e sarrafadas nos adversários) de certeza que o riquíssimo plantel de Contumil tem mil e uma opções à disposição do Prof.Pardal.

 
At 12/04/2007 10:40 da manhã, Anonymous Starblade said...

Claro que quando o Benfica perde é o Apocalipse. Afinal os verdadeiros benfiquistas não estão acostumados a perder. Os outro, os vermelhos por fora mas azuis por dentro como o LFV e o resto da corja que ele trouxe, é que ficam todos contentinhos com 3ºs lugares e épocas inteiras sem ganhar nada. Pior do que isso aceitam passivamente o estado das coisas e toda a corja andrade dentro do Benfica.

Como foi dito por um sócio:
"quando meteram o golo do Porto, alguém da Bancada Presidencial gritou - levanta-te e festeja Viera, estás à vontade! - e muitos se riram!... "

 
At 12/04/2007 11:04 da manhã, Anonymous Indio Nelson said...

D'Arcy para mim o direito à critica é fundamental e não muda consoante os treinadores dirigentes ou posição classificativa. Aliás no ano passado por esta altura o "ambiente" era capaz de ser o mesmo, não sei se havia hienas ou se eram as mesmas, mas um clube como o Benfica terá sempre pasto para todos os animais.Grave será a falta de discussão e a eliminação artificial do "conflito".

Eu acredito sempre, porque horas antes dum jogo nem penso noutro resultado, esqueço treinador e dirigentes, facções, pontos de vista, eu só penso metaforicamente em 11 bravos guerreiros que lutam pela vitória. Hoje como noutro dia qualquer não será diferente, nunca o foi.

Curiosamente foi após lenços brancos que conquistamos o nosso último campeonato, não os desejo (acho terrivel a par dos assobios aos jogadores...)mas tambem não os temo.


Tutano a julgar pela imprensa o nosso treinador dá-te razão. Não te basta?
"Porque no te callas, coño.?"

 
At 12/04/2007 12:05 da tarde, Blogger ratogoleador said...

Obrigado D'Arcy por mais um belo post.

Completamente de acordo.

 
At 12/04/2007 12:41 da tarde, Blogger Pedro said...

""quando meteram o golo do Porto, alguém da Bancada Presidencial gritou - levanta-te e festeja Viera, estás à vontade! - e muitos se riram!..."

Pagava para ver a cara de LFV nessa altura.
:)

Volto à mesma questão do ano passado e de sempre. Devemos apoiar sempre a equipa e os jogadores. Nunca assobiar.

Mas não podemos enfiar a cabeça na areia. Se há erros temos q os apontar e exigir correcção. É isso q se pede. Manter erros claros (como a manutenção do Santos o ano passado) é o pior q pode acontecer.

Volto a repetir o q disse na época passada: Estabilidade é importante mas uma estabilidade MÁ é do mais errado q pode acontecer à equipa.

É hora de LFV admitir q não sabe mais q isto. É hora de, se quiser manter-se no SLB, de dar o futebol a quem sabe. Ele q fique pelas finanças e pela venda de kitts. Q defenda o clube, q venha a publico defender o clube.

A Camacho quero lhe dar a oportunidade de ter uma época preparada e trabalhada por ele. Por isso, apesar dos erros evidentes q comete, dou-lhe tolerância. Pq a equipa mostra uma gritante melhoria de empenho, de garra, de vontade q antes não tinha.

Mas não me peçam para enfiar a cabeça na areia. Isso não farei.

 
At 12/04/2007 5:27 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Eu sempre fui de apoiar a equipa mas hoje perdi o respeito pelo Camacho, e não tem nada que ver com o jogo.

Morro em pleno corruptistão e não tinha nada que levar com declarações do Camacho a dizer que o Benfica tem que ser grande como o fequepe. Que vá para o raio que o parta. Levar com bocas pela derrota ainda vá que não vá, mas os andrades a mostrarem-me a porcaria da primeira página do jogo não.

Perdi todo o respeito que tinha pelo homem.

 
At 12/04/2007 6:32 da tarde, Blogger D'Arcy said...

JFilipe, não te deixes levar pelo jornaleiros... não foi isso que o Camacho disse. O que ele disse é que tínhamos que fazer como eles, e a seguir a uma derrota marcante reagir com uma vitória importante. O Nojo é que pegou nisso e fez capa com a história do 'grandes como o Porto'. Em nenhuma altura da conferência ele disse que queria um Benfica à Porto.

 
At 12/04/2007 7:46 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Não me interessa, não tem nada que dar o exemplo do Porto para coisa nenhuma. O homem é esperto demais para não saber que os jornais vão aproveitar tudo o que ele diz.

É treinador do Benfica e pronto não lhe desejo mal nenhum, mas se as coisas lhe correrem mal esta época que vá para o raio que o parta.

 
At 12/04/2007 10:06 da tarde, Anonymous t said...

Ganhamos na Ucrania, 2 -1 sempre com o controlo do jogo. mainada. parece que já prolifera um surto de azia por aí!

Viva o Benfica!

 
At 12/04/2007 11:11 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Pois viva o Cardozo. Mas graças ao imbecil do Camacho tenho estado a receber graçolas dos andrades sobre só termos ganho por jogarmos à Porto.

Ganhámos porque jogámos à Benfica.

 

Enviar um comentário

<< Home