sexta-feira, setembro 10, 2010

Roubados

Lamento, mas se querem ler sobre futebol jogado terão que ir a outro lado. Não tenho capacidade nem distanciamento suficiente para conseguir escrever sobre futebol jogado neste momento. Fomos roubados, roubados, roubados, roubados até não ser mais possível. Quem quiser dizer que são desculpas está à vontade, e que se divirta a culpar o Vieira, o Jesus, o Rui Costa, o Roberto, o Di María ou Ramires pela derrota.

O que se passou esta noite em Guimarães, às mãos e apito de um palhaço que já é infelizmente nosso conhecido, foi um ROUBO. Com todas as letras. Há muito, muito tempo que não me sentia tão revoltado a ver um jogo do meu clube. Não escrevo sobre futebol jogado porque não quero, e mesmo que quisesse não estou em condições de o fazer. Que me desculpem, mas não estou mesmo em condições de o fazer.
Não me lembro de quem jogou, não me lembro da táctica, não me lembro se alguém jogu bem ou jogou mal, só me lembro de um palhaço a fazer TUDO o que podia para nos deitar abaixo. Foram penáltis claríssimos não assinalados, foras-de-jogo cirúrgicos apitados e, a exemplo do que se tem passado em todas as jornadas, amarelos em barda para os nossos jogadores. O Apito Dourado foi fechado sem consequências, o sentimento de impunidade é total, e os vigaristas até se podem dar ao luxo de serem homenageados publicamente por uma associação pejada de outros vigaristas e proxenetas, que uns dias depois retribuem a honraria sem qualquer vergonha na cara.

11 Comments:

At 9/10/2010 11:52 da tarde, Blogger Nuno said...

Isto so' la' vai 'a base de porrada. Uma boa sova das antigas de cada vez que nos faltarem ao respeito, como hoje, e um por um perceberao que nao se brinca com a verdade.

 
At 9/11/2010 1:19 da manhã, Blogger sloml said...

A maior roubalheira a que assisti nos últimos anos. Não há sequer palavras para a descrever. Mas lembrem-se quem apoiou este presidente da Liga de clubes. Exactamente, foi o nosso presidente. A culpa é toda dele.

 
At 9/11/2010 10:46 da tarde, Anonymous JFilipe said...

Vamos apesar de tudo manter a calma, já se sabia que tínhamos um campeonato complicado nas primeiras 7 jornadas:

Nacional, Vitória e Marítimo fora. Estas são equipas sempre difíceis no seu terreno, sobretudo quando os árbitros complicam.

Sporting e Braga em casa.

A mim perder com o Vitória só me deixa irritado por ter sido a roubalheira que foi e vir no seguimento de outras roubalheiras. É sempre uma equipa complicada.

 
At 9/12/2010 6:32 da tarde, Blogger joão said...

Fomos roubados em força por um mais um azias ou latas da nossa praça (e atenção já existiram jogos onde fomos mais roubados do que neste) como já tínhamos sido o ano passado em casa contra o nacional (para quem já não se lembra um golo anulado limpinho, um penaltie não assinalado, um golo do adversário em claríssimo fora de jogo, mais amarelos sem pés nem cabeça) curiosamente ou não o treinador era o mesmo deste jogo.
O erro foi acordarmos tarde para todos aqueles que até aqui desvalorizaram os erros dos árbitros não só da época passada como no início da época com o argumento de que o ano passado a qualidade da equipa tinha colmatado os erros dos árbitros.
Já aquilo que se tinha passado nas três primeiras jornadas tinha sido suficiente para uma grande campanha contra os árbitros, por muito menos noutros anos fizeram campanhas vergonhosas com sondagens para fazer passar a mensagem de que estávamos a ser levados ao colo.
Isto só acaba quando se fizer a folha a um destes gajos, como fizeram ao Santos Ruivo que depois entrou logo nos eixos.

A verdade é que demos o flanco, os nossos dois maiores adversários de sempre no início desta época estavam completamente borrados e bastou não os termos aniquilado para terem uma desculpa para roubarem á vontade mas não se percebe como é que uma equipa que é campeã com o mesmo treinador apenas com cinco mexidas no plantel com qualidade e varias opções (vide comparação com o ano a seguir a sermos campeões com o Trapatoni, mudamos de treinador, mudamos metade do plantel e a qualidade das opções não eram as mesmas, ainda assim sendo um inicio mau não foi tão mau como este) tem este inicio tão mau, começamos pessimamente demos o flanco de uma maneira que não se percebe e caíram-nos em cima completamente, coisa que nós não sabemos fazer.
E o pior é que continuamos a sofrer golos de forma estúpida mais dois golo de contra ataque já é o quinto este ano, no ano passado tirando o jogo de Liverpool onde sobremos três golos desta forma não devemos ter sofrido mais do que um ou dois no resto dos jogos, mais continuamos com um problema com o guarda redes que não dá confiança à equipa, aqueles dois lances pelo ar em que ele andou aos papeis são bom exemplo, nem pontos, no segundo golo a bola passa no seu raio de acção.

 
At 9/13/2010 12:30 da manhã, Anonymous Anónimo said...

É verdade,... em quatro flagrantes ocasiões, o arbitro da partida eliminou quatro potenciais golos do Benfica.
Naturalmente que não foi "obra" do acaso.
É evidente que aqui existe premeditação.

Mas e antes de isso acontecer e que observámos ?
Observámos uma equipa do Benfica sem qualquer melhorias desde o início da época.
Mesmo após 2 semanas sem competição, onde houve tempo para preparar tudo o que apetecesse, bastaram apenas 17 minutinhos para sofrerem um golo.
Lembro que até aí e até o arbitro começar a fazer o trabalho que alguém lhe tinha encomendado , o Benfica nada fez de diferente do que tem feito desde a final da Supertaça.

Já aqui tinha referido mais que uma vez que o sucesso do Benfica estava dependente da não venda do Ramires.
Este aspecto, correlacionado com a péssima preparação da época, já inquinou o campeonato.

Mas nas outras competições não vai ser diferente. Com este conjunto de jogadores não teremos sucesso.
Tenho-o afirmado aqui, antes de começar a época oficial e, infelizmente, parece que vou tendo razão.

 
At 9/14/2010 8:52 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Calma. Realmente estou de acordo em relação a este jogo. Foi uma arbitragem má e com uma arbitragem diferente a vitória podia ter sorrido. Mas isso não desculpa os outros jogos e a más exibições.

É incrivel a tomada de posição do clube em relação as arbitragens. Anteontem ouvi o LFV a dizer que tinham sido roubados no jogo da Académica ?! Só se for roubados de juízo. É atirar areia para os olhos dos sócios. Vamos ver o que ele diz se o Benfica não ganhar ao Hapoel...

Toni Dentes Pinto

 
At 9/14/2010 11:31 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Sim, de facto 3 (três) lances de penálti não assinalados pelo careca de Braga contra a Académica não é ser roubado. É ser levado ao colo. Onde é que já se viu protestar por isso?

 
At 9/15/2010 6:31 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Se houve 3 penaltis roubados num jogo de um adversário também a expulsão do jogador da Academica na Luz foi errada. E no entanto a Académica está no segundo lugar. E não se queixa dos arbitros...

Em casa onde não há pão todos ralham e ninguém tem razão.

Toni Mendes Pinto

 
At 9/16/2010 12:09 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Só mesmo um lagarto é que pode dizer que a expulsão do jogador da Académica foi errada.

Aliás, é um característica comum a todos os lagartos: sempre que o assunto é o Benfica, tornam-se profundamente desonestos em tudo o que dizem. Seria melhor que deixassem de falar sobre um clube que não é o deles, mas isso é pedir demasiado, porque o Benfica é a razão de vida de qualquer lagarto.

 
At 9/16/2010 4:15 da tarde, Anonymous Leite said...

Consegues dizer os 3 lances de penalty no jogo da académica?

Até fico a pensar que o Benfica está a jogar o mesmo que jogava a época passada, em que estava sempre a pressionar a equipa adversária e perto/dentro da área da mesma..

 
At 9/16/2010 4:25 da tarde, Blogger D'Arcy said...

Javi García na primeira parte, Saviola na segunda, e mão na bola de um defesa da Académica (em lance praticamente igual ao que deu o penálti para o Porto contra a Naval, na mesma jornada) no início da jogada que acabou por resultar no segundo golo da Académica.

O Benfica não está claramente a jogar o mesmo que a época passada. Se estivesse, conseguia ganhar o jogo mesmo contra os roubos. Que foi precisamente o que aconteceu diversas vezes a época passada. O que eu não percebo é a razão pela qual as pessoas acham que só o Benfica é que tem a obrigação de jogar mais do que os adversários, e de jogar mais ainda para conseguir compensar os erros grosseiros dos árbitros. Com arbitragens como as do Benfica x Académica, ou o Guimarães x Benfica, o porto seguramente não teria ganho à Naval ou ao Rio Ave, nem o sportém, por exemplo teria ganho à Naval também (golo em fora-de-jogo e penálti inventado a favor). Mas isso já não convém lembrar, pois não? O que interessa é dizer que o Benfica não está a jogar o mesmo que a época passada, e por isso é que não ganha.

 

Enviar um comentário

<< Home